Holanda 2×1 Camarões: Laranja também é 100%

Por SÍNDICO | Em 24 de junho de 2010

Às 15h30, no Cape Town Stadium, na Cidade do Cabo, Holanda e Camarões encerrarão as disputas do Grupo E da Copa 2010.

A Holanda já está classificada e Camarões já rodou após apanhar do Japão e da Dinamarca nas rodadas iniciais.

Bert Van Marwijk manterá a Laranja no 4-3-3 e já avisou que o astro Robben, voltando de uma contusão, é quem decidirá se joga ou não.

Paulo Le Guen manterá o 4-4-2 defendido pelos jogadores camaroneses e ficará só espiando pra ver no que vai dar a escolha feita por eles.

Depois do jogo, arruma as malas e caça rumo. Provavelmente, em direção à Nova Zelândia.

Só vale a pena ligar a TV, se você é torcedor da Inter e queiser conferir o futebol de Snejder e Eto’o, nesta partida que será apitada pelo chileno Pablo Pozo.

*****

Holanda 2×1 Camarões, segundo o Paraná Online:

Holanda confirma favoritismo e avança com 100%
 
Liu Jin/AFP

Com a Holanda já classificada e Camarões já eliminado da Copa do Mundo da África do Sul, o jogo entre as duas equipes, na Cidade do cabo, foi morno no primeiro tempo, o que não impediu a vitória parcial da Holanda por 1 a 0 no primeiro tempo, gol de Van Persie.

O primeiro chute da partida foi de Camarões, aos 4 minutos. Chedjou tentou de fora da área e Stekelenburg fez a defesa tranqüila. A resposta da Holanda veio um minuto depois, com Van der Vaart, que pegou sobra na entrada da área e chutou à direita do gol camaronês. O jogo seguiu em ritmo lento. Oportunidade d egol, só aos 19 minutos, quando Van Persie recebeu na entrada da área, dominou no peito e chutou para boa defesa de Souleymanou.

Aos 26 minutos, Van Der Vaart cobrou falta da entrada da área e Souleymanou defendeu com segurança. Aos 30, Camarões respondeu. Geremi cruzou da ponta direita e Chedjou cabeceou por cima do gol. Dois minutos depois, a Holanda quase abriu o placar. Kuyt recebeu na área pela direita, dominou e chutou cruzado, rente à trave direita do goleiro camaronês.

Mas o gol holandês não demorou a sair. Aos 35, Van Persie recebeu de Van Der Vaart dentro da área pela direita, ajeito e fuzilou rasteiro, na saída de Souleymanou.

A primeira grande oportunidade de Camarões surgiu aos 16 minutos. Makoun recebeu na área pela direita e chutou para grande defesa de Stekelenburg. Três minutos depois, os africanos chegaram ao empate. Geremi cobrou falta da entrada da área e a bola bateu no braço de Van Der Vaart, que estava na barreira. Pênalti. Na cobrança, Eto’o bateu forte, à meia-altura, à direita de Stekelenburg.

Aos 26 minutos, a torcida holandesa vibrou com a entrada de Robben no lugar de Van Der Vaart e fez aind amais festa no primeiro toque na bola do atacante, que voltava de contusão, três minutos depois. E foi ao delírio aos 38 minutos, quando Robben fez grande jogada e chutou na trave, de fora da área. No rebote, Huntelaar tocou para o gol vazio. Holanda 2 a 1.

A primeira grande chance da Holanda surgiu aos 19 minutos, quando Van Persie disparou com veneno após passe de Giovanni Van Bronckhorst. Cinco minutos depois, Wesley Sneijder voltou a ameaçar, antes que Van der Vaart, aos 27, criasse outra boa oportunidade contra o goleiro Hamidou Souleymanou.

Camarões obteve uma ótima oportunidade apenas por volta dos 30 minutos, quando Jean Makoun completou de cabeça um cruzamento de Geremi que saiu sobre o gol.

Finalmente, a Laranja abriu o placar aos 36 minutos: Van Persie, após bela tabela com Van der Vaart, bateu na saída de Souleymanou.

Na segunda etapa, a Holanda baixou o ritmo e adotou um jogo mais conservador, já que mantinha a liderança da chave.

Van Persie perdeu ótima chance aos 6 minutos, com um disparo cruzado da área que Souleymanou Hamidou defendeu. Aos 14, o técnico Bert Van Marwijk tirou Persie para a entrada de Klaas-Jan Huntelaar, já pensando na partida contra a Eslováquia.

Eto’o perdeu uma oportunidade aos 15, em um bate-rebate que incluiu três arremates, o último para fora, antes que Makoun ficasse cara a cara com o goleiro Maarten Stekelenburg.

O esforço africano deu resultado aos 20 minutos, quando Van der Vaart levantou o braço e tocou na bola na barreira em cobrança de falta de Geremi. O ídolo E’too cobrou o pênalti no canto direito do gol holandês, sem a menor chance de defesa para Stekelenburg.

