Dr. Cláudio Lemos, o Xina Azul

Por SÍNDICO | Em 4 de janeiro de 2010

Mandei, por e-mail as perguntas desta entrevista ao Xina, ou melhor ao causídico Dr. Cláudio Lemos, há duas semanas.

Entre uma cerveja e outra, ou melhor, entre um engradado e outro, ele teclou suas respostas.

Sem usar uma maiúscula sequer. Pura preguiça.

Mesmo contrariado, tive que editar o texto. Entre um uísque e outro.

Hic! Saúde, Xina! Hic!

  1. Sou o Cláudio Cardoso da Silva Lemos, nasci em Pratápolis, Minas Gerais, em 05jan67.
  2. Meu pai, Alberto da Silva Lemos, era fazendeiro e minha mãe, Luzia Cardoso Lemos, professora e dona de casa. Tinha 06 irmãos: quatro homens e duas mulheres. Tinha, pois perdi um irmão em maio deste ano.
  3. Estudei no Grupo Estadual Bueno Brandão, nos colégios Dom Silvério e Padre Machado e me graduei em Direito na da UFMG, todos escolas de Beagá. Sou advogado, profissional liberal.
  4. Nas horas vagas, namoro, assisto televisão, vou ao Mineirão e frequento bares. Sou apreciador das comidas dos botecos de Belo Horizonte.
  5. Não me lembro ao certo, quando e porque comecei a gostar de futebol. Talvez tenha sido por influência dos irmãos. Sempre fui cruzeirense. Lembro-me de ouvir jogos do Cruzeiro pela Inconfidência, inclusive aquele em que o Darci Menezes deu um soco no Reinaldo. Enquanto ouvia o choro do jogador adversário eu ia acertando boladas nas porteiras do curral. Outras vezes, ouvia as narrações das jogadas de Joãozinho e Nelinho, enquanto batia bola sozinho.  Antes disso, eu ouvia o Futebol de Ouro da Rádio Bandeirantes, programa em que se recordava partidas históricas dos times paulistas com a narração de Fiori Giglioti. O bordão era: “Abrem-se as cortinas e começa o espetáculo”. Lembro, por exemplo, de ter ouvido, no rádio do carro, depois de uma missa dominical, o gol do Ronaldo Drummond, que deu a vitoria do Palmeiras sobre Corintiãs, na final paulista de 1974.
  6. Sempre fui perna-de-pau, no máximo fazia minhas defesas nas peladas de futsal nos finais de semana.
  7. Não me lembro bem de quando começou minha paixão pelo Cruzeiro. Eu deveria ser torcedor de times paulistas, mas talvez por influência do meu pai, cruzeirense, escolhi o Cruzeiro. Quando me mudei porá Beagá, em 1974, um vizinho nosso, cruzeirense doente, me levou ao Mineirão pela primeira vez num jogo contra a Caldense. Goleamos, 5×0 ou 6×2, não me lembro mais, e nem precisei de outro jogo pra virar fanático.
  8. Meu RapoCota inesquecível, foi o que decidiu o Campeonato Mineiro de 1990: Cruzeiro 1×0 Atlético-MG, domingo, 03jun90, 17h, Mineirão, Belo Horizonte, jogo extra para decisão do Campeonato Mineiro de 1990 –  Público: 90.145 pagantes, 100.000 presentes – Renda: Cr$8.368.735,00 – Juiz: Márcio Resende de Freitas. Bandeiras: Raimundo Divino e José Eugênio – Amarelos: Paulo Isidoro, Paulo César Carioca, Edu e Cléber, no 1º tempo; Careca, Hamilton, Éder e Neto, no 2º –  Cruzeiro: Paulo César Borges, Balu, Gilson Jáder, Adilson Baptista e Paulo César Carioca; Ademir Kaeffer, Paulo Isidoro e Careca; Heider, Hamilton (Roberson) e Edson. Tec: Ênio Andrade / Atlético-MG: Rômulo; Neto, Clébão, Paulo Sérgio e Paulo Roberto Prestes; Éder Lopes, Edu (Ailton) e Marquinhos; Newton (Ílton), Gérson e Eder Aleixo. Tec: Arthur Bernardes
  9. O esquecível foi em 2004, logo após a saída de Luxemburgo, quando perdemos por 5×3. Foi lastimável.
  10. Meu maior ídolo foi o Joãozinho. Depois, o Alex 10. Outros: Nelinho, Dida, Zico, Edson, pela raça e dedicação,  Douglas, Ademir Kaeffer, Ronaldo, Sorin…
  11. Meu Cruzeiro de Todos os Tempos, só com quem vi jogar é formado por Dida, Nelinho,Cris, Luisão e Sorin;  Douglas, Ademir Kaeffer, Zé Carlos e Alex 10; Palhinha I e Joãozinho.
  12. O maiores jogos da minha carreira de torcedor foram Cruzeiro3x2 Palmeiras, no Parque Antártica, em 98;  Cruzeiro 2×1 Palmeiras, decisão da Copa do Brasil 96, no Parque Antártica; Cruzeiro 3×0 River, decisão da Supercopa 91, no Mineirão. Cruzeiro 1×0 Nacional, Supercopa 89, no Mineirão, decidido com um gol antológico do Robson, que aplicou chapéu num adversário antes de concluir;  Cruzeiro 2×1 Grêmio, na decisão da Copa do Brasil 93;  Cruzeiro 3 x 0 Flamengo, no Mineirão, decisão da Copa do Brasil 2003 e os dois 5×0 nas frangas em 2008 e 2009.
  13. Em 1997, eu trabalhava em Ouro Preto, advogava para a Associação dos Servidores da Universidade Federal de Ouro Preto. No dia da decisão da Libertadores, eu tive que trabalhar até às 16 horas. Não tive tempo de comprar ingresso e só cheguei em casa, no bairro Santa Amélia, às 18h45. Corri pro Mineirão e gastei um dinheirão comprando ingresso de cambista. Eu era casado na época e tomei o maior esporro da patroa… Havia 105 mil pessoas fazendo barulho no estádio e ainda teve quem dormisse no meio daquela loucura toda. Só podia mesmo ser um multinick…
  14. Grande loucura pra ver o time, acho que não cheguei a fazer. Mais perto disto foi sair de Manga, no extremo Norte de Minas, ás 3h da madrugada para ver o Cruzeiro meter 4×2 nas frangas, em 2007, com direito a pênalti defendido pelo Gatti.
  15. Sacanear uma cocota é lembrar a ela dos dois Simca Zero que têm guardados na garagem…
  16. Livro de futebol que gostei e indico é o Bola na Rede, do Armando Nogueira, que li na 8ª série por indicação da professora de português. O blog que mais leio é o do Lédio Carmona. Mas o melhor blog foi do André Rizek. Leio e recomendo O Tempo, que faz o jornalismo mais imparcial da cidade, e o Lance!.
  17. Coisas que me irritam no futebol, principalmente quando estou assistindo sozinho, em casa, são as firulas inúteis e falta de raça, típicas de jogadores como o Gabriel…
  18. Meu sonho de torcedor é ser campeão mundial de clubes.
  19. Se fosse presidente do Cruzeiro eu democratizaria mais o clube, investiria mais nas categorias de base, melhoraria no marketing. E mais não digo por não conhecer bem a situação do clube. Mas acho sua direção competente.
  20. Se as frangas conseguirem manter o nível de investimento de 2009 nos próximos anos, elas sobreviverão ao lado do Cruzeiro no cenário futuro do futebol brasileiro. Caso contrário, de Minas, só restará o clube mais organizado e o que menos deve, o multicampeão Cruzeiro Esporte Clube.

