Leo e Apodi superaram as expectativas

Por SÍNDICO | Em 19 de março de 2008

Atuações dos celestes no Caracas 1 x 1 Cruzeiro:

  • Adílson Baptista – Com Thiago Heleno e Marcel machucados no banco, restava Domingues para qualquer eventualidade. Para não gastar seu reserva estratégico, teve de mudar o time só com a preleção do intervalo. Deu certo e ele salvou um ponto precioso.
  • Torcida – Segundo o Othon Gervásio, um componente da TFC residentre no Laos, de passagem por Caracas, convocou mais 3 cruzeirenses locais pra empurrar o time no Olímpico. A TV não mostrou, mas vale o registro de que, onde quer que jogue, o Cruzeiro jamais estará sozinho. Em Beagá, a Celeste manifestou-se com moderação soltando alguns foguetes no gol de empate.

  • Fábio – Perfeito, defendeu as bolas corriqueiras e ainda salvou gol certo no 1º tempo com duas defesas arriscadas num mesmo lance.
  • Leo Fortunato – Perfeito.
  • Thiago Martinelli – Confuso.
  • Espinoza – Perfeito.
  • Apodi – Fez sua melhor partida no Cruzeiro. Foi o atacante mais efetivo do time.
  • Marquinhos Paraná – Bom na proteção à defesa, mas pouco efetivo no apoio ao ataque.
  • Ramires – Não conseguiu as boas arrancadas de sempre.
  • Jonathan – Teve dificuldade para conter Vargas no 1º tempo. No 2º, avançou, mas não conseguiu bons resultados.
  • Marcinho – No 1º tempo, só apareceu ao chutar uma bola perigosa aos 44. No 2º, atacou mais, lutou muito, porém não criou o suficiente para desequilibrar a partida como há tempos a torcida espera que aconteça.
  • Wagner – Melhor no 2º tempo do que no 1º. Esforçado, mas algo dispersivo, perdeu, por afobação, um contra-ataque que poderia ter resultado no gol de desempate.
  • Marcelo Moreno – Muita luta e um pênalti bem batido.

81 comentários para “Leo e Apodi superaram as expectativas”

  1. Franklin Bronzo disse:

    Marcel também estava machucado?!…O jeito é aceitar o “sábio” conselho da ministra D. Martha, por ocasião do caos aéreo do ano passado…É muito difícil…

  2. Franklin Bronzo disse:

    Para o jogo decisivo contra o San Lorenzo, dia 3/abril, será que poderemos contar com algum (uns) dos 11 (onze) jogadores contundidos?…Sim, pois eram 9, que, acrescidos de Thiago Heleno e, agora, Marcel, completam um time inteiro…

  3. Me chame de doido mas eu sempre acredito no Apodi, otimo resultado estamos com a faca e o queijno na mao. E um pouquino de doce de leite do lado.

  4. DANIEL CARVALHO (Porto Alegre) disse:

    Bom dia. Libertadores é assim mesmo, jogos difíceis e ainda mais com plantel reduzido, devido as contusões … acredito que o Cruzeiro fez a sua parte. Aqui contra os argentinos – decisão – é jogo do abafo e da perspicácia. Se o campo do Ipatinga for pequeno, melhor ainda. Valeu, Cruzeiro!!!!

  5. Jorge Santana disse:

    O campo do Ipatinga é mais largo do que o de Caracas, Daniel. E se for menor do que o do Mineirão é pouca coisa.

  6. Dylan disse:

    Conforme eu disse, não vi ninguém se sobressaindo, o destque foi o jogo coletivo. O time começou muito bem no segundo tempo,mas ai vieram as limitações de jogar tão desfigurado. Em todo o casao, é importante que , a não ser por uns raros minutos, o Cruzeiro nunca perdeu as rédeas do jogo…

    nessa altura, o Cruzeiro deveria considerar seriamente a possibilidade de mandar só os garotos para Valadares. Radical. A preleção do Arreguy resolve o resto.

  7. Walterson disse:

    ATUAÇÕES:

    Fábio – Grande atuação, como sempre. Mas, Jorge, para ser coerente, já que voce acha que o Martinelli errou contra o Rio Branco, o Fábio falhou no gol pois bola na pequena área é do goleiro.
    Leo Fortunato – Excelente na defesa mas inofensivo no ataque.
    Thiago Martinelli – Falhou no gol quando deixou o caraquenho sozinho e errou muitos passes.
    Espinoza – Cada vez mais se impõe na zaga. É o novo xerifão.
    Apodi – Como corre este cidadão, até parece que tem dois pulmões, só pode. E desta vez acertou vários cruzamentos, o que não é pouco pra ele.
    Marquinhos Paraná – Mais contido se dedicou á proteção das subidas do Apodi e primeiro combate na defesa. Espero que não tenha sido ele (de novo) a bater aquela falta para os adversários.
    Ramires – Não repetiu as boas atuações anteriores mas fez uma bela jogada e deixou o Moreno na cara do gol, no primeiro tempo. Tem crédito de sobra.
    Jonathan – Não pôde fazer muito pois o melhor jogador deles caiu pelo seu setor. Se limitou a defender, com segurança.
    Marcinho – Foi sua melhor atuação no ano, o que não quer dizer nada. Acho que a insistência do AB com ele só pode ser a pedidos da diretoria querendo fazer um DVD para passá-lo nos cobres. Vai ser difícil achar duas boas jogadas mas, quem sabe uma hora ele faz alguma coisa.
    Wagner – Apanhou muito, como sempre. Não criou jogadas de ataque mas limpou várias vezes o lance no meio de campo e abriu para as laterais. Perdeu um contra-ataque incrível no finalzinho da partida.
    Marcelo Moreno – Já virou lugar comum dizer que o boliviano luta o tempo todo. Mas é impressionante a volúpia com que ele vai na bola. Boa partida.
    Adílson Baptista – Não sei o que se passou na Toca mas aquela partida era pra ter voltado do intervalo com o Domingues no lugar do Murchinho, que era menos um em campo. Recuou demais o time até tomar o gol. jogando na frente, empatou e poderia ter virado o jogo.

