Posts com a Tag ‘4-2-2-2’

Carmona: “Foi um jogo de encher os olhos”

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

pitacos de protagonistas e blogueiros acerca do Botafogo 2×2 Cruzeiro, no Engenhão, Rio de Janeiro, pela 23ª rodad do Campeonato Brasileiro de 2010, em 18set10:

(mais…)

Pelo fim da numerologia

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Em pouco mais de dois meses à frente do Cruzeiro Cuca já deu asas à imaginação desenhando sistemas altamente sofisticados.

Já mandou o time a campo com 2 ou 3 atacantes, 2, 3 ou até 4 volantes, 1 ou 2 meias e 2 ou 3 beques. Só não inovou no gol. Ali, Fábio continua intocável.

A maior parte da s experiência se mostraram desastrosas. Por isto, talvez, esteja na hora do treinador fixar-se numa formação básica e só mudar em caso de necessidade.

(mais…)

Atlético 0x2 Cruzeiro: Fim de uma escrita de 7 anos

quarta-feira, 14 de julho de 2010

Em 11º lugar com 9 pontos, o Cruzeiro não contará com os zagueiros Leonardo Silva e Thiago Heleno, em recuperação de cirugias.

Cuca deve adotar o esqeuma 4-2-2-2 com dois volantões plantados e dois meias livres para criar. Os prometidos três atacantes ficarão pra outra ocasião.  

Em 16º lugar com 7 pontos, o Atlético Paranaense não terá Valencia, negociado, Márcio Azevedo, lesionado, e Chico, suspenso.

Dos dez jogadores contratados na intertemporada cinco terão condições de jogo hoje: Eli Sabiá, Paulinho, Vitor, Mithyuê e Thiago Santos. 

Lances + importantes do 1º tempo

  • 19h27 – Atlético entra em campo com uniforme tradicional.
  • 19h30 – Cruzeiro entra em campo com uniforme tradicional e vai cumprimentar seus cem torcedores. Máfia Azul está presente com faixa na arquibancada.
  • 19h32 – Hino Nacional e do Paraná executado para os poucos torcedores presentes. Os dois hinos mencionam o Cruzeiro.
  • 19h36 – Começa o jogo. Sete minutos de atraso. Pontualidade é coisa de Copa do Mundo. No Morrinhão, prevalece a avacalhação bem brasileira.
  • 01 – Gil recua, Fábio dá um chutão desajeitado, Paulo Baier fica com a bola, vai à linha de fundo e cruza. Bola sai pela linha de fundo antes de chegar às mãos de Fábio.
  • 02 – Vagner Diniz cruza, Alex Mineiro arremata de calcanhar, Caçapa cede escanteio. Na cobrança, Fábio defende pelo alto.
  • 03 – Vagner Diniz cruza da direita, Caçapa corta.
  • 04 – Fabrício tenta lançar Thiago Ribeiro e manda a bola pela lateral.
  • 05 – Thiago Ribeiro chuta de fora da área, Neto defende.
  • 06 – Roger Galera corta bola com a mão na intermediária. Falta.
  • 07 – Bola na área celeste. Alex Mineiro é impedido de tocar a bola pras redes pela cobertura de Henrique, na pequena área.
  • 08 – Victor enfia bolas entre os beques celestes. Paulo Baier fica na frente do arco celeste, mas Fábio sai e abafa a jogada.
  • 09 – Henrique cruza da esquerda, Manoel corta de cabeça.
  • 10 – Jonathan cruza da direita, Ribeiro pega de prima, Neto se estica e desvia pra escanteio.
  • 11 – Ribeiro cruza rasteiro, da direita, ninguém aparece pra concluir.
  • 12 – Paulo Baier cobra falta da intermediária, Fábio defende.
  • 13 – WP disputa bola com a defesa, cai, pede falta, Wilson Luiz Seneme manda seguir o jogo.
  • 14 – Gilberto chuta forte, da intermediária, bola passa por cima do travessão.
  • 15 – Gilberto desarma Baier, toca pra Roger, que lança Ribeiro. Defesa corta o cruzamento, Neto defende.
  • 16 – Paulinho cruza errado, Fabrício corta, torcida do Atlético chia.
  • 17 – Alex Mineiro passa o rodo em Jonathan, no meio de campo. Falta. Na sequência, Gil dá uma peitada em Alex Mineiro. Falta.
  • 18 – Caçapa recua mal, Fábio dribla Alex Mineiro e espana.
  • 19 – Roger chuta de fora da área, bola sai à direita de Neto.
  • 20 – Gilberto lança WP, que está impedido.
  • 21 – Gilberto lança WP, que erra o tempo de bola e fica sem ela.
  • 22 – Paulinho chuta rasteiro da entrada da área, Fábio salva, Alex recua de calcanhar, Gil marca contra numa patetada homérica. Juiz assinala impedimento de Alex. Errou. Gol legítimo. Torcida local chia com razão.
  • 26 – Pressionado perto da bandeira de corner, Jonathan perde a bola. Impedimento de Alex.
  • 27 – Jonathan tenta passar a Ribeiro de bico. Bola escapa pela linha de fundo.
  • 29 – Cuca orienta Ribeiro: “Tem que cair senão ele não dá…”
  • 30 – Jean chuta, bola sai à esquerda de Fábio.
  • 32 – Fabrício erra passe, Diniz fica com a bola e corre com ela. Paulinho recebe o lançamento, mas pisa na bola, dentro da área.
  • 34 – Alex Mineiro coloca Paulo Baier na cara do gol. Fábio faz milagre e evita abertura do placar defendendo aos pés do meia paranaense.
  • 35 – Fabrício chuta de fora da área, Manoel corta.
  • 36 – Roger galera chuta de fora da área, bola acerta o telhado do estádio.
  • 37 – Baier lança do meio de campo, bola sai pela linha de fundo.
  • 38 – Manoel passa o rodo em WP e recebe cartão amarelo.
  • 39 – Gilberto cobra falta com um chuveirinho, Neto defende sem problema.
  • 40 – Diego Renan derruba Alex Mineiro na entrada da área.
  • 41 – Paulo Baier cobra falta, bola fica na barreira.
  • 42 – Baier lança Alex, Gil corta de cabeça.
  • 43 – Roger Galera dá um rapa em Victor e recebe cartão amarelo.
  • 44 – Caçapa dá um bico, do outro lado, Manoel corta de cabeça. Diego fica com a bola e cruza, Ribeiro ajeita pra WP, defesa corta.
  • 45 – Gil lança Thiago Ribeiro, que cruza na cabeça de WP. Centroavante sobe mais que Manoel e cabeceia no canto esquerdo de Neto. Cruzeiro 1×0.
  • 46 – Fim de 1º tempo.
  • Vagner Diniz: “Infelizmente erramos e tomamos um gol. Temos que atacar com inteligência, sem deixar a defesa aberta, no segundo tempo.”
  • WP: “Kleber é meu companheiro, mas graças a Deus estou jogando e marcando meus golzinhos.”

