Copa SP, Cruzeiro 5×0 São José: Show de bola!

Partida inaugural da 41ª Copa SP de Juniores, o Cruzeiro x São José foi precedido de solenidades, que atrasaram o iníco da partida em 10 minutos: Hino Nacional cantado, discurso do Prefeito de Taboão da Serra e foguetório.

Todo de azul, estreando patrocinadores novos na camisa, o Cruzeiro ficou à direita das cabines. O São José jogou todo de banco com detalhes e, azul claro na camisa.   

1º tempo

O Cruzeiro iniciou o jogo com dois ataques fortes. A 1 minuto, Gil cruzou e Allan cabeceou por cima do travessão. Aos 2, Sebá entrou na área, pela direita, e chutou forte, cruzado. A bola se aninhou nas redes, pelo lado de fora. 

Durante 20 minutos, o Cruzeiro pressionou com subidas dos laterais Gil e Hyago e dos volantes Eber e Elber. Dudu jogava livre, mas tinha dificuldades nas disputas mano-a-mano com os gaúchos, bem mais fortes do que ele.  

No ataque, os velozes Allan e Sebá se revezavam em jogadas pelas pontas e pelo comando doa ataque.

O São José conseguiu dois bons arremates, aos 22 e 25. No 1º, Marco Antônio obrigou Gabriel a desviar pra corner uma falta bem cobrada. No 2º, Vítor dividiu com Deivison e arrematou à esquerda de Gabriel.

A resposta do Cruzeiro aconteceu aos 27. Allan recebeu lançamento em profundiade, driblou Henrique e tocou rasteiro na saída de Rafael. Cruzeiro 1×0.

Envolvente, o campeão mineiro de juvenis criou mais duas oportunidades. Aos 37, Dudu serviu Elber que, na entrada da pequena área, arrematou por cima do travessão. Aos 39, Allan chutou forte, de fora da área, obrigando Rafael a uma defesa complicada.

Apostando sempre na contenção e nas escapadas em contra-ataque, o São José perdeu o controle da partida e só voltou a incomodar aos 42 quando Marco Antônio cruzou da direita e Afonso venceu a zaga celeste pelo alto cabeceando, com perigo, à direita de Gabriel.

Na sequência, o Cruzeiro definiu a partida. Aos 43, Elber conferiu cruzamento de Sebá, da esquerda, com um leve toque: Cruzeiro 2×0. Aos 45, Eber desferiu um belo chute, à meia altura, da meia-lua: Cruzeiro 3×0.

2º tempo

Se o placar foi generoso para o Cruzeiro e um pouco além do castigo merecido pelo time gaúcho no 1º tempo, no 2º, ele acabou ficando do tamanho da superioridade celeste.

O Cruzeiro voltou sem alterações, enqaunto o Zequinha torcou de lateral-esquerdo.

E o placar foi alterado logo de cara, a 1 minuto. Em jogada individual, Elber driblou Henrique, entrou na área, driblou também o goleiro Rafael e tocou com a canhota pras redes. Cruzeiro 4×0.

O Zequinha perdeu o rebolado. Não conseguiu responder com jogadas organizadas e o ficou à mercê do time mineiro, que continuou criando oportunidades sem muita pressa.

No São José, apenas o meia Marco Antônio tentava armar jogadas pelo chão. Mas, com boa disposição tática e resistência física pra jogar na cancha enlameada, o time celeste destruiu, sistematiamente, cada lance dos gaúchos.

O 5º gol aconteceu aos 16. Sebá recebeu de Gil, entrou na área pela direita, aplicou um corte em Diego e arrematou firme, de pé esquerdo pras redes do arco defendido por Rafael. Cruzeiro 5×0.

Alexandre Grasseli fez algumas substituições para poupar titulares e testar reservas. Aos 14, ele havia trocado Dudu por Rodrigo. Aos 21, testou Maranhão em lugar de Allan.

Tecnicamente, as alterações foram inócuas. Mas o ritmo do time celeste não diminuiu e o placar só não aumentou porque seus jogadores tiraram o pé do acelerador.

Desaceleração compreensível, pois é preciso guardar energias para enfrentar o próximo adversário, Botafogo de Ribeirão Preto, que promete ser mais  difícil do que o Zequinha, de Porto Alegre.

  • Cruzeiro 5×0 São José (RS), sábado, 02jan10, 14h10, Estádio Municipal Vereador José FFeres, Taboão da Serra (16 Km de São Paulo), 1ª rodada do Grupo A da 41º Copa SP de Juniores – Juiz: Tiago Luís Scaracacci (SP) – Bandeiras: Maria Núbia e Otávio Magnani Barbosa (SP) – Amarelo: Kauê (Zeq) – Gols: Allan, 27, Elber, 43, Eber, 45 do 1º tempo; Elber, 1, Sebá, 16 do 2º – Cruzeiro: Gabriel Vasconcelos, Gil, Wesley, Deivison e Hyago (Gabriel Araujo, 27, 2º); Eber, Marquinhos e Elber; Dudu (Rodrigo, 14, 2º); Allan Júnior (Maranhão, 21, 2º) e Sebá. Tec: Alexandre Grasselli. / Rafael Dutra; Marthin, Guilherme, Henrique e Fabinho (Emerson, intervalo); Diego Antunes (Adriano, 20, 2º), Kauê, Marco Antônio e Afonso (Marlon, 18, 2º); Sandro e Victor. Tec: Paulo Matos
0

21 Replies to “Copa SP, Cruzeiro 5×0 São José: Show de bola!”

  1. Não sei como anda esse elenco atual da raposinha, mas o primeiro tempo realmente foi de empolgar. Tomara que tenhamos ótimos frutos deste time…

    Embora não seja recomendado, vou repetir o que disse no post anterior pois acho este aqui mais apropriado. É um protesto, na verdade:

    Vocês viram como está a marca do BMG na camisa do Cruzeiro???? Vejam no site da globo os gols da raposinha na Copinha e verão uma camisa azul com um logo GIGANTE LARANJA no meio do peito e nas costas… Além do Ricardo eletro colorido nas mangas….

