Arena Campestre - PHD
Clube Cruzeiro Futebol Geral - PHD Opinião Torcida

Arena Campestre no imóvel na Rua das Canárias já ! – Raposão PHD

Dilema de Redes Sociais

Uma discussão estéril tomou conta das redes sociais: Vender ou não o imóvel da Rua das Canárias, conhecido como “Sede Campestre 2”.

Por quê a discussão é estéril?

Simplesmente porque quem está discutindo, não tem direito a voto. E, como se não bastasse, é claríssima a tentativa de pressão aos habilitados no Colégio Eleitoral (conselheiros em dia com suas obrigações) para votarem pela venda.

Raposão PHD Opina

O Raposão PHD tem a opinião de que a venda é inadequada e as argumentações (???) lidas aqui e ali, não passam de palpites de torcedor de rede social.

A quase totalidade destes torcedores está sendo influenciada por cruzeirenses que tem interesses no processo eleitoral do Cruzeiro e municipal.

Certamente, depois das eleições, muita coisa vai mudar, inclusive a opinião de muitos destes interlocutores e seus influenciadores de estimação.

Estes personagens de redes sociais não respondem a questionamentos simples:

  • A quem interessa a judicialização da venda com questionamentos sobre as regras de votação?
  • Qual o sentido da torcida ver transmissão via Internet de uma reunião interna? Causar constrangimentos às pessoas?
  • Caso seja aprovada a venda, como o Cruzeiro vai fazer para utilizar os R$ 20 milhões (avaliação otimista feita por profissionais altamente qualificados)?
  • Caso seja feita a venda e as ações trabalhistas (só o Mano Menezes quer quase R$ 3 milhões !) sejam executadas sobre este valor, perde-se o dinheiro e o patrimônio?

Arena Campestre

Defensores da venda questionam seus opositores perguntando se tem alguma proposta.

A resposta é SIM, existe não uma, mas várias propostas para uso do imóvel em questão. A maioria dos defensores finge não saber, mas aquele imóvel tem sérias restrições construtivas (prato cheio para o alcaide embargar qualquer obra ali).

Há mais de dez anos, como pode ser depreendido por matéria publicada no Superesportes (Portal UAI). No texto “Cruzeiro projeta construção de ginásio multiuso na Sede Campestre” está claro uma proposta de transformação do imóvel em uma Arena Campestre. Existem outras mais, mas as diretorias dos últimos 15 anos, ou desde 2003, preocuparam-se em dar títulos para agradar a torcida.

A conta chegou e agora os torcedores de rede social acham que vender um patrimônio vai resolver o problema.

Não vai !!!

Soluções existem, a Arena Campestre é somente um exemplo e, portanto, basta todos os cruzeirenses, verdadeiramente de bem, despirem-se de vaidades e pensarem no Cruzeiro.

E pressão com transmissão via Internet só vai acirrar mais a disputa pelo poder da massa falida, enquanto isto, projetos como da Arena Campestre e outros são menosprezados.

 


Comente NESTE post e candidate-se a ser comentarista junto ao Raposão PHD após o jogo contra o Botafogo (SP), na 1a rodada do Brasileiro da Série B.

 

Admin_PHD
Raposão PHD Páginas Heroicas Digitais
https://paginasheroicasdigitais.com.br

13 Replies to “Arena Campestre no imóvel na Rua das Canárias já ! – Raposão PHD

  1. Não conheço o potencial do imóvel para outras destinações que não a atual. Li na imprensa que há diversas limitações administrativas para construir dada a proximidade do aeroporto. Por outro lado, não me sinto confortável pra opinar favorável ou contrariamente, uma vez que também é fato notório que o clube está em situação de caos financeiro e precisa arrumar recursos para arcar com as dívidas, sejam elas na Fifa, na Justiça do Trabalho ou na Justiça Federal. Complicado.

    1. Não sendo sócio do clube, e vendo a galera detonando nas redes sociais para vender, o que penso é, 14 milhões vão resolver os problemas de curto prazo ? Isso não ficou claro na fala do presidente do clube. Até porque ainda tem que regularizar o imóvel, e vender, será que na situação que o Cruzeiro está, será vendido pelos 14 ? E se vender por 10 ? Afinal quem vai comprar sabe da situação do Cruzeiro, lei de mercado, oferta x procura. Não é possível que não tenha 3 jogadores que possam render 5 milhões de euros pro Cruzeiro. estou falando em 1,8 milhão de euros por alguns jogadores.

        1. Rafael,
          assim como a maioria da torcida do Cruzeiro, você está muito confuso.
          Compreendo suas tentativas de opinar com alguma base que não sejam as redes sociais e mídia. Entretanto o uso de adjetivos como “aceitáveis” carregam mais dúvidas e questionamentos do que justificativas para sua posição.

    2. Rafael,
      quando limita-se o “arrumar recurso a venda de imóvel com a visão limitada dos que defendem a venda e CERCEANDO a opinião de quem é contra e chamando isto de transparência, é porque funcionou. NENHUM especialista em imoveis,engenheiros ou economista SÉRIO pode ou quis falar… será que você consegue adivinhar por quê?
      Talvez você obtenha açguma dica com rábulas e déspotas especialistas em oratória sem réplica e sem contraditório.

      1. É verdade. A impressão que dá é que a diretoria passou o rolo compressor e, ainda, usou das redes sociais e da transmissão para pressionar os conselheiros. Por outro lado – sem saber de bastidor e de eventuais intenções ocultas que, naturalmente, desconheço – é compreensível a sanha da diretoria por obter recursos. Ora, o buraco é gigantesco e, aparentemente, ela não está parada, aguardando o dinheiro cair do céu. Tem apresentado projetos, obtido novos patrocínios. Também, gostei da reformulação do programa de sócio.

    1. WCPM,
      Quem é WPCM?
      Raposão PHD pode ser qualquer um cruzeirense.
      A proposta é despersonificar torcedores que se escondem atrás de perfis mas buscam seguidores para fazerem vantagens para eles próprios. Raposão PHD pode ser você, caso queira entrevistar alguém, bater-papo com alguém contato com tema do CRUZEIRO ou dar uma opinião polêmica.
      Raposão PHS é como o Bolixia-Zica, Ronald McDonald´s, Bozo, como o Raposão do Cruzeiro criado alguns anos atrás… não personificá-lo em uma pessoa, é nosso ideal.
      Nesta fase experimental, estamos com representações limitadas… mas a ideia é despersonificação.

  2. Sinceramente não concordo com a leniência da atual administração com o um dos maiores contribuintes para essa situação de penúria financeira, o ex presidente Gilvan de Pinho Tavares. Contratou e não pagou vários atletas, fez o imbróglio com a Minas Arena e etc… E o pior é vê-lo posando de paladino de corretude.

Deixe uma resposta