  8. Charles disse:

    Ipodi mandou bem ontem.

    Destaque para o trabalho que é feito nele na Toca, para treinar o último passe.

    Se continuar treinando esse fundamento, tem tudo para melhorar a cada jogo e ganhar confiança.

    Dá gosto de ver o E-pi-nÔssa jogar.

  9. Charles disse:

    Concordo com o Dylan. Reservas dos reservas em Valadares!

    Quinta-feira é decisão! Não pode vacilar!

  10. Jorge Santana disse:

    Walterson, o Bap só tinha o Domingues na reserva, pois TH e Marcel estavam machucados. Se escalsse o baiano logo de cara, no 2º tempo, ficaria na “mão de calango” o restante do jogo. Abs, JS

  11. Jorge Santana disse:

    Dylan, se deixar a preleção por conta do Arreguy, o time entra comm 7 erm campo. O restante desertará e pedirá asilo em Cuba pra desfrutar as delícias daquele paraíso sócio-tropicalista. Abs, JS

  12. Dylan disse:

    aliás, se os meninos resolverem abandonar a delegação e fugir pra Cuba todo mundo sabe de quem é a culpa…

  13. Walterson disse:

    Jorge, é melhor ficar na “mão do calango” o segundo tempo que arriscar a jogar o jogo todo com 10 em campo.

  14. Gerson disse:

    Assino embaixo quanto a análise das atuações.
    Grande resultado.
    Também concordo: reservas dos reservas em Valadares. Será que teremos mais alternativas para o jogo do San Lorenzo? Parece que só o Sandro, não?
    Como seria bom se tivermos mais um volante como opção.
    E o Guilherme está fazendo falta danada.

  15. Elias- disse:

    Vistos, etc…
    Muito boa jornada do Cruzeiro.
    Comentei ontem aqui que o time não poderia se abster de atacar o Caracas, o que fêz ( e muito bem) no segundo tempo.
    Por tudo o que aconteceu ( viagem cansativa, gramado horrível, torcida em cima, adversário brioso e principalmente os desfalques), temi uma derrota.
    Que seria péssimo para as nossas pretensões.
    Ouvi um comentário ontem que o Adilson teve que treinar o Andrey na zaga, por total falta de opções.
    Concordo com o Dylan acerca do conjunto, das excelentes atuações do Apodi, do Fábio, mas não posso me privar de elogiar o baita futebol do zagueiraço Espinosssa, que além de comandar a zaga ( talvez por isso o futebol do Fortunato apareceu mais ), chegou no árbitro de maneira tranquila
    ( vcs repararam?) e o mais importante, se impôs ante o adversário. O melhor reforço para o ano.
    Posso até ter “engolido” corda mas devido os acontecimentos que antecederam esta partida, é mais uma página heróica imortal escrita na gloriosa história do Cruzeiro Esporte Clube.
    Com a palavra os amigos Jorgesan, o Bruno e o João Chiabi, eterno contador de “causos” celestes.
    E hoje estou cantando o hino de maneira diferente: Ao contrário do rival citadino, que jogará contra o “Nacional” estou mandando ver assim: “Nos gramados internacionais, temos páginas heróicas, imortais”.
    Abs
    J.E.M.Elias

  16. fabio velame disse:

    finalzinho de partida aos 30 minutos do 2º tempo, o Cruzeiro rouba a bola, Apodi parte pro contra ataque, leva um leve toque por tras, continua a correr e cai de uma hora pra outra, ali era chance da vitória, mas o pensamento pequeno o lateral do nosso time prefere cair em campo….se continuasse seria um contra ataque com muito mais jogadores q a defesa do Caracas….trocou praticamente um gol certo por um cartão amarelo do jogador adversário….
    Qndo disse “leva um leve toque por tras” é pq ele tinha chance de continuar a jogada, tanto q ele ainda deu uns passos ainda depois do toque, só q preferiu cair.
    Vendo isso lembro uma cena do jogo de volta da semi final da Joao Havelange 2000…o nosso lateral direito na época(Rodrigo)recebe livre na PEQUENA ÁREA pra finalizar, mas prefere esperar um encontrão do defensor do Vasco, achando q conseguirira penalty.
    Minha revolta na hora foi pq o primeiro jogo foi 2×2 fora de casa e nesse momento da partida estava 1×1 e a vaga era do Cruzeiro pra final.
    Mas o inteligente do lateral prefere uma trombada, do q finalizar ao gol, desperdiçando ótima chance, e td mundo sabe no final oq aconteceu, derrota de 3×1 no Mineirão….
    Assitindo a partida ontem, me revoltei comesse lance do Apodi, poderia continuar a jogada, mas o “pensamento pequeno” o pensamento q EMPATE é bom resultado, domina a mente de muito treinador e jogador…
    não to criticando o time, achei q fez ate uma partida razoável diante das circunstancias, e o empate não é de td ruim no final das contas.
    Mas preferia uma vitória, q poderia ter sido concretizada no lance q citei…

  17. fabio velame disse:

    parabéns ao time, Espinoza e Fortunato muito bem na zaga, e o Moreno na frente sempre brigando e incomodando.
    E ainda tem gente q quer o Moreno fora do time, tá louco ele é o melhor centroavante q tem no Brasil atualmente….aliás nós brasileiros temos q dá valor a certo tipo de jogador.

