Rafael salvou a pátria, com duas defesaças

Por SÍNDICO | Em 17 de abril de 2017

ATUAÇÕES dos protagonistas de AMERICA 1×1 CRUZEIRO, neste 16abr17dom16h, no Independência, Belo Horizonte, ida das semifinais do Mineiro 2017.

TORCIDA CELESTE, em tamanho, foi menos da metade da que compareceu ao jogo da fase classificatoria. Em vibração, igual.

RAFAEL fez duas defesas e garantiu o empate.

MAYKE perdeu uma bola, que resultou num lance de quase-gol dos pompons. Nas demais participações esteve bem. Saiu no intervalo, com dores lombares, devido a um tostão, segundo o treinador.

LEO fez outra partida perfeita.

MANOEL, vigoroso e rápido, não cometeu erros significativos.

BARBOSA passou aperto com as jogadas de Auro e Amorim pelo seu lado. Sobreviveu ao duelo e ainda serviu Neves pro gol de empate, com um cruzamento perfeito.

HUDSON no conseguiu parar Renan ligeira e, na etapa final, improvisado na lateral direita voltou a sofrer com o ataque pompom. De bom, o espirito de luta.

NEVES fez o gol, em jogada de centroavante nato, o que não é seu caso. Afora isto, lutou, mas pouco conseguiu criar.

ARRASCAETA, com o time prendendo a bola e permitindo-vos que o America estivesse sempre inteiro na defesa, não teve espaços nem companheiro com quem jogar. Tentou uma ou outra jogadas saiu mais cedo.

RAFINHA limitou0se a fechar corredor, correr atras dos defensores e meio-campistas, sem incomodar a defesa adversária.

SOBIS fez de tudo um pouco, menos exercer a centroavancia. Correi por todos os lados, mas nunca esteve pronto pra arrematar as poucas jogadas ofensivas do time.

ABILA entrou no fim, provavelmente, pra impedir que os beques do Coelho fossem pro abafa. Não recebeu uma so bola pra arrematar.

HENRIQUE entrou na etapa final e jogou conservadoramente, sem passar muito do meio de campo, privilegiando sempre a marcação.

ALISSON ajudou a marcar, como todos os atacantes e meias.

MANO não armou o time pra vencer a qualquer custo. Cuidou, antes, de manter a vantagem de jogar por dois placares iguais. E, assim, viu o America se animar a atacar e criar boas chances de gol. No fim, alegou que o time estava cansado.

CRUZEIRO desagradou aa torcida, que sempre espera do time jogo ofensivo. Preocupou-se mais em marcar e ficar com a bola e, assim, acabou dominado e esteve a um Paso de perder a vantagem.

AMÉRICA esteve mais perto da vitoria do que poderia imaginar, mas não soube aproveitar três chances claras de gol. Não foi muito incomodado na defesa, equilibrou a disputa na medica e foi perigoso no ataque, principalmente com Auro e Amorim pela direita.

ÁRBITROS não cometeram erros relevantes.

  • MelhorDoJogo => RAFAEL [[[29]]] Matarelli, Carneiro, Polaco, Rosan, Bitencourt, Vilela, Marcoalex, Espigåo, Velame, Braga, Soalheiro, Burian, Campos, Oliveira, Schrier, Dulce, Teixeira, Dourado, Viana, Maury, Velloso, Walterson, Palmeira, Anchieta, Penido, Bastos, Celeste, Patricia, Dudu —– CABRAL [[[10]]] Wallace, Fernandao, Chaves, Jotape, Wagner, Rocha, França, Terenzi, Barnabé, Sindico —– BARBOSA [[[3]]] Klauss, Morato, Pepe —– RAFINHA [[[1]]] Pedro

79 comentários para “Rafael salvou a pátria, com duas defesaças”

  1. rosan amaral disse:

    RAFAEL

  2. Miguel Tolentino disse:

    Assusta esse discurso do treinados sobre cansaço já no início da temporada, ainda mais num ano que será marcado por inúmeras competições sendo disputadas em concomitância. Ora se já no início o discurso é este, que dirá no momento mais desgastante por vir neste calendário. Trata-se de um uso antecipado da muleta para justificar o futebolzinho meia bomba do qual estamos nos acostumando a ver como marca do Mano Menezes em 2017. Quem tem elenco não deve se queixar de cansaço, com exceção da lateral-esquerda o time tem ótimas opções de suplência, portanto, essa conversinha mole de 72 horas de descanso não pode ser levada a sério. Afinal, uma hora o Cruzeiro faz meio a zero porque os atletas estavam se poupando para um jogo futuro, outra hora empata por desgaste, pelo visto as muletas já estão dadas.

