Onde torcedor vai sofrer

Por SÍNDICO | Em 8 de Maio de 2010

Estes são os estádios nos quais serão disputados os jogos da Série A do Morrinhão:

  1. Mário Filho, Maracanã, Rio de Janeiro, 82.238 lugares (Flamengo, Fluminense, Vasco, Botafogo).
  2. Governador Magalhães Pinto, Mineirão, Belo Horizonte, 75.783 (Cruzeiro, Atlético-MG)
  3. Cícero Pompeu de Toledo, Morumbi, 67.428 (São Paulo)
  4. Plácido Aderaldo Castelo, Castelão, Fortaleza, 58.400 (Ceará)
  5. José Pinheiro Borba, Beira Rio, Porto Alegre, 56.00 (Internacional)
  6. Serra Dourada, Goiânia, 50.049, (Goiás, Atlético-GO)
  7. João Havelange, Parque do Sabiá, Uberlândia, 50.000 (Cruzeiro, Atlético-MG)
  8. Olímpico Monumental, Porto Alegre, 45.000 (Grêmio)
  9. Eduardo José Farah, Farazão, 44.414 (Prudente)
  10. João Havelange, Engenhão, 44.000 (Botafogo)
  11. Paulo Machado de Carvalho, Pacaembu, 37.952 (Corintiãs)
  12. Manuel Barradas, Barradão, Salvador, 35.632 (Vitória)
  13. Brinco de Ouro da Princesa, Campinas, 32.453 (Guarani)
  14. Palestra Itália, Parque Antártica, São Paulo, 29.876 (Palmeiras)
  15. Santa Cruz, Ribeirão Preto, 28.562 (São Paulo, Corintiãs, Palmeiras)
  16. Dilzon Melo, Melão, Varginha, 27.000 (Cruzeiro, Atlético-MG)
  17. Joaquim Américo Guimarães, Arena da Baixada, Curitiba, 25.800  (Atlético)
  18. Presidente Vargas, Fortaleza, 22.000 (Ceará)
  19. Urbano Caldeira, Vila Belmiro, Santos, 21.256 (Santos)
  20. Epaminondas Mendes Brito, Ipatingão, Ipatinga, 20.500 (Cruzeiro, Atlético-MG)
  21. Jornalista Mário Helênio, Juiz de Fora, 19.800 (Cruzeiro, Atlético-MG)
  22. Joaquim Henrique Nogueira, Arena do Jacaré, Sete Lagoas, 18.000 (Cruzeiro, Atlético-MG)
  23. Sylvio Raulino de Oliveira, Estádio da Cidadania, Volta Redonda, 15.150 (Flamengo, Fluminense, Vasco, Botafogo)
  24. São Januário, Rio de Janeiro, 15.150 (Vasco)
  25. Aderbal Ramos da Silva, Ressacada, Florianópolis, 15.000 (Avaí)
  26. Engenheiro João Guido, Uberabão, Uberaba, 13.060 (Cruzeiro, Atlético-MG)

Os dados foram retirados o Cadastro Nacional de Estádios, da CBF. Alguns estádios são apenas opções para o caso de impedimento daqueles em que os clubes mandam costumeiramente seus jogos.

Quem se anima a avaliar cada um com notas de 0 a 5 para os quesitos acesso, visão do campo, segurança, conforto, estacionamento.

Exemplos: Mineirão (3 + 2 + 2 + 3 + 4 = 14), Maracanã (4 + 3 + 1 + 2 + 0 = 10), Morumbi (0 + 1 + 1 + 3 + 0 = 5), Arena (5 + 5 + 3 + 4 + 1 = 18), Parque do Sabiá (4 + 5+ 4 + 4 + 3 = 20), Barradão (1 + 5 + 1 + 3 + 1 = 11), São Januário (0 + 5 + 0 + 2 + 0 = 7), Engenhão (2 + 5 + 1 + 5 + 0 =13), Pacaembu (4 + 5 +  3 + 2 + 1 = 15).

N.B.: Como já começaram a despejar asneiras sobre este tema, explico. Nos anos anteriores, eu me baseava nos sites oficiais dos clubes e dos estádios -que sempre citei no começo os morrinhões- pra informar a capcidade de público de cada estádio. Este ano, adotei o Cadastro Nacional de Estádios elaborado pela CBF como referência. Quem discordar dele, por fazer reclame com o Teixeirão.