Lances + importantes do 2º tempo

  • 20h41 – Começa o 2º tempo.
  • 00 – Branquinho substitui Victor. Eli Sabiá substitui Jean.
  • 01 – Paulinho cruza da esquerda, Fabrício corta, dentro da área.
  • 02 – Fabrício lança WP, que passa a Gilberto. Bola sai à direita de Neto.
  • 03 – Fabríco tabela com Gilberto, Neto fica com a bola.
  • 04 – Branquinho chuta de longe, Fábio defende.
  • 05 – Fabrício lança WP, Neto sai do gol e rebate.
  • 06 – Bola recuada, Neto rebate pra lateral.
  • 07 – Baier cai na área e pede pênalti. Juiz manda seguir, Bruno Mineiro fica com a bola e chuta à queima-roupa. Fábio defende.
  • 09 – Bruno Mineiro chuta de dentro da área, Caçapa corta. Pressão atleticana.
  • 10 – Alex Mineiro cabeceia por cima do travessão.
  • 11 – Roger lança TR, que chuta forte. Neto defende.
  • 12 – Branquinho lança Diniz, que deixa Gilberto pra trás e cruza. Fábio defende com dificuldade.
  • 13 – Bruno Mineiro chuta de fora da área, por cima do travessão.
  • 14 – Roger, pela direita, dribla marcador e chuta no telhado do estádio, de novo.
  • 15 – Jonathan cruza, Manoel sobe mais que TR e corta, de cabeça.
  • 17 – Confusão na área, mesmo caído, Baier concluir. Caçapa corta.
  • 18 – TR lança WP, que chuta pra fora, à esquerda de Neto.
  • 19 – TR cruza da esquerda, defesa corta.
  • 20 – Roger rola para Diego Renan, que chuta forte, pra fora.
  • 22 – Branquinho cruza, Gil corta.
  • 24 – Branquinho chuta forte, Fábio dá rebote, Bruno Mineiro chuta de novo, Fábio volta a defender e dá bronca na defesa, que falhou duas vezes.
  • 25 – Thiago Santos substitui Alex Mineiro.
  • 28 – Thiago Santos lança Vagner Diniz, que deixa Caçapa na saudade e enche o pé. Fábio salva gol certo.
  • 29 – Baier cobra falta com chuveirinho. Fábio defende.
  • 30 – Robert substitui Thiago Ribeiro. Marquinhos Paraná substitui o cansado Roger Galera.
  • 31 – Robert Lança Gilberto, que entra na área e chuta cruzado, pra fora.
  •  31 – Robert Lança Gilberto, que entra na área e chuta cruzado, pra fora.
  • 32 – WP chuta de longe, pra fora.
  • 33 – Baier cruza, Branquinho cabeceia pras redes. Impedimento.
  • 34 – Gilberto lança Fabrício, defesa cede escanteio.
  • 35 – Baier lança Thiago Santos, que toca pras redes. Impedimento.
  • 36 – Paraná disputa bola com Baier, que se atira na entrada da área.
  • 37 – Fabinho substitui Gilberto. Cruzeiro com 4 cabeças de área. Pode, hiena?
  • 37 – Baier cobra falta, bola acerta barreira.
  • 39 – Baier cobra com cavadinha, Branquinho cabeceia livre, Fábio defende.
  • 41 – WP tabela com Fabrício e serve Robert, que tira bola do alcance do goleiro. Cruzeiro 2×0.
  • 43 – Torcida do Cruzeiro canta o hino. Desanimada, a atleticana só vai seu time.
  • 45 – Cruzeiro toca bola no meio de campo.
  • 46 – Fabinho, dentro da área celeste, dá um bico para o meio de campo.
  • 48 – Fim de jogo. Cruzeiro quebra escrita de 7 anos sem vencer o CAP na Arena da Baixada. Foi a 100ª partida de Fabrício com a camisa do Cruzeiro.
  • Cláudio Caçapa: “Ficamos 37 dias sem jogar, o time está de parabéns e pode jogar com dois armadores.”

