Diga não à liberação do Digão!

Por SÍNDICO | Em 11 de abril de 2018

DEDÉ renovou com o Cruzeiro até Dez19. Lucas Silva ainda não tem situação definida. Victor Luiz deve ir pro Braga ou pro Marítimo, ambos de Portugal. Patrick Brey e Renato Kayser foram contratados. E Digão pode sair. Tem propostas do Sport e do Vitória. 

Saída de Victor pode ser boa pra ele e pro clube, dependendo de quanto o Cruzeiro terá a receber em futuras negociações. Lucas e Digão são bons profissionais e jogadores úteis. Deviam continuar no clube. Kayser e Brey vão jogar? É pouco provável. 

O leitor analista tem algo a dizer sobre as negociações? Está satisfeito ou tem algum nome a propor pra reforçar o time celeste?

41 comentários para “Diga não à liberação do Digão!”

  1. SÍNDICO disse:

    MENOS ROUBOS E ASSASSINATOS NO RIO. Despencaram os principais índices de criminalidade durante a Semana Santa no RJ, em comparaçao com o mesmo feriado em 2017. Roubo de carga diminuiu 68%, homicídio doloso caiu 47%, roubo de carros, menos 16% e assalto a transeuntes, menos 35%. #JuntosPeloRio.

  2. szuloobas disse:

    Não. Registro do twitter do dia: Alguns energúmenos pedindo ocentroavante e ainda Fernando Torres, o maior enganador do futebol mundial. Isso é videogame? Kkkkkkkk..

    • SÍNDICO disse:

      FERNANDO TORRES, centroavante de 33 anos, reserva do Atlético de Madrid, deve deixar o clube colchoeiro no meio do ano. Ele só jogou 10 partidas (2 como titular) e não fez gol, na temporada que está chegando ao fim, Segundo a Cadena Un, ele tem propostas da China e dos Estados Unido.

    • Bruno 7L RJ disse:

      Fraco! Outro que vem roubando há bem 2 ou 3 anos é o Benzema.

      • matheus t penido disse:

        Atacante que faz poucos gols, do tipo que o Mano adora.

      • Renato disse:

        Meu chapa, nessa eu nado contra a corrente. Benzema é muito inteligente. Ajuda demais na construção das jogadas de gol. Pode checar. É estilo Anselmo Ramon.

  3. SÍNDICO disse:

    TAUBATÉ 3×0 CRUZEIRO (25/21, 25/22, 25/23), 10abr18ter20h, Ginásio do Abaeté, Taubaté, 2º jogo das semifinais da Superliga masculina de Vôlei 2017/18. Taubaté: Rafael, Wallace (24 pts), Solé (2), Otávio (9), Ivovic (9), Dante (8), Thalles + Matheus. T: Daniel Castellani. Cruzeiro: Uriarte (4), Evandro (5), Simón (10), Isac (11), Filipe (6), Leal (8), Serginho (líbero) + Cachopa, Alemão (3), Rodriguinho (2). T: Marcelo Méndez.

    • SÍNDICO disse:

      O JOGO => 1º SET. Taubaté começou em ritmo frenético e abriu 3/0. Cruzeiro reagiu e encostou. A partida seguiu equilibrada até nos erros. Ambos cometeram número próximos de erros de saques. Na reta final, contudo, Wallace desequilibrou e o time local fechou em 25/21. 2º SET. Os minutos iniciais foram equilibrados, como ligeira vantagem do Cruzeiro. Na metade do período, os locais passaram à frente. Na reta Cruzeiroparcial, os visitantes voltaram a cometer erros. Taubaté, e e o time mineiro passou a cometer erros na segunda metade do set, reagiram no fim, mas a vantagem ficou com o Taubaté, que ficou em 25/22. 3º SET. O Taubaté manteve a eficiência dos sets anteriores e, aproveitando os erros do Cruzeiro na recepção, abriram vantagem no começo, chegando a impor 17/10. No fim, Cruzeiro apertou, vantagem foi reduzida, mas Taubaté não deixou escapar a vitória, fechando em 25/23. Wallace foi eleito o MdJ.

  4. SOUZA disse:

    A SE CONSIDERAR: 1. Ainda bem que o Dedé deu jeito na bola aérea, mas o time não pode ficar dependente de um jogador. É preciso treinar muito e ajustar este problema de forma coletiva. 2. Falta de velocidade no contrataque. David é a esperança. Um Arrascaeta sozinho não faz verão. Enquanto não aparecerem outros garotos com vontade e velocidade, vou continuar lamentando as saídas do Judivan, Alisson e Thonny Anderson. 3. Rafinha necessita que o adversário esteja em queda física pra se dar bem. Tornou-se um bom jogador pros 30 minutos finais. 4. Quanto ao Sass, resta torcer pra ele recuperar a forma. 5. Ainda resta esperança nesta Libertadores.

