Os dezoito jogos malditos

Por SÍNDICO | Em 10 de agosto de 2019

“UMA VITÓRIA EM 18 JOGOS!” bradam os apopléticos termocéfalos. É uma sequência ruim, mesmo. Mas não foi construída somente com péssimas apresentações, nem com o mesmo time.

Teve de tudo: prejuízo causado por más arbitragens, grandes exibições dos adversários, time recheado de estagiários etc. Como teve também jogos de péssima qualidade do time celeste. Enfim, a terra jamais foi plana nesses dezoito jogos.

  • 1×2 Emelec. Cruzeiro foi muito prejudicado pela arbitragem.
  • 1×3 Inter. Cruzeiro jogou um tempo bom, outro péssimo.
  • 1×1 Fluminense. Cruzeiro abriu vantagem, segurou o resultado, mas levou um gol irregular aos 95.
  • 1×4 Fluminense. Cruzeiro jogou mal e voltou a levar gol aos 95.
  • 1×2 Chapecoense. Cruzeiro jogou melhor que o adversário, mas perdeu.
  • 1×1 São Paulo. Cruzeiro jogou bem, mas o goleiro Volpi fehou o gol tricolor.
  • 2×2 Fluminense. Cruzeiro jogou bem, levou outro gol aos 95, mas venceu nos pênaltis.
  • 0x0 Corinthians. Cruzeiro jogou bem, mas o goleiro Walter fez milagres e salvou seu time.
  • 1×2 Fortaleza. Cruzeiro disputou uma péssima partida.
  • 3×0 Mineiro. Show de bola contra as frangas.
  • 0x0 Botafogo. Cruzeiro dominou, mas falhou nas conclusões.
  • 0x2 Mineiro. Cruzeiro fez uma partida conservadora, pra manter a vantagem e foi garfado.
  • 0x0 Bahia. Time de garotos disputou bela partida e criou mais chances do que o tricolor. 
  • 0x0 River. Cruzeiro fez um jogo estratégico e, por pouco não arranca uma vitória.
  • 0x2 Paranaense. Cruzeiro voltou a jogar com os garotos, mas desta vez muito mal.
  • 0/2×0/4 River. Cruzeiro criou mais chances de gol, foi pros pênaltis e perdeu.
  • 0x2 Mineiro. Cruzeiro teve mais posse, mas foi pouco criativo e tomou dois gols, um em cada acréscimo de tempo.
  • 0x1 Internacional. Cruzeiro dominou, mas não soube furar o bloqueio defensivo e acabou tomando um gol.

Os terraplanistas do futebol viram apenas péssimas exibições do time celeste. Alguns por burrice, outros por má fé. Há também o caso dos que nem viram todos os jogos, mas destamparam falatório cheio de lugares comuns e frases feitas.

That’s football.

106 comentários para “Os dezoito jogos malditos”

  1. SÍNDICO disse:

    MAUROCECEZAR, esse doutor em futebol da Iespien, disse que o estilo do Cruzeiro é o manobol. Superesportes viralizou o palpite desse torcedor organizado do Flamengo. Seca-pimenteiras tiveram orgasmos e adotaram o discurso.

  2. SÍNDICO disse:

    TOSTÃO disse que Henrique não joga como o Edenílson. Deve ser por isto que o cruzeirenses não foi coadjuvante em tantos times e nem foi vice campeão da Série B como o colorado.

  3. SÍNDICO disse:

    TOSTÃO disse que Cabral só da passes pros lados. Alguém precisa deitar a televisão do velho Tusta. Na posição vertical, ela engana o ex-vcraque.

    • Taí disse:

      Opa, Tostão disse que Henrique e Cabral só dão passes laterais, não avançam na intermediária adversaria. Sindico, esses posts separados dos dois jogadores está para lá de tendencioso. Não é uma surpresa quando se trata do Henrique.

    • Tolentino disse:

      Síndico entende mais de bola que o colunista. Tá certo!