Atlético 0×2 Cruzeiro, quarta-feira, 14jul10, 19h30, Arena da Baixada, Curitiba, 8ª rodada do Campeonato Brasileiro 2010 – Transmissão: PFC (pague-pra-ver) – Público: 13.952 – Renda: R$190.340,00 – Juiz: Wilson Luiz Seneme (paulista) – Bandeiras: Vicente Romano Neto e Dante Mesquita Júnior (paulistas) – Amarelos: Manoel (Atl), Roger (Cru) – Gols: Wellington Paulista, 45 do 1º tempo, Robert, 42 d0 2º – Cruzeiro: Fábio; Jonathan, Gil, Cláudio Caçapa e Diego Renan; Henrique e Fabrício; Roger Galera (Marquinhos Paraná) e Gilberto (Fabinho); Thiago Ribeiro (Robert) e Wellington Paulista. Tec: Cuca / Atlético: Neto; Vagner Diniz, Manoel, Rhodolfo e Jean (Eli Sabiá); Victor (Branquinho) Fransérgio, Paulinho e Paulo Baier: Bruno Mineiro e Alex Mineiro (Thiago Santos). Tec: Paulo César CarpegianiHistórico – Foi o 42º Cruzeiro x Atlético. O Cruzeiro venceu 17, empatou 14, perdeu 11, marcou 70 gols, sofreu 55. Pelo Brasileiro, o Cruzeiro venceu 10, perdeu 9, empatou 11, marcou 50 e sofreu 42 gols. Os adversários de hoje, decidiram duas competições nacionais entre si. Em 1999, o CAP conquistou a Seletiva para a Libertadores vencendo por 3×0 na Arena e perdendo por 2×1 no Mineirão. Na decisão Sul-Minas de 2002, o Cruzeiro venceu duas vezes: 2×1, em Curitiba, e 1×0, em Belo Horizonte (despedida de Sorín com 70 mil espectadores).

Cruzeiro 3×0 Tupi: Amistoso de 15 minutos

sexta-feira, 9 de julho de 2010

Em Sete Lagoas, às 20h15, com transmissão da TV Alterosa e do Portal UAI, Cruzeiro e Tupi, de Juiz de Fora, jogarão amistosamente, com portões fechados.

Será a estréia do treinador Alexi Stival, o Cuca, no comando do time azul-estrelado, que só não terá o zagueiro Leonardo Silva, que passou por cirurgia recentemente. Outro beque, Thiago Heleno, também está contundido..

