Páginas Heroicas Digitais (PHD)

Blog Páginas Heróicas Digitais (PHD) sobre as coisas do Cruzeiro Esporte Clube

Páginas Heroicas Digitais (PHD)

Fábio lembra que cruzeirense comemora títulos

Boca Maldita
Comentários
Cotidiano
Cruzeiro
Personas

O goleiro FÁBIO falou.  O outro lado se calou. E não tinha mesmo como rebater.

  • Se o atleta que vestir a camisa do Cruzeiro não tiver sempre o pensamento de vitória, ele está na equipe errada. E principalmente o clássico, né? Mas dentro da realidade. A gente quer vencer como se fosse uma partida importante, mas não como se fosse uma conquista de título. O Cruzeiro ganha o clássico e não é comemoração de título. A gente sabe da grandeza do Cruzeiro.
  • O Atlético ganhou, e a gente viu a comemoração que eles fizeram. Entraram em campo… Só faltou a volta olímpica. Para o cruzeirense é normal vencer um clássico.
  • Está na história. Conquistas comemoradas são títulos importantes. Bicampeonato da Libertadores, hexa da Copa do Brasil, tetra do Brasileiro, e por aí vai. É isto que o torcedor do Cruzeiro comemora. A gente respeita que o Atlético veja a grandeza do Cruzeiro. A gente fica triste quando não consegue o objetivo, mas quando a gente consegue, é uma vitória no clássico e segue a temporada.
  • O clássico de sábado foi o primeiro desde o rebaixamento do Cruzeiro à Série B, no ano passado. Até por isso, foi recheado de provocações dos atleticanos, nas arquibancadas e no gramado. Acho que o torcedor é normal, mas também dentro da realidade de disputa dos dois clubes. A gente tem que ser realista e verdadeiro. Hoje em dia, quem pode falar de rebaixamento é Flamengo, Santos e São Paulo. Esses torcedores têm o direito, como o Cruzeiro tinha até o ano passado. O Cruzeiro sempre falou de Série B porque nunca tinha caído, em termos de tirar sarro de um torcedor ou de um clube. Agora, o Atlético, eu não vejo nenhum parâmetro para querer tirar sarro, foi até campeão da Série B em 2006. Acho que não condiz muito com a realidade desse clube.
  • Acho que se for falar de grandeza não dá, né? Títulos, números… o Cruzeiro está muito além do Atlético. Se a gente for falar francamente o que é a história e sobre quem pode tirar sarro, seria o torcedor do Cruzeiro.
0

36 Comments on “Fábio lembra que cruzeirense comemora títulos”

    • Disse o que lhe mandaram dizer “Aqui é G…” E a torcida em Varginha berrou a plenos Pulmoês. “Rafael agora é franga não levanta mais troféu”

      0
    • O ponto de vista é algo interessante. Rafael seguro a vida profissional toda como reserva. Saiu do clube em acordo. Como todo profissional seguiu sua vida, embora tenha feito uma péssima escolha. Agora vejamos Fred e Neves. Além de tumultuarem o ambiente na toca, colocaram o clube no pau. Mas alguém vê tanta perseguição como aquela feita ao ex-eterno reserva do Fábio? Nadica!!!! Erros de paralaxe são realmente intrigantes.
      Ps.: Conseguiu minha atenção!

      0
      • Falha minha e injustiça com o Fred que apenas botou no pau o clube! Já o Neves, esse tumultuou e botou no pau!

        0
      • Frangael saiu de boa o cacete! Meteu o clube no pau. No mais, só resta aos haters do Fábio recordar o recado do ídolo na chegada às frangas: aqui é galo. Durmam com esse barulho, e eu morrendo de pena.

        0
  1. GUGA MENGO fez média com sua torcida vestindo camisa de zoação. Mas aposto que será poupado na estreia do Brasileiro.

    0
  2. Milhar cruzeirense: 6 (CB) 4 (Br) 2 (LA) 0 (Série B): 6420 >>>>>>>>>> Milhar franga: 1 (CB) 1 (Br) 1 (LA) 1 (Série B): 1111. Pode falar, sem abrir a boca: humhumhumhum, não tem franga que me encha o saco.

    0
  3. Um jogador que gostei nos primeiros jogos e que não teve mais chances foi o Alexandre Jesus. Em alguns ele poderia ser testado no lugar do E. Felipe, quando for bom jogar pela esquerda.

    0
    • O considero ótimo velocista mas falta cérebro quando vai dar a assistência. Mas isso pode ser corrigido pois é novo. O negócio é treinar treinar e treinar.

      0
  4. Jorge Jesus, técnico do Urubu, disse agora há pouco no bem amigos q recebeu proposta das frangas num passado não muito distante, depois de almoçar com dono de banco cabeça de rola, mas ele pensou e percebeu q pra vir ao Brasil “com todo respeito, sem querer ofender alguém, mas tinha q ser em algum lugar q eu pudesse ganhar títulos”.