    • Bruno 7L RJ disse:

      Cansaço é um sim justificativa. Mas concordo contigo que utilizar essa justificativa com bons suplentes no banco, fica parecendo desculpa esfarrapada.

    • Matheus Chaves disse:

      Tolentino, você falou tanta asneira que pra te esclarecer só com o Síndico mesmo.

      • Miguel Tolentino disse:

        Francamente, o Cruzeiro tem material humano para num rodízio inteligente de jogadores apresentar muito mais que esse futebolzinho medíocre e dependente da incompetência do adversário para concluir a gol ou de um RAFAEL inspirado. O fato do treinador ter tido sorte nos poucos testes da temporada não consegue esconder que o o Cruzeiro com exceção do primeiro clássico não teve se quer uma boa apresentação na temporada.

      • Bruno 7L RJ disse:

        Eu gostei muito da apresentação contra o Nacional.

      • Miguel Tolentino disse:

        Em se tratando do lanterna do campeonato paraguaio e pelas dificuldades apresentadas pelo Cruzeiro na partida como mandante, nem de longe considerei aquilo uma grande atuação, apesar de ser elogiável o poder de reação da equipe.

      • Bruno 7L RJ disse:

        A posição da equipe nem sempre reflete a qualidade desta. Ou vc diria que o Inter, recem rebaixado, é/era pior que Chape, Vitória e outras babas?

  3. Bruno 7L RJ disse:

    Afinal, Cabral jogou mal ou jogou bem? Nunca vi tanta discórdia nas opiniões. Enfim, tirarei minhas próprias conclusões hoje, quando verei o jogo.

    • Flavio Carneiro disse:

      Para mim ninguém se destacou, exceto o Rafael, que fez 2 grandes defesas. O time foi homogêneo na lentidão, erros de passes e falta de criatividade. O empate acabou ficando de bom tamanho para nós!

    • Miguel Tolentino disse:

      Na transição ofensiva funcionou bem, foi um dos raros organizadores de saída de bola do Cruzeiro. Verdade seja dita, sem o Robinho o futebol do Ariel aparece, ele ocupa a posição em campo de qualificador nesse passe. Defensivamente mais uma lástima, o gol do coelho foi nas suas costas e outros lances que levaram perigo a meta celeste.

  4. Flavio Carneiro disse:

    O time em campo não correspondeu. Além do cansaço, acho que houve sobretudo um acomodamento do time, o que pode acontecer quando se está disputando 2 competições paralelamente, sendo uma bem mais importante do que a outra. O fato é que o time não jogou bem e merecia até perder, se considerarmos a produção dos 2 times em campo.

    • Flavio Carneiro disse:

      Não vi nenhum destaque “na linha”, por isso meu voto vai para o RAFAEL, com 2 defesas salvadoras.

    • Miguel Tolentino disse:

      Acomodado, a expressão que melhor qualifica os comandados de Mano Menezes, um time que se satisfaz com muito pouco. O mínimo do mínimo em campo, que algumas vezes é suficiente para vencer por um placar magro em outras garante empates e pressão de equipes de inferior qualidade técnica.

  5. Leonardo Matarelli disse:

    RAFAEL.

  6. CHAVES disse:

    CABRAL foi o melhor em campo numa tarde muito ruim de quase todo mundo, Mano incluso. Rafael foi o herói do jogo.