    • Matheus Penido disse:

      Vamos dividir o que o Tostão escreveu em duas partes. A observação de que falta um volante que jogue entre as duas intermediárias é correta, O próprio Mano reconheceu isso, pois andou tentando adaptar Romero nesse papel, sem muito sucesso. Contudo, na segunda parte do arrazoado, Tusta escorrega feio com essa história de que Cabral só toca a bola de lado. Muito pelo contrario, o argentino é, provavelmente, um dos volantes que mais executa passes verticais no futebol brasileiro. Diga-se de passagem, esta é a melhor qualidade no futebol do rapaz, o que compensa parcialmente outras deficiências que ele apresenta.

      • Taí disse:

        O Sindico insinua que o Cabral toca de lado, quando na verdade é o Henrique que faz. Li o Tostão e não lembro de ter individualizado.

      • Taí disse:

        Se é para separar que façamos correto, pois Tostão não individualizou. Henrique ocupa o espaço e toca de lado. Ariel verticaliza mas não se posiciona bem, embora dá o bote enquanto o primeiro acompanha.

      • Taí disse:

        Correção: dê o bote

      • Tolentino disse:

        Tostão cometeu o imperdoável crime de criticar a incriticável dupla de volantes titular do Cruzeiro. Agora virou alvo dos chorões.

      • Matheus Penido disse:

        Só pra constar, Tostão já elogiou várias vezes o Henrique e está longe de ser um hater do Mano.

      • Bruno 7L RJ disse:

        Futebol do Cabral empobreceu sim. Com o tempo, o gringo se lateralizou. Acho que foi o esquema.

  4. SÍNDICO disse:

    TORCEDORES que jamais vão a um estádio são os mais radicais ao criticar o Cruzeiro. Desconfio que os cochilos no sofá durante os jogos atrapalham um pouco a percepção deles.

  5. Thiago 5 estrelas disse:

    Não pensei que o Síndico fosse ficar tão abalado com a saída do Mano. Força companheiro!

  6. SÍNDICO disse:

    SUPERESPORTES tem uma tara incorrigível: sacanear o Cruzeiro.

  7. SÍNDICO disse:

    Sutor ne ultra crepidam.

  8. SÍNDICO disse:

    CRUZEIRO foi campeão mineiro. Franga, vice. Cruzeiro saiu da Libertadores nas oitavas. Franga, na fase de grupos. Cruzeiro está nas semifinais da Copa do Brasil, depois e eliminar a Franga. Apesar disto, jornais e sites esportivos de Belzonte só fazem campanha contra o Cruzeiro. Pra Franga, apenas elogios. Quem leva a sério essa mídia da aldeia?

    • Romarol disse:

      Essa mídia da aldeia é tão burra que depõe contra o próprio negócio. Ou ela acha que o torcedor acompanha mais o seu clube numa boa ou numa má fase? Dentre duas semanas, os cliques da torcida do Cruzeiro desabarão pela internet afora. Rádia nem em app nem no carro. TV, canal de filme e outros entretenimentos. Só ficam o torcedor raiz que não são 8 milhões.

  9. SÍNDICO disse:

    RICARDO RESENDE, técnico do Sub20 do Cruzeiro, treinador interino do time profissional, tem 39 anos de idade, nasceu em Belo Horizonte e já foi técnico das categorias de base da franga e do Coelho. Ele está no Cruzeiro desde 2018.

