Neves, Murilo e Barbosa, os melhores

Por SÍNDICO | Em 17 de julho de 2017

ATRAIÇOES dos protagonistas do CRUZEIRO 1×1 FLAMENGO, neste 16jul1716h, Mineirão, Belo Horizonte, pela 14ª rodada do Brasileiro 2017:

TORCIDA CELESTE compareceu em bom número, mas não repetiu seus melhores momentos. Alternou apoio e mudez. E o pior foi a vaia de alguns idiotas ao bicampeão brasileiro Everton Ribeiro. 

FÁBIO cortou ou defendeu todas as bolas lançadas sobre sua área e ao menos uma vez teve que sair pra tirar o pão da boa de Guerrero. 

ROMERO teve um começo de jogo difícil, envolvido pelos flamengos que caíram pelo seu lado. Nessa fase do jogo, fez lançamentos a esmo, sem objetivo e precisou de ajuda constante de Leo pra conter as incursões flamengas. Com o passar do tempo, cresceu, controlou seu lado e até apoiou o ataque, quando teve espaço. 

LEO cortou todas, pelo alto e por baixo, cobriu bem a lateral direita e algumas vezes saiu pra dar o primeiro combate na intermediaria. No ataque, desferiu boa cabeçada, que passou rente ao travessar do arco flamengo. 

MURILO fez uma partida quase perfeita, mesmo tendo pela frente Guerrero, os dois Everton e Diego, uma turma da pesada. Jogou com tranquilidade e mostrou poder de recuperação quando foi batido na disputa direta. 

BARBOSA marcou bem e, em seu melhor momento, fez uma jogada monumental que culminou com uma assistência espetacular pro gol de empate. 

LUCAS tomou pra sia a tarefa de marcar Diego ribas, o que fez com bons e maus modos, levando inclusive um cartão amarelo. Fôlego ainda curto, não deu conta de ir ate o fim,mas cumpriu bem sua missão. 

NONOCA entrou pra renovar o fôlego do sistema de marcação e ficou de olho nos meias flamengos. Não brilhou como no jogo da Baixada, mas também não complicou. 

CABRAL limitou-se a cercar os meio-campista e atacantes flamengos, não se arriscando no ataque. 

NEVES fez um 1º tempo brilhante, com dribles, chutes, passes bem feitos. Na etapa final, não conseguiu manter o ritmo, mas ainda assim incomodou os flamengos. 

ELBER fez boas incursões individuais contra a defesa flamengo, voltou pra ajudar na marcação de Renê e Everton. Teve uma chance de gol, abortada por uma intervenção providencial de Renê. 

ALISSON teve poucas bolas pra construir jogadas individuais, porque o Cruzeiro não deu as cartas. Nas poucas chances, fez jogadas interessantes, mas arrematou mal e ainda deu bobeira perdendo grande oportunidade de gol.

SOBIS fez outra partida sem brilho. Correu, mas não produziu nada de relevante. 

SASSÁ meteu um gol em sua primeira intervenção na partida. No fim, fez bela jogada indicial, mas finalizou mal, quando poderia ter deixado Sobis na cara do gol. 

MARQUES entro no fim e passou em branco, não criando nada digno de registro. 

MANO escalou o time do jeito que mais gosta, bastante cuidadoso na marcação, mas fez substituições oportunas e só não venceu por detalhes. 

CRUZEIRO teve apenas 40% de posse de bola, mas criou as melhores oportunidades. Foi sólido na defesa e rapando no ataque. Mas precisou de um camisa 9, n caso, 99 pra não sair derrotado. 

FLAMENGO teve vantagem em todos os números do jogo, mas não assustou muito o goleiro Fabio. Trabalhou bem a bola, com Diego e Ribeiro, mas nunca a fez chegar limpa pro artilheiro Guerrero.

ÁRBITROS cometeram erros de interpretação de faltas. Nada tão grave que tenha alterad o placar. 

  • NEVES [[[14]]] Ge, Julim, Vilela, Romarol, Viana, Penido, Setelagoas, Celeste, Palmeira, Klauss, Rossi, Souza, Dias, Daniel —– MURILO [[[12]]] Morato, Jotapê, Ccc, Bitencourt, Fernandão, Polaco, Velloso, Walisson, Walterson, Anchieta, Frede, Dudu —–BARBOSA [[[12]]] Rocha, Beth, Thiago, Schrier, Dourado, Soalheiro, Lincoln, Wallace, Walfrido, Bastos, Ernesto, Síndico —– LEO [[[5]]] Velame, Nascimento, Renato, Rosan, Galvão —– ROMERO [[[3]]] André, Arreguy, Patricia —– SASSÁ [[[3]]] Marcelo, Vanda, Walery.

