Fabrício aliou técnica, força e garra

Por SÍNDICO | Em 13 de setembro de 2010

Atuações dos celestes e seus adversários no Avaí 1×2 Cruzeiro, na Ressacada, Florianópolis, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2010, em 12set10:

  • Fábio – Quando foi exigido, fez sua parte. Em uma defesa mais complicada sofreu luxação num dos dedos, mas continuou em campo. Besteira, só mesmo o cartão amarelo, mais do que anunciado, que ele poderia ter evitado no final da partida.
  • Jonathan – Brigou muito o jogo inteiro, não fez grande partida ofensivamente, mas, taticamente fechou o setor. Com a saída do Paraná, mesmo entrando o Fabinho, não teve como acompanhar a dobra em cima dele. (João Chiabi Duarte)
  • Leo Simões –  Partidaça. Além de tirar um gol certo do Avaí quase em cima da linha, ainda passou junto com Edcarlos a segurança necessária para o Fábio fazer apenas uma defesa difícil no jogo. (Cuné)
  • Edcarlos – Seguro, rebateu bolas, antecipou-se aos atacantes avaianos e fez cobertura pela esquerda com precisão.
  • Diego Renan – Aparentemente o cartão amarelo fez bem a ele pois a partir daí marcou com precisão e ainda apoiou com qualidade. Ou será que foi a visão do Pablo se aquecendo na beira do campo? (Walterson Almeida) Tomou um cartão amarelo injusto a 1′ de jogo e fez os outros 98′ se segurando. Não se acovardou e foi bem. Teve a ajuda de Roger o tempo inteiro na marcação a Caio e Patric. (João Chiabi Duarte)
  • Henrique – Outra boa atuação. Taticamente perfeito. Sempre aparecendo como opção de desafogo. Junto com Paraná marcava os meias do Avaí com sucesso. (João Chiabi Duarte)
  • Fabrício – Marcou, atacou, comandou, brigou, sofreu pênalti, tomou e deu pancadas. O nome da partida. Principalmente por não ter se limitado a defender. Por ter compreendido a necessidade de o time se impor, mesmo que o adversário estivesse em casa e em desespero. (Síndico) Deu carrinho, tomou bola, driblou, deu chapéu, chutou, sofreu penalty, deu várias arrancadas e uma assistência. Ou seja, fez a sua função e a do Roger. (Walterson Almeida)
  • Marquinhos Paraná – Não deixava os meias do Avaí confortáveis em campo (Davi e Sávio), mas, tomou um amarelo bobo no final do 1° tempo e depois fez falta normal em Bonfim que o juiz resolveu expulsá-lo para fazer média com o time da casa. Pena. (João Chiabi Duarte)
  • Fabinho – Entrou para fechar o time e fez o que poderia fazer no pouco tempo que teve para mostrar lo seu futebol. (João Chiabi Duarte)
  • Roger Galera – Muito bem no 1º tempo, no 2º usou toda sua experiencia para “administrar” sua atuação e cadenciar o jogo. Tem mostrado que pode atuar muito bem, com toda a qualidade que tem, durante 45 minutos. Mais do que isto é exigir demais dele. (Evandro Oliveira) Aquém do que ele é capaz. Disseram que sua atuação foi excelente porque ele driblou, virou o jogo, controlou a bola e deu até carrinho. Não acho que foi isso tudo porque ele foi escalado pra municiar os atacantes e não pra dar carrinho na defesa (pra isto já temos um monte de “volantes”). Não vi nenhuma assistência ou jogada mais efetiva dele enquanto esteve em campo. (Walterson Almeida)
  • Pablo – Tranquilo, cumpriu as obrigações defensivas que recebeu.
  • Thiago Ribeiro – Decisivo. Raça e a luta de sempre. Mas, tem que largar a faixa da direita… (João Chiabi Duarte)
  • Wallyson – sem tempo para mostrar algo mais do que correria.
  • Ernesto Farias – Muito marcado não encontrou espaço pra jogar mas mostrou a velha garra arrentina pressionando a saída de bola avaiana. Mostrou presença de área ao tocar de cabeça, no lance do bombardeio, deixando com açúcar para o TR. Tomou um amarelo bobo ao fazer uma falta feia no meio de campo. (Walterson Almeida) Apagado em campo. A bola também não chegou na pinta para ele. Mas, lutou muito. (João Chiabi Duarte)
  • Cuca – Um resultado espetacular. O Cruzeiro fez 2×0 e o time deu uma relaxada, mas, felizmente segurou o placar. Escalou bem o time. E os jogadores mostraram um garra incomum e aplicação ao sistema que o treinador montou para esta partida. (João Chiabi Duarte)
  • Torcida – Compareceu em pequeno número, mas incentivou o time. É o que conta, afinal.
  • Juiz & Bandeiras – Tecnicamente, o trio de arbitragem saiu-se bem. Disciplinarmente, começou bem punindo o jogo pesado do Cruzeiro e terminou mal ao não aplicar as mesmas sanções para os avaianos, que também perderam a cabeça e distribuíram pescoções e pontapés.  em jogadas semelhantes
  • Avaí – O goleiro Renan, embora ainda seja um garoto tem muita personalidade, boa colocação e é arrojado. No lance do 2º gol celeste, levou uma rasteira do acaso. No final, quase empatou numa bela cabeçada. Patric e Eltinho, mesmo incomodados pelas presenças de Roger Galera e Thiago Ribeiro, apoiaram o ataque com decisão. Jefferson e Laércio, que entraram no 2º tempo, deram trabalho à defesa celeste. E Antônio Lopes, apesar da longa série sem vitórias, escalou e mexeu corretamente. Só não conseguiu melhor resultado porque o Cruzeiro está na fase em que o pão cai com o lado da manteiga pra cima.

