Posts com a Tag ‘Bruno César’

37ª da A: Heroísmo avaiano

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Eis a 37ª rodada do Brasileiro 2010, disputada às 17h de 281nov10. Cruzeiro, Fluminense e Corintiãs venceram e o topo da tabela ficou inalterado. A decisão do título fica pra última rodada. O grande jogo da rodada, contudo, aconteceu em Floripa onde um heróico Avaí venceu o Santos, de virada, por 3×2 e escapou o rebaixamento.

(mais…)

24ª da A: Timão e Flu garantidos no Morrinhão 2011

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

A 24ª rodada do Brasileiro 2010, em 22 e 23set10 começou com o Cruzeiro passando com dificuldade pelo Ceará e com o Corintiãs atropelando o Peixe do DJ, ops, Neymar, na vila famosa. O resto foi jogo pra cumprir tabela.

(mais…)

Criador vs Criatura

terça-feira, 21 de setembro de 2010

O comentarista Aloísio Mendes propôs discussão interessante num comentário postado dias atrás:

  • O confronto entre Cruzeiro e Coríntians será favorável a nós. Nosso time tem meio campo um pouco superior ao do Timão, mas nosso ataque faz a diferença, o que não ocorre com o do adversário. Temos o melhor goleiro do Brasil enquanto o deles é jovem e inexperiente. Na defesa a vantagem é ampla, pois nossa zaga é superior. Com a volta de Gilberto e de Marquinhos Paraná teremos um time mais encorpado e aí sim favorito.

(mais…)

23ª da A: Cepada 14 foi tomada em 7 Lagoas

domingo, 19 de setembro de 2010

A 23ª rodada do Brasileiro 2010, em 18 e 19set10…

  1. Engenhão, Bota 2×2 Cruzeiro. Público: 14.128. Gols: Alessandro, 4 do 1º; Montillo, 12 (p) e 27, Loco Abreu, 31 (p) do 2º. Pênalti inexistente deu empate ao time carioca num jogo equilibrado.

(mais…)

22ª A: Cruzeiro e Corintiãs enfiaram o pé na jaca

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

A 22ª rodada do Brasileiro 2010, em 15 e 16set10, foi uma festa pra Cruzeiro e Corintiãs, que somaram 3 pontos enquanto Bota e Flu, parceiros de G4 estacionaram na tabela. Em Curitiba, o Atlético deixou pra aplicar a 13ª cepada no Luxa bem no finalzinho. Um juiz mineiro expulsou bestamente o artilheiro do Prudente e o Mengo aproveitou pra virar e sair de perto das más companhias do rebolo. De resto, registre-se a freguesia são-paulina diante do Inter e a saída do Avaí da alça de mira da Cocota. Teve bão!

(mais…)

20ª da A: Cruzeiro, último do G4; Atlético-MG, primeiro da Z4

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

A 20ª rodada do Brasileiro 2010, jogada em 08 e 09set10 não trouxe surpresas. e terminou com o Cruzeiro no G4.

(mais…)

Cadê o nove?

sábado, 4 de setembro de 2010

Dr. Genibaldo Lucena fez um comentário afiado -algo impossível para um troll, estrategicamente repetitivo- que merece virar post. Confiram. E respondam aos questionamentos dele.

O artilheiro do Campeonato Brasileiro é Bruno César, meio de campo do Corinthians, com apenas oito gols!

Desde 2004, quando Washington fez 34 para o Atlético, não temos um grande artilheiro, com média de quase um gol por jogo, como faziam Túlio, Romário, Edmundo, Careca

A que se deve isto?

(mais…)

17ª da A: Dia de Índio… E da 11ª cepada!

domingo, 29 de agosto de 2010

A 17ª rodada do Brasileiro (28 e 29ago10) começou com o empate entre Vasco e Cruzeiro, dois times de muitos empates e poucos gols, em São Januário. Inter e Santos venceram Bota e Goiás, respectivamente, e transformam o G4 em G4+2. E o Ceará que, aos poucos, vai dando adeus às ilusões garantiu um empate em casa contra o Prudente. Domingo de viradas do Porco sobre a Cocota e do Bugre sobre o Urubu. De vitória do Timão e de empates no jogos da noite. O Tricolor carioca continua na ponta, mas a apenas 3 pontos do Corintiãs.

(mais…)

16ª da A: Fracasso de público e gols

sábado, 28 de agosto de 2010

A 16ª rodada da Série A, disputada em 25 e 26ago10, teve poucos gols e público reduzido. O Flu disparou na liderança após a derrota do Timão para o retrancado Cruzeiro. Cocota e Fla empataram sem gols. Deu pro Rogério Lourenço, mas não pro Luxa, que continua forme em seu projeto emplumado. O Grêmio continua perdendo e o Santos perdeu Paulo Henrique Ganso, o craque do torneio, que estourou os meniscos. O resto pouco acrescentou.

(mais…)

Marcelo Bechler: “Adílson não contava com o organizador Montillo”

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Pitacos de protagonistas e blogueiros acerca do Cruzeiro 1×0 Corintiãs, no Parque do Sabiá, Uberlândia, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro 2010, em 25ago10:

  1. Marcelo Bechler, no blog do Lédio Carmona: Adilson não conhecia Montillo: Antes do jogo, o que mais se falava era do confronto particular entre Adilson Batista e seus ex-comandados. O time de Cuca, no entanto, tinha quatro jogadores pós-Adilson: Edcarlos, Éverton, Montillo e Robert. O treinador do Corinthians conhecia quase todas as armas do rival. Quase. Não contava com o camisa 10 argentino, organizador do time mineiro, destaque dos três jogos que participou. Montillo fez aos dois minutos o único gol do jogo, em chute com efeito e praticamente sem ângulo. A partir daí, o que se viu em campo foi o Corinthians com a bola e o Cruzeiro não deixando o adversário jogar. Durante toda a partida, a equipe paulista teve mais posse de bola. Aliás, muito mais. A porcentagem nunca baixou da casa dos 60% e terminou o jogo em 63%. O recuo do Cruzeiro era estratégico para tirar a velocidade do jogo e o antídoto era o contragolpe com Montillo tentando acionar os atacantes. Apesar de ter a bola, o Corinthians praticamente não levou perigo ao gol de Fábio. Teve a chance do empate no pênalti defendido pelo goleiro e uma cabeçada de Paulo André na trave. Foram seis finalizações para cada lado – cinco do Cruzeiro no alvo contra três do adversário. O Corinthians estéril como foi causa preocupação no seu torcedor. Desde o clássico contra o Palmeiras, quando Jorge Henrique marcou, um atacante não faz gol. Ronaldo pode voltar contra o Vitória e passa a ser esperança de um ataque mais efetivo. Do outro lado, Cuca chegou a sua quarta vitória a frente do Cruzeiro: Atlético-PR, Goiás, Atlético-MG e Corinthians. Em todas, sua equipe teve pouca posse de bola e venceu o jogo nas raras chances que criou. Para brigar na parte de cima, o Cruzeiro vai precisar aprender a jogar também com a bola, o que não aconteceu depois da Copa do Mundo. (mais…)