  7. Vou resumir a fala do Mano em 3 linhas: 1- Cruzeiro jogou no meio de semana e o América folgou, qdo a parte física foi exigida o Cruzeiro sentiu mais; 2- Mesmo com bom elenco, mudar o time demais em momento decisivo com jogador sem ritimo por por tudo a perder; 3- Com o q tínhamos, levamos o jogo do jeito q deu até o fim e buscar o empate eh pra comemorar com os jogadores! CONCORDO com tudo! Ano passado saímos pró América porque o Cruzeiro abriu demais no primeiro jogo e levou 2×0. Mano sabe jogar com o regulamento….Agora, falar em displicência, falta de vontade, e bla bla bla eh conversa fiada!

  8. Miguel Tolentino disse:

    Tomara que a sorte do MM se prolongue por toda a temporada, e que todos os jogos decisivos sejam como aquele no Morumbi onde tudo deu certo, e mesmo sem criar absolutamente nada o Cruzeiro achou dois gols de bola parada.

  9. Sorte eh a mistura de preparo com oportunidade!

    • Miguel Tolentino disse:

      Mais ou menos, em 2009 o Cruzeiro teve preparo e oportunidade para ser Tri e esbarrou na sorte e em um adversário qualificado.

      • Wagner CPM disse:

        Falei com o Sorin esta semana em um encontro no reduto azul em Sao Paulo sobre 2009. Ele disse: Estava apto pra jogar, bem fisicamente, e o treinador me sacou antes do jogo, nem pro banco fui. Engraçado é que em nenhum momento ele disse Adilson Batista, somente falava treinador. Será que a experiência dele ali naquele jogo não nos ajudaria?

      • Miguel Tolentino disse:

        Compreensível a mágoa do Sorín. Ídolo do clube, desafeto do Verón e ficar de fora daquela final por tudo que representava aquele jogo para a futebol continental… Mas compreensível também a decisão conservadora do AB em não relacionar um atleta sem ritmo de jogo para aquela decisão

      • Miguel Tolentino disse:

        Ainda sim futebol nem sempre obedece critérios de lógica e racionalidade. Talvez um elemento como o Juampi teria feito alguma diferença em termos de liderança ou mesmo em campo não dando liberdade ao meia adversário. Talvez não… É o tipo de coisa que nunca saberemos.

  10. Leonardo Matarelli disse:

    A verdade é que o time pouco produziu ofensivamente nas duas últimas partidas. Abdicou de jogar contra o SP, e que bom que achou dois gols. Ontem achou conveniente tomar pressão de um time fraco como o do América, e correr riscos. É bom colocar as barbas de molho, começar a jogar um pouco mais, sob pena até de duas desclassificações vergonhosas já nesta semana.

    • Miguel Tolentino disse:

      Realmente, melhor entrar muito ligado nesse próximo jogo contra o São Paulo. Os 2 a 0 deram a falsa sensação de que o primeiro jogo foi um vareio de bola do Cruzeiro e nem de longe foi. Da última vez que a torcida entrou nesse oba-oba por conta de uma vitória mentirosa na casa do adversário em mata-mata, o time levou 3 a 0 do River em pleno Mineirão. Todo cuidado é pouco.

    • Impressionante a desconfiança do nosso torcedor.
      É preciso ver que o Cruzeiro estava atuando sem Robinho (nosso principal jogador na temporada em minha opinião), Ezequiel (infelizmente o Mayke anda muito mal), Sóbis
      e Henrique voltando de contusão, Arrascaeta debilitado fisicamente, Alisson também fora de ritmo e isto pesou bastante, especialmente no final da partida.
      Dizer que é início de temporada ? já são 22 partidas de invencibilidade em 75 dias de trabalho no ano. Mano girou o elenco, mas, queria fixar a forma de jogar. O time vai dar liga

      • Leonardo Matarelli disse:

        Desconfiança do torcedor? River, São Lorenzo, e um pouco mais distante, Once Caldas e Estudiantes estão aí pra contar a história. É bom a galera colocar a barba de molho. A classificação não está decidida e o clima de oba-oba nunca ajudou o Cruzeiro em competição alguma. Pelo contrário: mesmo nos pontos corridos, quando ganhamos algo importante nunca éramos os favoritos. Ou me engano?

  11. “Achou convêniente tomar pressão do América”, “Abdicou de jogar contra o SP” etc. Fico imaginando uma rodinha de jogadores e eles dizendo entre si: “Não vamos jogar contra o SP, vamos abdicar do jogo, OK? Eh conveniente pra nós q tomemos uma pressão do América! Vamos recuar o time e vamos correr o risco”.