61 comentários para “Dr. Cláudio Lemos, o Xina Azul”

  1. carfelix disse:

    Firstttttttttttttttttttt

  2. Damas disse:

    Xina é o cara!!!!!

  3. trovão_azul disse:

    Muito boa a entrevista. Para completar a resenha, o Galo tá diversificando, olhem só:

  4. Mauro França disse:

    Grande Xina, um dos caras mais bacanas deste espaço! Engraçado foi ler que vc é grande apreciador das COMIDAS de boteco. Pelo que vi nos nossos encontros, comida é só um detalhe…rsrsrsrs. E a nossa aposta, acho que ganhei, não? Abs.

  5. carfelix disse:

    Òtima entrevista, o nível dos cruzeirenses é realmente diferente!! Parabéns Xina!!! Sobre a 19 – Realmente a muito o que melhorar nessa já boa administração Perrela. 20 – Pode apostar que irão manter e o nível de endividamento?!! Idem!!!

  6. ACRossi disse:

    Fala Xina, ótima entrevista… o unico senão, é o jogo de 2003, final da copa do Brasil… não foi 3×0 mas 3×1… mas perdoavel… já que eu também só lembro dos 3×0… o depois foi o crescimento do grau etilico… abraços… saudações celestes…

    • claudio(xina)lemos disse:

      Quanto aos blogs logicamente o que mais leio é este, e, quanto ao jornal mais imparcial quis dizer que o tempo era o mais imparcial de Belo Horizonte. No mais me sinto honrado com a publicação da minha entrevista. Mauro, qual era a aposta mesmo???? Tô lembrando não. Saudações azuis.