64 comentários para “Onde torcedor vai sofrer”

  1. Palmeira. disse:

    Quando o Mineirão será fechado para reformas?

  2. Rodrigo Gomes disse:

    Morrinhão é um campeonato de tão alto nível que até uma máquina tipo o Ipatinga é surrada sem dó nem piedade por qualquer Paraná Clube da vida. Viva o Morrinhão, o melhor campeonato do mundo!

    • Jorge Santana disse:

      Se o Cruzeiro estivesse na segundona e escalasse o catadão com os geniais Caçapa, Fabinho, Lessa e Dewey Magalhães, ia pra terceirona sem choro.

    • Walterson disse:

      Esta m… de time só joga contra o Cruzeiro.

      • Rodrigo Gomes disse:

        Sim. Meu comentário foi ironia, acho o time do Ipatinga fraco, ficou em quinto lugar na fase de classificação do Mineiro, classificou ás duras penas contra o Tupi e não fez cócegas na Cocota. Só contra o Cruzeiro se agiganta.

      • Jorge Santana disse:

        Gomes fica remoendo vexames. Masoquismo. A realidade é que o Ipatinga goleou o Cruzeiro duas vezes impiedosamente. No final, foi vice-campeão e o Cruzeiro, 4º colocado.

      • Jorge Santana disse:

        Walterson, eu disse que, apesar de ter ficado em 5º, devido a dois acidentes nos minutos finais dos dois últimos jogos em casa, contra Caldense e Villa, o Ipatinga era o time que havia se apresentado melhor até então. Eu devia estar errado e vc certo. Tanto que, depois, o Cruzeiro humilhou o Tigre e terminou melhor do que ele, né mesmo?

      • Walterson disse:

        Eu sei, Rodrigo. Só pode ser sacanagem do síndico achar que este time é o melhor (?) de Minas só porque surrou duas vezes o catadão do Cruzeiro. Os caras que jogaram foram quase todos escorraçados. E ele se esquece do primeiro jogo da semnifinal, quando o goleirão segurou tudo mas não fez nada contra a cocorosa.

      • Jorge Santana disse:

        O Gomes deve ser um desatento praticante de leitura dinâmica. Eu disse que o Ipatinga foi o melhor time da fase classificatória do Mineiro. Questão de opinião. E opinião parece ser algo que o Gomes não aceita. Que o martiriza. Chato é que, no fim das contas, o Tigre ficou em 2º e o Cruzeiro em 4º no Mineiro. E as duas goleadas, como explicar? Catadão? Pois o Ipatinga tb jogou com um catadão, sem seis titulares. Discutir com derrotas acahapantes, humilhantes, definitivas não é coisa de gente esperta. Eu não discuto. Mas o Gomes vais e torturar pelos tempos afora tentando assimilar as duas goleadas. Que passe bem na empreitada. Da minha parte, só vou rir do desespero dele, sem jamais cobrir a cabeça com uma peneira.

      • Rodrigo Gomes disse:

        Calma Sindico, não precisa ficar nervoso. Você acha o Ipatinga o ó do borogodó, eu não acho. Cada um com sua opinião. Mas estarei na torcida por tão nobre agremiação na Segunda Divisão do Morrinhão.

      • Jorge Santana disse:

        Não estou nervoso, estou apenas explicando algo que vc não alcançou. Mastigando o texto pra vc digerir. E vc tem todo o direito de brigar com as goleadas. Não acredito que sua luta vá mudar alguma coisa, mas, enfim, o que é de gosto regala a vida. Quem sabe, depois de espernear bastante, vc consiga trocar as colocações de Ipatinga e Cruzeiro na classifcação do Mineiro? Aos moinhos, pois!

      • Rodrigo Gomes disse:

        Sim, obrigado por mastigar. O Ipatinga ainda será reconhecido como a potência que é, bote fé! Torcida minha não faltará!

