Posts com a Tag ‘5a rodada’

Thiago Ribeiro, o churrasqueiro

quinta-feira, 1 de abril de 2010

Atuações dos celestes e seus adversários no Cruzeiro 3×0 Vélez Sarsfield, em 31mar10, no Mineirão, pela 5ª rodada do Grupo 7 da Libertadores 2010.

  • Adílson Baptista – Não deixa a peteca cair de jeito nenhum. Mesmo quando a situação está ruim, consegue reanimar a equipe e colocá-la nos trilhos. Este jogo contra o Vélez era de alta periculosidade, mas a equipe se superou. E ficou próximaclassificação.
  • Torcida – Nota dez.

(mais…)

5ª Bras.: Um boi voou no Recife

terça-feira, 9 de junho de 2009

Gols: 31 – Média: 3,1 – Lugares disponíveis: 429.000 – Público Pagante: 113.054 – Caronas: 15.000 – Total: 128.054 – Média: 12.854 – Ocupação dos estádios: 30%.

(mais…)

Wagner e Paraná jogaram futebol

segunda-feira, 8 de junho de 2009

Atuações dos celestes e seus adversários no Cruzeiro 1×1 Internacional, pela 5ª rodada do Brasileiro 2009, no Mineirão, em 07jun09:

  • Adílson Baptista – Jogou tudo pro alto! Trocou volante de contenção por meia armador, lateral por centroavante, mandou o time atacar com tudo deixando uma buraqueira na defesa de causar inveja ao DNIT. Deu sorte, pois conseguiu um gol em 30 ataques e escapou de levar 3 em 4 do adversário. Vai penar mais do que imagina nossa vã filosofia com as ausências de Kleber e, principalmente, de Ramires. Sem eles, provavelmente, terá inveja do treinador do Santo André.
  • Torcida – Não existe torcida no mundo com critérios tão particulares de avaliação da importância de uma partida. Dar mais Ibope ao Social, pelo Mineiro, do que ao Internacional, pelo Brasileiro, é de cair o queixo de qualquer um. Torcida heterodoxa, esta do Cruzeiro. Os que froam, deram força ao time.

(mais…)

Cruzeiro 1×1 Inter: Muita garra, pouca inspiração

segunda-feira, 8 de junho de 2009

Mauro França

Nesta 5ª rodada do Brasileiro, o Cruzeiro bateu de frente contra o paredão colorado.

1º Tempo

Como era de se esperar, o jogo começou bastante movimentado. O Cruzeiro  procurou imprimir velocidade nas suas jogadas ataque, contando com a boa movimentação de Wagner. Aos 2 minutos Kleber chutou da entrada da área, a bola desviou na zaga e saiu. O juiz, equivocadamente, marcou tiro de meta.

(mais…)