  18. Frederico disse:

    Fabio – muito bom. e esse boato de que vai pra Fiorentina?
    Ipod – melhorou muito os cruzamentos, mas ainda continua chiliquento.
    E pi nossa – joga muito esse moço hein… ele deu uns lançamentos de 40 jardas muito bons!
    Fortunato – foi bem.seguro e aidna arriscou um lancezinho no ataque
    Martinelli – meio perdido… falhou feio no gol dos amigos do Chaves.
    Jonathan – foi bem.
    MP- bem na defesa, nao tao bem na organizaçao do jogo.
    Ramires – mais contido, não subiu muito ao ataque. teve pouco espaço pra jogar. considerando o ano mágico q ele vinha tendo, foi a pior partida dele no ano.
    Marcinho – melhor partida dele no ano, mas no segundo tempo deu uma sumida
    Wagner – ridiculo no primeiro tempo, melhorou um pouco no segundo. alguem tem que lembra-lo q futebol joga-se de pé.
    MM – a velha correria de sempre e a constante briga com a bola. perdeu um gol por preciosismo e nao conseguiu dominar uma bola facil q era chance clara de gol. Em jogos parelhos, como ontem, nao pode perder o caminhão de gols q costuma perder nao.

  19. O melhor do empate foi ter tirado dois pontos do Caracas. ALiás, ter roubado pontos em Caracas e Buenos Aires foi vital. Só uma “tragédia” os elimina agora. Parabéns!

  20. Douglas de Sena disse:

    Concordo com a avaliação dos jogadores. Apodí procurou jogo e deu bastante trabalho no lado direito. Grata surpresa.

  21. Chiari disse:

    Concordo com vc, JS. TMartinelli, Ramires, Wagner e Marcinho não jogaram bem. Foram esforçados, no máximo. Já o xerife Espinoza foi perfeito. A melhor contratação do ano. Esse 1 ponto deve ser comemorado, mas ficou a impressão que a vitória não estava tão difícil. Sds, Chiari

  22. Dezin disse:

    O Martinelli é bom zagueiro, mas ele tem um irritante habito de, em algumas jogadas, simplismente nao acompanhar o atacante ou quem esteja na area.

    Contra o San Lorenzo, demos uma sorte danada numa daquelas cabeçadas a queima roupa, que o Martinelli ficou so na telepatia, e o Fabio fez milagre. Ontem o lance foi identico, so que a bola entrou.

    Repito, o Martinelli é bom zagueiro, tem boa antecipação, e otimo jogo aereo, so que ele tem que dar um jeito nesses ‘brancos’, que hora ou outra podem custar caro.

  23. rdish disse:

    fabio velame, não concordo com sua análise do lance do Apodi. O QUE EU VI é que ele tentou continuar mas ficou desenquilibrado e caiu. E tem de ficar mesmo, pois com a velocidade que ele passou pelo marcador, qualquer toque o deixaria assim. Não vale a pena criticar esse lance, como se o gol fosse 100% garantido se ele passasse…
    Além do mais, o Apodi mostrou evolução ontem. Conseguiu até acertar cruzamentos da linha de fundo!!!! Senti por essa atuação que ele tem treinado suas deficiências. Se ele conseguir sanar mais algumas delas – ele é novo, ainda está no tempo disso – será um grande opção para o time. Foi de fato uma grata surpresa a sua atuação.

    rdish

  24. Roberto Q.Lautner disse:

    Jorge, na próxima parida irei comprar um caixa de morteiro (1 tiro canhão) e engrossar o caldo dos foguetes, pode deixar; o pessoal do prédio que me aguarde…

    []´s

    RQL

  25. Naldo disse:

    Sancho,

    Concordo contigo, obrigado.

    Pessoal,

    A avaliação do JS é muito parecida com a minha, faço apenas algumas obsevações:
    Tiago Marinelli – Jogou muito mal na posição de primeiro volante, falhou no gol e perdeu o tempo de bola na entrada da área e teve que fazer falta para evitar o gol dos venezuelanos. Merecia até um cartão. Como tava improvisado, confuso, vou relevar. Mas é inferior aos outros 3 Zagueiros.
    Marcinho – Ipatinga é o seu futuro. Melhorou um pouco, mas esta a anos-luz do que se espera dele.
    Abçs

  26. Chiari disse:

    O IPOD jogou bem devido à uma síndrome de Sansão às avessas. Foi só cortarem o cabelo do rapaz que o futebol, antes escondido atrás da farta cabeleira, resolveu aparecer.

  27. Maykon Schots disse:

    O Sanchotene disse o que eu pensara ontem … roubamos dois pontos do Caracas. Agora é fazer nossa parte (vencer o S. Lorenzo) e deixar Caracas e San Lorenzo se matarem.