      • Jorge Santana disse:

        E quem sabe vc ainda anula as duas goleadas? Vá em frente. Sua luta será reconhecida. Vc entrará pra história como o garoto do placar adverso. Sempre que um time for humilhado, vc será chamdo pra consertar o estrago teclando.

      • Rodrigo Gomes disse:

        hahaha, Sindico endoidou pra não falar coisa pior… não estou tentando anular goleada alguma. O Ipatinga fez dois jogos perfeitos contra o Cruzeiro, não estou tirando isso. Mas foi só contra o Cruzeiro, Porque a Cocota ganhou as duas, o poderoso Parana Clube humilhou o Tigre também, e assim vai. Você está superestimando o glorioso Ipatinga.

      • Jorge Santana disse:

        Não superestimei time algum. Só disse que havia sido o melhor da fase classificatória do Mineiro. O resto é por sua conta. Ou melhor por sua capcidade de compreender o que lê. Que deve ter sido afetada pelas duas goleadas.

      • Rodrigo Gomes disse:

        Tá, um time que ficou em 5º lugar foi o melhor, beleza. Cada um vê as coisas como quer.

      • Jorge Santana disse:

        Eu disse que, apesar de ter ficado em 5º, devido a dois acidentes nos minutos finais dos dois últimos jogos em casa, contra Caldense e Villa, o Ipatinga era o time que havia se apresentado melhor até então. Eu devia estar errado e vc certo. Tanto que, depois, o Cruzeiro humilhou o Tigre e terminou melhor do que ele, né mesmo?.

      • Rodrigo Gomes disse:

        E foi humilhado pela Cocota, olha só. E pelo Paraná do possante Leandro Bocão hoje. Mas claro, como ganhou duas vezes do catadão do Cruzeiro, virou esquadrão. Melhor não contrariar.

      • Rodrigo Gomes disse:

        Haja acidente. Caldense, Villa, Cocota, Parana…

      • Jorge Santana disse:

        Vc não vai incluir no rol dos acidentes os dois jogos do Tigre contra o Cruzeiro? Memória seletiva? E, por falr em catadão, com quantos reservas o Tigre jogou contra o Cruzeiro?

      • Rodrigo Gomes disse:

        Memória seletiva quem tem não sou eu hein… Releia os meus comentários acima que verá que não esqueci os jogos do seu esquadrão contra o Cruzeiro.

      • Jorge Santana disse:

        Vc está machucado pelas goleadas e fica querendo corrigir a história a golpes de teclado. O Ipatinga é apenas um timinho do interior que bateu o Barça dos trópicos inapelavelmente. Qq torcedor minimamente inteligente asssimilaria o golpe. Um intelectualmente desonesto não consegue, Fica remoendo a pancaada e tenta desesperadamente corrigir a história. No mais, vá discutir com o Sobrinho, pois já te dei papo demais. Perdi tempo demais com suas asneiras.

      • Jorge Santana disse:

        Eu disse que, apesar de ter ficado em 5º, devido a dois acidentes nos minutos finais dos dois últimos jogos em casa, contra Caldense e Villa, o Ipatinga era o time que havia se apresentado melhor até então. Eu devia estar errado e vc certo. Tanto que, depois, o Cruzeiro humilhou o Tigre e terminou melhor do que ele, né mesmo???

  3. matheus t penido disse:

    JS, qto ficaria Paraná Clube e Cruzeiro ?

  4. Walterson disse:

    O Botafogo é no Engenhão, certo?

  5. Walterson disse:

    Morumbi: Acesso – 2 (5 pra mim pois eu ia à pé), visão do campo – 3 (vê-se o campo todo mas muito longe), segurança – 3, conforto – 2 (visitante fica na arquibancada e na chuva, as cadeiras são confortáveis), estacionamento – 1 (muito caro próximo ao estádio e difícil de sair; no entanto, pode estacionar no shopping Butantã e andar uns 1000 m).

  6. Walterson disse:

    Pacaembu: Acesso – 2 (Metrô é bem longe mas tem boas vias ao lado), visão do campo – 4, segurança – 3, conforto – 1 (visitante fica na arquibancada e na chuva, banheiros ruins), estacionamento – 4 (bolsão em frente ao estádio e flanelinhas nas proximidades).