    • SÍNDICO disse:

      RICARDO RESENDE: “É uma oportunidade que a diretoria me deu. Estou no Sub20 há quase dois anos. Fomos vice-campeões da Copa do Brasil neste ano e campeões mineiros ano passado. O foco agora é ajudar o Clube, já pensando neste jogo no domingo contra o Avaí. Estou como interino, funcionário do Clube, pra fazer uma boa semana e já buscar uma vitória que é importante pra sair da zona de rebaixamento. Vamos analisar os atletas disponíveis. Fred e Neves estão suspensos, mas o grupo tem muita qualidade,com atletas maduros. A expectativa é fazer uma equipe equilibrada, mas mantendo o DNA ofensivo do Cruzeiro. Esperamos fazer um grande jogo e conseguir uma vitória pra elevar a autoestima e continuar forte na bisca dos objetivos do clube. Vai ser muito importante os jogadores experientes saberem da liderança e importância deles. Vamos juntos pensar nesse jogo contra o Avaí, em que o essencial é conquistar uma vitória que o torcedor está esperando”

      • Tolentino disse:

        Vai ter que se desdobrar para fazer seu time pontuar e ainda superar a choradeira das viúvas.

      • SÍNDICO disse:

        Márcia do Galão não vai nem esperar que ele faça um jogo, antes de começar a fazer campanha contra? Fogo no rabo é isso.

  10. Tolentino disse:

    Força, Mano! Você tem competência para sair dessa situação.

    • SÍNDICO disse:

      Ae teve competência pra te foder conquistando 4 títulos e salvando o clube 2 vezes do rebaixamento e te fazer ser rebatizado como Márcia do Galão, sair da má fase é fácil.

  11. SÍNDICO disse:

    ARRASCAETA, Sobis, Rafinha, Lucas, Raniel, Romero, Murilo saíram. Rocha, Rodriguinho, Jadson, Orejuela, Fabruno, M Gabriel chegaram. E o melhor elenco deztapaiz ficou ainda melhor… Ou será que não?

  12. SÍNDICO disse:

    DIRETORIA vai esperar pra ver se o interino consegue bons resultados, antes de buscar o treinador-etiquetão, como quer o torcedor imbecil. Vai que rola e alivia o caixa…

    • Matheus Penido disse:

      Dorival Júnior virou o novo salvador da pátria. Só rindo.

      • Tolentino disse:

        É pra rir mas rir mesmo. Nessa tenho que concordar.

      • SÍNDICO disse:

        Se ele for contratado, seca-pimenteira continuará na oposição.

      • Matheus Penido disse:

        Com certeza. Os críticos ferrenhos do Mano, em sua maioria, são os mesmos que antes detonaram Adilson, Cuca, Marcelo, Luxa e todos os outros. Neguinho xinga vinte treinadores de burro na sequência e continua nem desconfiando que o problema eh dele próprio.

      • Tolentino disse:

        Fale por si mesmo, Penido. Quem acompanha meu período no blog sabe que sempre fui ferrenho defensor dos trabalhos de Marcelo e Adilson. Quem sempre foi detrator do AB é uma certa menezete chorosa do blog.

      • Mauro Franca disse:

        Miguel Tolentino disse:
        21 setembro 2014 às 21:31
        O que foi aquilo? Falta de personalidade do treinador, quis jogar para a galera, como sempre faz. Chamar a responsa para si não é o forte dele. Não tem uma convicção muito firme.

      • Mauro Franca disse:

        Miguel Tolentino disse:
        21 setembro 2014 às 20:34
        Esse time do Marcelo é muito água com açucar, na hora que o trem aperta eles assustam, perdem a concentração, finalizam mal, marcam a bola, entregam o ouro. Está explicado o fiasco em torneios eliminatórios, time e treinador não tem personalidade para se imporem sobre qualquer adversário mais duro. Tem como trunfo a regularidade, não costumam perder pontos bobos contra adversários mais fracos como os seus concorrentes, ainda sim titubeiam demais quando tem holofotes apontados para si.

      • Romarol disse:

        Poderia ser fora de contexto essa crítica. Porém, “ferrenho defensor” diverge bastante com a expressão “Falta de personalidade do treinador, quis jogar para a galera, como sempre faz”. Concluo que é caso de grave psicopatia ao ler a derradeira crítica: “Está explicado o fiasco em torneios eliminatórios”.

