Tempos idos

Por SÍNDICO | Em 30 de março de 2018

ESSE TEMPO

Álvaro Faria

Sexta-Feira Santa me leva à infância.
O silêncio da casa.
No rádio, só música clássica.
Nada de jogar bola na rua.
Lembro-me que eu me sentia profundamente triste.
Um dia de falar baixo.
Um dia de silêncio.
De muito respeito.
Eu agradeço ter vivido esse tempo.

35 comentários para “Tempos idos”

  1. Uma prova de que Deus esteja conosco não é o fato de que não venhamos a cair, mas que nos levantemos depois de cada queda.

  2. Quando éramos ainda pecadores, Cristo morreu por nós. Foi uma prova que Deus nos deu de seu amor para conosco.

  3. Ter fé é assinar uma folha em branco e deixar que Deus nela escreva o que quiser.

  4. matheus t penido disse:

    Lembro de gente mais velha que fazia até voto de silêncio na Sexta Feira Santa. Hoje em dia é churrasco e cerveja o dia todo. Melhorou ou piorou? Depende da visão de cada um.

    • Eu participei muitos anos da encenação da paixao de Crito ai em Itauna. Ersm megas producoes comecei como povo, depois fariseu e fui ganhando oportunidades e crescendo dentro sa empresa. Em um ano fui Pilatos e qdo ia ser promovido a JC chegou um padre novo na paróquia e paramos de encenar…bons tempos!

  5. SÍNDICO disse:

    NO MEU BAIRRO, sexta-feira da paixão era dia de silêncio absoluto. E comida regrada. Quem podia, comia peixe, quem não podia, fazia jejum. Exceção de um bando de cachaceiros, que pra estapear a cara da sociedade tomava cachaça e comia salame no baranaco do campinho do Coronel. O castigo veio aos poucos. Um por um, todos morreram de cirrose.

  6. Celeste disse:

    ESTOU NA TERRINHA (Sul das Gerais) e por aqui a tradição ainda é bastante respeitada. Estabelecimentos comerciais que nunca fecham, o fazem no dia de hoje. Nada de carne ou comemorações. Eu procuro “guardar” o dia de hoje e passei isso para minhas filhas. Faço isso em nome da minha fé cristã e também em homenagem àqueles que contribuíram para minha educação religiosa (minha avó e meu pai) e que não estão mais entre nós.

  7. Bruno 7L RJ disse:

    Belo poema, Síndico. Excelente lembrança.

  8. Luizito Soárez disse:

    olha o fumo!

  9. SÍNDICO disse:

    MARCOS WANDER SILVA OLIVEIRA, 62, secretário de Defesa Civil e Ordem Pública de Belford Roxo, Baixada Fluminense, foi assassinado a tiros, nesta quinta. Ele sofreu tentativa de assalto e foi morto quando os bandidos perceberem que era um PM aposentado. Globo fez silêncio.

  10. Luizito Soárez disse:

    Começa logo, Brasileirão!

  11. zuloobas disse:

    Paz do Senhor, Irmãos. Mudando de pato para ganso, creio que o Cruzeiro fez bem ao não trazer o tal Juninho. O cara pode estourar, mas já temos nossa parcela de “vida loka” tentando virar “pacato cidadão”. .

    • matheus t penido disse:

      Vai que é o novo Pelé e o Cruzeiro acaba de fazer a maior cagada da história.

    • Miguel Tolentino disse:

      Acho que o principal problema ali foi que além do rapaz não curtir jogar, treinar ainda tem tendência a engordar…