114 comentários para “Neves, Murilo e Barbosa, os melhores”

  1. Polaco disse:

    MURILO – Parodiando o velho Luxa: Zagueiro, zagueiro.

    • Polaco disse:

      Mas quem vai levar o mdj será o RIBEIRO o pessoal da gratidão eterna garante.

      • Bruno 7L RJ disse:

        Não viu a cor da bola. Só deu uma caneta mais ou menos sem querer no Cabral pois o argentino garoteou totalmente.

      • Polaco disse:

        É verdade, Sr. Bruno 7L RJ – É bom que ele comece a ver logo a cor da bola, o treinador do menguinho já mostrou que tem a paciência curta – Outros nomes badalados que chegaram ao clube como Mancuello, Romulo, Berrio, Arão e Muralha já estão esquentado o banquinho – sem falar que a paciência da urubuzada também não costuma durar muito.

      • Bruno 7L RJ disse:

        Mas ele vem jogando razoavelmente bem.

      • Miguel Tolentino disse:

        Tens razão, legal mesmo é vaiar jogador que fez história no Cruzeiro. Pra que gratidão né mesmo? Se tem dito “torcedor” que vaiou até Ricardinho (maior campeão da nossa história) e Alex, vaiar Ribeiro é fichinha perto disso. Inclusive uns aqui no blog que idolatram Mano Menezes que não conquistou nada no Cruzeiro e ao mesmo tempo descem a lenha no treinador bicampeão nacional…

    • SÍNDICO disse:

      ZAGUEIRO é termo viadoso. Beque combina mais com futebol masculino. E o Luxa fala beque-beque.

    • SÍNDICO disse:

      ZAGUEIRO é termo viadoso. Beque combina mais com futebol masculino. E o Luxa fala beque-beque.

    • Bruno 7L RJ disse:

      Zagueiro zagueiro é o Léo. Murilo tem mais qualidade, principalmente na saída de bola. Moleque foi um achado.

  2. Eduardo Arreguy Campos disse:

    Neves está comendo a bola, mas vou votar no ROMERO, pela segurança que ele dá para a defesa. Quem sabe assim o Mano resolva logo a questão da lateral direita e bote o baixinho para jogar no meio, que é o lugar dele no time.

  3. Bruno 7L RJ disse:

    TN30

    • Bruno 7L RJ disse:

      Mas sinceramente, não acho que ninguém tenha ido mal. Alguns foram simplesmente neutros: Cabral, LS, Elber, Rafael Marques e Fábio (este último pois não foi exigido). Os demais, mandaram bem.

      • Bruno 7L RJ disse:

        Sobis tbm foi neutro. Esqueci dele.

      • Miguel Tolentino disse:

        Cabral formou bem a primeira linha de 4 defensores, o que por si só já é fundamental pro sistema de marcação, ainda sim no resto foi discreto. Discordo que o Lucas Silva tenha sido neutro, assumiu a função de marcador que seu colega de volância não assumiu, deu combate, preencheu bem o espaço do Henrique a frente da zaga, distribui o jogo com elegância na saída da defesa e ainda arriscou sem sucesso seus chutes potentes de fora da área. Cada partida que faz, o volante fica melhor, o cartão amarelo foi mais por excesso de voluntarismo, tentou retomar a bola rapidamente na frente da defesa flamenguista e acabou acertando o adversário.

      • Miguel Tolentino disse:

        Élber foi outro que teve avaliação subestimada, não fossem seus companheiros de ataque poderia ter sido um dos destaques do jogo. Recompôs com o tradicional afinco, barrou as subidas do lateral flamenguista por seu flanco, estava lá para concluir numa assistência do Sobis que só não terminou nas redes por conta de uma intervenção precisa da defesa do Flamengo e ainda finalizou com precisão e força sobre o goleiro rubro negro (Alisson é que cochilou na jogada ao não acreditar na possibilidade de rebote). No primeiro tempo, o Cruzeiro poderia ter forçado mais as jogadas por seu setor, ali era onde tinha menos homens do time carioca e era justamente onde nascia as melhores jogadas celestes.

      • Bruno 7L RJ disse:

        Achei que ele andou dando umas vaciladas. Inclusive, a melhor chance urubistica (tabela Guerrero – Everton) no 1º tempo, surgiu de uma perda boba de bola. Pode ser a falta de ritmo.

      • Miguel Tolentino disse:

        Rafael Marques entrou com pouco tempo de jogo, mas serviu mais como terceiro zagueiro do que como atacante. Boa presença na defesa e quase nula no ataque. Fábio quase falhou em alguns momentos do jogo, mas a sorte costuma acompanhar os bons goleiros.