    0
    • Xará falou o que pensa. Aqui vai dar confa. Em Portugal, Argentina, USA, Inglaterra e outros lugares, não daria. Pessoas desses rincões são frontais. Dizem na lata o que pensam.

      0
  5. LUZ ESCOBAR, jornalista do 14 y 1/2, de Cuba, está impedida de sair de casa pela polícia da ditadura. Prisioneira de consciência.

    0
  6. A única prioridade é o acesso. Não podemos desviar o foco e algumas coisas estão fixando claras: Os zagueiros e os volantes da base se encaixaram com mais facilidade. Mas os jogadores de frente não estão mal Maurício já fez ótimas partidas mas me passa a impressão de estar sendo mal escalado. Popó, pouco que entra tenta mostrar serviço, Weliton sempre que entra incendeia o time e Tiago está deixando sua marca. Os 2 laterais ainda não conseguiram se impor. Everton Felipe tem boa técnica, não marca gol, desde 2018, isso pesa e me parece que faz escolhas equivocadas, corre errado e se posiciona mal, tem que melhorar, taticamente. Moreno tá me saindo melhor do que a encomenda. Gian, Robinho e Cabral devem agregar experiência e outros ainda devem chegar. Bota fé que subiremos.

    0
  7. Pessoal, só um lembrete. A economia está ruim, mesmo apesar do supimpa PIB PRIVADO, mas é só fazer mais reformas que passa, talkey!? Rs… Chicago’s boy is in trouble, definitel!!!

    0
    • Seu modelo nacional-desenvolvimentista jurássico está sendo adotado há 50 anos, sem sucesso. Tente frear ao preconceito ideológico e dê ao menos quatro anos ao Chicago boys.

      0
      • Sério que vcs vão questionar a qualidade do Paulo Guedes? Sobre o PIB privado, confesso que falou m, deveria ficar calado, mas o cara está tirando leite de pedra ainda mais considerando a terra arrasada que a poha se encontrava. Penidão sendo atacado pela militância, eita.

        0
      • Não recomendável é o modelo fracassado que vem sendo adotado desde o regime militar. Mas vilão é o Guedes, afinal cortar boquinhas desagrada muita gente poderosa.

        0
      • Cortar boquinhas não é tão complicado, quero ver a coragem para cortar as bocarras.

        0
      • Repetindo a pergunta já que militante politico tem dificuldade de entender perguntas básicas: O que recomenda o Chicago Boy? Cite 1 trabalho desenvolvido por ele ou 1 livro escrito por ele.
        Qualquer duvida, posso repetir novamente.

        0
      • Se vc está interessado em livros do Guedes, pesquise. Minha preocupação com isso é zero. E até setores da mídia anti Bolsonaro reconhecem a competência e o bom trabalho do chicago boy. Os que não gostam dele são basicamente os que perderam boquinhas, os que têm interresses políticos no fracasso do governo e os militontos fatalizados por modelos econômicos

        0
      • … e os militontos que sofrem lavagem cerebral pra defender modelos econômicos fracassados, são os idiotas úteis entusiastas do atraso.

        0
      • Repetindo novamente a pergunta….já que militante politico tem dificuldade de entender perguntas básicas: O que recomenda o Chicago Boy? Cite 1 trabalho desenvolvido por ele ou 1 livro escrito por ele.
        Qualquer duvida, posso repetir novamente.

        0
  8. Superesportes: “Agente mostra incômodo com poucas chances a Popó; Cruzeiro estuda ‘devolvê-lo’ ao sub-20”
    Em 2020, Popó foi utilizado por Adilson Batista em três oportunidades. Contra o Patrocinense, foram 15 minutos em campo; diante do Tombense, 12 minutos, no duelo com o Uberlândia, mais sete. No total, foram 34 minutos com a camisa celeste. Conhecido por ter marcado mais de 100 gols na base, o atacante ainda não balançou as redes pelo profissional.
    Em entrevista ao Superesportes, publicada em 8 de fevereiro, Adilson explicou que, já no início do ano, sugeriu ao jogador que participasse da Copa São Paulo como o time Sub-20. Popó teria se recusado em função da realização de uma cirurgia para corrigir desvio de septo, que acabou não acontecendo.
    “Aprendi com o (técnico argentino Marcelo) Bielsa: não se lança jogador por lançar. Ou (corre o risco de) você lança, queima, acaba com a carreira. Popó é jovem, ainda é menino, tem idade para jogar nos juniores. Pedi para ele disputar a Copa São Paulo (de Futebol Júnior, em setembro), mas ele disse que tinha uma cirurgia. Aí, veio aqui treinar, estou acompanhando o treino dele”, disse.
    Será que o motivo do Popó ser hoje a quarta opção para o ataque está relacionado com a recusa em disputar a copa São Paulo conforme havia sugerido o Adilson.

    0