    Gostei da equipe ontem. Soube controlar um jogo difícil. Acho que o Fábio estava com a faixa , mas quem fez o serviço de capitão foi o Espinoza , com conversas ao pé do ouvido do árbitro , e sempre sorrindo. O papo parecia estar bom ..rss…

    sds ,

  28. claudio(xina)lemos disse:

    Gente, me explica uma coisa eu to meio cego? Não sei mais analisar futebol? Porque eu tenho o maior respeito pela analise do sub sindico, mas acho que o marcinho simplesmente não jogou nada no primeiro tempo, nada e, para mim foi um dos culpados pelo resultado do primeiro tempo, marcou mal. Correu pouco. No segundo tempo foi outro jogador. Mas ele é muito fraco. O sobra jogou demais. O juiz foi irritante. Tudo era falta principalmente contra o Cruzeiro. O cartão amarelo do parana foi inexplicavel, nem falta foi. De resto Acho que o time entrou muito recuado, se tivesse adiantado um pouco a marcação como fez contra o cerro teriamos ganho o jogo. Mas acho que a historia dos 12 jogadores fez o time recuar um pouco.
    Não li nenhum comentário, e não deu para ouvir o que o escobar falou? mas no mais ZEIROOOOOOOO!!!! Time de junior contra o Democrato GV e depois ganhar do San Lorenzo para ficarmos bem na colocação geral.

  29. Mauro França disse:

    Também achei que o Leo e o Espinoza foram os melhores. Mas o destaque maior vai pro espirito coletivo desse time, e pela luta.

    Aíás, não é implicância, Walterson, mas analisar a atuação de um zagueiro e dizer que ele foi excelente na defesa e “inoperante” no ataque, não é um pouco demais, não??

  30. Fabio Velame disse:

    não precisa vir com time reserva aqui pra Governador Valadares, queria ver o time titular jogando, já q o jogo contra o San Lorenzo é apenas no dia 03/04.
    O ruim é q o Cruzeiro vai afundar mais o time da cidade, o Democrata começou a cair depois da inesperada derrota em casa pro Guarani de Divinópolis, que me deixo irado…

  31. Celeste disse:

    Amigos, aqueles passes certeiros do Espinosa me fez lembrar o Franco Baresi. Excelente o resultado do Cruzeiro. Como é bom acompanhar jogos da Libertadores. É muito diferente que qualquer outro campeonato. Os jogadores de todos os times parece que jogam com a alma.

  32. Naldo disse:

    França,

    Esta observação tambem arranhou os meus olhos…

  33. Bruno Pontes disse:

    Não pude ver o jogo 🙁

    Mas to vendo vários lances, gostei das incursões do Apodi no ataque. Waterson, você disse que o Fortunato foi “Excelente na defesa mas inofensivo no ataque” ? O cara é zagueiro pô! hehehehe

    O Espinoza tá bem desde que estreou. Impressionante a segurança que ele passa!

    Qual a previsão sobre a enfermaria do Cruzeiro liberar jogadores?

    Agora, o que eu quero MESMO é estraçaiar a cocota no mineiro e qualquer time carioca na libertadores.

  34. Dylan disse:

    Fred, concordo que o Marcinho deu uma sumida. Aliás, ele estava em Caracas? se o Cruzeiro entrasse com dez em campo, não ia fazer a menor diferença.

  35. Walfrido disse:

    Também não entendi o Walterson nesse comentário ao afirmar que o Zagueiro foi “inoperante” no ataque.

    Também não concordo com a critica velada ao fábio no gol. Pra mim foi vacilo do Martinelli. O fábio fez o possível.

    Qto ao AB, acho que até poderia por o Domingues, mas pelo o que ele vem jogando ESSE ANO, seria quase que 6 por meia dúzia. E ainda perderia a UNICA opção de banco. Correria risco desnecessário. Ponto pro AB na minha opinião.

    No mais, ao contrário dele, concordo com a maioria dos pontos de vista.

    Democracia é uma benção, né Arreguy????

    Ih, mexi com dois no mesmo post!!!! Rsrsrsrsrsrsss

  36. Beth Makennel disse:

    Nosso time jogou com muita garra e foram realmente GUERREIROS em campo. Agora que time metedor de pé, só!
    Espero que o Ramirez não tenha machucado pois o que levou de sarrapo não tá no gibi. Valeu Cruzeiro e vamos que vamos vencer os hermanos em Ipatinga, para a conquista da vaga. Ainda, não estamos tranquilos não! Vamos vencer e vencer… Que a galera 5 estrelas de Ipatinga( que é pintada de azul e branco ), assuma a responsabilidade de incentivar e empurrar nosso time á vitória.

  37. Walterson disse:

    Xina, tambem achei a mesma coisa sobre o comentário do subsíndico. Se no primeiro tempo ele só deu um chute a gol e mal pegou na bola, como pode ter piorado no segundo tempo e, mesmo assim, ter feito sua melhor partida pelo Cruzeiro?

    Sobre o Fortunato, eu quis dizer que toda vez que ele se arriscou no ataque, conseguiu errar tudo. Zagueiros quando sobem, geralmente em escanteios e faltas, sempre criam problemas para a zaga adversária, vide a cabeçada do Martinelli que quase entra. Não têm obrigação de fazer gols mas o Cris, o Glad, o Wellinton e o TH andaram deixando suas marcas por aí. Não sei se o Fortunato já fez algum gol mas ontem, NO ATAQUE, foi uma negação. Na defesa, quase perfeito. Claro agora?

  38. Othon disse:

    So um adendo: Torcida compareceu sim, nao mostraram na TV…um amigo nosso, da Fanati-cruz que mora no no Laos e estava vindo ao Brasil de ferias, passou por la e assistiu o jogo,junto com mais 3 amigos aqui de BH.

  39. Walfrido disse:

    E ai Othon… Beleza? Tá certo que nosso amigo de Laos (gente finíssima por sinal) compareceu com mais alguns, mas nem de longe se compara com a festa que fizemos em assunción, certo? By the way, antes, durante e depois da partida!!! Que saudade!