      • Miguel Tolentino disse:

        Naquela bola perdida no ataque do Lucas que originou um contragolpe do adversário faz parte do jogo, ele acabou escorregando na hora do passe e perdendo o controle da redonda. Acontece, mas ontem ele teve muito maior participação defensiva que o Cabral, no entanto pelo fato do atleta ter como histórico jogos de pouco combate sem a bola alguns comentaristas já chegaram com cometário pronto aqui no PHD.

      • Bruno 7L RJ disse:

        No combate, eu até estranhei o LS. Ele estava chegando a bota, dando carrinho, só para contrariar o Síndico.

      • Bruno 7L RJ disse:

        Sobre o Fábio, achei que poderia ter saído em 2 bolas que foram “viajadas” para a área vindas quase de frente. Mas a zaga afastou ambas. Mas ele tem essa deficiência, altamente compensada por diversas virtudes. Grande Dida era terrível para sair do gol tbm.

      • Bruno 7L RJ disse:

        Elber foi taticamente perfeito. Houve um lance que ele foi desarmado pelo Renê ao iniciar um contra-ataque. Ele titubeou 1 segundo para arrancar, senão o Renê não acharia ele mais. Fez um bom papel.

  4. Cruzeiro.Org disse:

    CONCORRA A INGRESSO

    Cruzeiro parabeniza tenista Marcelo Melo pela brilhante conquista
    http://www.cruzeiro.org/noticia.php?id=50508

    Sub15: Cruzeiro vence Corínthians na Copa Base Brasil
    http://www.cruzeiro.org/noticia.php?id=50509
    #DoeSangue

    Sada Cruzeiro FA estreia com vitória na competição nacional
    http://www.cruzeiro.org/noticia.php?id=50510

    Cruzeiro desperdiça muitas oportunidades e empata com o Flamengo
    http://www.cruzeiro.org/noticia.php?id=50511

  5. Miguel Tolentino disse:

    Pelo tipo de jogo que foi e como o Cruzeiro se portou seria injusto se o escolhido não fosse um atleta da defesa. O Cruzeiro teve 40% de posse de bola mesmo jogando como mandante, ainda sim a defesa salvo no lance do gol rubro negro se portou bem. Os melhores do jogo foram Murilo e Léo, mais uma vez se virando nos poucos vacilos dos laterais na cobertura. Melhor do jogo, LEO, seguro por cima e por baixo com intervenções precisas que poderiam ter dado melhor sorte ao Flamengo no jogo.

  6. jrgalvao disse:

    LEO, seguido pelo Murilo, Alisson e Elber. Piores Lucas silva e sobis

  7. matheus t penido disse:

    NEVES.

  8. matheus t penido disse:

    Não achei que o Lucas Silva foi mal, pra mim fez uma partida de razoável pra boa. Como marcador ele deixa muito a desejar mas erra poucos passes, sabe o que fazer com a bola.

    • Miguel Tolentino disse:

      Razoável nada, fez uma boa partida defensiva e ainda jogou com a classe de sempre. Mas para aqueles que tem opinião formada sobre um jogador, não importa a partida que realmente faça a avaliação sempre será pré-definida.

  9. Thiago 5 estrelas disse:

    BARBOSA fez partida segura lá atrás e de muito esforço, mas acima de tudo pela enfiada de bola para o gol, coisa de camisa dez das antigas. Menção também ao Romero que fez uma partidaça, Murilo e Léo. Lucas Silva na minha opinião jogou bem, começou no encalço do Diego não deixando o craque deles respirar, matou jogadas quando devia e se apresentou para o jogo sempre que necessário. Nulos foram Élber e Sóbis. Ainda bem que no próximo jogo devemos ter um atacante desde o início.

  10. rosan amaral disse:

    LÉO, foi beque, foi volante, foi lateral, foi capitão. Jogo pesado para a defesa (qualidade dos avantes do fla é notória) e LÉO comandou com experiência, garra e antecipação dos lances. Merece destaque também o Murilo, o Romero, o Diogo e o Alisson. O personagem do jogo foi o Sassá, mas o Alisson foi o destaque do nosso ataque durante os 90 minutos (foi o terror da urubuzada).

  11. rosan amaral disse:

    Outro destaque negativo da partida foi o árbitro. No primeiro tempo ele segurou o time do Cruzeiro. Os jogadores mostraram equilíbrio e não pilharam com ele. O cartão amarelo dado ao Sobis é um escândalo: não marcou a falta e um minuto após o lance parou a partida para atendimento médico ao jogador adversário caído; depois aplicou o amarelo; ora, se não viu falta e ainda não há vídeo fifa aqui, há erro de direito e o cartão pode até ser anulado; a má intenção do apito ficou explícita.

    • rosan amaral disse:

      A “rede” (mídia) comentou a falta sobre o Romero no lance do gol que vi e comentei com os companheiros no ato lá no Mineirão: mesa redonda do SporTv mostrou o lance (ficou 2 x 1 pela “não falta”). Ora, se o Diego empurra o Romero no momento do cruzamento é falta e o gol estaria invalidado porque a falta o precedeu. Agora, um árbitro com 2 critérios não anularia nunca o gol da urubuzada (não é xenofobia, é o nome da torcida dado por eles mesmos).