  7. Walterson disse:

    Maraca: Acesso – 5 (estação do Metrô ao lado), visão do campo – 4, segurança – 3, conforto – 2 (banheiros ruins), estacionamento – 1 (quem for da Petrobras pode estacionar no prédio da empresa a cerca de 200 m do estádio).

  8. Walterson disse:

    Parque do Sabiá: Acesso – 5, visão do campo – 4 , segurança – 3, conforto – 3 , estacionamento – 4.

  9. rosan amaral disse:

    Divirjo de um ponto: a visão do campo do Mineirão é melhor que a do Maracanã (esta exige uso de binóculos nas últimas da “arquibancada”).

  10. JJ disse:

    Mineirão “cabem 75 mil” mas só liberam 64800. Ou seja, na prática cabem 64800.

    • Jorge Santana disse:

      Reclame com a CBF e a Ademg. Ou peça pra liberarem toda a geral. Pra CBF cabem apenas 5.500 no Ronaldão. Mas sempre há mais gente no estádio. Se a CBF aumenta num e diminui noutro, o problema é dela. O cadastro de estádios é dela.

    • Jorge Santana disse:

      Supondo que vc não seja burro, mas apenas mal informado, te explico, JJ. A capacidade do Mineirão é exatamante a que informa a CBF. Que, veja só a coincidência!, é mesma que informa a Ademg. Procure saber, agora, o público de Cruzeiro 2×1 Paysandu, em 2003. Vc vai se espantar, vai ficar embatucado, vai bater com a cabeça na parede ao descobrir que foi bem maior do que os 64 mil. O resto da história vc saberá quando, finalmente, conhecer o Mineirão.

      • JJ disse:

        Mas o que adianta caber 75 mil se só liberam 64800 ? Então vale falar que tambem cabe 132 mil, mas só liberam 64800 dá na mesma. CBF deveria parar de mentir. Se só pode ir 64800 …

      • Jorge Santana disse:

        Ok, JJ, do alto da sua sabedoria, diga, então, qual é capacidade do Mineirão. Quanto a serem liberados 64.800 entenda-se com o MP e a PM. Mande liberar toda a geral. Proíba camarotes da final da Libertadores e em jogos da Seleção. Conte o público das cativas e dos camarotes. Enfim, faça o que sua casta experiência acerca do tema te aconselhar. Como não tenho este seu conhecimento enciclopédido, fui ao Mineirão perguntar e, depois, busquei informações no Cadastro Nacional de Estádios. Agora, mostre que vc pode fazer melhor. Ou, no mínimo, assista a seu primeiro jogo no Mineirão antes de pontificar sobre o estádio.

      • JJ disse:

        Então tá, a capacidade é 75 mil e poucos…

      • Jorge Santana disse:

        Eu citei as fontes, JJ. Cobre delas. É assim que funciona. E assista algum jogo no Mineirão pra vc conhecer o estádio. Costuma fazer bem ter um mínimo de conhecimento sobre o assunto que se quer debater.

    • Rodrigo Gomes disse:

      Mas tem que colocar que cabem 75 mil pra taxa de ocupação cair e assim ter munição contra o Morrinhão.

      • Jorge Santana disse:

        Reclame com a Ademg e a CBF. Ou pare de ouvir rock muito alto, pois seus miolos estão derretendo.

      • Rodrigo Gomes disse:

        Rock faz bem, ao contrário dos sons que você vez ou outra indica aqui nesse espaço.

      • Jorge Santana disse:

        Rock pode fazer bem pra quem tem cérebro e sabe que ele é quase sempre descartável. No mais, não escrevo pra vc. Se escrevesse, te indicaria punk, funk, axé, por aí.

      • Rodrigo Gomes disse:

        Eu sei, gente como você não suporta alguém que pense diferente, não suporta quem não concorda com tudo que você diz. Aí começa a esbravejar, a xingar, menosprezar, etc. Mas não caio nessa e nem vou devolver na mesma moeda, insistindo numa guerra virtual que não leva a nada. Pode xingar, babar, ficar raivoso, o que quiser. Não te xingarei de volta.