81 comentários para “Fabrício aliou técnica, força e garra”

  1. Jorge Santana disse:

    Síndico sem tempo nem inspiração. Completem, por favor.

  2. Cuné disse:

    Léo Simões – Partidaça. Além de tirar um gol certo do Avaí quase em cima da linha, ainda passou junto com Edcarlos a segurança necessária para o Fábio fazer apenas uma defesa difícil no jogo.

  3. Cuné disse:

    Concordo com a definição da linha adotada pela arbitragem: 2 pesos e 2 medidas.
    Faltas iguais as do MP teve de monte e o lebrão não levantou a tarjeta. De mão na cara a empurrão fora do lance, os avaianos fizeram o que quiseram dentro de campo.

  4. Edu Mano disse:

    Discordo do comentário sobre arbitragem. O primeiro amarelo foi exageradíssimo, e também achei ele caseiro demais.

  5. Walterson disse:

    Diego Renan – Aparentemente o cartão amarelo fez bem a ele pois a partir daí marcou com precisão e ainda apoiou com qualidade. Ou será que foi a visão do Pablo se aquecendo na beira do campo?

    • Cuné disse:

      DR foi outro que foi amarelado sem necessidade. Além da mão em seu peito impedindo sua passagem, ele não tinha nenhuma obrigação de ficar em pé após ser empurrado. Tanto é verdade que depois ele derrubou o 7 (salvo engano) do lado da nossa área, que era falta para amarelo e o lebrão num teve coragem de dar.