  12. Bruno 7L RJ disse:

    Esse Nonoca pode dar o que falar, hein? Moleque voluntarioso pra caramba. O Everton colocou a bola na frente e o camarada acompanhou até roubar. Diego deve ter pensado: “deixar eu sair de fininho aqui, o cara é um touro”.

    • Miguel Tolentino disse:

      Outro ótimo destaque da base reivindicando espaço no time e a diretoria pedindo volante pro Boca. Pelo amor de Deus…

      • Bruno 7L RJ disse:

        Por falar nisso, a gente não tem um mísero lateral direito na base? Se os de lá forem pior que o Beatle, pode fechar a TOCA 1.

      • Miguel Tolentino disse:

        Ter, tem. Mas pro Mano oportunizar espaço todos os da posição precisam estar fora de jogo e aqueles que podem servir de improviso também. Do contrário, sem chances. Quem não se lembra do parto que foi pro Murilo ter sua oportunidade em campo, até jogar com um a menos o Mano preferiu.

      • Thiago 5 estrelas disse:

        Perfeito, Nonoca mostrou nesses dois jogos e em pouco tempo muita qualidade na marcação e também tranquilidade quando tem a bola. Acho que é consenso que valorizar a base deveria ser a regra, mas o abutres não deixam isso acontecer.

  13. Bruno 7L RJ disse:

    Léo fez um corte de letra (chaleira pros mais antigos) providencial.

    • Bruno 7L RJ disse:

      Assim como foi o recuperação do Murilo após tomar o 1º drible do Geuvânio.

    • Miguel Tolentino disse:

      E a diretoria indo atrás do Digão, zagueiro fraco, que quase caiu com o Fluminense, saindo daqui em péssima fase e que vem de uma liga de futebol condizente com seu futebol, o que exigirá readaptação física e tempo para tentar recuperar um ritmo de jogo condizente com o Campeonato Brasileiro. Brincadeira, como a diretoria gosta de rasgar dinheiro, em breve será mais um encostado onerando a folha.

      • Bruno 7L RJ disse:

        Cara, esse do Digão é demais. Traz de volta o Fabrício Bruno, não pode não?

      • Miguel Tolentino disse:

        Fabrício Bruno jogou muito bem com Bento, não entendi até hoje essa rifada pra Chape… A única explicação é por filantropia mesmo. Beque infinitamente mais promissor, com maior estatura e com maior capacidade técnica que aquele ex-Fluminense que nem em sua melhor fase deixou de ser um zagueiro fraco. Agora imagine após uma longa temporada na liga pouco exigente da Arábia Saudita… Quando eu falo em rasgar dinheiro, mas é rasgar mesmo, não precisamos dele, aguentamos o pior da falta de jogadores pra posição, temos um rapaz em bom momento técnico, titulares da posição voltando do departamento médico e fim do ano podemos até requisitar a volta do Fabrício Bruno (já que não fazem agora). Aí me pergunto pra que trazer esse beque fraco, em má fase e sem possibilidade de retorno financeiro nem técnico? E pior deverá assinar contrato de 3 anos, como é de praxe pra essa diretoria.

      • matheus t penido disse:

        O Cruzeiro errou o planejamento no número de zagueiros pro início do ano. Eu cheguei a comentar isso aqui na epoca em que emprestaram esse garoto Fabricio e também o tal de Grolli pra chapecoense. Parece que esqueceram dos dois anos do Dede inativo e que Caicedo era uma aposta total. Menos mal que o garoto Murilo entrou firme no time.

  14. Bruno 7L RJ disse:

    Manoel voltando em forma, que deve sair?

  15. Bruno 7L RJ disse:

    Robinho voltando em forma, deve ser titular?

    • Miguel Tolentino disse:

      A saída dele contribui muito pra melhorar a recomposição defensiva do time, aumentou a velocidade dos contragolpes pois ele é lento, e ainda reduziu a sobrecarga defensiva sobre os zagueiros, já que ele recompõe quase sempre atrasado. Se existe alguém que deveria disputar posição com Robinho é o Cabral, num futebol moderno não dá pra ter ambos em campo, as características são parecidas, jogam quase no mesmo setor, tem quase as mesmas deficiências… E apesar do Robinho ter maior qualidade no passe por elevação, o argentino está em melhor momento físico na temporada, corre mais, recompõe mais e forma a primeira linha de 4 defensores no meio com maior dedicação.

      • Thiago 5 estrelas disse:

        Não temos nenhum jogador que ao voltar deva ser titular, nem Arrascaeta hoje tem no lugar no time sem bagunçar o esquema. Só Ezequiel lógico pois Romero vem jogando improvisado.

