Posts com a Tag ‘Chivas Guadalajara’

Inter segue sua senda de vitórias

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Foi fácil. Extremamente fácil, como em nenhuma outra final de Libertadores. Os astecas, definitivamente, não são de bola.

Pouco importa para os colorados se o Chivas Guadalajara, formado exclusivamente por mexicanos, não deu nem pra saída.

Importante é que com a vitória por 3×2, ontem, no Beira Rio, o time gaúcho sagrou-se bicampeão da Libertadores.

Do jogo há pouco que se falar.  A mídia está contando tim-tim por tim-tim.

(mais…)

A grana não vai a Abu Dhabi

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

No Morumbi, perante 57.113 torcedores, o São Paulo venceu o Internacional por 2×1, pelas semifinais da Libertadores.

Alex Silva, aos 30 do 1º tempo, marcou o 1º do tricolor após falha do goleiro colorado, Renan. Alecsandro empatou, sem querer, após cobrança de falta por D’Alesssandro, aos 6 da etapa final. Ricardo Oliveira fez o gol da inútil vitória dos paulistas, aos 8.

Tinga, dono de vasta cabeleira e escasso bom senso, levou dois amarelos bestas e deixou o time gaúcho no sufoco, na metade do 2º tempo.

Apesar da ajuda unesperada, o clube mais rico do país matou de desgosto seu arrogante presidente, Juvenal Juvêncio, com pouco futebol -Fernandão foi simplesmente ridículo- e foi eliminado.

Independentemente do que ocorrer na decisão contra o Chivas Guadalajara, o Inter vai ao Mundial Interclubes, em Abu Dhabi, no final da temporada.

Toda a grana aplicada pelo São Paulo em seu fabuloso elenco foi desperdiçada. Os caraminguás dos sócios do Inter falaram mais alto.

Deu bode em Baires e em Sampa

quarta-feira, 5 de maio de 2010

Começam a ser formados os grupos das quartas de final da Libertadores. Nesta terça-feira, São Paulo e Chivas passaram aperto, mas deram um passo adiante.

No José Amalfitani, em Buesnos Aires, Vélez Sarsafiled 2×0 Chivas Guadalajara. Um gol de Santiago Silva aos 3, outro de Zarate aos 89 não bastaram para o centenário clube de Liniers.

E o Grondona, presidente da AFA, tido e havido como manda-chuva na Conmebol, não segurou Colón, Newells, Lanús e Vélez. Restam Estudiantes e Banfield.

(mais…)