  6. Gabriel Lopes disse:

    Off Topic: Prezados frequentadores do blog, peço licença do assunto ora tratado para lançar algumas Verdades sobre Val Baiano:

    1 – Val Baiano é o único caso de paranormalidade que o Padre Quevedo aceita como verdadeiro.
    2 – A última cabeçada que Val Baiano acertou foi na quina da mesa quando tinha 3 anos de idade e isso explica muita coisa.
    3 – Se as bandeirinhas de corner virassem as traves, Val Baiano chutaria todas as bolas na lateral.
    4 – Se as traves fossem arvores, Val Baiano seria resposavel pelo desmatamento da Amazônia.
    5 – Val Baiano já perdeu um duelo de embaixadinhas para o Saci Pererê.
    6 – Chuck Norris contou até o infinito duas vezes mas não conseguiu contar os gols perdidos por Val Baiano.
    7 – Val Baiano mata 12 mosquitos

  7. Gabriel Lopes disse:

    8 – Você pode comprar um DVD com os gols de Val Baiano em qualque papelaria, é só pedir um dvd virgem.
    9 – Val Baiano já fez mais de 100 gols. Todos na época em que trabalhava na Volkswagen.
    10 – Para Val Baiano não existe gol feio. Nem gol bonito.
    11 – Stevie Wonder tem mais visão de jogo que Val Baiano.
    12 – Uma pessoa foi internada em um hospício garantindo que viu Val Baiano pedir a música no Fantástico.
    13 – Quando alguém marca um gol com Val Baiano no videogame, o jogo trava.
    14 – Deus perdoa. Val Baiano também.
    15 – Quando Val Baiano joga futebol com seu filho, o filho deixa ele fazer gols.
    16 – Rubinho faz gol mais rápido que Val Baiano

    • Naldo disse:

      Entendi o desabafo mas esta área aqui é do Cruzeiro. E Val Bahiano pelo que me consta joga no Urubu. Aliás, vem fazendo um ótimo trabalho por lá. Nos vemos na segunda.

      • Nos vemos na segunda????
        Ficou DOIDO!
        Quero que o Val, os urubus, as frangas e o resto SE FERREM!
        Aliás ia ser engraçadíssimo as frangas e urubus se degladiando para ver quem não cai para a SEGUNDA.
        Se vejam NO INFERNO DA SEGUNDA com Val Baiano e Obina. Não me esperam lá…. NUNCA!

      • Naldo disse:

        Melhor, te vejo na segunda.

  8. Cuné disse:

    TR é o único “garçom” do futebol mundial que dá assistência até pra trave.

  9. Walterson disse:

    Farias – Muito marcado não encontrou espaço pra jogar mas mostrou a velha garra arrentina pressionando a saída de bola avaiana. Mostrou presença de área ao tocar de cabeça, no lance do bombardeio, deixando com açúcar para o TR. Tomou um amarelo bobo ao fazer uma falta feia no meio de campo.

    • Edu Mano disse:

      O Farias complementa muito bem o estilo de jogo do Thiago Ribeiro. Ele faz muito bem o papel de Pivô. Joga mais fixo na área, ao mesmo tempo que mostra uma vontade equivalente a do Marcelo Moreno, que nunca foi craque mas sempre foi esforçado.

      Pode ser cedo, mas acho ele muito mais adequado ao time que o W. Paulista, além de mais equilibrado. Tomara que consiga mostrar ainda mais futebol.

    • Moema (MFox) disse:

      Walterson, no lance do bombardeio não foi o Farias que cabeceou (acho que foi o Henrique). Aliás, nesse lance, o Farias acabou sendo a “barreira” no chute do Roger após o rebote do chute do Thiago Ribeiro.

  10. Naldo disse:

    E o mestre Paraná foi expulso. Se não engano foi a primeira desde que chegou ao Cruzeiro. Deve ter sido a a necessidade de sujar o calção que fêz o mestre chegar mais duro.

  11. Daniel Carvalho - Porto Alegre disse:

    As peças estão se acertando. Todo jogo agora é decisão. Não assisti a partida, mas pelo que o pessoal diz, foi mais um jogo de superação. E o estado espírito do time melhorou sobremaneira, basta observar o semblante dos jogadores. A confiança está de volta.