  16. Bruno 7L RJ disse:

    Ezequiel voltando, Elber sai? Trinca de volantes com Romero de volta ao meio?

    • Miguel Tolentino disse:

      Ezequiel não voltará pra ficar tão cedo, desde o início da temporada que as dores no púbis o perseguem. As vezes que jogou foi no sacrifício e ainda deixou avenidas no seu flanco. A dor de cabeça fica pelo retorno do Arrascaeta, que gosta de jogar justamente na faixa do Alisson, sendo onde a nossa prata da casa encontrou seu melhor futebol.

    • Fernandão disse:

      Não voltaria com Romero para o meio. Ele precisa aprimorar algumas coisas com relação ao posicionamento na lateral, mas é uma opção mais segura que o Ezequiel. Caso se necessite usar três volantes, estando todos disponíveis, que sejam Henrique, Silva e Cabral.

  17. Renato disse:

    LEO. Salvou uma bola deixando o pé parado depois da tentativa de drible do Berrio que pra mim, foi a bola do empate.

  18. Beth Makennel disse:

    BARBOSA

  19. Paulo Rafael disse:

    Um comentário sobre a vaia ao ER: a torcida do Cruzeiro já vaiou Alex e Ricardinho. Essa falta de respeito com a história do clube não me surpreendeu.

  20. Bruno 7L RJ disse:

    Mano achou a formação ideal?

    • Polaco disse:

      Acredito que sim, é a melhor para o momento. Arrascaeta, voltando bem pode ser testado como o “falso’ 9… um quadrado com ele, Neves, Alisson e Eber pode dar samba. Mas esse negócio de formação ideal é relativo, como o senhor deve saber, na Europa os treinadores costumam mudar a formação e a tática de acordo com o adversário… no Brasil, se o técnico enveredar por esse caminho corre o risco de comido vivo pela torcida.

    • Polaco disse:

      Acredito que sim, é a melhor para o momento. Arrascaeta, voltando bem pode ser testado como o “falso’ 9… um quadrado com ele, Neves, Alisson e Eber pode dar samba. Mas esse negócio de formação ideal é relativo, como o senhor deve saber, na Europa os treinadores costumam mudar a formação e a tática de acordo com o adversário… no Brasil, se o técnico enveredar por esse caminho corre o risco de ser comido vivo pela torcida.

    • Miguel Tolentino disse:

      Achar ele não achou, as circunstâncias acharam pra ele. Daqui a pouco com outros etiquetinhas a disposição, ele dá um jeito de perder de novo… O nível do futebol do Cruzeiro melhorou porque agora temos atletas mais disciplinados taticamente na formação das duas linhas defensivas ajustadas, mais leves, mais técnicos, com maior fôlego para correr ponta a ponta do campo, mais jovens e mais participativos.

  21. Bruno 7L RJ disse:

    OT: Maracanã à disposição, estádio de Copa, reforma caríssima. E o jogo contra o Flor será no Giulite Coutinho, na baixada. Aí não dá não, né? Queria muito ir, mas ali não dá não.

    • Thiago 5 estrelas disse:

      Maracanã se tornou inviável, dizem que menos de 30000 por jogo da prejuízo. Como o Estado não entra em acordo com os clubes corre sério risco de se tornar um elefante branco.

  22. Baixada tá tenso. Mesmo assim vou tentar ir nesse jogo. Vi q o Vasco vai ter q mandar seus jogos 100km do Rio em 6 mandos de campo. Rezar pra levarem a peleja pra Volta Redonda dia 02/08.

  23. Renato Nascimento disse:

    LÉO, que combinou barbaridade com o Murilo. O perigoso Guerreiro não viu a cor da bola! Alem disso, fez muito bem o papel de capitão, deu bronca em quem mereceu e chegou junto da arbitragem.

  24. Miguel Tolentino disse:

    Apesar da mídia carioca ficar o tempo inteiro batendo na tecla da posse de bola dando entender que o Flamengo dominou o jogo, os dados da partida mostram um Cruzeiro muito mais próximo do 2 a 1 que os rubro negros. Foram 6 cruzamentos certos do Cruzeiro contra 3 do Flamengo, foram 3 finalizações certas do Cruzeiro contra 1 do Flamengo, sendo 10 finalizações celestes contra 5 rubro negras, diante de uma posse de bola esmagadora dos cariocas, o Cruzeiro foi um time que dentro de uma estratégia de jogo foi mais efetivo que o adversário e se defendeu melhor.

    • matheus t penido disse:

      Ia comentar isso. Achei o Cruzeiro mais intenso ( pra usar o termo da moda) tanto que superou o Flamengo em desarmes, chutes em gol e cruzamentos certos. Eles chegaram mais em quantidade, mas muitas vezes em cruzamentos que deram em nada.