  13. SÍNDICO disse:

    MUITO do ódio do Talentim pelo Mano é por conta da dispensa do Mancuêcho. Depois disso o seca-pimenteira ficou descontrolado.

  14. LUIZ ANTONIO disse:

    Marcia do galão. Kkkkkkkk Que desespero. Parabéns, Márcia do galão! Franga enrustida.
    Que inveja doentia você tem do Maior de Minas.

  15. Romarol disse:

    Excelente post! Ainda que alguns jogos surgirão opiniões divergentes, mas ele apresenta claramente as diversas circunstâncias ocorridas durante esse período. É um pontapé para se iniciar uma discussão séria sobre o assunto. O resto é diversão e terapia.

  16. Romarol disse:

    Não sei se a praga do Luizito é franga. Porém, ele fala do Gallardo desde sempre. Diferente do Tolentino. Qualquer próximo treinador do Cruzeiro será malhado e considerado burro por ele. Procurei nos comentários e não vi nenhuma preferência.

  17. Matheus Penido disse:

    Mais descolado do discurso padrão dos colegas, Petkovic fez ontem uma análise sóbria da saída do Mano. Enalteceu os resultados conquistados, destacou o respeito dos jogadores pelo treinador e, por fim, lembrou que um trabalho com três anos de duração está totalmente fora do padrão brasileiro, um indicativo claro do sucesso alcançado.

    • Taí disse:

      Não vejo como padrão a opinião do Tostão. Ou não é um fato que esse time não verticaliza? Digo, não tem jogadas de ultrapassagem, nenhum dos volantes chegam como elemento surpresa para finalizar na intermediária. Não há mobilidade, quando um jogador recebe ninguém se apresenta, isso facilita a marcação. Vejo jogadores se escondendo atrás do marcador. Falta vontade, jogadores trotando, errando passe voltando caminhando, cade o brio?

    • SÍNDICO disse:

      LUIZITO não é nada, É um nada.

  18. Taí disse:

    A diretoria continua errando, tem que estancar esse vazamento, a todo interesse em um técnico a mídia vaza e direção confirma. Meu Deus!!! Não vêem que a cada recusa pública a situação piora?! Senhores, a situação do clube parece ser caótica.

  19. SÍNDICO disse:

    PENIDO, o Petkiovic é im oásis de inteligência em meio ao areal de burrice da mídia esportiva, mas os torcedores preferem os maurocézares e que tais. Torcedor é sempre um poço de ódio, por isto, escolhe as opiniões mais idiotas, as que preencham seu vácuo intelectual e existencial. ‘R odiando que o torcedor naufraga as mágoas do seu fracasso.

  20. zuloobas disse:

    MANO se afundou tentando recuperar Fred e TN e às vezes traindo suas convicções para jogar com um atacante a mais, que na verdade era um a menos, Fred —– Fábio não foi tão sensacional como de costume, nada inspirado na disputa de pênaltis contra o River, mesmo assim, ao lado de Dedé, foi o melhor —– Dedé cometeu algumas falhas, nenhuma crucial, um monstro no jogo aéreo, símbolo de raça e caráter —– Leo tb não tem culpa nenhuma, muito dedicado, —– Egídio caiu demais em relação a 2018 sendo um dos pilares da má fase. —– Henrique vem jogando o de sempre, nem sempre bem assessorado, bateu mal o pênalti contra o River —– Cabral oscila um pouco mas agrega qualidade de passe —– Robinho tem lutado sozinho, na criação do Cruzeiro; TN, em 2019 está lutando contra o próprio corpo, a bebida atrapalha, considerando a idade e o problema crônico nas panturrilhas —– Rocha: até agora o saldo é positivo, nosso oásis ofensivo —– Fred tem atrapalhado e muito, relação chata, não quer ficar, a torcida não quer que fique e está preso pelo contrato, além do imbróglio com as frangas —– David ainda não convenceu, qdo acionado pouco resolveu e ainda comprometeu, uma lástima, mas tem vontade e recurso, não é caso perdido, mas não sabe bater pênalti. —– Dodô é uma decepção, ofensivamente irrelevante, embora mais seguro na defesa do que Egídio, tb comete vacilos pontuais, vários gols, na temporada, foram em cima dele —– Sassá, tecnicamente, um dos piores jogadores que já vi no Cruzeiro e ainda tem o extracampo, mas ele tem vontade, presença e está acima de Fred, em importância, no momento, pode ser útil mas em 2020, podia passear —– Meninos da base ainda não engrenaram mas não tem culpa de nada e apresentaram potencial. Não é terra arrasada.