    • Cuné disse:

      Não foi assim também não. O Avaí deu um chute perigoso quando o jogo estava um a zero.
      No mais, tirando o gol que foi uma bobeira pois tínhamos quatro homens “cercando” o autor do gol, não causou nenhum perigo ao Fábio.
      Não achei essa “bacia das almas” que pareceu no seu comentário.

  12. Daniel Carvalho - Porto Alegre disse:

    Ontem ouvindo uma entrevista do Dorival Júnior à Rádio Gaúcha, dizia ele que o time dele não tinha tempo pra treinar(jogos quarta e domingo), as contusões daqueles jogadores mais importantes, mais a escalação de jogadores mais novos, tem comprometido o rendimento do time. E esta observação se estende a todos os times, inclusive ao nosso Cruzeiro que está constantemente com jogadores machucados e dependurados com cartões. E apesar de tudo isso estamos conseguindo fazer os resultados. Imagino se conseguirmos no ponto culminante do segundo turno estarmos com todos os jogadores nos trinques. Cruzeiro Sempre.

    • Bruno Pontes disse:

      E, no nosso caso, com um agravante: nosso time viaja para TODOS os jogos, já que não joga em BH.

    • Walterson disse:

      Manda ele chorar na cama que é lugar quente. O Dorival ganhou dois torneios jogando pro gasto e agora vem falar em cansaço.

  13. Mauro França disse:

    Duas observações sobre os comentários do Chiabi: A segunda falta do Paraná foi mesmo para cartão; a primeira é que não foi. O problema é que faltas semelhantes cometidas pelos avaianos não foram punidas.
    Quanto ao Thiago Ribeiro, o lado forte do ataque celeste é pela direita. E TR se movimenta muito. No lance que originou o primeiro gol, ele estava no meio da área. No segundo tempo, caiu pela esquerda e foi por ali que nasceu o segundo gol. Não acho que ele fique fixo.

    • Walterson disse:

      A falta do Paraná foi igualzinha à que deu origem ao penalty. Por acaso o zagueirão levou amarelo?

  14. Renato-SP disse:

    Concordo com a maioria dos comentários. Discordo do comentário do amigo Walterson à respeito do Roger. Vendo os comentários da turma no pós-jogo percebi que outros também acharam que ele fez uma boa partida.

    • Walterson disse:

      Eu acho que ele fez uma boa partida (pode incluir na lista dele) mas nada tão excepcional como andaram dizendo. Contra o Porqueiras ele foi muito mais efetivo e exerceu a função para a qual foi contratado.

      • Pedro disse:

        Má vontade é pouco. Não fez “nenhuma assistência ou jogada mais efetiva dele enquanto esteve em campo.”?

        E a tabela pelo lado direito com passe açucarado para o Fabrício isolar a bola numa tentativa ridícula de encobrir o goleiro?

        No outro post alguém disse algo à respeito da visão seletiva para o jogo do Gil. Acho que tem gente usando óculos que borra o número do Roger.

      • Walterson disse:

        “…numa tentativa ridícula de encobrir o goleiro”. E depois eu é que tenho má vontade. Um pouco de autocrítica às vezes ajuda bastante.

      • Pedro disse:

        Tem razão. Foi uma baita finalização. Aliás, até deveriam colocar uma placa pro Fabrício na Ressacada. Mas, apesar deste lance bisonho, pra mim o Fabrício foi o melhor jogador em campo, disparado.

      • Mauro França disse:

        Walterson, o jogador exerce a função que o tecnico determina. O Roger cumpriu a função de fechar o lado esquerdo no primeiro tempo, marcou, roubou bola, esteve ligado. E depois do gol se soltou e fez algumas boas jogadas, sim. O mais importante na minha opinião, foi a disposição, a entrega.

