Posts com a Tag ‘Marquinhos Paraná’

Gil tá jogando o fino!

segunda-feira, 30 de maio de 2011

Atuações dos celestes e seus adversários no Cruzeiro 1×1 Palmeiras, na Arena do Jacaré, Sete Lagoas, pela 2ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2011, em 29mai11:

  • Torcida – Dez mil é público de terceira divisão argentina. Boa participação das organizadas, nem tão boa da desorganizada. (Síndico)

(mais…)

Semana 13: WP arruma as malas

sábado, 2 de abril de 2011

Décima terceira semana do Cruzeiro em 2011.

(mais…)

DS & RG, MP, WM, MV: fez sucesso a sopa de letras do Mestre Cuca

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Atuações dos celestes e seus adversários no Cruzeiro 5×0 Estudiantes, na Arena do Jacaré, Sete Lagoas, pela 1ª rodada do Grupo 7 da Copa Libertadores 2011, em 16fev11:

  • Cuca – Ficou sem dormir depois do RapoCota. Deve ter sido quando resolveu jogar tudo no ventilador. Como bom mestre cuca, aprontou uma incrível sopa de letras que assustou, mas acabou dando certo. Obviamente, contou com um gol espírita a 50seg e com a falta de ritmo dos pinchas, que perderam tempo poupando titulares nas competições de verón, ops!, verão e entraram na Libertas relaxadões. Pouco importa. Mão cheia sobre adversário encardido sempre marca a passagem de treinadores pelo Cruzeiro. Taticamente, seu segredo foi “arrecuá os arfe”, desembolar a intermediária, dando mais espaço pra movimentação de Montillo e fechar a meiúca com Henrique e Marquinhos Paraná. De quebra, contou com uma noite de Natal do jovem Wally, que os gringos nunca sabiam onde estava.
  • Torcida – Bah… Onze mil? Bah… Jogar sapato na cancha? Bah… Ficou devendo. Ficamos devendo, pra ser mais preciso. Time 5×0 Torcida.

(mais…)

Cruzeiro 5×0 Estudiantes: Vingança malígna

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Cruzeiro e Estudiantes replicaram a final da Libertadores 2009 na abertura da edição de 2011.

No Cruzeiro, apenas três titulares daquela final estiveram em campo. O Estudiantes teve seis remanescentes.

(mais…)

Libertadores é pra time grande

sábado, 5 de fevereiro de 2011

O goleiro Raul Plassmann é recordista do Cruzeiro em jogos da Libertadores, com 40 partidas em 1967/75/76/77.

Neste ano, ele poderá ser superado pelo goleiro Fábio e pelo volante Marquinhos Paraná, que atuaram 36 vezes cada um nas edições de 2008/09/10.

Todos têm mais partidas no torneio continental do que Atlético-MG (33), Atlético (28), Fluminense (26) e Botafogo (24).

Fonte: Superesportes

Cruzeiro 2×1 Palmeiras: No peito e na raça

domingo, 5 de dezembro de 2010

Em 3º lugar com 66 pontos, o Cruzeiro precisa vencer o Palmeiras e torcer para Corintias e Fluminense empatarem seus jogos para campeonar. O time não contará com Jonathan, suspenso, e Fabrício, lesionado.

Em 10º lugar com 50 pontos, se vencer, o Palmeiras pode terminar o torneio em 9º lugar. Felipão deu férias para os titulares e mandará a campo o time reserva.

(mais…)

Na Toca, no Pacaembu e em Confins, torcida apoiou o time celeste

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Atuações dos celestes e seus adversários no Corintiãs 1×0 Cruzeiro, no Pacaembu, São Paulo, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2010, em 13nov10:

  • Torcida – Apesar as dificuldades, esgotou os ingressos colocados à sua disposição e apoiou o time, algumas vezes, calando a Fiel. Em Beagá, mobilizou-se para receber a delegação no Aeroporto de Confins. Isto depois das manifestações de apoio na Toca no decorrer da semana.

(mais…)

Corintiãs 1×0 Cruzeiro: Tranco desnecessário, polêmica interminável

sábado, 13 de novembro de 2010

Em 3º lugar com 60 pontos, 17 vitórias e 12 gols de saldo, o Cruzeiro poderia se tornar líder em caso de vitória, com a derrota não saiu do G3.

Vice-líder com 60 pontos, 17 vitórias e 21 gols de saldo, o Corintiãs estava na mesma condição. Venceu, está líder, se perdesse permaneceria no G3, mas em 3º lugar. Agora depende do resultado do Flu para assumir a liderança isolada ou voltar para o 2º lugar.

(mais…)

O time para a decisão

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

O Cruzeiro pode mudar o esquema da vitória em Salvador, trocando o 3-5-2 pelo 4-3-1-2. E deve trocar também alguns jogadores para enfrentar o Corintiãs.

No treino da quarta-feira, Cuca escalou sua equipe com:

  • Fábio; Jonathan, Gil, Leo Simões e Gilberto; Henrique, Fabrício e Marquinhos Paraná; Montillo; Wellington Paulista e Thiago Ribeiro.

(mais…)

Nosso ódio será sua herança

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Com a saída de Adílson Baptista, que era execrado pela parte teleguiada da torcida celeste, Marquinhos Paraná herdou o posto “O mais odiado da Toca II”.

Um idiota chegou a enviar um post que, elém de ofensas pessoais, desejava ao volante uma longa inatividade.

Mas o Mestre está de volta bem antes do previsto pra desgosto dos falsos cruzeirenses.

(mais…)