    2a fase temos que nos organizar de novo, heim???

    Abraços

  40. Charles disse:

    Walterson,

    Para resumir: Que o Fortunato continuem sendo zagueiro e nada de escalar o homi no ataque, no lugar do Moreno, né? hehehe.

    Agora, querer dizer que o gol foi falha do goleiro é forçar a barra. Naquele tipo de lance não é falha do goleiro.

    Se a pelota tivesse vindo da linha de fundo, são outros 500…

    Mas esse tipo de lance é do zagueirão… E qualquer desvio ali mata o goleiro!

    Ps: Como é bom ver nosso Cruzeiro voltar a jogar com toda essa gana e espírito de luta!

  41. Charles disse:

    NIELSEN e GENIBA.

    O placar estava 4 a 2 pro Nielsen.

    No jogo de ontem sugiro não contabilizar ponto para ninguém.

    Mantemos o placar?

  42. Walfrido disse:

    Charles,

    Ponto pro Nielsen ontem. Marcinho melhorou, deu até um minimo de raça mas nem de longe mereceu destaque, em minha humilde opinião.

    Agente elogiou pq o resultado foi bom e porque, comparativamente com as partidas passadas, ele evoluiu.

    Mas dizer que jogou bem é forçar!

  43. Damas disse:

    2 comentários: 1) Ofereço minha língua para o churrasco. O negão Epinossa tá jogando muito. 2) Falsa a afirmativa que me viram batendo panelas na Praça 7 ontem à tarde. Estou quieto no meu canto aqui no Goiás.

  44. Gustavo Sobrinho disse:

    O Marcinho da motivo para essa implicância de todos, mas vocês exageram demais! Se o Cruzeiro jogou com menos um no primeiro tempo esse menos um era o Wagner. Ele errou tudo que tentou e quando não errou caiu no chão. Marcinho fez uma partida mediana no primeiro tempo e sumiu no segundo.

    Mas o melhor do jogo foi aos 40min do segundo tempo ouvir o Jorge Santana dizer: -Eu acho que falta…maturidade para o time!

  45. Charles disse:

    Walfrido,

    Não acho q ele foi bem, por isso sugeri não contabilizar ponto para ninguém.

    Estou apenas me baseando no Walterson, que é o maior crítico do cara.

    O Walterson disse que foi a melhor participação do Marcinho esse ano.

    Mas, nesse mesmo ano, ele já ganhou ponto positivo quando foi bem contra o Social e marcou um gol, além de participar bem da partida.

    Então, baseado nisso, sugiro manter o placar!

  46. Walfrido disse:

    O problema, Sobrinho, é que, ao contrário do Wagner, o Marcinho ainda não fez nenhuma partidaça onde foi destaque, jogando bem. Já o Wagner jogou MUITO e muitos jogos, foi decisivo em outros tantos e ontem esteve, no minimo, no mesmo nivel do Marcinho.

    Esse que acho que é ponto.

    E veja bem, nunca vaiei jogador do Cruzeiro nem vou vaiar, mas não gostei da vinda do Marcinho pro Cruzeiro, apesar da troca por Martinez e Lenadro que, àquela época já eram bananeira que já deu cacho no Cruzeiro.

    Não acho ele melhor que o Domingues em boa forma e com vontade, coisa que lhe tá faltando esse ano.

    No mais, RESPEITO MUITO a escalação do AB, acho que ninguém mais que ele e sua comissão são capazes de avaliar qual dos 2 está melhor.

    De toda forma, tanto Marcinho qto Domingues deverão ser reservas este ano.

    Talvez seja este o detalhe que tem feito que tanto um qto outra não bvenham dando tudo que podem.

  47. Walfrido disse:

    Te entendo, Charles.

    Só tô pondo pimenta.

    Pra mim é ponto pro Nielsen, com o Walterson gostando da tauação de ontem ou não.

    Mas vamos ver outras opiniões.

    Realmente depois de todas dificuldades de ontem, as criticas serão um pouco filtradas, né?

    Valeu pela raça de todo o time, embora n 1o tempo poderia ter tido uma maior pegada, principalmente menos recuado, mais no ataque.

  48. Gustavo Sobrinho disse:

    Walfrido, entendo como funciona essa questão de credito com a torcida. O Marcinho não tem nenhum, por isso uma partida mediana dele se transforma em horrorosa facilmente! Quem não tem credito comigo é o Wagner, o “craque” do time que em partidas com um pouco mais de pressão erra passes de 2 metros me deixa bem nervoso!

  49. Walfrido disse:

    Sobrinho,

    É engraçado como que opinião é igual b.u.n.d.a, cad um tem a sua, né? Rsrsrs

    E nesse quesito, Wagner e Fábio são “hour-concur”… Tenho amigos que os acham os maiores pernas de pau, outros adoram.

    Eu acho o Wagner o melhor camisa 10 do futebol brasileiro de HOJE, não é nem NUNCA será um Alex10, mas pro paupérrimo futebol brasileiro de hj é muito bom jogador. Tem seus apagões, sim. As vezes some, sim. As vezes falta brio, sim. Mas ruim com ele (discordo), MUITO pior sem ele.

    O mesmo vale pro Fábio. Se o compararmos com um Dida, o coitado fiica a anos luz, e olha que MUITOS catracavam o Dida também. Mas pros goleiros de hoje o Fábio tá bem. Tem lá suas falhas mas na média, é muito acima da média… Rsrsrsrsrsrsss

    Discorda? Vamos lá. Convença-me se for capaz!!!!!