      • Walterson disse:

        Concordo que ele foi bem mas apesar disto não considero nada extraordinário. Agora, se comparar com partidas anteriores, ele foi excepcional. Devemos louvar a disposição do WP no jogo contra o Curintia, quando ele jogou de lateral mas isto não quer dizer que foi fenomenal por ter feito o que o técnico pediu. Ou devo aceitar que um cara contratado pra fazer gols jogue de zagueiro? Pra mim o Roger fez uma partidaça contra o Porqueiras porque fez o que se espera dele desde que foi contratado. No Domingo ele mostrou mais dedicação mas isto é o mínimo que se deve exigir de um profissional que ganha os tubos.

  15. DALMIR FERNANDES disse:

    O Bom dos cartões de Roger, MP, Jonathan e DR, é o fato de que o time estará completo contra o Botafogo.

  16. Fabrício disse:

    O time foi bem, mas não foi uma apresentação acima da média. Jogamos pro gasto com alguns destaques individuais (ex: Fabrício). Se o Avaí empatasse é possível que muita gente encontrasse o erro A ou B. Eu acho que acabamos passando alguns apertos sim, já que jogar lá não é fácil, mas não podemos esconder houve até um sufoco em alguns momentos do jogo. Não jogamos metade do que foi feito naquele segundo tempo contra a SEP. Pés no chão e muito apoio porque a caminhada é longa!

    • Mauro França disse:

      Cada jogo é um jogo. Não tem que comparar com o segundo tempo do jogo contra o Palmeiras. Quanto ao sufoco, foi natural. O Avaí tinha que ir pra cima mesmo, perdendo o jogo, com um a mais. Mas foi um sufoco relativo, eles criaram poucas chances. Concordo quanto a manter os pés no chão.

    • Renato-SP disse:

      Mas temos que dar um desconto. Jogamos boa parte do segundo tempo com um a menos. Naquele 2º tempo contra a SEP, além de muita inspiração, tinhamos 11 em campo. Domingo foram 10 contra 12.

      • mariana disse:

        Jogar contra 12 é complicado demais! Tô com medo é deste jogo de 4ª, tem mta gente pendurada…

      • Danilo_VIX disse:

        Concordo, Mariana. Além do Cruzeiro ter que mostrar muita garra na quarta-feira, tem que ter muito cuidado com os cartões. O jogo de sábado contra o Botafogo é cruzial nessa fase que estamos rumo à liderança. Vai ter que ter muita cabeça na quarta, sem perder o foco do próprio jogo… Complicadíssimo!

    • Danilo_VIX disse:

      Acho que o que o Fabrício quer dizer é que, sem dúvida, estamos sendo ajudados por uma boa dose de sorte em algumas partidas. É evidente que a fase do Cruzeiro é boa. O time joga motivado e faz por merecer cada vitória… Mas todo mundo sabe que sorte ajuda bastante. Quem sabe é essa a sorte de Campeão que estamos tendo?

  17. Fabrício disse:

    Mauro, é justamente por isto que estou falando. Há muitas manifestações que entendo serem exageradas, como se tivéssemos feito um belíssimo jogo. Acho que foi apertado. Exceção ao jogo contra a SEP que foi uma virada espetacular, todos os outros foram jogos que jogamos bem, mas que no final das contas ganhamos pelo placar mínimo. E futebol é f…se pegarmos a quantidade de gols perdidos contra o Flamengo x o risco de tomar um num lance isolado, poderia ser que estivéssemos aqui reclamando do esquema etc. Estamos bem, dá para perceber que o grupo está com o Cuca (até o Roger tem ficado calado) e que a evolução é notória, mas ter calma agora é essencial pra chegarmos. Fizeram um ôba ôba danado com o Fluminense e agora já estão com problemas de relacionamento, queda técnica etc.

  18. Rogério disse:

    Uma vitória diante do Guarani nos coloca em uma situaçõa muito privilegiada, com um pouco de sorte poderemos assumir a liderança no Engenhão no Sábado, como estarei lá, a questão sorte já estará resolvida..