      • Mauro França disse:

        Era alguma coisa sobre o draft da NBA… Mas não se preocupe, não vou cobrar….rsrsrsrs.

  7. Olivieri disse:

    É legal essas histórias da rapaziada do blog. Faz a gente conhecer melhor nossos companheiros de debate. Bonita história, Xina. Parabéns!

  8. claudio(xina)lemos disse:

    E, eu não ia consertar porteiras no curral eu usava as porteiras do curral como se fossem gols e ficava jogando bola sozinho…

  9. Claudinei Vilela disse:

    Nesta parte da pesquisa, ja deveria ter descido trocentas caixas de cerveja e uns varios litros de uisques: “Meu RapoCota inesquecível, foi o que decidiu o Campeonato Mineiro de 1990: Cruzeiro 1×0 Atlético-MG, domingo, 03jun90, 17h, Mineirão, Belo Horizonte, jogo extra para decisão do Campeonato Mineiro de 1990 – Público: 90.145 pagantes, 1000.000 presentes” 1 milhao de pessoas presentes no mineirão????? que jogo é esse!!!!!!! rs

  10. MARCIO MATA disse:

    Prezados amigos Cruzeirenses – no sábado, o Cruzeiro completou 89 anos anos (todos sabem). Para homenagear, fiz uma charge em meu blog – confira ai http://www.dzai.com.br/marciomata/blog/charges – MARCIO MATA.

  11. MARCIO MATA disse:

    Uma cartomante e um Mago fizeram previsões tenebrosas para o Galo – essa também rendeu uma charge. Podem conferir no meu blog – http://www.dzai.com.br/marciomata/blog/charges – MARCIO MATA.

  12. MARCIO MATA disse:

    Leio vários blogs. O blog que mais acompanho é o MEU MESMO. kkkkkkkkkkkkkk. MARCIO MATA.

  13. Hugo 5erel0 disse:

    Belas histórias, Cláudio. Parabéns pela entrevista, cara! Esse jogo da final de 90 foi aquele do gol marcado pelo Careca? Tenho um amigo que vive falando desse jogo.

    • claudio(xina)lemos disse:

      Foi Serelo, gol do careca de cabeça por trás do goleiro, muito parecido com o do léo silva contra as frangas no 5×0. O primeiro.

  14. Roberto disse:

    Beleza.

  15. Chaves disse:

    Xina: Esse é o cara. Pena que ja já morre de cirrose.

    • claudio(xina)lemos disse:

      Que isto charles não me gora não velho. Antes de mim tem muita gente, veja só, no blog mesmo temos o wall junior, o sobrinho que fez aniversário outro dia, o fred amaral, arísio, isto sem falar dos macacos velhos tipo tio tate e damas…

      • Mauro França disse:

        Deviam todos seguir o meu exemplo…

      • Chaves disse:

        Frede morre mais novo que vc, porém dois anos depois. Damas já tem 96 anos. Se nao morreu ainda, não morre mais. Tio Tate tem saúde de menino, corre até no gramado do Mineirão com o sol de meio dia.

      • Damas disse:

        E tu quando partir desta prá uma melhor vai precisar de 2 caixões: 1 pro corpo e outro prá língua.

      • Chaves disse:

        Poxa, eu te defendo dizendo que vc é enterno e vc aí falando de minha morte…

      • Frede disse:

        Olha o pessoal conversando fiado!! Meu figado está zero bala!!! E continuará assim!

  16. Elias disse:

    É ruim, hem!

  17. Elias disse:

    Postei na anterior mas vá lá: O site oficial divulga a pesquisa. Aumentamos com folga a liderança no interior e na capitá. E o Fla cola nas cocotas em MG… http://www.cruzeiro.com.br/index2.php?section=noticias&idn=6705

  18. claudio(xina)lemos disse:

    Nenhuma novidade, nenhum presente de aniversário, acho que o zzp somente vai contratar depois de confirmada a participação na libertadores, não quer correr o risco de contratar alguém e o time não passar pelo potosi

    • Mauro França disse:

      Falando em aniversário, já antecipo os meus cumprimentos pelo seu, Xina, tudo de bom pra vc, muitas realizações e conquistas. Tá quase me alcançando…hehehe. Abraços. Agora, qual presente vc queria do Zezé? Conca? Fred? Kleber Pereira? Um beque argentino? Uma corneta?