    • Miguel Tolentino disse:

      1. Se o Mano não deu jeito até hoje, não dará mais. Resta torcer para que o retorno do Dedé aos gramados seja definitivo. 2. David não vai resolver o problema da falta de velocidade no ataque, muito mais jogador de uma ou duas arrancadas do que um velocista propriamente dito. Erro de planejamento da comissão técnica em conjunto com a diretoria na montagem do elenco. 3. Não vejo o Rafinha nem como jogador de segunda etapa para decidir diante de defesas cansadas, notória é sua dificuldade com a redonda apesar dos elogiáveis esforços físicos. 4. Sassá até agora foi muito mal, oremos pra que seja realmente a falta de ritmo. 5. A valente remontada no rural, trouxe ela de volta. Mas o clássico já é passado.

  5. Bruno 7L RJ disse:

    Sou mais liberar o Manoel e ficar com o Digão. Custo benefício melhor. Sobre o LS, não sei bem? Real Madrid paga qual porcentagem? Queria mais chances para o Nonoca, mas como ele saiu…

    • Miguel Tolentino disse:

      Lucas ficou sem espaço como segundo volante com a vinda do Mancuello, apesar de que com Mano ele foi nesta temporada mais vezes acionado como primeiro volante – e foi muito bem substituindo o Henrique. Eu faria esforços para renovar, como alternava de primeiro volante (podem me chamar de doido mas de todos os suplentes do Henrique foi quem melhor cumpriu a função). Mas não creio que a diretoria fará qualquer esforço para manter o jogador, já nem conto com ele para a sequência da temporada. Ainda mais sabendo que investiram muita grana no Bruno Silva e ele ainda está buscando afirmação até mesmo entre os suplentes.

  6. Bruno 7L RJ disse:

    Bruno 7L RJ disse: 22mar18 às 12:45 am: Kayser e Brey são bons jogadores.

    • Bruno 7L RJ disse:

      Itair Machado e essa mania de ficar lendo o PHD todo dia… tsc, tsc, tsc.

    • Bruno 7L RJ disse:

      Brincadeiras a parte, gostei do Renato Kayser. Jogador interessante, inteligente, se posiciona bem. Para ser observado. Brey é bom mas a concorrência pra ele é desleal. Pode emprestar.

    • Bruno 7L RJ disse:

      Será que foram contratados com o aval do Mano?

  7. matheus t penido disse:

    Não faz sentido liberar o Digão. Dedé e Manoel têm problemas físicos, e temos ainda a possibilidade de uma venda do Murilo durante a temporada. Além disso, o zagueiro carioca não comprometeu quando jogou.

  8. matheus t penido disse:

    Quanto aos novatos vindos do Tupi, parece que esse Kayser será emprestado e o lateral esquerdo observado pelo Mano. Não será estranho se os dois passarem pela Toca sem jogar. Mas sempre há a possibilidade de uma surpresa boa, embora isso não seja do feitio do nosso treineiro.

    • Miguel Tolentino disse:

      Nem dá pra perder tempo fazendo qualquer avaliação técnica sobre os novos contratados, mais do mesmo. Aquelas “apostas” que o clube faz todos os anos com cheiro de negociata, afim de garantir um contrato de longa duração com jogadores que terminam repassados a exaustão para clubes de norte a sul do país. Depois o torcedor alheio as relações obscuras do mundo futebolístico se pergunta como o clube tem tantos contratados espalhados pelo país onerando ainda mais folha. Base para que mesmo, se tem muitos empresários “parceiros” do clube?

      • matheus t penido disse:

        Foram dois jogadores jovens que fizeram um bom campeonato pelo Tupi e devem ter custado baratinho. Todos os times do Brasil contratam jogadores que fizeram bons estaduais, a maioria obviamente não se firma porque o futebol é assim. As baciadas são geradas muito mais por contratações de jogadores medianos com algum nome pra dar satisfação à torcida, sem observação técnica. Exemplos nos últimos anos: Mena, Pará, Seymour, Willians, Pisano, Correia, Gino, entre outros. Em 2017-18 deram uma moralizada na coisa.

      • Miguel Tolentino disse:

        Penido, só o Kayser assinou por 5 anos! 5 anos! Fosse contratação a título de observação não teria um contrato tão longo, ainda mais em se tratando de um jogador que não foi aproveitado no fraquíssimo Vasco da Gama. Esse papo de que são atletas baratinhos, não cola, mesmo não ganhando fortunas como Edílsons ou Freds da vida, estes atletas enfileiram-se ano após ano chegando a Toca II para serem repassados. 5 anos com um Kayser, ano que vem teremos outros Kaysers com contrato de 5 anos e depois nos perguntamentos como o Cruzeiro é um dos clubes com mais atletas vinculados profissionalmente, isso onera sim a folha e muito porque nem sempre achamos clubes disposto a receber apostas dúvidas (principalmente quando estas não se firmam) ou quando achamos somos obrigados a pagar boa parte dos salários.

