Sudáfrica 2×1 França: Com chave de ouro

Por SÍNDICO | Em 22 de junho de 2010

Às 11h (Brasília), no Free State, em Bloemfontein, Sudáfrica e França jogam em busca de uma improvável classificação no Grupo A.

Quem vencer, fará contas pra ver se ultrapassa, no saldo de gols, o derrotado no México x Uruguai. Em caso de empate, os dois times assistirão no sofá o restante do torneio.

Lucas Reis no UOL Esportes: “Temperatura de 15ºC no Free State Stadium, em Bloemfontein. Domenech escala Clichy, Cissé e Squillaci como titulares; Henry está fora. Capitão Evra foi barrado após discutir com o preparador físico da seleção francesa. Diarra assumiu a braçadeira. Após tomar as manchetes com seguidas polêmicas, a França lembra que precisa jogar bola. Os Bleus correm risco de repetir o fiasco de 2002, quando se despediram do Mundial ainda na 1ª fase e sem fazer gols. Embora os problemas sul-africanos sejam bem menores, Parreira sente a pressão pelo desempenho abaixo do esperado da equipe, que pode entrar para a história como a primeira anfitriã eliminada na fase inicial.”

Público: 39.415.

*****

Eis como L’Équipe viu Sudáfrica 2×1 França:

Pas de miracle

L’équipe de France a bouclé son Mondial par une nouvelle contre-performance contre l’Afrique du Sud (1-2). Les deux nations sont éliminées. 

Pas de miracle. L’équipe de France a été officiellement éliminée de la Coupe du monde, mardi après-midi. Attendus au tournant après les épisodes de ces derniers jours, les Bleus se sont une nouvelle fois montrés incapables de répondre présents contre l’Afrique du Sud (1-2). Dès la vingtième minute, l’ouverture du score de Khumalo a contrarié leurs illusions de relever un peu la tête. L’expulsion sévère de Gourcuff six minutes plus tard (26e) les a définitivement éteintes. Et dire que l’Uruguay avait joué le jeu contre le Mexique (1-0)…

Les Bleus quittent l’épreuve sur une nouvelle fausse note. Comme en 2002, leur bilan est tout simplement désastreux : aucune victoire, un nul et deux défaites. Surtout, ils ne seront pas parvenus à atténuer – ne serait-ce qu’un peu- la tâche indélébile laissée par leur mouvement de grève lancé aux yeux du monde dimanche après-midi. La réputation de l’équipe de France était en jeu sur ce match, avait affirmé Raymond Domenech lundi soir. On lui laisse le soin d’en tirer les conséquences.

Avec un onze fortement remanié, sans Evra ni Abidal, les Bleus auront affiché face à des Sud-Africains survoltés les mêmes lacunes que lors de leur précédent match contre le Mexique : une fébrilité défensive édifiante, des erreurs individuelles inquiétantes – celles de Lloris et Diaby notamment-, le tout accompagné d’un manque d’efficacité toujours aussi handicapant. A l’agonie pendant plus d’une heure, ils peuvent s’estimer heureux que seul Mphela (37e) soit parvenu à enfoncer le clou. La réduction du score de Malouda restera anecdotique. Elle ne suffira évidemment pas à laver l’honneur des Bleus. – E. T., à Bloemfontein (Afrique du Sud)

23 comentários para “Sudáfrica 2×1 França: Com chave de ouro”

  1. Hermes disse:

    França vence, mas é o Mauro.

    • Mauro França disse:

      O França desistiu de torcer pra França.

      • Leo Vidigal disse:

        Tarefa ingrata, essa. Não torci contra, mas também não a favor. Mas o Galvão deve estar soltando foguetes agora…

  2. Rogério disse:

    O jogo México x Uruguai vai ser duro, duro de ver.. Vai sair gol só por milagre.

    • Hermes disse:

      Sei não, quem ficar em segundo vai pegar a Argentina. Nenhum dos dois vão querer isso.

      • Rogério disse:

        Melhor pegara a Argentina que já voltar para casa na primeira fase.

      • Sobrinho disse:

        Uruguai joga pelo empate para ficar em primeiro. Quem tem que sair para o jogo é o Mexico.

      • Rogério disse:

        Pois é, e dificilmente isso vai acontecer, pode até ser que dependendo do andamente do jogo da França o México resolva atacar.

      • claudio(xina)lemos disse:

        O Uruguai tá ganhando de 1×0.

  3. Claudinei Vilela disse:

    “perdedor de MexicoxUruguai”, certo?

  4. mariana disse:

    Tô torcendo pra Afríca do Sul.

  5. Leo Vidigal disse:

    Bonjour tristesse! Domenech sans notion…

  6. Leo Vidigal disse:

    A Azania vacilou contra os astecas, tinham tudo para vencer aquele jogo. Hoje também perderam muitos gols. E se continuar assim o torneio vai virar Copa América…

  7. Arthur disse:

    Au revoir, le coq français, qui porte ce nom ne pourrait que donner même dans l’échec!

  8. Leo Vidigal disse:

    Não se pode elogiar o Bobo Farinha… Acabou de colocar o Juninho PE na Copa de 2002, quando foi o outro, o queixada…

    • Leo Vidigal disse:

      Isso porque ele foi elogiado pelo cara que narrou o jogo no SporTV, chamando o Faria de poliglota.

  9. Leo Vidigal disse:

    Domenech não quis responder uma pergunta sobre os problemas internos da seleção, simplesmente dizendo que já havia respondido antes. E que o Abidal não quis mais jogar fora a posição que joga no Barça.

    • Leo Vidigal disse:

      Juninho PE: “O grande defeito do Domenech foi que ele abusou do poder”.

      • Leo Vidigal disse:

        Aliás o Juninho está se mostrando bastante articulado, informado e com opiniões firmes. Disse que tem o objetivo de ser treinador e a situação da França o faz pensar com mais cuidado no assunto.

  10. Leo Vidigal disse:

    Domenech também foi deselegante com o Parreira no final do jogo. Vamos ver se ele vai comentar o incidente. O mal-educado se recusou a cumprimentar o treinador brasileiro, que o puxou para saber o motivo. O francês ficou apontando algo, segundo o Juninho diizendo que o time dele tinha jogado melhor, o que não é verdade. Falta de educação, de espírito esportivo e vergonhoso para o povo francês.

    • Leo Vidigal disse:

      Parreira comentou sim, perguntado por um jornalista brasileiro, sobre isso, dizendo que foi lamentável, que o técnico francês teria dito que o Parreira teria dito que a França não merecia a classificação. Muito disse-me-disse, se o Parreira disse o que não se lembra de ter dito, tinha razão. Para ele, a Azania não se classificou por “algumas polegadas”, se referindo a duas bolas na trave, uma no primeiro e outra no segundo. E teve outra no jogo de hoje. Tranquilo, com sentimento de missão cumprida, ao que parece.