Lances + importantes do 1º tempo

  • 20h15 – Ônibus do Tupi ficou retido num engarrafamento na BR 040. Jogo vai atrasar.
  • 20:27 – Após viajar mais de seis horas, Tupi chega à Arena do Jacaré e começa o aquecimento.
  • 20h30 – Trezentos alunos de escolas estaduais e municipais assistirão a partida convidados pela Prefeitura de Sete Lagoas.
  • 20h50 – A promessa de 4-3-3 não se concretiza. O Cruzeiro vai jogar no 4-2-2-2.
  • 20h52 – Cruzeiro com uniforme tradicional à direita das tribunas. Tupi todo de branco.
  • 20h53 – Começa o jogo. Cruzeiro dá a saída.
  • 30 seg – Roger Galera, no meia direita,  passa a Jonathan, que entra na área, corta o marcador e chuta rasteiro. Bola entra no canto direito do arco do Tupi. Cruzeiro 1×0.
  • 05 – Wellington Paulista lança Thiago Ribeiro, Rizzo se antecipa e desfaz a jogada.
  • 06 – Wellington Paulista chuta da entrada da área, bola bate na zaga e volta para o centroavante, que acerta uma bomba. Bola entra no ângulo direito do arco do Tupi. Cruzeiro 2×0.
  • 07 – Um dos comentaristas da Alterosa atende pelo nome de Vibrantinho. Meu Deus, como fala besteira! Só consegue repetir lugares comuns de torcedores. E o narrador não sabe o nome dos jogadores do Tupi. A transmissão da Alterosa traz boas imagens, mas vê-se que é improvisada.
  • 11 – Thiago Ribeiro disputa a bola com Fabrício Soares, dentro da área, pela direita, e cruza. O goleiro sai na cobertura do beque e o arco fica vazio. Wellington Paulista, no segundo poste, sobe e cabeceia livre, pras redes. Cruzeiro 3×0.
  • 13 – Vibrantinho comentando nem como piada serve. Dirceu Lopes, embora não tenha bocabilidade de microfonista, ao menos fala com o conhecimento de quem foi um dos maiores jogadores da história do futebol brasileiro.
  • 15 – Gramado da Arena do Jacaré é melhor do que a maioria dos gramados dos estádios sul-africanos nos quais se joga a Copa do Mundo.
  • 18 – Robson desarma Gilberto e chuta da meia lua. Bola passa raspando o travessão.
  • 19 – O locutor da Alterosa não sabe o nome dos jogadores do Tupi. E eu não sei o nome dele. Empatamos!
  • 20 – Roger Galera cruza da direita, defesa corta.
  • 22 – Sidinei chuta de fora da área, Fábio encaixa.
  • 23 – Rizzo dá uma lenhada em Thiago Ribeiro no meio de campo e recebe cartão amarelo.
  • 24 – Faltas: Tupi 4×3.
  • 25 – Thiago Ribeiro divide com goleiro, bola sobra para Diego Renan, que passa a Thiago Ribeiro. Impedido, o atacante toca pras redes. Não vale.
  • 26 – Muller recebe lançamento nas costas da zaga, entra livre na área obrigando Fábio a defender a bola a seus pés.
  • 28 – Michel Lima cruza da direita, Muller cabeceia, Fábio defende.
  • 29 – Robson recebe na entrada da área e chuta por cima do travessão.
  • 30 – Trinta minutos, trinta vezes Vibrantinho citou Adílson Baptista.
  • 31 – Impedimentos: Tupi 4×3.
  • 32 – Thiago Ribeiro lança Jonathan, que é desarmado pela zaga.
  • 38 – Marcel chuta cruzado, Fábio defende.
  • 39 – Michel chuta de fora da área, por cima do travessão.
  • 40 – Finalizações: Tupi 7×6.
  • 42 – Fabrício Soares desarma WP e recua pra Gonçalves que dá um chutão pra fora da área.
  • 43 – Roger Galera cruza da esquerda, Thiago Ribeiro conclui, bola fica nas redes, pelo lado de fora.
  • 45 – André cobra escanteio pela direita, Caçapa desvia pra novo escanteio. Nova cobrança, bola fica com Roger Galera, fora da área.
  • 46 – Fim de 1º tempo. Após 15 minutos de entusiasmo, quando pegou o Tupi desarvorado após a epopéia pra chegar a Sete Lagoas, o Cruzeiro diminuiu o ritmo e o time de Juiz de Fora conseguiu alguns arremates importantes.
  • Fabrício Soares: “O atraso na viagem atrapalhou oi Tupi, mas o amistoso é importante para preparar o time para o jogo contra o Madureira.”
  • Wellington Paulista: “Estava triste, mas não desmotivado. Coma chegada do Cuca, voltei a fazer meus golzinhos.”
  • Cleber Mendes, no PHD: “Opa, o grande Dirceu Lopes, o Dez de Ouros comentando? Já estou acessando o Superesportes só pra ouvir seus comentários. Ver e ouvir o ídolo Lopes comentando na transmissão é emocionante.”
  • Frede Amaral, no PHD: “Depois o povo não sabe por que a Globo é líder de audiência. Que lixo de transmissão!”
  • Diogo Lara, no PHD: “Poxa, a transmissão não está tá tão má. Tem câmera do impedimento e até microcâmera nos gols.”