      • Miguel Tolentino disse:

        Em suma, o Cruzeiro tem sido uma mãe para instituições financeiras (que emprestam a juros altos pra pagar os rombos), aos agentes esportivos de jogadores meia boca, aos atletas meia boca que garantem um bom e duradouro contrato com clube grande, a diretores metidos a empreendedores do ludopédio e para clubes de menor expressão sem grana para contratar e pra pagar salários.

    • matheus t penido disse:

      Não defendi a contratação desses dois jogadores, só disse que isso não configura uma baciada. O Cruzeiro tem adotado essa política de tentar engordar o boi pra depois vender nos últimos 2, 3 anos, sem aproveitar esse jogadores no time. Deu certo com o tal de Rony, os outros até aqui não vingaram. Não sei se é uma boa política, mas é diferente de montar um time atirando pra todos os lados como foi feito em 15 e no início de 16.

  9. Miguel Tolentino disse:

    Sai ano, entra ano, sai diretoria, entra diretoria, e seguimos contratando por baciada. E nem mesmo a manutenção do trabalho de um treinador serve pra impedir tal prática. O discurso das contratações pontuais fica mais uma vez nos sites esportivos. As relações obscuras do mundo da bola e os favores concedidos com dinheiro alheio (neste caso da Associação Esportiva) sempre falam mais altos.

    • matheus t penido disse:

      Quais foram as baciadas que chegaram ao Cruzeiro desde o ano passado?

      • Miguel Tolentino disse:

        “8 contratações pontuais” então, como preferir…

      • matheus t penido disse:

        Você está mudando a realidade pra se adequar ao seu pensamento, como sempre. Em 2017 o Cruzeiro manteve toda a base que terminou razoavelmente bem 16, com alguns acréscimos que melhoraram bastante o elenco (Neves, Hudson, Barbosa). Em 18 perdeu três jogadores importantes (Hudson, Barbosa e Alisson) e repôs com Egídio, Mancuello e David. Trouxe ainda jogadores pras duas posições que todo mundo apontava como as mais carentes do elenco (Edilson e Fred). Mais Bruno Silva, que o próprio Mano pediu pra disputar posição com Robinho.

      • Miguel Tolentino disse:

        Manteve a base mas trouxe 8 atletas, depois eu que estou mudando a realidade para adequar a meu pensamento ou minhas preferências. Vai vendo…

      • matheus t penido disse:

        A mancada foi a “doação” do Thonny Anderson pro Grêmio. Fora isso, mesmo eu discordando de alguns negócios, tá na cara que houve uma lógica no que foi feito, o que descarta a possibilidade de “baciada” à qual você se refere. Em 15, 16 com certeza foi tudo feito na base da “baciada” e os resultados da má organização de elenco foram colhidos naqueles dois anos.

      • matheus t penido disse:

        Leia de novo, mas pelo menos uma vez tente ler com honestidade. Manteve a base de 16 pra 17, já de 17 pra 18 mudou mais que eu gostaria, mas foi feito com uma lógica. Se foram boas escolhas não sei, mas a coisa foi feita numa direção clara, ao contrário de 15/16 quando saíram atirando pra todo lado.

      • Miguel Tolentino disse:

        A única lógica no mundo do futebol é encher as burras de dinheiro de todos os envolvidos diretamente nas contratações às custa da associação esportiva, são raros os times no Brasil e no mundo com administração profissional, responsável e por gente que ama o clube que dirige. E o Cruzeiro infelizmente há tempos não se encontra na exceção.

      • matheus t penido disse:

        Não entrei nesse mérito. Só escrevi (e demonstrei) que não houve baciada no Cruzeiro em 17/18. Se tem picaretagem no futebol e no Cruzeiro é outra prosa. Pelo pouco que vejo, considero Itair uma aberração e os presidentes (o atual e o anterior) dois boçais. Mas nem por isso vou desvirtuar o que eles eventualmente fizeram de bom pra justificar minha desaprovação ao trabalho realizado no geral.

  10. rosan amaral disse:

    “Digão is god!”

  11. jrgalvao disse:

    Digao e Lucas silva, dispensaveis. Fabricio muito mais jogador, eu apostaria no Cacá que tem mais futuro. Itair pateta mor, jogando pra torcida e fazendo oo jogo sujo nos bastidores, viva empresarios e seus asseclas. E a base dirigida por Cruz e seus apaniguados, continua na mesma. O Cruzeiro em 2018, ja conquistou o ruralito, fez tres bons jogos, america racing e vitoria em cima das frangas, o resto foi tudo jogo meia boca, sabado ja começa outra pedreira, Mano tem obrigação de fazer este time jogar

  12. Fico observando alguns comentários…
    Todos dignos das provocações baratas do bogueiro sem noção…
    Dai vejo que a inteligência binária dos galináceos não é prerrogativa deles… é patológico !
    Colocar Lucas Silva no mesmo balaio do que Digão e ignorar contratações para a temporada e efeitos/resultados práticos é surreal.
    Cadê o meteoro ?

  13. Naldo disse:

    Digão é bom para compor o elenco. O Lucas Silva é cria da casa, jovem e pode voltar a sua melhor forma.