    • Ernesto Araújo disse:

      Estatística tem ser utilizada direito. “Scout”, se desconectado de outras observações feitas na partida, acaba por induzir a conclusões equivocadas.

      • Ernesto Araújo disse:

        O Cruzeiro tem por tática dar a bola para o adversário jogar e procurar sair em contra-ataques rápidos e eficazes. Mesmo em casa, para desespero dos torcedores (eu, inclusive). Mano quer o time jogando assim. Portanto, vai ser difícil o Cruzeiro estar na frente no quesito “posse de bola”. O grande perigo desse esquema é que, se num lance, o adversário, de tanto insistir, fizer o gol, o time tem que saber reagir, como fez ontem. Não pode “tomar gol e dar o jogo por encerrado” como várias vezes o Síndico anotou em seus posts e comentários.

      • Ernesto Araújo disse:

        É uma situação um tanto paradoxal porque todo time que toma gol acaba por tentar avançar as linhas e “ir pra cima” do adversário, fazer pressão. O Cruzeiro não. Mesmo perdendo o time continua tentando atrair o adversário, jogando mais recuado, na expectativa de fazer a jogada de contra-ataque. Ontem deu certo. Mas o Cruzeiro precisa ter mais cartas na manga. Só isso é pouco… Pouquíssimo.

      • Ernesto Araújo disse:

        Aliás, Mano tem batido muito nessa tecla da postura tática da equipe desde o jogo contra o Palmeiras (BR). Cada vez que o time sai-se bem de um confronto eu vejo ele falando disso e ouço, nas entrelinhas, algo como “não falei pra vocês que o time tem é que jogar desse jeito ?”

  25. Tolentino, esses dias lia q o Gambá sempre tem menos posse de bola q seus adversários, e nos jogos em q teve mais, foram os q tropeçaram. Ter posso de bola, tocando de um lado pro outro na defesa não quer dizer nada.

  26. washington ramos disse:

    MURILO e zéfini! TN não finalizou bem, na chance que teve no início do jogo, ganha um desconto por ser canhoto. Elber finalizou mal, sem desconto, é destro e com mais faro de gol teria chegado primeiro que Renê. Alisson “confiou” no arremate de Elber, se tivesse faro de gol teria pego o rebote do goleiro. Fiquem mais próximos de Ábila, quem sabe acabam melhorando o olfato. Resumindo, poderíamos ter faturado três pontos.

  27. SÍNDICO disse:

    SASSÁ: “Na primeira vez que conversei com o Mano disse que sou centroavante e que gosto de jogar entre os zagueiros. Não gosto muito pelos lados, mas ajudo. Minha preferência é como centroavante”.

  28. SÍNDICO disse:

    MUDANÇA. Depois de assistir o videoteipe, fiz uma mudança no azulamento dos jogadores do Cruzeiro.

  29. Paulo Souza disse:

    Leo, Murilo, Neves e L. Silva jogaram muito ontem. Como só posso escolher um, voto no NEVES, especialmente pela seqüência de bons jogos que vem fazendo.

  30. Jdias disse:

    NEVES. Depois daquela apresentação que tomou muita vaia, virou o jogo e passou a jogar muito.

  31. Daniel Carvalho - Porto Alegre disse:

    Destaque: TN. A vitória nos pés do Sassá. Veio o empate.

  32. Ernesto Araújo disse:

    DIOGO BARBOSA. Passe pra gol, inspiração no ataque e dedicação na defesa. Menções honrosas: Thiago Neves, Alisson, Romero, Léo, Sassá, Elber. Decepção foi, mais uma vez, Rafael Sóbis. Sei de todas as incumbências táticas do camisa 7. Mas não é só ele que as tem. Outros também correm, lutam e mesmo assim produzem ofensivamente. Gostaria de vê-lo crescer como aconteceu com Thiago Neves e Alisson.

    • Ernesto Araújo disse:

      Sassá: Foi herói e vilão do jogo. Nos deu o empate mas nos tirou a vitória. Que seja menos fominha da próxima vez. Romero: Uma outra boa partida do argentino mas que infelizmente estava na cena do crime no gol rubro-negro. Pela minha visão creio que deveria estar acompanhando o Éverton e não fechando para o meio da área deixando o atacante dos cariocas livre para o cabeceio. Murilo: Nova partida bem jogada pelo garoto que, por força do destino, vai ganhando a confiança de Mano Menezes.

      • Polaco disse:

        Sr. Ernesto, acho um pouco injusto dizer que o Sassá nos tirou a vitória, o correto seria acionar o Sóbis, mas o Sóbis tanto poderia estufar a rede, como poderia dar uma bela furada ou isolar a pelota… enfim, não vamos saber nunca. O Sassá, nos deu o empate e nos livrou da derrota, fico com essa. Grane abraço!