  19. Olá amigos, bom dia, minha primeira vez aqui no blog, parabéns a todos.
    Gostaria de comentar a respeito do Farias, o papel tático dele foi importantíssimo nesses dois jogos que foi titular, jogamos contra dois times que tem bons zagueiros quando sobem até a área de seus adversários, mas nos dois jogos vi o Farias prender os zagueiros em seu campo defensivo, principalmente pela movimentação do hermano confundindo a marcação.
    Abraços

  20. Binho disse:

    Como disse em outro post Farias está fazendo o q

  21. Amácio Gattuno disse:

    Cadê o tal Sebastián Prediger?

    • Danilo_VIX disse:

      Se não me engano ele joga de volante. COmo chegou agora, ainda não deve estar em condições de disputar vaga com MParaná, Henrique ou Fabrício. Mas, de fato, não se ouve falar dele.

      • Elias disse:

        Segundo quem frequenta a Toca, ele já está quase em forma, tem treinado bem e brevemente será relacionado…

      • Amácio Gattuno disse:

        Todo ano alguns jogadores caem no limbo. Uns estão realmente encostados, outros aguardando uma oportunidade. O enxuto elenco só possui 31 jogadores, tirando os goleiros, sobram 28. Menos outros 3 que não jogam mais pelo clube, sobram 25. Somam-se os lesionados e suspensos, restam apenas 16 jogadores para o próximo jogo.

      • Danilo_VIX disse:

        Mas ele joga de volantão típico ou tem alguma outra característica? Com quem ele se parece? No lugar de quem entraria?

  22. Binho disse:

    Como disse em outro post, Farias está fazendo o que jamais foi de realizar. Marcando muito, fazendo faltas e se movimentando incansavelmente. Também discordo da avaliação do trio de arbitragem. O juiz principal, usou dois pesos e duas medidas. O Avaí desceu a borduna e em lances parecidos ele poupava amarelos pra eles. Registre-se que ele acertou em relação ao Paraná. Mereceu o amarelo numa falta desnecessária no meio campo em que o adversário driblava pra trás. O outro também era pra cartão. Resultado: expulsão por justa causa.

    • Rogério disse:

      Voce acompanhava o Farias no futebol portugues? Esta característica de voltar para marcar e a movimentação sempre foram características dele.

      • Binho disse:

        Na verdade, não. Mas o pouco que vi entrando no segundo tempo, ele ficava mais fixo na área. Não dando bordunada e empurrando gente no meio campo. Mais pra um pivô tipo Washington. Mas se você o acompanhava e está falando, retiro o que disse.

      • Rogério disse:

        Na verdade me expressei mal Binho, quis dizer que tinha a IMPRESSÃO que estas eram as características dele.

      • Damas disse:

        Centro avante que fica voltndo prá marcar, acaba encontrado o caminho do banco.

      • Amácio Gattuno disse:

        Pressionar a saída de bola adversária não é quase uma obrigação no futebol moderno?

      • claudio(xina)lemos disse:

        Uai damas vc estava sumido. Para de secar o farias damas.

      • Damas disse:

        Tô sumido não sô. Como tem 6 anos que somente sinto calor aqui em Goiás, aproveitei a emendada do feriado prá sentir um friozinho em Las Leñas.

      • Walterson disse:

        E já chega querendo jogar lenha na fogueira.

      • claudio(xina)lemos disse:

        Eita ferro, espero que tenha aproveitado bastante. E, que tenha comido muita carne por lá.

    • Amácio Gattuno disse:

      Acho que o Farías surpreendeu a todos. O próprio treinador o definiu como um atacante mais centralizado e de menos velocidade. Entretanto, temos visto em campo um jogador que, além de fazer bem o pivô, tem se movimentado bem e até ajudado na marcação.

      • Danilo_VIX disse:

        Mas a questão é que ele ainda fica isolado na frente. Ainda falta uma conexão mais rápida e eficiente entre o meio e a grande área adversária. Penso que o TRibeiro ainda não está tão entrosado, não sabe (ainda) onde ele se posiciona, nem qual é a melhor maneira da bola chegar até ele. Mas também acho que isso tudo é questão de tempo, até o Farias se arrumar com o resto do time.