Lances + importantes do 2º tempo

  • 21h55- Começa o 2º tempo.
  • 00 – Pedro Ken substitui Roger Galera.
  • 01 – Gustavo Sobrinho: “É só o Roger ter uma sequência de 40 jogos que ele pega ritmo de jogo e vai começar a voar em campo.”
  • 04 – Thiago recebe na entrada da área, corta a zaga e chuta à esquerda do arco do Tupi.
  • 05 – Eládio substitui Gonçalves. Leo Salino substitui Michel.
  • 06 – Michel Lima cobra escanteio pela direita, defesa celeste corta.
  • 09 – Denílson passa a Michel Lima que cruza da direita. Cláudio Caçapa cabeceia pra escanteio.
  • 10 – Escanteio cobrado pela direita, não aparece atacante do Tupi pra concluir.
  • 12 – Robert substitui Gilberto.
  • 13 – Maguinho substitui Denílson.
  • 15 – Marquinhos Paraná substitui Henrique. Fabinho substitui Fabrício.
  • 16 – Cassiano substitui Robson.
  • 17 – Jonathan passa a Wellington Paulista, que chuta para o gol mas a bola vai pra lateral da área.
  • 18 – Robert recebe passe de Jonathan, mas não consegue concluir e é desarmado pela bequeira carijó.
  • 19 – Faltas: Tupi 9×7. Udson substitui Muller.
  • 20 – Elicarlos substitui Thiago Ribeiro.
  • 21 – Diego Renan tenta jogada pela esquerda, bola escapa pela linha de fundo.
  • 22 – Javier Reina substitui Diego Renan.
  • 23 – Quem acompanha esse Vibrantinho na Alterosa? Mais de uma hora falando platitudes. Impressionante. Nenhuma análise tática ou técnica.
  • 24 – Michel Lima chuta de longe, Fábio defende.
  • 25 – Robert lança Wellington Paulista, Eládio sai do arco e defende.
  • 30 – Isto não é jogo, não é treino, nem chega a ser uma pelada. É palhaçada. Perda de tempo. Brincadeira de mau gosto.
  • 31 – Rafael Monteiro substitui Fábio. Gilmerson substitui Jonathan. Sebá substitui Wellington Paulista.
  • 33 – Helder substitui Gil. Eber substitui Cláudio Caçapa.
  • 34 – Delano substitui Fabrício Soares.
  • Evandro Oliveira: “Estou na Arena do Jacaré. Houve uns 20 minutos de futebol no 1º tempo. Depois, ficou muito ruim. Tem jogadores no Cruzeiro que não conseguem se explicar. E o time do Tupi é muito ruim!”
  • 37 – Javier Reina chuta de fora da área, bola sai do estádio.
  • 38 – Rodrigo substitui Michel.
  • 40 – Antijogo de futebol. Times completamente desentrosados não conseguem articular jogadas.
  • 41 – Matheus Reis: “Minha nossa! Um internauta pergunta se o Cuca observa as categorias de base. O narrador diz: ‘Ô Sônia, você sabe dizer se o Cuca tem essa visão futurista?’”
    44 – Eber cobra falta do bico da área, pela direita, à meia altura, elo lado da barreira. Eládio defende com dificuldade no canto esquerdo.
  • 46 – Eber invade a área e tenta concluir, mas é abafado por Eládio. Bola sobra para Sebá que, sozinho na cara do gol, chuta no poste direito.
  • 49 – Fim de jogo. Ufa! Deprimente. Fábio voltou da cirurgia pra extrair o apêndice em forma, Jonathan correu bastante e fez um gol, Henrique jogou como se a partida valesse alguma coisa e Wellington Paulista fez dois gols. Foram os melhores do Cruzeiro. Michel Lima com jogadas pela direita e Robson, que deu trabalho à bequeira celeste, foram os destaques do Tupi.
  • Elias Guimarães, no PHD: “De bom: estava com saudades de ver o Cruzeiro jogar. Me pareceu bom o gramado e a iluminação. A torcida fica em cima. De ruim: esse comentarista que nem nome tem, só apelido emprestado do pai. Como dizem aqui no interior: ‘Vai assombrar porco!'”
  • Simone Castro, no PHD: “Ah, segundo tempo muito mexido, totalmente modificado, só para observar e testar mesmo…”
  • Mauro França, no PHD: “Acho que nem pra isso serviu. O Cuca pode observar nos treinos. Testar, só em jogos. Na minha opinião, foi uma tremenda perda de tempo. Uma palhaçada, como o Síndico escreveu. E pra piorar, narração e comentários sem noção.”
  • Cuca, treinador do Cruzeiro, no Superesportes: “Montamos a equipe como a gente imagina. Estivemos bem, fomos compactos, fizemos um bom treino, principalmente pelo começo do jogo, pela grande volúpia, uma vontade de fazer logo o gol. Acabaram acontecendo três em 20 minutos. Aí, lógico, é natural, dar uma relaxada. A equipe adversária também encaixou bem e foi um bom treino. O 1º tempo foi muito bem jogado, foi um bom teste, um bom treino. É lógico que está em ritmo de treinamento e saíram jogadas em velocidade, por um lado, por outro, infiltrações e não tivemos grandes sustos. Foi uma ou outra falha, quanto estivemos atrás, até por mérito do Tupi. A gente sai feliz, contente, porque as coisas estão saindo como imaginamos e a evolução vai acontecer naturalmente. Quarta-feira, estaremos melhores do que hoje e assim  sucessivamente. Lógico que há situações que precisamos melhorar. Podemos corrigir atrás também, passar um pouco mais a linha da bola, pra ficaros um pouquinho mais encorpados. São coisas que naturalmente vão se encaixando. Pra um primeiro treino, em cima de tantos trabalhos que eles estão fazendo, foi muito bom.”