  21. SÍNDICO disse:

    TOSTÃO disse que Rodriguinho é o Tostão da atualidade. Já o Cabral e o Henrique. não o agradam. Tostão conquistou apenas um título nacional, talvez por isto não compreenda como se deve jogar pra conquistar mais do que isto na Série A brasileira.

    • Tolentino disse:

      Verdade! Quem é Tostão perto do gênio Ariel Cabral?

      • SÍNDICO disse:

        Vc é um indigente mental, Não tem outra explicação pra esse comentário.

      • Tolentino disse:

        Não fui quem teclou uma série de estultices sobre um dos maiores jogadores de nossa história.

      • SÍNDICO disse:

        CÉREBRO DE GALINHA, quem discutiu as qualidades de “um dos maiores jogadores na nossa (não da sua, é claro) história”? Eu discuto a opinião dele, não o futebol que jogou. Vc precisa aprender a interpretar textos.

    • Bruno 7L RJ disse:

      Pô Síndico… forçou agora hein? Nem o Penido vai concordar.

  22. Tolentino disse:

    É cômico ver doutos cruzeirenses que se gabam em ser mais torcedores que os demais chorando copiosamente a saída de um treinador. Fato mais corriqueiro impossível no mundo da bola. Pra essa turma a instituição é diminuta perto dos “grandes” homens.

    • Aí que vc se engana .. Não tem ngm chiando saída de treinador.. apenas comentando a burrice do torcedor medíocre!

      • SÍNDICO disse:

        Talentim em a inteligência de uma franga. Cérebro de galinha, nem se dá conta das cretinices que tecla. É digno de dó.

      • Tolentino disse:

        O blogueiro acusa o Tostão de não entender do que fala por ter conquistado somente um nacional na carreira e depois chama os outros de cérebro de galinha. Rsrsrsrs

      • SÍNDICO disse:

        TOSTÃO entende de futebol, só que não tem muito traquejo nesse mister de conquistar tíitulos nacionais. Disputou 10, levou 1. E vc é cérebro de galinha 2.0, por não entender o que lê.

  23. SÍNDICO disse:

    O POST se propõe a mostrar que, ao contrário do que imaginam os distraídos, não há uniformidade nos jogos da má fase. Cada um tem sua história. Alguns, porém, não perceberam o óbvio e transformaram o blog num tribunal pra julgar o Mano. É burrice, mas é do jogo. Pra muita gente é tremendamente difícil captar as mensagens.

    • Thiago 5 estrelas disse:

      O mesmo raciocínio pode ser usado em toda a passagem do Mano, para defender o treinador sempre se falou no resultado, ou seja, independente do futebol praticado o importante era que os canecos estavam vindo para a toca. Agora sem resultado não tinha como defendê-lo.

      • SÍNDICO disse:

        Futebol praticado? O que é isto? Que importância tem isto? Quem quer saber de futebol praticado? Algum time já desfilou no caminhão dos bombeiros pelo futebol praticado?

      • SÍNDICO disse:

        E desapegue-se do Mano. Ele já picou a mula. Os jogos são do Cruzeiro, não de uma ou outra personagem.

  24. JOSÉ MOURINHO disse:

    Não existe uma maneira única de se jogar futebol.

