de volta à Toca 3 - Dedé
Centenário Clube Competição Cruzeiro Esporte Estádio Futebol História Num Dia Como Hoje Profissional

Num dia como hoje – De volta à Toca 3

De volta à Toca 3

Jogamos contra times mineiros no “novo” Mineirão, mas esta partida era contra um time de fora de Minas Gerais, depois de quase três anos e pela Copa do Brasil. De fato, esse confronto ficou marcado como uma importante volta à Toca 3, de onde nunca deveríamos nos afastar.

Se bem que, cada partida tem um gosto ou uma lembrança especial para cada um dos torcedores que costumam ir ao estádio frequentemente. Certamente, aqueles que estão poucas vezes nas arquibancadas lembram-se de todos os jogos.

O Resende e a Copa do Brasil

Nessa data ( 22 de maio ), no ano de 2013, o Cruzeiro estava de volta à Toca 3 e o adversário foi o Resende(RJ). Desse modo, o retorno para a segunda fase da Copa do Brasil era um dos desejos de todo torcedor cruzeirense.
Algumas competições são emblemáticas, pois a torcida acostumou-se com times de fora e jogos eliminatórios. Como se não bastasse, em jogo válido pela Copa do Brasil, no Mineirão, não presenciávamos uma partida desde abril de 2007.
Portanto, a  expectativa era enorme, muito além do normal e poucos dos mais de 12 mil pagantes entenderam a importância da volta à Toca 3.

O Jogo

Se bem que, falar de um jogo mais recente pode parecer enfadonho e, com toda certeza, é. O jogo foi relativamente fácil, o que refletiu no placar. Os pouco mais de 12 mil pagantes que acompanharam a goleada ainda estavam se acostumando ao novo estádio.
Aos 6 minutos Dagoberto, cobrando falta, abriu o placar e aos 36 minutos Borges marcou o segundo gol e assim terminou o primeiro tempo.
No tempo final, mais dois gols. Aos 3 minutos Borges aumentou para 3×0 e Lucca aos 43 minutos completou a goleada.
O nosso time dirigido por Marcelo Oliveira jogou com Fábio, Ceará, Dedé, Bruno Rodrigo e Egídio; Leandro Guerreiro, Nilton e Everton Ribeiro; Dagoberto, Borges e Diego Souza.
Entraram no segundo tempo Lucas Silva, Élber e Lucca nos lugares de Nilton, Everton Ribeiro e Dagoberto respectivamente.
Os melhores momentos desse jogo podem ser vistos no YouTube.

Curiosidades

O grande time estava se formando, naquela edição da Copa do Brasil chegaríamos à final, o que explicou a expectativa de retorno ao nosso estádio. Um time que viria a ser campeão novamente, começava a ser forjado.
Aquela partida marcou a estreia do zagueiro Dedé, que chegou cercado de muita expectativa e fez sua primeira aparição na Toca 3. De acordo com o ” Mito ” : ” … Jogar a camisa pra torcida é o mínimo que eu poderia fazer. Eles ajudaram muito na negociação, estão me dando apoio nas redes sociais …”.
Outro estreante era o atacante Lucca, revelação do campeonato catarinense contratado ao Criciúma(SC).
O restante da temporada mostrou que o Cruzeiro estava no caminho certo na volta à Toca 3, uma vez que havia começado com o pé direito.

Imagem: Reprodução Pinterest

Fontes de Pesquisa: Almanaque do Cruzeiro, Cruzeiropedia.Org

Autoria

Marcus Trópia

Nota do editor

Este texto, bem como outros da trilha ” Num dia como hoje “, podem ser acessados clicando no link.

Deixe uma resposta