PHDCast com Raposão PHD
Clube Competição Cruzeiro Esporte Futebol Geral - PHD Opinião PHDcast Profissional Resenha

Resenha com Raposão PHD e convidado – Pós-Jogo Guarani-SP – 9nov20 – PHD

Este espaço é destinado a opiniões, notícias e entrevistas com cruzeirenses de todos os matizes, gêneros, idades e concepções sobre o Cruzeiro Esporte Clube e suas atividades centenárias.

PHDCast

PHDcast é um canal de comunicação que consiste numa gravação de áudio em que os cruzeirenses expressam suas opiniões ou apresentam fatos sobre o Cruzeiro.

Os cruzeirenses podem ouvir cada episódio em seu telefone, tablet, computador e em qualquer lugar que estejam, como num rádio (ainda não temos uma rádio com frequência FM ou AM, mas está nos planos).

Resenha Pós-Jogo

A cada encerramento de uma partida, o Raposão PHD recebe um ou mais convidados para participarem de uma Resenha “Papo-Reto”.

O Raposão PHD fez uma análise da partida, junto aos seus convidados e, ao final, teceram comentários gerais, sobre “o melhor”, “o pior”, “o herói”, “o vilão”.

Nesse episódio o pós-jogo é sobre o empate contra o Guarani-SP, jogando na Toca 3.

O Raposão PHD e seus convidados, falaram da escalação, substituições e situações de jogo, reclamaram da arbitragem. O empate em 3 a 3 foi visto como dos males o menor.

O time cometeu erros que não podia ter e conseguiu recuperar da desvantagem no placar por três vezes. Scolari deve ter dito que foi a pior apresentação desde que chegou.

E você, o que tem a dizer e qual sua expectativa após ter visto o jogo e ouvir as opiniões dos PHD em @Cruzeiro sobre este empate ?

Imagem: Agência Minas Esportes

Resenha com Raposão PHD e convidados

Cruzeiro 3 x 3 Guarani-SP – 21a Rodada Br´20 (09-11-2020)

P. S. Se não conseguir ouvir o PHDCast inteiro, clique nos três pontinhos (…) e ouça diretamente no Spotify.

Para comentar, envie e-mail para

raposao@paginasheroicasdigitais.com.br

e faremos seu cadastro.

PHDcast (Anteriores)

PHDcast – Todas as Edições

 

Admin_PHD
Raposão PHD Páginas Heroicas Digitais
https://paginasheroicasdigitais.com.br

4 Replies to “Resenha com Raposão PHD e convidado – Pós-Jogo Guarani-SP – 9nov20 – PHD

  1. O Raposão está cheio de trololó e de cornetagem. Para mim este raposão hoje foi Fake. Vejamos: “este Brey acertou um cruzamento em 8 milhões”. Que má vontade! Há 2 partidas acertou outro cruzamento em gol. Em partida anterior puxou um contra-ataque pela direita e serviu ao Airton. Temos que ter coerência mínima para falar do nosso Cruzeiro. Não temos outro para a lateral esquerda até a volta do Matheus (este acima da média nacional). O verdadeiro raposão deste post foi o Bittar. Este sim viu realmente a partida: matou a charada que o Patrick não é lateral e sim um ala (talvez por isto time alemão se interessou; se fosse lateral não se interessaria); viu que o motivo da vulnerabilidade (3 gols sofridos) foi a ausência do volante cabeça de área e que o Ramon rende mais na zaga do que como volante (pode até jogar em uma emergência). O Rangel fez seus 2 gols porque havia uma avenida na entrada da área. Aí foi um dos erros do Felipão em não corrigir. Tive até saudades de um jogador machucado que não pode ser dito o nome porque o raposão detesta, tem prejulgamento. Outro erro do Felipão foi na escalação: jogar com o Sassá tem sido jogar com um jogador a menos (não tem condições técnicas mínimas para jogar pelo Cruzeiro) – o Thiago não fica atrás (desde Adilson Batista tem tido oportunidades e sem retorno técnico mínimo ao time), além da falta de um porteiro (digo volante de área). Deveria ter iniciado com o Wellington. O melhor? Manoel. Também destaco o Pottker, escandalosamente expulso, e o Wellington (o herói do jogo). Parabéns Bittar pelas análises.

  2. Torcedor do Cruzeiro defendendo sua opinião : Sassá não marca gol mas é lutador ( devia tá no ufc ), Patrick Brey não é lateral, é meia atacante, tira o Regis e coloca ele. O cara tentou 7 dribles acertou 3, e os 4 q ele perdeu foram bem perigosos.

  3. ]Melhor: Manoel porque foi um leão em campo; menção honrosa para o Airton.
    Pior: Sassá, sem comentário.
    Herói: Wellington, gol de empate, no final, Cruzeiro com um a menos.
    Vilão: Patrick Brey.
    Podemos cornetar cada um dos jogadores do sistema defensivo, incluindo Ramon e Jádson, excluindo Manoel e Fábio. Sistema defensivo muito mal, poderia até ter sido o vilão como um todo, SE Patrick Brey não tivesse deixado o atacante cabecear sozinho no segundo gol do Guarani.

    Cruzeiro não tem 1º volante, Ramon é um quebra galho, pois é zagueiro, que melhorou o sistema defensivo do Cruzeiro. Exceto neste jogo.

    Tiago sabe jogar bola, é um centro avante alto, sabe cabecear, chuta bem a gol, sabe fazer o pivô, tem bom domínio, sabe dar sequência nas jogadas. Não reparei se tem rapidez, nem velocidade( tem perna comprida). Cuidado com as cornetas, ele tem 19 anos.

Deixe uma resposta