  25. Matheus Penido disse:

    VAMOS LÁ: Emelec: Jogo pra vencer ou na pior das hipóteses empatar. Fomos garfados. —– Inter: Derrota merecida. —– Flu: Flu foi melhor, mas só conseguiu penetrar uma vez na defesa celeste. —– Chape: Cruzeiro perdeu jogando melhor. —– São Paulo: Volpi impediu a vitória celeste. —– Flu: Cruzeiro foi melhor, mas levou o empate no último lance. —– Corinthians: Walter impediu a vitória celeste.Fortaleza: Pior partida do ano. Derrota merecida. —– Frangas: O time aproveitou as chances com em nenhuma outra partida do ano e construiu a goleada. —– Botafogo: Jogo fraco, empate espelhou a partida. —– Frangas: Elas dominaram, mereceram a vitória, mas não a vaga. —– Bahia: Bom jogo dos garotos, empate espelhou o jogo. —– River: Jogo equilibrado, com razoável superioridade argentina.Paranaense: Não vi o jogo. Mas, pelos comentários, derrota merecida. —– River: Outro jogo equilibrado, dessa vez com o Cruzeiro se sobressaindo um pouco em relação ao rival. —– Frangas: Derrota merecida pelo ataque arame liso. Inter: Atuação razoável até levar o gol. Depois, filme de terror. Ataque arame liso deu as caras mais uma vez.

    • Matheus Penido disse:

      RESUMINDO: Libertadores: ótima primeira fase, confrontos equilibrados contra o atual campeão e eliminação nos penais. Copa do Brasil: Confronto parelho com Flu, passagem com mérito pelas frangas e primeiro jogo fraco contra o Inter. Brasileiro: filme de terror.

  26. Souza disse:

    A diferença dos times que estão melhores do que o Cruzeiro para este é pouca, mas dificílima de ser reduzida neste ano. Trata-se da intensidade e velocidade durante os jogos. Por ter menos físico, o Cruzeiro raríssimas vezes marca a saída de bola do adversário, tática que gera muitos gols. E também não consegue contra ataques rápidos. Na saída de bola, quase todos estão abrindo os zagueiros para as laterais, com um volante centralizado e os laterais estão se adiantando, como ponteiros. Somente isso o Cruzeiro pode fazer, o que ajudará muito o poder ofensivo do Orejuela e do Egídio. Por isso a saída é colocar no meio pelo menos dois jogadores mais jovens ou com vigor físico.

    • SÍNDICO disse:

      Tostão quer volantes jogando na área do adversário e vc os quer jogando de beques. Cada cabeça, uma sentença.

      • Souza disse:

        Não. Não se trata de volante na zaga. Somente na hora de sair com a bola. Isso que vem permitindo aos times atacar com os dois laterais simultaneamente e dá qualidade ao soltar a bola. Evita-se chutões de zagueiros.

    • SÍNDICO disse:

      Outro problema é o Orejuela, que tem dfacilidade pra chegar ao ataque, mas dificuldade pra cruzar.

  27. Taí disse:

    Um abraço a todos cruzeirenses que apesar de tudo querem melhor ao clube! Auuuuuuuu! Escutando Reginaldo Rossi aqui kkkkk

  28. Faltou qualificar um tipo diferente dos “terraplanistas” que agem por má-fé ou burrice… os que viram os jogos e saem defecando pelos dedos nos comentários e posts, dia sim e dia sim (em desacordo com a sugestão do líder da boçalidade e estultice). Os que tentam (e conseguem com alguns) fazer proselitismo e praticar o que mais são capazes… P. S. SEMPRE fui contra a saída de treinador no meio da temporada. Não julgo o Mano e Muito menos o condeno após 18 péssimas apresentações, algumas delas que MANCHAM de maneira indelével a história do CRUZEIRO.