      • Ernesto Araújo disse:

        Ok, Polaco !

  33. LANCE! disse:

    THIAGO 6,5 Apesar de não sair do gol em algumas bolas perigosas, o camisa 1 conseguiu realizar boas defesas e salvar o Flamengo de tomar mais gols.
    RODINEI 6,5 Camisa 2 teve muito trabalho no setor defensivo, mas conseguiu se sair bem. No ataque, deu belo cruzamento para o gol de Everton
    RÉVER 5,5 Capitão conseguiu marcar bem Rafael Sóbis na primeira etapa, anulando o camisa 7. Na etapa final, vacilou no lance do gol de Sassá.
    VAZ 5,5 No lance do gol do Sassá, sistema defensivo falho e camisa 33 não acompanhou o atacante. Errou alguns passes bobos.
    RENÊ 5,0 Camisa 6 teve chance de substituir Trauco, mas esteve totalmente apagado. No ataque, não conseguiu arrumar bons lances.
    MÁRCIO 5,0 Volante teve atuação bem fraca no Mineirão. Se enrolou com a bola em diversos momentos e errou passes na entrada da área.
    CUÉLLAR 5,5 Colombiano se movimentou bastante, marcou bem Thiago Neves mas ainda falta um pouco de qualidade na hora de sair jogando.
    DIEGO 5,5 Partida bem abaixo do esperado do camisa 35. Buscou jogo, mas teve decisões erradas na hora de construir as jogadas. Isolado na criação.
    RIBEIRO 5,0 Pior partida do camisa 7 desde que chegou ao Flamengo. Errou em alguns lances que não costuma errar e acabou substituído.
    EVERTON 7,0 Mais uma boa partida do camisa 22. Melhor jogador do Flamengo em campo, marcou gol, teve melhores chances e ajudou muito na marcação.
    GUERRERO 5,0 De volta ao time após cumprir suspensão, ficou muito isolado e praticamente não participou da partida no Mineirão.
    GEUVÂNIO 4,5 Em seu segundo jogo com a camisa do Flamengo, atacante entrou no segundo tempo, porém quase não tocou na bola. Ainda falta ritmo de jogo.
    MANCUELLO 5,0 Entrou já no fim e não teve muito tempo para ser eficaz. Tentou organizar o meio-campo sem Diego, mas Cruzeiro pressionou bem mais.
    BERRIO Sem tempo para ser eficaz.
    RICARDO 5,0 Equipe praticamente não jogou na segunda etapa. Achou o gol e recuou. Técnico demorou a mexer na equipe, que esteve mal no Mineirão.

  34. LANCE! disse:

    FÁBIO 5,5 Não foi muito exigido, mas não teve culpa no gol feito por Everton.
    ROMERO 5,0 Improvisado, volante não acompanhou Everton no gol do camisa 22 .
    LEO 6,5 Fez boa partida e conseguiu cortar os perigos pelo alto.
    MURILO 5,5 Em seu nono jogo como profissional, mostrou insegurança.
    BARBOSA 7,0 Muito importante para o sistema ofensivo do Cruzeiro. Deu o passe para gol do Sassá.
    CABRAL 5,5 Deu espaços para o meio-campo do Fla trabalhar a bola.
    LUCAS 5,0 Volante não estava bem e fez muitas faltas desnecessárias.
    NEVES 6,0 Camisa 30 conseguiu levar perigo para Thiago. Melhor do sistema ofensivo dos mineiros.
    ELBER 5,5 Teve boa chance para marcar, mas parou em Thiago.
    ALISSON 6,0 Se movimentou bem e arriscou boas jogadas individuais.
    SOBIS 6,0 Brigou muito com os defensores do Fla e arriscou bons chutes.
    SASSÁ 7,0 Entrou bem e deixou sua marca no primeiro toque na bola.
    NONOCA 5,5 Entrou e não comprometeu.
    MARQUES 5,0 Pouco fez.
    MANO 6,0 Mexeu bem na equipe, mas poderia ter sido mais ofensivo.

  35. GE disse:

    NEVES comandou o time e organizou as principais jogadas ofensivas. É muito inteligente. 7,5
    SASSÁ fez o gol de empate no primeiro toque na bola. Foi fominha no lance seguinte, quando poderia ter tocado pra Sobis, mas preferiu chutar. 7,0
    ROMERO: muita luta e disposição, como sempre. Segue dando conta no recado, mesmo improvisado na lateral direita. 7,0.