A alegria africana durou até os 38 minutos, quando os holandeses fecharam com chave de ouro essa primeira fase. Em sua primeira jogada em campo, Robben recebeu no contra-ataque, cortou para o meio e acertou a trave de Souleymanou, para Huntelaar aproveitar o rebote e bater para o gol vazio.

Holanda agora pega a Eslováquia na segunda-feira, enquanto o Japão joga no dia seguinte, contra o Paraguai. Camarões volta para casa como a seleção africana que mais jogos de Copa do Mundo disputou até hoje. Foram 20.

Holanda 2×1 Camarões – Copa do Mundo da África do Sul – Grupo E – Gols – Holanda: Van Persie (36), Huntelaar (84) Camarões: Eto’o (65 pênalti) Estádio: Green Point (Cidade do Cabo) Público: 63.000 Árbitro: P. Pozo (CHI) – Cartões Amarelos – Holanda: Kuyt (17), Van der Vaart (65), Van Bronckhorst (70) Camarões: Nkoulou (25), Mbia (81) – Holanda: Maarten Stekelenburg – Khalid Boulahrouz, John Heitinga, Joris Mathijsen, Giovanni van Bronckhorst (cap) – Mark van Bommel, Nigel de Jong – Dirk Kuyt (Eljero Elia 66), Wesley Sneijder, Rafael van der Vaart (Arjen Robben 73) – Robin van Persie (Klaas-Jan Huntelaar 58). DT: Bert van Marwijk. Camarões: Hamidou Souleymanou – Geremi, Nicolas Nkoulou (Rigobert Song 73), Stephane Mbia, Benoît Assou Ekoto – Landry Nguemo, Jean II Makoun, Aurelien Chedjou, Gaëtan Bong (Vincent Aboubakar 56) – Samuel Eto’o (cap), Eric Choupo-Moting (Mohammadou Idrissou 72). DT: Paul Le Guen.

16 comentários para “Holanda 2×1 Camarões: Laranja também é 100%”

  1. Naldo disse:

    Eu acredito na vitória da Holanda. Creio que os holandeses farão bonito nesta Copa, principalmente se não cruzarem com o Brasil.

  2. Romarol disse:

    Eu não dou mais palpites pois vem o Evandrão aos 48 minutos do 2º tempo dá o seu palpite de profeta do acontecido!

    • EU? Comentarista do acontecido? Não vou passar recibo pela provocação. Estou começando a ter satisfação sobre os prognósticos que fiz NO GERAL. Amanhã, após a rodada final da 1a fase, poderei avaliar se eu estava certo nos MAIS DO QUE SIMPLES PALPITES que escrevi aqui e alhures…
      Mesmo assim, esperarei a análise dos que deram os mais variados palpites para depois me pronunciar. Ai sim, será a minha análise sobre o que eu IMAGINEI e o que aconteceu, até para refutar a teoria de alguém que disse que eu não costumo admitir opinar/palpitar com equivocos.

      • Mauro França disse:

        Desse jeito, vc acaba passando recibo. Precisa levar as coisas mais na esportiva.

      • Ricardo Malafaia disse:

        O Evandro disfarça, mas está envolvido, torcendo de alguma forma. Não fala nada da Argentina.

      • Como “..não falo nada”????
        Só de acreditar que o México tem chances de ir mais adiante do que TODOS aqui estao imaginando, eu não estou falando nada da Argentina?
        Tenho que citá-la textualmente?
        AFF!

      • Então eu falo…
        Quero que o Maradona SE FERRE!
        O cara foi um craque dentro das quatro linhas e como a maioria dos craques dentro de campo não passa de um MERDÓN fora delas.
        Terei mais prazer em ver a Argentina fora não porque torço para o Brasil, mas porque somente o Maradona me dá esta vontade.
        Fosse outro técnico, qualquer um, eu até desejaria uma final entre Brasil x Argentina pelo fato de achar que são duas seleções que merece ir a final.
        COm Maradona quero que SE FERREM! De preferência para o México.

      • E quem disse que nào estou dando enormes risadas e levando somente na esportiva???
        Cheguei até a escrever que a coisa tava ficando animada.
        “Nosso” Tanaka, vai bater de frente com paraguaios… Querem duelos mais emocionantes do que Japão x Paraguai?

      • Mauro França disse:

        Então, beleza. Mas vai ter um Alemanha x Inglaterra também e, quem sabe, Brasil/Portugal x Espanha também. EUA X Gana. As oitavas prometem.

  3. claudio(xina)lemos disse:

    Bem que o eto poderia fazer mais um gol.

  4. Mauro França disse:

    Com Robben, a Holanda fica ainda mais forte.

  5. Caso o Brasil se classifique em Primeiro e passe pelo segundo da Chave H (A Suiça, na minha opinião) e como acredito que a Holanda passa pela Eslováquia, teríamos um confronto entre Brasil x Holanda pelas oitavas. Como em 1994. Pra mim, passa Holanda. E acredito que, se ela passar pelo Brasil, chega à final com boas chances de campeonar.
    Mas como tem muito “SE” nesta história… vamos aguardar!

  6. Cláudio Ianni disse:

    Profeta do Apocalipse : Ai do meu Cruzeiro Esporte Clube no segundo semestre 2010 !!!