      • Elias disse:

        Valdívia. Um sobrinho meu estava em Cabo Frio e encontrou com o Zezé num restaurante. Cobrou o presente prá China Azul e ele falou que o Valdívia não estava descartado…Vamos aguarrrrrrdar!!!

      • claudio(xina)lemos disse:

        O ideal seria o Fred, olha tô falando no ideal, venderia o kleber e ficaria com o fred e um zagueiro, não queria zagueiro argentino não, los hermanos estão mal de zagueiro, traria o paraguaio do boca e pronto não contrataria mais ninguém. Nem armador eu contrataria. Temos muitas opções, até jogar de 3 zagueiros com os alas armando o time, acredito muito no thiago ribeiro e rincon jogando ao lado de um bom centroavante. Não estou falando mal do kleber só não acho que ele é um centroavante.

      • claudio(xina)lemos disse:

        ato falho não é rincon é guerron!!!!

  19. Palmeira. disse:

    Quer dizer que amanhã (05/jan/10) tem mais 45 caixas de Originais e 12 litros de Black Label por conta do Xina, que completará 43 anos. A minha parte vou querer em dinheiro, a não ser que me mande a passagem Goiânia/BH/Goiânia. Parabéns!

  20. walfrido disse:

    Aproveito pra dizer que já tô em Essen. Vôo foi tranquilo. Alemanha está toda branca, coberta de neve. E muita. Bastante frio. Agora, 19hs aqui em Essen mostra -2 graus no meu termometro de janela, mas acho que tá mais frio. Em Frankfurt nevava um pouquinho e tava entre -4 e -6 graus. Amanhã recomeça a correria pra mim. Vou tentar me disciplinar para não estressar muito nem trabalhar até tarde todo dia, assim consigo manter mais contato com vcs. Abraços

    • simone b de castro disse:

      Vê se não some, hein, Walfrido! Aliás, você e o Carfélix, de vez em quando dão uma sumida…rsrsrsrs

    • Jorge Santana disse:

      Quando o sujeito diz que o voo foi bom, é pq passou cagaço antes de embarcar e, provavelmente, não dormiu na travessaia do Atlântico. De qq forma, bons passeios, Walfrido. E não se esqueça de enviar os diários alemães.

  21. simone b de castro disse:

    Xina, parabéns adiantado, e parabéns pela entrevista. A sua lembrança do Gabriel, na questão 17 foi perfeita. É a imagem que tenho dele também.

  22. Arísio disse:

    Parabéns pela história, Xina. Me impressiona é você conseguir lembrar disso tudo…rs

  23. Leopoldo Moura Jr. disse:

    Muito boa essa de “dois Simca Zero guardados na garagem”. Será mais um bom argumento no debate com as cocótas.

  24. Jorge Santana disse:

    Tô com dó do Duisburg. O time estava se recuperando depois que o Walfrido parou de acompanhá-lo…

    • Frede disse:

      Tomara que deixe o pé frio de vez por lá! Engraçado, pq será que marca -2 no termometro e ele está com a sensação de que está mais frio??? pq será???

  25. Frede disse:

    Xina é um cara bacana! Só não sabe jogar sinuca, truco e nem futebol! hehe parabens adiantado pro senhor!

  26. Naldo disse:

    Mais um boa história dos participantes do PHD. Como já disseram: assim vamos conhecendo um pouco mais de cada um. Só faltou dizer o porque de ser o Xina, é descendente?

  27. Leo Vidigal disse:

    Legal saber da história do Xina. Esse 1 x 0 com gol do Carecone também me marcou como torcedor. Ali dava para sentir com certeza que seria o inicio de uma fase de muitas conquistas, como vem acontecendo desde entao. Realmente temos que valorizar mais o campeonato estadual, que foi a ponta de lanca para as grandes vitorias recentes do Cruzeiro. Estou passando o meu acervo de videos para DVD e tenho uma pérola aqui que talvez outros comentaristas também tenham: o Kafunga cantando o hino do Cruzeiro, por causa de uma aposta que havia feito sobre quem seria o campeao de 1990.

  28. Como sempre tenho andado atrasado.
    Mas em tempo de parabenizar nosso Xina pela bela história de vida. O texto ou foi muito bem editado ou nosso Xina tem mesmo uma história legal. Tá muito bom de ler.
    Parbéns Xina, ser Cruzeirense é ser feliz!

  29. Naldo disse:

    Xina, parabens por mais um ano de vida! Felicidades e tudo de bom.