Centenário - Abelardo - Flecha Azul - Arquivo Cruzeiro Site Oficial
Atleta Centenário Clube Cruzeiro Esporte Futebol Notícia Profissional

Centenário: Abelardo, um legítimo “Flecha Azul” que marcou nossa história – Hoje em Dia

Faltam 80 dias: Abelardo, o Flecha Azul, marcou história nos anos 1940 e 1950

 

Abelardo, o Flecha Azul, foi uma marca cruzeirense no final dos anos 1940. Pena ter surgido num momento tão complicado da história do clube, pois em 1946, quando começou a defender o time principal do Cruzeiro, era iniciado um grande jejum de títulos, quebrado apenas em 1959.

E isso aconteceu com Abelardo de volta ao Cruzeiro, pela terceira e última vez, depois de passagens por Palmeiras (1949 a 1950), Santos (1950 a 1951) e América (1954 a 1955).

Abelardo foi comparado na sua época com o grande goleador botafoguense Heleno de Freitas, não só pelas atuações dentro de campo, mas também pelas atitudes fora das quatro linhas.

Não era jogador de aceitar desaforo de dirigente ou treinador. E nem sempre teve boa relação com a imprensa.

Outra diferença é que ele estudava, o que era raro para jogadores de futebol naquela época. Além disso, vinha de uma família com bom poder aquisitivo.

A FICHA DO CRAQUE

NOME: Abelardo Dutra Meirelles
NASCIMENTO: 10 de novembro de 1926
LOCAL: Cristiano Otoni (MG)
MORTE: 8 de dezembro de 2016
LOCAL: Belo Horizonte (MG)
ESTREIA NO CRUZEIRO: 24 de abril de 1946 – Cruzeiro 3 x 0 Metalusina – Amistoso – Barro Preto
PERÍODO NO CRUZEIRO: 1946 a 1949, 1951 a 1953, 1956 e 1959
GOLS: 82
JOGOS: 147
TÍTULOS: Campeonato Mineiro (1956 e 1959)
OUTROS CLUBES: Palmeiras, Santos, América, Sete de Setembro e Renascença

Imagem: Arquivo Cruzeiro Site Oficial

 

Para comentar, envie e-mail para

raposao@paginasheroicasdigitais.com.br

e faremos seu cadastro.

 

Admin_PHD
Raposão PHD Páginas Heroicas Digitais
https://paginasheroicasdigitais.com.br

Deixe uma resposta