      • Jorge Santana disse:

        Opa, ficou magoado? Se não dá conta, não inicie uma polêmica. Vc provocou e eu te humilhei. Mas foi tudo numa boa. Na verdade, sua opinião pouco me interessa. Mas se vc quer discutir, não tem problema. Se não quer, não fará falta. Quanto a não suportar quem pensa diferente, confira quanto espaço vc teve pra derramar sua extensa sabedoria de boteco antes de ficar choramingando.

      • Jorge Santana disse:

        Opa, ficou magoado? Se não dá conta, não inicie uma polêmica. Vc provocou e eu te humilhei. Mas foi tudo numa boa. Na verdade, sua opinião pouco me interessa. Mas se vc quer discutir, não tem problema. Se não quer, não fará falta. Quanto a não suportar quem pensa diferente, confira quanto espaço vc teve pra derramar sua extensa sabedoria de boteco antes de ficar choramingando..

    • Arthur disse:

      JJ a pergunta que devemos fazere todos nós é: qual foi o último jogo do Camp. Brasileiro que se teve mais de 60 mil pagantes? O nosso time é o mesmo praticamente do ano passado. O futebol não mais interessa? A nossa torcida não tem grana? O que faz a nossa trocida aparecer é só a LIBERTAS e as FINAIS do Mineiro? Esta indagação precisa uma resposta. E a resposta deveria vir do nosso Depto. de MKT, afinal ele deveria conhcer melhor QUEM VAI AO MINEIRÃO, ou melhor, quem é o nosso torcedor. Principalmente, se o Dom Zezepe continuar com as tais idéias megaolmanácas de sempre… ABS/ART

      • Vinicius Cabral disse:

        Eu não sei onde encontrar dados sobre público de todos os campeonatos brasileiros até aqui. Mas será que a média de público de antes era maior? Eu já vi tanto jogo do Cruzeiro com 4.000 pagantes com a fórmula antiga… Dizem por aí que a média de público tem aumentado. Qual fórmula seria a ideal para que o público aumente? O Brasileiro tem fórmula de pontos corridos e os estádios, na maioria das vezes não lotam. A Copa do Brasil, mata-mata que classifica para a Libertadores, também não. E aí? O problema é a formula de disputa?

      • rosan amaral disse:

        Vinicius, a era dos públicos paquidérmicos encerrou com as campanhas do Cruzeiro nas Supercopas dos Campeões da Libertadores: Era só de 70 mil para cima.

  11. rosan amaral disse:

    JS, enviei uma mensagem para você e para o Evandro relativa a entrevista. Tá na hora do Evandro agendar, se for interessante para o blog.

  12. Rodrigo Gomes disse:

    É como eu disse, quando acabam os argumentos, começam os xingamentos… continue babando aí, como te disse, não vou devolver na mesma moeda. Se você acha que com isso me “humilhou”, beleza, comemore aí a vitória na sua guerrinha virtual. Eu passo mesmo, enquanto a discussão estava num nível que ninguém estava xingando ninguém, tava de boa. Mas já que você apelou, tá tranquilo, eu saio. Pode cantar a “vitória” aí e a grande “humilhação” que eu sofri.

  13. Naldo disse:

    Bom ver que o Cruzeiro irá jogar em várias cidades do Estado. Se por um lado vai ter que se adaptar aos campos, apesar de conhecê-los, por outro, fará a festa da torcida do interior.

    • Jorge Santana disse:

      Não se sabe onde o Cruzeiro jogará enquanto o Mineirão estiver fechado. Provavelmente, por comodismo, só o fará em Sete Lagoas e Ipatinga. Mesmo porque, nos demais estádios, corre sério risco de virar time vistante.

      • JJ disse:

        E nas fases seguintes da LA, caso passemos o SP ? Vamos jogar duas fora de casa caso peguemos o Flamengo…

      • Jorge Santana disse:

        Contra o Fla qq jogo fora de Beagá será no campo do adversário. Mas, antes teríamos, Estudiantes ou Inter. Com boa vontade o jogo poderia ser em Uberlândia.

      • Naldo disse:

        Prefiro ficar iludido e não creditar que o Cruzeiro não é maioria nos quatro cantos de MG. Mineiro precisa aprender que não somos colônia do RJ, temos vida própria.

Deixe um comentário

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.