    Abraços

  50. Walterson disse:

    Charles, meu recado foi para o JS. Jáque ele achou que o TM tinha errado contra o Rio Branco, então deveria dizer que o gol foi por falha do Fábio. Só para esclarecer, não acho que o TM tenha falhado no gol do Rio Branco mas ontem ele deixou o cara subir sozinho.

    Pessoal, volto a repetir: se o bolinha só deu um chute no primeiro tempo, mal tendo pegado na bola, e piorou no segundo, como é que o avaliam positivamente? Pessoalmente, acho que ele foi melhor no segundo que no primeiro tempo. Daí a dizer que foi uma boa atuação, vai uma distância astronômica.

  51. Olivieri disse:

    Jorge,

    onde você viu que o Marcel tava machucado? Não li, nem ouvi nada a respeito.

  52. Walterson disse:

    José Neto, o Domingues pode ter muita bola mas não tem mostrado quando entra em campo. è uma atuação pior que a outra.
    Sobre o cidadão fazer beicinho, não sei de nada.

  53. Nielsen CMA disse:

    Wagner sofreu uma marcação implacável, e sem o Guilherme e o Jadilson ele fica sem ninguem pra dialogar, tem crédito.

    Apodí “estraçaiou” com o lateral do Caracas que deve ter tido pesadelos com ele.

    Fábio fez lembrar o grande Dida naquela jogada do 1º tempo, não teve culpa no gol.

    Fortunato, apesar de ter ido mal no ataque, he,he,he, fez sua melhor partida no Cruzeiro.

    Moreno é o cara, que continue iluminado e guerreiro.

    Marcinho:Bom, se a melhor partida do rapaz no ano se resumiu a um bom chute no primeiro tempo e um bom cruzamento no segundo, tá osso.Mas pelo time remendado, e pelo resultado que a meu ver foi EXCELENTE, concordo em manter os 4 x 2.

  54. Gustavo Sobrinho disse:

    Apostava no Wagner em 2006, jogou bem por um tempo depois desapareceu. Apostava em 2007, jogou bem por um tempo depois desapareceu. Esse ano eu não aposto mais nele, não confio que ele possa ser o camisa 10 que o Cruzeiro precisa para ganhar a Libertadores. E os jogos contra San Lorenzo, Atletico e Caracas, os mais complicados do ano, me deixaram mais preocupado ainda, porque ele não jogou nada. Eu torço é para o Guilherme ser o atacante que chame a responsabilidade e decida, coisa que acho que o Wagner não tem cabeça para ser. E torço também para que o Fabio comece a pegar penaltys!

  55. Walfrido disse:

    To contigo em quase tudo Sobrinho, minha unica diferença é que novamente dou crédito ao Wagner esse ano.

  56. Jorge Santana disse:

    Na Itatiaia, após a partida, Olivieri. Quem contou foi o setorista do Cruzeiro.

  57. Walfrido disse:

    Que estranho, ouvi a itatigaylo e não me lembro de ter ouvido isso. Mas estava vendo Tv, escutando radio, fuçando na Internet… Pode ser que não prestei atenção! De qualquer forma é realmente preocupante essa inhaca… Espero que tenha passado!

  58. Walfrido disse:

    Que estranho, ouvi a mencionada radio tendenciosa após a partida e não me lembro de ter ouvido isso. Mas estava vendo TV, escutando radio, fuçando na Internet. Pode ser que não prestei atenção! De qualquer forma é realmente preocupante essa inhaca. Espero que tenha passado!

  59. Marcelo Cunha - SC disse:

    Walterson,

    Vc só tem um pulmão?

  60. Walfrido disse:

    Aahahhahahaaaa… sacanagem, Marcelo!!!!!

  61. Gustavo Sobrinho disse:

    Momento advogado do diabo.

    Acabei de ver os melhores momentos no Globo Esporte. Dos 4 lances do Cruzeiro no primeiro tempo, 3 contaram com a participação do Marcinho! Sabia que o futebol mediano dele no primeiro tempo não era fruto na minha imaginação!

  62. Flavio Carneiro disse:

    Pode-se questionar a qualidade técnica de um ou outro jogador, mas ninguém poderá deixar de enaltecer a luta e determinação do time no jogo de ontem. Foram 11 Guerreiros em campo, honrando as tradições do Cruzeiro EC. Hoje eu estou orgulhoso desse time.

    Só espero que aqueles “chatos” que vaiaram o time no jogo contra o Rio Branco se desloquem até o aeroporto para receber com aplausos esses jogadores.

  63. Frederico disse:

    Nem da minha imaginaçao Sobrinho, nem da minha…
    a má vontade é mto grande…

  64. Flavio Carneiro disse:

    José Neto,
    tenho que discordar de sua análise sobre o AB, especialmente no jogo de ontem. Ele não tinha opção, já que o time estava todo “quebrado”, com lateral direito jogando na esquerda, zagueiro jogando de volante e meia jogando no ataque. Para piorar, não havia nem banco para mexer no time durante o jogo.

    Títulos se ganham jogando com técnica, determinação e INTELIGÊNCIA. O empate ontem foi um excelente resultado para nossa classificação, que é o que importa agora. Não se esqueça que nos jogos decisivos, quando o time precisava atacar, isso aconteceu, como nos jogos em casa contra o Cerro, Potosi e Caracas. Até agora o trabalho do AB tem sido muito bom!

  65. Mario Lucio Vaz disse:

    Parabéns Cruzeiro, contra todos e contra parte de sua torcida vamos chega.