  36. Luizito Soárez disse:

    MDJ: Sindico! Que — msm depois do Mano ter nos tirado a esperança de titulo no brasileiro, de ter nos humilhado na Sul-America diante do nacional/PA, de ter doado tres pts pra Ponte escalando reservas, de ter fritado Abilão… de GPT ter endividado o MdM com jogadores medíocres — esteve na tocaIII… fazendo sabe-se lá o quê! Ah, não! Estava prestigiando a gestão GPT e a canalhice de Money! Ir ao manifesto mostrar sua indignação… vai é nunca!

  37. Luizito Soárez disse:

    Colegas, exceto Vilela é o próprio demônio, vamos fazer uma corrente de oração para que a janela de transferencia internacional se feche e Abila permaneça no MdM??

  38. SÍNDICO disse:

    TORCIDA CELESTE compareceu em bom número, mas não repetiu seus melhores momentos. Alternou apoio e mudez. E o pior foi a vaia de alguns idiotas ao bicampeão brasileiro Everton Ribeiro.

  39. SÍNDICO disse:

    FÁBIO cortou ou defendeu todas as bolas lançadas sobre sua área e ao menos uma vez teve que sair pra tirar o pão da boa de Guerrero.

  40. SÍNDICO disse:

    ROMERO teve um começo de jogo difícil, envolvido pelos flamengos que caíram pelo seu lado. Nessa fase do jogo, fez lançamentos a esmo, sem objetivo e precisou de ajuda constante de Leo pra conter as incursões flamengas. Com o passar do tempo, cresceu, controlou seu lado e at’e apoiou o ataque, quando teve espaço.

  41. SÍNDICO disse:

    LEO cortou todas, pelo alto e por baixo, cobriu bem a lateral direita e algumas vezes saiu pra dar o primeiro combate na intermediaria. No ataque, desferiu boa cabeçada, que passou rente ao travessar do arco flamengo.

  42. SÍNDICO disse:

    MURILO fez uma partida quase perfeita, mesmo tendo pela frente Guerrero, Os dois Everton e Diego, uma turma da pesada. Jogou com tranquilidade e mostrou poder de recuperação quando foi batido na disputa direta.

  43. SÍNDICO disse:

    BARBOSA marcou bem e, em seu melhor momento, fez uma jogada monumental que culminou com uma assistência espetacular pro gol de empate.

  44. SÍNDICO disse:

    LUCAS tomou pra sia a tarefa de marcar Diego ribas, o que fez com bons e maus modos, levando inclusive um cartão amarelo. Fôlegos ainda curto, não deu conta de ir ate o fim, mas cumpriu bem sua missão.

  45. SÍNDICO disse:

    NONOCA entrou pra renovar o fôlego do sistema de marcação e ficou de olho nos meias flamengos. Não brilhou como no jogo da Baixada, mas também não complicou.

  46. SÍNDICO disse:

    CABRAL limitou-se a cercar os meio-campista e atacantes flamengos, não se arriscando no ataque.

  47. SÍNDICO disse:

    NEVES fez um 1º tempo brilhante, com dribles, chutes, passes bem feitos. Na etapa final, não conseguiu manter o ritmo, mas ainda assim incomodou os flamengos.

  48. SÍNDICO disse:

    ELBER fez boas incursões individuais contra a defesa flamengo, voltou pra ajudar na marcação de Renê e Everton. Teve uma chance de gol, abortada por uma intervenção providencial de Renê.

  49. SÍNDICO disse:

    ALISSON teve poucas bolas pra construir jogadas individuais, porque o Cruzeiro não deu as cartas. Nas poucas chances, fez jogadas interessantes, mas arrematou mal e ainda deu bobeira perdendo grande oportunidade de gol.

  50. SÍNDICO disse:

    SOBIS fez outra partida sem brilho. Correu, mas não produziu nada de relevante.

  51. SÍNDICO disse:

    SASSÁ meteu um gol em sua primeira intervenção na partida. No fim, fez bela jogada indicial, mas finalizou mal, quando poderia ter deixado Sobis na cara do gol.

  52. SÍNDICO disse:

    MARQUES entro no fim e passou em branco, não criando nada digno de registro.

  53. SÍNDICO disse:

    MANO escalou o time do jeito que mais gosta, bastante cuidadoso na marcação, mas fez substituições oportunas e só não venceu por detalhes.

  54. SÍNDICO disse:

    ÁRBITROS cometeram erros de interpretação de faltas. Nada tão grave que tenha alterado o placar.

  55. SÍNDICO disse:

    CRUZEIRO teve apenas 40% de posse de bola, mas criou as melhores oportunidades. Foi sólido na defesa e rapando no ataque. Mas precisou de um camisa 9, n caso, 99 pra não sair derrotado.

  56. SÍNDICO disse:

    FLAMENGO teve vantagem em todos os números do jogo, mas não assustou muito o goleiro Fabio. Trabalhou bem a bola, com Diego e Ribeiro, mas nunca a fez chegar limpa pro artilheiro Guerrero.