Ariel Cabral - Bruno Haddad - CEC/DIV
Atleta Clube Cruzeiro Esporte Futebol Notícia Profissional

Ariel Cabral chega a 188 partidas com a camisa do Cruzeiro – GEsporte

Ariel Cabral iguala Arrascaeta e se torna o estrangeiro com mais jogos pelo Cruzeiro
No último fim de semana, argentino chegou a 188 partidas com a camisa estrelada

 

Ariel Cabral se tornou o estrangeiro com mais jogos pelo Cruzeiro. O argentino, que entrou no segundo tempo contra o Cuiabá, no último sábado, chegou a 188 partidas com a camisa celeste, igualando a marca do uruguaio Arrascaeta, que hoje está no Flamengo.

Peça importante do Cruzeiro entre 2015 e 2016, Ariel Cabral vive momento de instabilidade no clube, sendo, inclusive, muito criticado por parte da torcida. Reserva, ele atuou por 30 minutos no final de semana, ao entrar na vaga de Henrique, que sentiu dor na perna direita. Em entrevista ao canal oficial do Cruzeiro, o argentino comemorou a marca.

– Fico contente. É uma meta muito importante, fazer tantos jogos assim com uma camisa grande do futebol. Mas eu, sinceramente, não estava pensando muito nessas coisas. Procuro sempre pensar no jogo e no objetivo que a gente tem. Cada partida, passo a passo, para ganhar, e procuro sempre fazer o meu melhor. Porém, querendo ou não, é muito tempo (jogando no Cruzeiro).

“A gente fica pensando que as coisas que aconteciam lá atrás, tantas alegrias e outras nem tanto, mas sempre aqui, dando a cara, colocando o corpo, a mente no campo e procurando sempre dar o meu melhor para ajudar o Cruzeiro”

Ariel Cabral foi contratado em 2015, em um ano que o Cruzeiro passou por total reestruturação do elenco, após conquistar o bicampeonato brasileiro. Foi peça fundamental da equipe de Mano Menezes, que arrancou no Brasileiro, se livrou do rebaixamento e chegou, em determinado momento, a sonhar com vaga na Libertadores.

Em 2016, se firmou como titular de uma equipe que, novamente, brigou para não cair. Dali em diante, alternou entre a titularidade e a reserva, mas sempre acionado com frequência. Ano passado foi quando menos entrou em campo, com 32 atuações.

Este ano, chegou a cogitar saída, ficou 50 dias de licença na Argentina, mas voltou e aceitou repactuar o salário para fazer parte do elenco da Série B. Tem 12 atuações na temporada. Em cinco anos, conquistou duas vezes a Copa do Brasil (2017 e 2018) e duas vezes o Campeonato Mineiro (2018 e 2019).

Imagem: Bruno Haddad – Cruzeiro/Divulgação

Admin_PHD
Raposão PHD Páginas Heroicas Digitais
https://paginasheroicasdigitais.com.br

Deixe uma resposta