Saia justa

Por Jorge Angrisano Santana | Em 8 de dezembro de 2009

Drummond escreveu Quadrilha:

João amava Teresa que amava Raimundo
que amava Maria que amava Joaquim que amava Lili
que não amava ninguém.
João foi para os Estados Unidos, Teresa para o convento,
Raimundo morreu de desastre, Maria ficou para tia,
Joaquim suicidou-se e Lili casou com J. Pinto Fernandes
que não tinha entrado na história.

O blogueiro, desprovido de qualquer talento, tentou plagiá-lo.

Juca adora o Alixandre,
que assinou os papéis com Wanderley,
que não cruza os bigodes com o Juca.
Saia justa. Justíssima.

Desisto. Não tenho vocação pra poetar. Só pra amolar.

Deixe um comentário

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.