  66. claudio(xina)lemos disse:

    José Neto. Vc me deixou otimista, todo técnico tem que ter sorte, e se nos dias que errou tudo o adilson mesmo assim não perdeu, então nos dias em que acertar estaremos feitos.
    Fred e Sobrinho tenham dó, por favor!!!! Eu tenho má vontade com o marcinho? Nem com o thiago heleno eu tive. O cara não foi atacante, não foi meio de campo, não produziu nada não marcou ninguém, não criou nada. Ele é um dos maiores salários do cruzeiro então não tenho que ter boa vontade com ele, é um dos mais velhos do time. Já o wagner é novo, já deu muitas alegrias à torcida então tenho muito boa vontade com ele.

    Sobrinho ouvir o Jorgesan dizer que faltou maturidade ao time não deve ter preço …

    Acho que vcs estão cheios de imaginação…

  67. Douglas_TFC disse:

    comemoração contida? hauhaua taí a galera da TFC enlouquecendo mais um bar

    http://www.torcida5estrelas.com/2008/03/vdeo-confira-o-gol-do-cruzeiro-contra-o.html

  68. Naldo disse:

    Tá Pintando,

    Sempre acompanho o Cruzeiro nos diversos torneios desde a Supercopa de 1991. Em 1976 era ainda muito garoto e morava no interior, não vi. De 1978 a 1983 o Cruzeiro descançou. De 1984 a 1990 o Cruzeiro revesou com o rival os títulos do Mineiro. Em 1988, alguem teve a brilhante idéia de criar a Supercopa dos Campeões da Libertadores. Brindando todos os grandes clubes do continente, ou seja, aqueles que já tinham faturado a Libertadores. Nosso Cruzeiro, graças ao brilhante time de 1976 ,levou a taça e teve a honra de participar. Considero aí pra mim o início de uma nova história, pois o nosso time teve a terceira grande conquista após 1966 e 1976. A supercopa de 1991 com uma fantástica vitória por 3 X 0 no River Plate-Argentina. Com a diferença que se criou uma regularidade e fomos brindados com: mais 1 Supercopa, 1 Libertadores, 4 Copas do Brasil, 1 Brasileiro, 2 Sul-MInas e mais alguns títulos menores, porém precisosos no espaço de 17 anos. Principalmente, considerando que alguns times de ponta do Brasil, já ficaram todo este tempo sem ganhar título algum.
    Uma coisa me chama a atenção neste início de temporada: fora 1966, 1976 e 2003 que tínhamos times realmente superiores, os demais campeões eram times guerreiros com alguns talentos, disposição e sorte.
    Por isto, o título. “Ta pintando”. Vejo algo assim no time do Cruzeiro de 2008: guerreiros-Marcelo Moreno, Charles, Fabrício entre outros. Talentos-Guilherme, Wagner , Ramires e Espinoza. Disposição-O time todo. Sorte-Depois de passarmos pela fase preliminar caímos em um grupo relativamente tranquilo. Somos líderes com vários titulares no estaleiro, sem o atacante veloz e com grande chance de chegarmos as oitavas como campeão do grupo.
    Coincidência ou não, a exemplo de 1997 caminhamos a passos largos para o Tri. Cada vêz que analizo os fatos, mais tenho certeza, pois, mata-mata costuma ser nossa especialidade.

  69. Walfrido disse:

    Douglas,

    Sensacional! Que inveja de não poder estar lá com vcs.

    Fica pra próxima, em Ipatinga, pra garantir a classificação!

    Abraços

  70. Nielsen CMA disse:

    Naldo,

    Resumindo, vc está sentido cheiro de titulo no ar?
    Eu também.

  71. Naldo disse:

    Nielsen,

    Com certeza, e cheiro forte.

  72. Mauro França disse:

    Eu achei que ONTEM o Marcinho produziu um pouco mais do que o Wagner. Muito pouco, pouco mesmo, já que ambos falharam naquilo que se esperava deles, ou seja, na criação de jogadas. É certo que não faltou luta pros dois, mas foram atuações medianas.
    O problema é de expectativas e crédito perante a torcida. Ninguém reclama quando o Wagner faz uma atuação boa – ele tem crédito. O Marcinho, se não estraçalhar, não serve.
    Que ele não é titular, tô cansado de saber. Tá jogando porque falta de opções melhores. O Domingues talvez não esteja entrando como primeira opção do Adilson porque não deve atravessar boa fase. Pelo menos no jogo contra o Rio Branco, ele foi péssimo. Com todos os jogadores em condição, Marcinho é reserva.
    Do Wagner, eu espero bem mais do que ele jogou ontem, porque ele tem condição técnica. Não pode ser dispersivo como nos dois lances que teve para, talvez, decidir o jogo (uma chute errado no inicio do segundo tempo e um contra ataque perdido por afobação no final do jogo). Tem que decidir.

  73. Filipe Braga disse:

    Off Post:

    Coluna do PCV:

    “O CRAQUE ZIDANE

    A passagem do Zidane pelo Brasil foi inversamente proporcional ao que apresentou enquanto não tinha pendurado as chuteiras: breve. Pena que a exibição tenha sido numa quadra pequena e com um tom festivo. Estava ali o último craque que o futebol mundial viu atuar desde a aposentadoria do Maradona. Pode soar exagerado para muitos, mas o Zidane se encaixava no conceito de craque que carrego pela vida. Resultado de muito do que vi e ouvi sobre o que é um craque.

