Posts com a Tag ‘Divinópolis’

Cine Balípodo

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Hugo Serelo

O cinema 2010 tem de tudo. Drama, romance, terror e comédia. Eis minhas dicas aos colegas do blog:

  1. Baby, o Porquinho Atrapalhado: Palmeiras 2010.
  2. O Nome da Rosa: Camisa de treino.
  3. Premonição:   Ipatinga 3×0 Cruzeiro.
  4. Sem Novidades no Front:  Contratações da diretoria.
  5. Os Renegados: Dudu e Bernardo.
  6. A Era do Gelo: Tempo em que a Cocota campeoanva.
  7. Rede de Intrigas: Dirigido por Artur Morais.
  8. Operação França: Mauro cornetando corneteiro.
  9. Desejos Proibidos: Libertadores e Brasileiro.
  10. Forrest Gump, o Contador de Histórias: Entrevistas d’ O Alixandre.
  11. Os Brutos Também Amam: Kléber na Mancha Verde.
  12. O Operário: Marquinhos Paraná.
  13. Geração Roubada: Copinha 2007.
  14. O Equilibrista: Adílson Batista.
  15. Minha Vida de Cachorro: Vaias da “massa”.  
  16. Conflitos Internos: Libertadores 2009.
  17. A Fuga das Galinhas: Cocota com medo de jogar em Teófilo Otoni.
  18. Teoria do Caos: Dirigido por Ney Franco.
  19. Zona de Risco: Posição da cocota no Brasileiro.
  20. Se Meu Apartamento Falasse: Maurinho.
  21. O Virgem de 40 anos: Cocota há 40 anos na seca.
  22. O Homem que Não Estava Lá: Fernandinho em campo.

Hugo Oliveira Pegoraro Serelo, 23, cruzeirense, nasceu emdradas-MG, mora em Divinópolis-MG.

Ficaram devendo

quarta-feira, 9 de junho de 2010

O time de juniores do Cruzeiro deu um presente para a parcela da torcida que considera besteira ganhar títulos na base.

Após passar 85 minutos tentando, sem sucesso, entrar na defesa do Atlético Paranaense, tomou um gol no contra-ataque, perdeu e está fora da final da Taça BH de Futebol Júnior.

O jogo aconteceu no Farião, em Divinópolis, e os derrotados, treinados por Alexandre Grasseli, foram:

  • Ruan Gusmão; Fabrício, Deivisson, Murilo e Hyago; Marquinhos, Uchoa (Eder), Eber (Franco) e Elber (Gil); Sebá e Thiaguinho (Maranhão).

Nenhum deles se destacou. Fracassaram todos. A começar por Uchoa, que já teve até oportunidades no time principal.

É bom essa garotada saber que não é contra Uberlândia ou Guarani de Pará de Minas que alguém vai se revelar.

Pra chegarem ao elenco profissional, que tem vagas a dar com pau, eles precisam aprender a vencer os times grandes, as partidas complicadas, as decisões.

E, como já havia acontecido na Copinha paulista, esta geração ficou devendo também na mineira.

Em tempo: haverá uma AtleTiba na decisão da Taça BH em algum estádio do interior do estado. Qual não sei. Câmbio.

Passeio completo em Montevidéu

domingo, 16 de maio de 2010

Silvério Cândido

Mais uma vez, pelo prazer de acompanhar o Cruzeiro na Libertadores, partimos, eu, meu irmão caçula, Vicente, e nossas patroas, pra Montevidéu.

Saímos na quarta, dia do jogo, no tradicional voo das 6h, com escala em São Paulo. Por volta de 4h, vários torcedores já estavam no saguão do Aeroporto de Confins. Inclusive o, sempre animado, Ivan Pinto.

Chegamos à capital uruguaia às 12h40, conforme previsto, e fomos para o Hotel Radisson, onde estava a delegação do Cruzeiro.

Deixamos a bagagem e fomos para o Mercado del Puerto. Como em Santiago, havia muitos cruzeirenses no mercado.

(mais…)

De Belzonte a Belmonte

terça-feira, 30 de março de 2010

E não é que o Barnabé reapareceu? E bastante preocupado. Culpa do Charles Libertadores que prognosticou fim dos rurais, ontem, no PHD.

– Então o Cruzeiro nunca mais vai a Governador Valadares, Uberaba nem a Poços de Caldas – ele quis saber.

– É, não vai mais, não… Daqui pra frente, só jogaremos em grandes metrópoles assim tipo Caxias, Tubarão e Toledo.

– As Rosas também?

– Não. Elas, provavelmente, vão preferir ficar na companhia do Operário de Ponta Grossa em outro grupo.

(mais…)

Fábio salvou a Pátria

quinta-feira, 18 de março de 2010

Atuações dos celestes e seus adversários no amistoso Cruzeiro 0x0 África do Sul, em 17mar10, no Mineirão.

  • Adílson Baptista – Tentou, mas não conseguiu fazer o time jogar com eficiência pelas extremas. Como Parreira armou um ferrolho eficaz, o Cruzeiro criou poucas oportunidades. Conseguiu melhorar o time no 2º tempo, mas não o suficiente pra dar indicativo de que os pontos necessários pra se classificar no Grupo 3 da Libertadores serão alcançados. Se a equipe render apenas o futebol de ontem, teremos, de novo, que chamar o Grondona de dono da Conmebol.
  • Torcida – Jovem, fez muita festa por quase nada. Mal educada, não parou de fazer barulho nem durante a execução dos hinos. Alguns tropeiristas, ali onde se alojam o Sobrinho, o Frede e o Charles, no 7A, selecionaram o Magalhães pra receber as vaias da noite. De qualquer forma, 20 mil num jogo amistoso, que terminou na boca da madrugada, foi boa presença. De castigo por brigar consigo mesma, a Máfia não pôde exibir suas faixas. O varal ficou livre pras demais organizadas. Estiveram presentes: Cru Chopp, Mancha Azul, Nação Azul, Pavilhão, Independente, Raposões da Fiel, União Celeste Novo Riacho, Comando Azul, Torcida Jovem, Fúria Azurra, Fanati-Cruz, MAC, Gaviões Celestes, Raça Azul, Jovem da Cativa, Força Atuante Celeste, Mancha Zona Oeste e Mancha Divinópolis.

(mais…)

Os clássicos intermunicipais

quinta-feira, 11 de março de 2010

Alguns clássicos intermunicipais que fizeram história no futebol mineiro

  1. Sabará/Nova Lima – Siderúrgica x Villa Nova
  2. Tocantins/Astolfo Dutra – Itararé x Portuense
  3. Poços de Caldas/Andradas – Caldense x Rio Branco
  4. Uberaba/Uberlândia – Uberaba x Uberlândia
  5. Araxá/Patrocínio – Araxá x Patrocinense
  6. Ipatinga/Fabriciano – Ipatinga x Social
  7. Divinópolis/Itaúna – Guarani x Esporte
  8. Três Pontas/Varginha – Trespontano x Flamengo
  9. Visconde do Rio Branco/Ubá – Nacional x Aymorés
  10. Leopoldina/Recreio – Ribeiro Junqueira x Recreio
  11. Paraíso/Passos – Paraisense x Passense
  12. Belo Horizonte/Vespasiano – Cruzeiro x Atlético-MG

Completem a lista, por gentileza.