      • Pedro disse:

        Espero que o Farias jogue muito e o WP vá pro banco. Mas vamos falar a verdade… até agora ele só está recebdo elogios pq é argentino. Torcdedor brasileiro gosta de jogador argentino até quando eles não fazem nada em campo.

  23. Fabrício disse:

    Mauro, é justamente por isto que estou falando. Há muitas manifestações que entendo serem exageradas, como se tivéssemos feito um belíssimo jogo. Acho que foi apertado. Exceção ao jogo contra a SEP que foi uma virada espetacular, todos os outros foram jogos que jogamos bem, mas que no final das contas ganhamos pelo placar mínimo. E futebol é f…se pegarmos a quantidade de gols perdidos contra o Flamengo x o risco de tomar um num lance isolado, poderia ser que estivéssemos aqui reclamando do esquema etc. Estamos bem, dá para perceber que o grupo está com o Cuca (até o Roger tem ficado calado) e que a evolução é notória, mas ter calma agora é essencial pra chegarmos. Fizeram um ôba ôba danado com o Fluminense e agora já estão com problemas de relacionamento, queda técnica etc.

  24. matheus t penido disse:

    JS, eu te enviei o e mail com as atuações.

  25. 1.200 ingressos vendidos até ontem para o jogo amanhã em 7 Lagoas.

    • Rogério disse:

      Que isso, muito pouco. Tira o pijama galera de Sete Lagoas.

      • Arísio disse:

        O problema é que tem a concorrência dos jogos do Jacaré na 3ª. Só ontem, foram 1.300 pessoas na Arena…heheh.
        Falando nisso, futebol me desanima cada vez mais. No dia 7/9 teve jogo do campeonato junior aqui em 7L. Jacaré e Cruzeiro. O time da casa vencendo por 2×1 e o juiz deu 7 minutos de acréscimos. Em resumo, após o gol de empate da raposa, aos 52′, encerrou a partida. Ontem, pela 3ª divisão, o Jacaré perdia de 2×0 até os 40′ do 2º tempo. Empatou com gols aos 40′ e aos 43′. O time adversário fez cera o jogo inteiro, a maca entrou em campo 5 vezes e os times fizeram as 6 trocas. Foi o mesmo juiz do jogo do junior. Pra surpresa de todos, ele deu apenas 2 minutos de acréscimo, favorecendo o Coimbra, cujo dono é o BMG, cuja empresa patrocina a arbitragem mineira…

      • Rogério disse:

        É de desanimar mesmo, são muitas as “coincidências”.

      • Rogério disse:

        Agora sobre a venda antecipada, está vexatória, deste jeito fica dificil defender a cidade de Sete Lagoas, daqui a pouco o Chaves aparece aí detonando a cidade e vou acabar ficando sem argumentos para continuar a defesa, tomara que hoje a torcida daí reaja e compre muitos ingressos, fica dificil contar com o público de BH devido ao horário, jogo 19:30hs no Mineirão já é dificil de chegar a tempo, imagina em 7 Lagoas.

      • Damas disse:

        Os setelagoanos não tem obrigação de carregar os times de Beagá nas costa não. Tem obrigação, sim, de apoiar o time da casa (o Jacaré), como o Arísio demonstrou acima.

      • Walterson disse:

        Damas, estamos falando de apoiar o maior time de Minas.

      • Rogério disse:

        Puxando o s… do Arisio só para ser favorecido no sorteio, isso que eu chamo de cara de pau..

      • Amácio Gattuno disse:

        Arísio, a participação do banco no futebol brasileiro já começou a incomodar e será duramente questionada em breve. É só esperar.

  26. Jorge Santana disse:

    Velho Damas tá certo. Sete Lagoas tem de apoiar Democrata e Bela Vista. Dos times da Capitárrr, cuidamos nós.