    • Bruno 7L RJ disse:

      Vc está distorcendo o que o camarada falou. As circunstâncias do jogo levam os jogadores a ter um certo comportamento de maneira “inconsciente”. Nessa hora é que entram os líderes e o comandante do time. Acho que foi mais ou menos isso. Se bem que contra o SPFW achei que o time não abdicou de jogar, entrou com marcação “baixa”, ficou armadinho no contra golpe que por vezes até parceria que ia funcionar, mas faltou um capricho.

  12. Bruno7L, vou responder aqui pq pelo iPhone não aparece a opção de responder… O Mano disse sobre isso q vc pontuou. Ele disse q no segundo tempo QQ um podia sair, e ai ele tirou quem estava mais cansado. Ele não ia fazer 3 trocas no intervalo sabendo q QQ um podia TER que sair depois…

    • Bruno 7L RJ disse:

      Eu entendo as razões e explicações dele. Só acho que poderia ter poupado Manoel e Léo (que correram pra burro na quinta) e até entrar com o Romero no lugar do Hudson. Aí seriam 3 opções a menos para saírem no intervalo. Mas o empate tá valendo, vantagem foi mantida. Vou ver o jogo ainda, estou opinando de atrevido.

  13. matheus t penido disse:

    Ia votar no Cabral mas aquela defesa do RAFAEL virou meu voto.

  14. Quem sentiu mais o jogo ontem foi Arrascaeta, Rafinha e TNeves.

  15. Polaco disse:

    RAFAEL… Defesa portentosa e de cinema no final… FATO!

  16. Wagner CPM disse:

    Se o time “titular” estava cansado porque não usar o elenco que é bom? Tinha goleiro titular na reserva (Fábio) . Tínhamos 2 zagueiros que poderiam ser titulares (Dedé e Caicedo). Volantes de sobra na reserva(Henrique, Lucas e Romero). Tínhamos meia na reserva (Alisson). E tinha um artilheiro na reserva (Ábila). Desculpa de cansaço pra mim não cola.

    • Bruno 7L RJ disse:

      Bingo.

      • Wagner CPM disse:

        Caicedo tem ritmo de jogo. Henrique e Lucas também. Alisson nem se fala. E o Ábila é o Ábila.

    • Miguel Tolentino disse:

      De acordo.

    • E se ele coloca o time reserva e este time toma uma “pancada” do América, como fez o Ipatinga contra a gente em 2010.
      Naquela época, vocês perdoaram o Adílson Batista ? Com certeza não.
      Então, porque o fariam agora com o Mano Menezes ?

    • jfabio disse:

      Pode ser que estes jogadores que o ‘Wagner CPM’ está citando, entrem descansados contra o São Paulo. O time do SP está mais desgastado que o nosso, pois, no jogo de quarta, eles correram muito mais que nós e no jogo contra o Corinthians, o desgaste fui infinitamente maior que o nosso contra o melequinha.

  17. Mano explicou na coletiva q mudar demais o time poderia perder em efetividade…. Baseado em quê o Com afirma que o Lucas Silva e Henrique estão com Ritimo de jogo? E mais: se estivessem, estariam no mesmo nível descasados dos que estariam cansados? Caicedo? Alisson talvez! Mas se tratando de uma semi q não vale nada até q se perca, Vale o risco de mudar demais?

  18. JJ disse:

    O futebol do time até aqui não é muito animador. Esse monte de empates com times medíocres não me passa independente da justificativa que se use. Nos jogos mais importantes do ano, não fomos bem contra um dos piores time do campeonato paraguaio na Sulamericana, ganhamos um clássico no comecinho do ano e outro com um a mais a maior parte do tempo (com direito a se deixar tomar sufoco no fim). E do SP, eu nem critico a postura defensiva, e sim o fato do time mal conseguir trocar passes nem ligar ataques, foram umas duas ou três chances de gol, com os 2 gols achados nas cobranças de falta. Tem que ter muito pé no chão.

    • Miguel Tolentino disse:

      Achei que só eu tinha tido essa leitura, mais aliviado agora. Concordo integralmente.