    Era preciso ter mais respeito com a camisa do Cruzeiro. Nem tudo na vida é dinheiro. Só espero que o time profissional jogue com algo mais dígno que este abadá de hoje.

    (Se quiser, pode apagar este post ou o outro para não ficar repetido aqui no PHD, Jorge)

    0
      1. simone b de castro says:

        O que me deixa com mais raiva desse patrocinador, é que além de ser o mesmo dos nossos rivais, e mais todas aquelas coisas que já sabemos, é que aparece muito grande na camisa…Acho que esse ano o Cruzeiro não vende muita camisa não… Talvez as alternativas. E as cores do Ricardo Eletro também…brincadeira! Imaginem quando vier o outro patrocinador que o Cruzeiro está esperando!?

        0
      2. Eduardo Louback says:

        Eu esperava que o BMG colocasse a marca dele de branco na camisa, e não laranja. Pensei que o escritozinho “banco” ficasse centrazilado, à cima do “BMG”. Bem que o Ricardo Eletro poderia não colocar aquele contorno amarelo.

        0
      3. calma galera. essa camisa de hoje é um improviso. Pegaram a camisa atual e simplesmente “colaram” os adesivos. Com certeza eles vao elaborar um modelo mais interessante. Já vi outros times patrocinados pelo BMG que usaram o branco….

        0
  2. Estou gostando desse Eber.

    0
  3. A juventude é o que há! Tá vendo, Jorge, seja jovem e campeão, igual ao Cruzeirão!

    0
  4. O resultado final desse jogo foi um aviso aos adversários: 5 x 0!

    0
  5. Eduardo Louback says:

    Jogadores que gostei: 2 Gil – LD / 9 – Cebá – Centro-Avante / 16 ? – Autor do 4º gol / 18 ? – ?

    0
  6. Ernesto Araujo says:

    Engraçado que o posicionamento das cameras no estádio permitiu alguns enquadramentos diferentes dos que a gente costuma ver normalmente pela TV em estádios grandes.

    0
  7. A camisa daquele jeito eu não compro. Achei muito feia. Não é a característica do Cruzeirão.

    0
  8. Beth Makennel says:

    Parabéns Cruzeiro! Grande clube Brasileiro, exemplo de competência e clube vencedor. Sua história nos orgulha. Suas conquistas são nossas glórias. Antes, Palestra Itália, 3º entre os clubes da capital, hoje, o 1º e de longe, o melhor, o que tem a maior torcida, e o que mais dignifica e orgulha a nossa Minas Gerais. Ah, meu querido Cruzeiro! Sempre é tão combatido, mas como és forte e guerreiro! jamais serás vencido. Obrigado Cruzeirão, por me dar tantas alegrias em minha vida; Parabéns por ser este clube vencedor! Obrigado meu querido e amado Cruzeiro, por existir!

    0
  9. Flavio Carneiro says:

    Excelente forma de começar o ano e comemorar mais um aniversário do Cruzeiro EC. O time que está na Copa SP é melhor do que o time que disputou o campeonato brasileiro sub-20, por isso temos boas chances de disputar o bi campeonato dessa competição. Força garotada!

    0
  10. Flavio Carneiro says:

    O departamento de MKT do Cruzeiro vai ter que fazer mágica para não deixar que as marcas BMG e Ricardo Eletro atrapalhem tanto o nosso manto sangrado. Acho que a única forma de melhorar um pouco é aplicar as marcas nas cores branco e azul, caso contrário as vendas dessa camisa vai fracassar.

    0
    1. Ernesto Araujo says:

      Essa camisa vai é vender muito !!! heheheheh

      0
    2. Eduardo Louback says:

      Acho que o “Ricardo” pode ser escrito em vermelho, e o “eletro” em branco, envolvido num retângulo verde. O problema é o retângulo amarelo envolvendo tudo

      0
  11. Eduardo Louback says:

    Palhaçada, do jeito que o uniforme do S.José ficou sujo o Cruzeiro poderia ter jogado de calção branco. Não gosto quando o time joga todo de azul. Parece o São Caetano.

    0
  12. Vinicius Cabral says:

    O Cruzeiro jogou muito bem, mas o Dudu teve uma atuação muito apagada. Errou quase tudo o que tentou, dentre passes e dribles. E se apresentou pouco para o jogo. Não estou cornetando e nem metendo o pau no garoto, pois boto fé nele. Estou apenas fazendo uma observação.

    0
  13. Achei um bom jogo. Querer futebol bonito naquele pasto é demais. Não dá condiçoes de jogadores técnicos a-parecerem muito.

    0
    1. Velho Damas jamais pisou em gramado tão bom quanto aquele. E jogou um bolão. Tapete é coisa de Champions League. E nós vivemos no país do Morrinhão.

      0
  14. Vi a camisa do Cruzeiro com os novos patrocinadores. Aliás tava até um pouco curioso. Porem o jogo abafou todo e qualquer opinião sobre a camisa. 5 X 0 falar mais o quê. Gostei muito do time.

    0

Comentários fechados.