Cruzeiro 3×0 Tupi, sexta-feira, 20h15, Arena do Jacaré, em Sete Lagoas, amistoso com portões fechados devido às obras do estádio – Transmissão: TV Alterosa e Portal Uai (site Superesportes) – Juiz: Carlos Inácio Vítor (FMF) – Bandeiras: Breno Rodrigues (FMF) e Douglas Almeida Costa (FMF) – Amarelo: Rizzo (Tup) – Gols: Jonathan, 35seg, Wellington Paulista, 6 e 11 do 1º tempo – Cruzeiro: Fábio (Rafael Monteiro); Jonathan (Gilmerson), Gil (Helder), Cláudio Caçapa (Eber) e Diego Renan (Javier Reina); Fabrício (Fabinho) e Henrique (Marquinhos Paraná); Roger Galera (Pedro Ken) e Gilberto (Robert); Wellington Paulista (Sebá) e Thiago Ribeiro (Elicarlos). Tec: Cuca / Tupi: Gonçalves (Eládio); Michel Lima, Rizzo (João Júnior), Fabrício Soares (Delano) e Michel (Rodrigo); Denílson (Maguinho), Marcel (Assis), Sammuel (Leo Salino) e Sidinei (Felipe Santos); Muller (Udson) e Robson (Cassiano). Tec: Jordan de Freitas – Histórico – Foi o 58º Cruzeiro x Tupi. O Cruzeiro venceu 37 partidas, empatou 15, perdeu 6, marcou 137 gols, sofreu 48. Desde 1958, pelo Campeonato Mineiro, em 41 jogos, o Cruzeiro venceu 29, empatou 11, perdeu 1. Os dois clubes jamais decidiram um título entre si.

Cruzeiro 2×1 América-TO: Dragão bufou e perdeu

sábado, 20 de março de 2010

No Cruzeiro, que está em 1º lugar com 21 pontos, 2 acima do 2º colocado, o Ipatinga, retornam Gilberto e Guerron.

No América, que está  em 9º com 6 pontos, um jogo a menos, 5 pontos atrás do G8 e 2 a frente da zona de rebaixamento, não atuam Juliano Cabelo, contundido, e Araújo, suspenso.

Lances + importantes do 1º tempo

  • 17h – Começa o jogo. Cruzeiro com uniforme tradicional defende o Gol da Cidade. América joga todo de vermelho. 
  • 01 – Gilberto cruza, Rodrigo Sena corta.
  • 02 – Marquinhos Paraná tabela com Gilberto, invade a cruza para Kleber. Sena corta.
  • 03 – Júlio César lança Diogo Oliveira, Fábio sai da área pra cortar com o peito.
  • 04 – Jonathan cruza,da doreita, Gilberto pega de primeira, bola passa por cima do travessão.
  • 05 – Cruzeiro toca bola à espera de espaços para surpreender o América.
  • 09 – Wellington Paulista lança bola sobre a área, Sena corta.
  • 10 – Kleber recebe, de costas na intermediária, e sofre a falta.
  • 11 – Gilberto cobra falta sobre a área, Fábio Noronha defende.
  • 13 – Gilberto lança Marquinhos Paraná, que vai á linha de fundo e cruza. Jadson cede escanteio.
  • 14 – Gilberto cobra escanteio da ponta direita, Leonardo Silva cabeceia por cima do travessão.
  • 15 – América joga num 5-3-2, pois seus dois alas não saem muito para o ataque. Cruzeiro está aramdo num 4-2-2-2. Marquinhos Paraná, mais adiantado do que Fabinho e Henrique, arma o time ao lado de Gilberto, que pouco se movimenta. 
  • 16 – Osvaldir desce pela ponta direita, cruza, mas a bola escapa pela linha de fundo.
  • 19 – Diego Renan desarma Sena, avança pela esquerda, entra na área, cruza, mas Luis Henrique corta.
  • 20 – América pressiona e opbtém três escanteios pela direita. Fabinho, Marquinhos Paraná e, novamente, Fabinho, afastam as bolas cruzadas, de cabeça.
  • 21 – Kleber recebe na área, mas é desarmado por Jadson.
  • 22 – Chrys cruza, Diego Renan, na pequena área, corta.
  • 23 – Kleber invade a área pela direita, cruza pra trás, Henrique desvia de cabeça, Jadson corta.
  • 24 – Júlio César desce pela equerda, cruza, mas Diogo e Chrys não alcançam a bola, embora estejam sozinhos na área.
  • 25 – América domina a partida com forte marcação, ultrapassagens bem ensaiadas e  lançamentos precisos. Cruzeiro se enrola na tentaiva de furar o bloqueio defensivo do Dragão. Kleber e Gilberto estão apáticos.
  • 26 – Chrys recebe lançamento de Diego Palhinha, nas costas da zaga, deixa Fabinho pra trás, e chuta rasteiro no canto esquerdo de Fábio. América 1×0.
  • 27 – Jonathan cruza, Wellington paulista comete falta em Sena.
  • 29 – Diego Renan avança pelo meio e é parado com falta na intermediária.
  • 30 – Cruzeiro está muito mal. Kleber e Gilberto sem inspiração. Ataque imnoperante, defesa sendo surpreendida com lançamentos em suas costas.  
  • 31 – Júlio César puxa contra-ataque, invade a área pela direita e cruza rasteiro. Thiago Heleno corta.
  • 32 – Marquinhos Paraná lança Diego Renan, que recebe falta. Gilberto cobra, Henrique cabeceia, Luís Henrique corta.
  • 33 – Dioogo Oliveira lança Júlio César, que avança pela direita e cruza. Thiago Heleno corta.
  • 34 – Gilberto cobra escanteio na ponta direita, Fábio Noronha corta a bola com os punhos.
  • 35 – Gilberto cruza rasteiro, Jadson corta antes que Wellington Paulista alcance a bola.
  • 36 – Osvaldir cruza da direita, Fábio assiste a bola sair por cima do travessão.
  • 38 – Gilberto recebe lançamento de Wellington Paulista, livre na área, e chuta rasteiro. Fábio Noronha sai do arco e abafa a jogada evitando o gol de empate.
  • 39 – Marquinhos Paraná cruza da esquerda, Gilberto tenta arrematar de bicileta, mas não acerta a bola.
  • 40 – Cruzeiro pressiona, mas a zaga do América rebate as bolas alçadas na área.
  • 43 – Diego Renan cruza, mas Gilberto é desarmado na entrada da área.
  • 44 – Jonathan lança Kleber na área. Ele chuta cruzado, mas dois beques do América se atiram na bola e cedem escanteio.
  • 45 – Kleber recebe cartão amarelo por reclamação.
  • 46 – América toca bola na ponta-esquerda. Júlio César cruza, Diego Renan corta.
  • 47 – Fim de 1º tempo. Time celeste sai de campo vaiado.
  • Diego Renan: “Temos que conversar pra melhorar o time.”
  • Fábio: “O jogo está muito cadenciado e o América tiora vantagem disso tocando bem a bola.”