  19. Os resultados dos estaduais Brasil afora em sua reta final foram interessantes… Alem dá Ponte q surrou o Palmeiras, Grêmio só empatou com Novo Hamburgo em casa, Coxa empatou com Cianorte, Frangas empataram com URT, Vitória só empatou com Vitória dá Conquista…E os q venceram, foram por placar mínimo…Inter 2×1, Cão 2×1… Enfim… Tem ngm goleando…E o Cruzeiro segue invicto depois de fazer um jogo de semi final fora de casa depois de jogar numa quinta feira e tendo a vantagem do resultado….

  20. Uma correção: Coxa perdeu para o Cianorte fora de casa por 1×0 e não empatou como escrevi acima.

  21. Este ano Cruzeiro já venceu as Frangas 2x (Frangas q foram terceiro no brasileiro, vice na copa do Brasil e com seu elenco de libertadores citado pelas mesas redondas como “um dos melhores do país), Venceu o Volta Redonda fora de casa (tinha mais de 1 ano q não perdia um jogo no Raulino sendo campeão dá série D invicto), Venceu a Chapé ( time dá série A e Libertadores), Venceu o Cuei no primeiro turno (Pedra no sapato desde ano passado), venceu o Nacional de virada no Mineirão, Venceu SP fora de casa ( dispensa comentários), empatou alguns jogos fora de casa com time alternativo contra boas equipes do Interior (URT e UDi, por exemplo é o JEC pela sul Minas). Goleou que tinha q golear dentro e fora do Mineirao (SF, BSB, Tupi)…perde jogadores por lesão, recuperou peças importantes do elenco, Segue invicto e chega com time inteiro pra fases mais agudas dá temporada com classificações bem encaminhadas…. Tá ruim?

  22. JJ disse:

    Não falei que tá ruim, falei que não é animador. Vc tá animado com as partida do time? Ficou animado em sofrer pressão das frangas com um a menos? Ficou animado com o time malemá acertar um passe no 1º tempo de quinta feira? Não contesto a invencibilidade ou que estejamos cumprindo todas as etapas das competições que participamos, contesto é o que o futebol do time nos faz ambicionar.

    • Então, explica aí o Plameiras cantado em prosa e verso levar de 3×0 da Ponte Preta em Campinas. Qual o time que, a seu critério, está praticando o tal futebol animador?

      • JJ disse:

        Pq eu deveria explicar, não sou eu quem colocou o Palmeiras num pedestal e nem torço para o Palmeiras… Vc se anima? Pq é isso que eu to falando. Se vc tá animadão com um time que se defende bem mas é um parto pra sair um gol ou uma boa jogada ofensiva, ok, temos visões diferentes de futebol.

  23. Digamos q concordamos q os resultados são ótimos. Qual seu parâmetro pra futebol bem jogado?

    • JJ disse:

      No caso do Cruzeiro, se melhorassemos do meio pra frente já tava bom. Não to exigindo que jogue que nem o Barcelona. Só que nosso elenco não é ruim para justificar ser só uma boa defesa com lances esporádicos de ataque.

  24. SÍNDICO disse:

    THIAGO NEVES: “Não tem como não sentir o cansaço. A gente sentiu e o América soube aproveitar disso. Sabiam que a gente ia cansar, tocaram bem a bola e marcaram forte. Mas a gente soube administrar. Todo mundo se empenhou e correu. A dedicação nos jogos está sendo fora de série. Está todo mundo de parabéns pelo empenho. Conseguimos manter a vantagem pro jogo de volta”.

  25. SÍNDICO disse:

    TORCIDA CELESTE, em tamanho, foi menos da metade da que compareceu ao jogo da fase classificatoria. Em vibração, igual.

  26. SÍNDICO disse:

    RAFAEL fez duas defesas e garantiu o empate.

  27. SÍNDICO disse:

    MAYKE perdeu uma bola, que resultou num lance de quase-gol dos pompons. Nas demais participações esteve bem. Saiu no intervalo, com dores lombares, devido a um tostão, segundo o treinador.

  28. SÍNDICO disse:

    LEO fez outra partida perfeita.