    • Em tempo: O MANO JÁ ERA e quem fica remoendo o assunto é porque tá entrando na vibe do diversionismo. Escondendo os erros e jogando a merda para debaixo do tapete… um dia SIM e no outro também…

  29. Romarol disse:

    Tolentino, coloca o Mano num porta retrato na sua casa…

    • ROMAROL disse:

      CAMPEÃO DE MATA-MATAS x BICAMPEÃO BRASILEIRO: Mano iguala M Oliveira no Cruzeiro. Um fez história com o bi do Brasileiro, o outro devolveu a alma copeira nos mata-matas Treinador mais longevo da elite do Brasileiro, com pouco mais de dois anos no Cruzeiro, Mano Menezes está a uma partida de se tornar o nono treinador com mais jogos pelo clube. O feito será alcançado no Mineirão e contra o Fluminense, cujo comandante é ninguém menos que Marcelo Oliveira, ex-técnico celeste e o próximo da lista a ser superado. Com estilos bastante diferentes, ambos já escreveram seus nomes em capítulos… importantes da história recente da equipe. Mano Menezes possui duas passagens pelo Cruzeiro. Contratado em julho de 2016, o treinador chegou para afastar o time da zona do rebaixamento, mas deixou a equipe no final do ano para treinar o Shandong Luneng, da China. Seis meses mais tarde, retornou ao Brasil e a Minas Gerais para não mais sair. No ano passado, pegou o trabalho desde janeiro pela primeira vez e terminou a temporada devolvendo a Copa do Brasil ao Cruzeiro depois de 14 anos. O título também reforçou a alcunha de especialista em mata-matas para Mano, que voltou a conquistar o torneio após oito temporadas. Vivo na atual edição e na Libertadores, Mano também detém o recorde nunca ter sido eliminado no Mineirão em torneios de mata-mata. Até hoje, foram 12 decisões. Marcelo Oliveira chegou ao Cruzeiro no final de 2012 mais como uma aposta do que uma esperança de títulos. Mas o treinador conseguiu superar a forte desconfiança, inclusive da torcida, para ganhar dois títulos brasileiros em duas temporadas. Diferente de Mano, Marcelo não teve a mesma força no mata-mata. Obsessão do time nos últimos anos, o sonho do tricampeonato parou nos argentinos San Lorenzo, em 2014, e River Plate, em 2015, eliminação essa que teve peso grande na demissão de Marcelo. Pela Copa do Brasil, o treinador levou o time à finalíssima de 2014, mas ficou com o vice para o riv… mas ficou com o vice para o rival A Mineiro. No estadual, ambos possuem uma conquista. Com 168 jogos pelo Cruzeiro, Mano possuiu números semelhantes, mas inferiores aos de Marcelo, que contabiliza 169 compromissos. O atual treinador tem rendimento de 59% até aqui. Foram 83 vitórias, 49 empates e 36 derrotas contra 69% de aproveitamento do ex-treinador, que somou 106 triunfos, 32 igualdades e 31 revés. No número de gols marcados, Marcelo tem larga vantagem (325×247), mas foi vazado mais vezes (147 contra 145 de Mano). Mano ainda pode virar Top 5 até o fim do ano Além de igualar Marcelo Oliveira, Mano ainda irá subir mais um degrau. Contra o Flamengo, pela Libertadores, irá al… Mano ainda pode virar Top 5 até o fim do ano Além de igualar Marcelo Oliveira, Mano ainda irá subir mais um degrau. Contra o Flamengo, pela Libertadores, irá alcançar Adilson Batista com 170 jogos pelo Cruzeiro. Se terminar o ano no comando da Raposa, Mano ainda poderá entrar para o Top 5, atrás somente de Ayrton Moreira (206), Niginho (256), Levir Culpi (257) e Ilton Chaves (362). (UOL, 25ago18)

  30. Bruno 7L RJ disse:

    Quem estiver chegando pela 1ª vez ao blog e ler esse post chega às seguintes conclusões: Vilela é o maior torcedor celeste, Síndico sabe mais que Tostão e Talentim só quer treta. Hehehe