Lances + importantes do 2º tepo

  • 18h06 – Começa o 2º tempo. Equipes inalteradas.
  • 01 – Jonathan cruza da ponta direita, Gilberto cabeceia, Fábio Noronha salta e defende no canto direito, com dificuldade.
  • 02 – Marquinhos Paraná tabela com Kleber, que serve Wellington Paulista. O centroavante chuta forte, de canhota. Noronha faz grande defesa evitando o gol de empate.
  • 04 – Fabinho comete falta dura em Diego Palhinha e recebe cartão amarelo.
  • 05 – Jadson derruba Kleber e recebe cartão amarelo.
  • 06 – Kleber cruza rasteiro, Luís Henrique corta na pequena área.
  • 07 – Diego Renan comete falta em Chrys para impedir contra-ataque e recebe cartão amarelo.
  • 08 – Leonardo Silva reclama do Juiz e recebe cartão amarelo. Jonathan lança Fabinho, que cruza. Noronha defende.
  • 09 – Dênis cobra falta de longe, bola passa por cima do travessão.
  • 10 – Kleber invade a área pela esquerda, mas é desarmado por Jadson.
  • 11 – Roger Secco substitui Gilberto. Henrique é derrubado no bico da área. Jonathan cobra falta, Júlio César corta.
  • 12 – Guerrón substitui Diego Renan. Marquinhos Paraná fioca na lateral-esquerda.
  • 14 – Após tabelar com Henrique, Jonathan rola para Roger, que na meia lua, dribla Rodrigo Sena e chuta forte, de pé direito, rasteiro. A bola entra no canto direito de Fábio Noronha. Cruzeiro 1×1.
  • 15 – Guerrón cruza da direita, Noronha defende, cai, faz um pouco de cera.
  • 16 – Henrique lança Guerrón, que invade a área e cruza. Júlio César corta pra escanteio.
  • 17 – Dênis derruba Kleber e recebe cartão amarelo.
  • 18 – Roger fica caído no gramado e sai de campo no carrinho-maca pra ser atendido.
  • 19 – Jonathan lança Guerrón, que vai à linha de fundo e cruza na cabeça de Wellington Paulista. Noronha sai pra defender, choca-se com o centroavante, cai e o Juiz marca falta de ataque.
  • 21 – Thiago Heleno erra  um passe no meio de campo, Diego Palhinha parte em contra-ataque, mas é derrubado por Marquinhos Paraná, que recebe cartão amarelo.
  • 22 – Guerrón tenta driblar Júlio César, mas o lateral corta pra escanteio.
  • 24 – Guerrón avança pela direita, cruza rasteiro, Wellington Paulista ajeita de calcanhar, Fabinho é desarmado quando tenta o arremate.
  • 26 – Kleber lança rasteiro pra Roger na área. Fábio Noronha sai do arco e fica com a bola.
  • 27 – Pablo comete falta em Kleber e recebe cartão amarelo.
  • 28 –  Jogadores do América estão cansados. Começam a cair com frequência sentindo câimbras.
  • 29 – Stefan substitui Diogo Oliveira. Guerrón cai pela esquerda, impedindo que o América avance por este setor.
  • 30 – Eraldo substitui Diego Palhinha. Guerrón lança Kleber, que cruza da esquerda. Noronha defende.
  • 31 – Jonathan lança Henrique, Noronha sai e protege a saída da bola pela linha de fundo.
  • 32 – Luis Henrique recebe lançamento na entrada da área e chuta colocado no canto esquerdo. Fábio faz ponte pra defender.
  • 33 – Júlio César retarda o recomeço de jogo e recebe cartão amarelo.
  • 34 – Pedro Ken substitui Roger Secco, que deixa o campo mancando, com dores no tornozelo.
  • 35 – Manu substitui Luis Henrique.