  29. SÍNDICO disse:

    MANOEL, vigoroso e rápido, não cometeu erros significativos.

  30. SÍNDICO disse:

    BARBOSA passou aperto com as jogadas de Auro e Amorim pelo seu lado. Sobreviveu ao duelo e ainda serviu Neves pro gol de empate, com um cruzamento perfeito.

  31. SÍNDICO disse:

    HUDSON no conseguiu parar Renan ligeira e, na etapa final, improvisado na lateral direita voltou a sofrer com o ataque pompom. De bom, o espirito de luta.

  32. SÍNDICO disse:

    NEVES fez o gol, em jogada de centroavante nato, o que não é seu caso. Afora isto, lutou, mas pouco conseguiu criar.

  33. Tomas Pedersoli disse:

    Sobre o time me parece claro que os resultados são ótimos, mas o futebol nem tanto. Ganhamos mas não fomos muito bem nos nossos testes. Contra a cocota quase deixamos empatar no fim do jogo tendo um jogador a menos. Contra o sao paulo ganhamos um gol contra e achamos o gol do hudson, com a bola rolando praticamente nao chegamos ao ataque. Nosso sistema defensivo anda muito seguro, uq é ótimo, pois time campeão é time que toma pouco gol, porém temos q produzir um pouco mais na frente nesses jogos mais difíceis. Espero que mano encontre logo uma forma de fazer o time produzir mais ofensivamente e manter a defesa firme, pois ai seremos candidatos a títulos importantes.

  34. SÍNDICO disse:

    MARCELO ODEBRECHT não vai parar de falar e nos vamos acabar sabendo onde estão os corpos de Ulysses Guimarães e Eliza Samudio, quem mandou matar PC Farias, Celso Daniel, Edmundo Pinto e Odete Roitman, o que aconteceu realmente no último episódio do desenho Caverna Do Dragão, como o Flu chegou aa série A sem passar pela B e quem pagou a Lusa pra ser rebaixada no lugar de um time carioca. O delator soh não terah o que contar sobre o bicampeonato do AtleticoMG, um mistério antigo e indecifrável. (segundo Rafa Matos)

  35. SÍNDICO disse:

    ARRASCAETA, com o time prendendo a bola e permitindo-vos que o America estivesse sempre inteiro na defesa, não teve espaços nem companheiro com quem jogar. Tentou uma ou outra jogadas saiu mais cedo.

  36. SÍNDICO disse:

    RAFINHA limitou0se a fechar corredor, correr atras dos defensores e meio-campistas, sem incomodar a defesa adversária.

  37. SÍNDICO disse:

    SOBIS fez de tudo um pouco, menos exercer a centroavancia. Correi por todos os lados, mas nunca esteve pronto pra arrematar as poucas jogadas ofensivas do time.

  38. SÍNDICO disse:

    MANO não armou o time pra vencer a qualquer custo. Cuidou, antes, de manter a vantagem de jogar por dois placares iguais. E, assim, viu o America se animar a atacar e criar boas chances de gol. No fim, alegou que o time estava cansado.

  39. SÍNDICO disse:

    ABILA entrou no fim, provavelmente, pra impedir que os beques do Coelho fossem pro abafa. Não recebeu uma so bola pra arrematar.

  40. SÍNDICO disse:

    HENRIQUE entrou na etapa final e jogou conservadoramente, sem passar muito do meio de campo, privilegiando sempre a marcação.

  41. SÍNDICO disse:

    ALISSON ajudou a marcar, como todos os atacantes e meias.

  42. SÍNDICO disse:

    CRUZEIRO desagradou aa torcida, que sempre espera do time jogo ofensivo. Preocupou-se mais em marcar e ficar com a bola e, assim, acabou dominado e esteve a um Paso de perder a vantagem.

  43. SÍNDICO disse:

    AMÉRICA esteve mais perto da vitoria do que poderia imaginar, mas não soube aproveitar três chances claras de gol. Não foi muito incomodado na defesa, equilibrou a disputa na medica e foi perigoso no ataque, principalmente com Auro e Amorim pela direita.

  44. SÍNDICO disse:

    ÁRBITROS não cometeram erros relevantes.