    Na minha ficha para ser considerado um craque, o Zidane preenche todos os itens. Foi decisivo quando necessário, brilhante sempre e nem a expulsão diante da Itália, na final da Copa de 2006, é capaz de tirar o seu brilho ou manchar uma carreira irretocável. A discussão sobre quem é craque e quem não movimenta qualquer conversa sobre futebol. Não vou entrar no mérito sobre os dias de hoje, que se caracterizam pela pressa em muitas análises.”

    Otima, merece um post!!!

  74. Filipe Braga disse:

    O Marcinho foi pessimo como sempre…

    Correu, lutou contra a bola e pra varear deu o chute do “quase”. Não conseguiu os contra-ataques necessários, deixou Moreno isolado no 1º tempo e continua SUGANDO O CRUZEIRO.

    E as contratações prometidas… o time ta a conta do chá pro Mineiro e arriscando demais pra segunda fase da Libertadores. Depender de Marcinho e improvisos é demais… daqui a pouco começam as desculpas dos Perrella (mas vão mandar o Valdir dar a coletiva na hora das más noticias, pq são oportunistas).

  75. Filipe Braga disse:

    E outra né gente… ate ameniza a situação do Domingues… o cara olha pro campo e vê o Marcinho no lugar dele… putz… deve ser desanimador mesmo.

    Outra coisa é que ano passado ele jogou bem num meio que tinha o Wagner, ai os espaços apareciam, pois os dois conduzem bem a bola.

    Esse ano ele só entrou em campo em jogo que tava o Marcinho praticamente (Fora o semi-improviso contra o Cerro, quando voltava de contusão).

  76. Walterson disse:

    Felipe, Olivieri, Naldo e Xina. A lista tá crescendo. Mais uns dois jogos e todos estarão pedindo a cabeça do bolinha.

    Marcelo, se precisa de explicação, ou a piada não é boa ou o ouvinte é limitado. De qualquer forma, me abstenho de explicar a piada. Em seu favor, devo dizer que a piada é fraquinha mesmo.

  77. daymarx disse:

    Porque o AB não tenta mudar o Apodi de lateral, para ponta à moda antiga, já que ele tem como deficiência a marcação(qualidade de lateral) e como virtude o avanço pra cima dos zagueiros e a velocidade(qualidade de ponta).
    AB pense nisso!!!!

  78. Jorge Schulman disse:

    Amigos;
    Opinar do conjunto é uma coisa, das individualidades, outra. Para vencer uma competição como a Libertadores, existe uma amálgama de ambos. Se pensarmos no título do ano passado do Boca, deveremos falar de Riquelme desequilibrando, apoiado de grandes individualidades, como por exemplo Palácio e Banega.
    Seria ilusório dizermos que o conjunto por si só é condição necessária para levar o caneco. A contrária é recíproca: não se ganha com grandes nomes, unicamente.
    Digo isso porque estamos com preeminência no coletivo, mas (e não unicamente pelas contusões) é pouco inteligente desdenhar o desequilíbrio.
    Nessa perspectiva, e no mundo da criação, por que não dizermos que esperamos muito do Wagner, do Marcinho e do Leandro Domingues, fundamentalmente?
    CHEGARAM PARA ISSO, FORAM CONTRATADOS PARA ISSO.
    Uma coisa é ser torcedor de olhos fechados que racionaliza tudo em prol do “que dirão os demais”, “eu sou o rei da cocada preta”, “os meus são os melhores do planeta”, e uma outra é, com sanha e ponderação, dizer o que percebemos após o jogo desses, que no nosso imaginário, são os criadores.
    Não me iludo. Nem os que vieram o Marcinho (que valeu a troca por dois jogadores de alto custo do clube), nem os que o crucificam como sendo sempre o pior do campo.
    Deixo minha posição: daquele jogador explosivo, veloz, habilidoso, que desequilibrava, que espero há muito vê-lo assumindo o ataque com qualquer um dos demais atacantes: NOTA ZERO.
    Poderia dizer que está tentando reaparecer, mas, isso não é o que se projetou com a sua vinda.
    Wagner é diferente. Procura constantemente dentro daquilo que esperamos dele , driblando, clareando o jogo, batendo faltas prodigiosas, metendo bolas profundas para os nossos atacantes . Perde-se, às vezes, por conta da forte marcação, cai em demasia, tem alguns apagões no meio da estrada, erra por fazer.
    Poderia dizer que está tentando melhorar nesses pontos fracos, mas, isso não desabona o que significou sua vinda: ele era um jovem talentoso que apareceu na Toca como uma promessa iniciada no Coelho.
    Deixo Leandro Domingues para outro momento. Alguma coisa me diz que devo ser prudente na minha opinião. Só tenho convicção que seu rosto não é o mesmo daquele que entrava no 2007.

    Saudações Celestes – Jorge Schulman

  79. Jorge Santana disse:

    Marx, o Apodi já está jogando como ponta. Se adiantar mais, ele sai de campo. Abs, JS

  80. Filipe Braga disse:

    Walterson,

    Eu não do mais chances ao Marcinho… e desde o jogo contra o Atletico-mg estou favorável a VAIAS para ele durante TODO O JOGO, enquanto estiver em campo, até que o mesmo seja AFASTADO OU VENDIDO.

    Sei que isso pode acabar como tiro no pé, mas por outra lado pode significar chances para alguém ao menos 0,1% util. E mais barato tb. Ou a chance para alguém da base.

  81. Rubenci disse:

    Walterson, o Apode parece que tem dois pulmões? Vc poderia me responder quantos ele tem? Um?

Deixe um comentário

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.