  • 36 – Henrique tenta lançar Pedro Ken dentro da área, mas Dênis corta de cabeça. A bola fica com Kleber que, na meia lua, corta Júlio César e chuta forte, de pé esquerdo, no ângulo esquerdo do arco de Noronha. Cruzeiro 2×1.
  • 37 – Henrique comete falta em Crhys e recebe cartão amarelo.
  • 38 – Guerrón entra driblando na área, Sena corta. Torcida canta alto.
  • 39 – Fabinho chuta de fora da área, por cima do travessão.
  • 40 – Wellington Paulista chuta de fora da área, bola passa por cima do travessão.
  • 43 – Henrique lança Kleber, que chuta cruzado, da esquerda. Bola fica na rede, pelo lado de fora.
  • 45 – Pedro Ken comete falta em Osvaldir e recebe cartão amarelo.
  • 47 – Henrique chuta de fora da área, bola sai à esquerda de Fábio Noronha.
  • 48 – Thiago Heleno comete falta por trás em Stefan e recebe cartão amarelo.
  • 49 – Fim de jogo. Na Itatiaia, Fabinho, com voto de minerva de Alberto Rodrigues, vence Adílson Baptista por 3×2, é escolhido o melhor em campo e ganha um MP4. Na Globo / CBN, Kleber é eleito o melhor em campo.
  • Fabinho: “No 1º tempo, todo mundo estava sonolento, mas o time mostrou que tem poder de reação.”
  • Jonathan: “No intervalo, Adílson Baptista deu uma bronca no vestiário, mas o time está cansado de tantas viagens.”
  • Fábio: “Nosso time esteve moroso no 1º tempo permitindo que o adversário crescesse e fizesse um gol. Se não jogarmos nosso melhor futebol, vamos ser surpreendidos outras vezes.”
  • Fábio Noronha: “Jogamos bem, mas faltaram pernas no 2º tempo. O gramado é grande, e o Cruzeiro faz o adversário correr atrás da bola até cansar. Estou muito feliz em Teófilo Otoni, pois o time tem estrutura e paga em dia. Um clube assim merece ficar na 1ª divisão. Vamos lutar por isto.”

Cruzeiro 2×1 América TO, sábado, 20mar10, 17h, Mineirão, Belo Horizonte, 10ª rodada do Campeonato Mineiro – Transmissão: Pague-pra-ver – Público: 7.671 pagantes, 9.1o5 presentes – Renda: R$109.589,85 – Juiz: Joel Tolentino Damata Júnior (FMF) – Bandeiras: Márcio E. Santiago (FMF) e Pablo Almeida Costa (FMF) – Amarelos: Leonardo Silva, Henrique, Diego Renan, Kleber, Fabinho, Thiago Heleno, Pedro Ken (Cru); Jadson, Dênis, Pablo, Júlio César (Ame) – Gols: Chrys, 25 do 1º tempo; Roger Secco, 14, Kleber, 36 do 2º – Cruzeiro: Fábio; Jonathan, Thiago Heleno, Leonardo Silva e Diego Renan (Guerrón); HenriqueFabinho e Marquinhos Paraná; Gilberto (Roger Secco, depois, Pedro Ken); Kleber e Wellington Paulista. Tec: Adílson Baptista / América: Fábio Noronha; Osvaldir, Luis Henrique (Manu), Jadson, Rodrigo Sena e Júlio César; Denis, Pablo e Diego Palhinha (Eraldo) e Júlio César; Chrys e Diogo Oliveira (Stefan). Tec: Gilmar Estevam Histórico – Foi o 1º jogo entre ambos. O Cruzeiro conmeça a história do confronto com 1 vitória, 2 gols a favor, 1 contra.

Gilberto ou Roger?

sábado, 6 de março de 2010

Nos tempos do DJ, o Cruzeiro jogava com dois volantes, que saiam pro jogo o tempo todo.

O time estraçalhava adversários, mas não segurava placar. Nem mesmo 3×0 em casa dava sossego à torcida.

Adílson Baptista acrescentou um volante à formação celeste e o time melhorou. Continuou ofensivo, mas com desempenho defensivo superior ao da esquadra anterior.

(mais…)