Arquivo da Categoria ‘Seleção’

Brasil 1×1 Nigéria: não forçou o jogo

domingo, 13 de outubro de 2019

BRASIL 1×1 NIGÉRIA, 13out19dom09h. TEMPO nublado, temperatura 29º, vento 14 Km/h, umidade 76%.  LOCAL: Nacional (55 mil), Kallang, Singapura. MOTIVO: Amistoso. TRANSMISSÃO: Globo e Sportv. PÚBLICO: 20.385. ARBITRAGEM: Jansen Foo (Singapura). AMARELOS:  Thiago. GOLS: Aribo, 35, Casemiro, 43. BRASIL: Ederson; Daniel Alves, Marquinhos, Thiago Silva, Lodi; Arthur (Fabinho, 60), Casemiro; Jesus (Paquetá, 87), Firmino (Gabigol, 61), Neymar (Coutinho, 10), Everton (Richarlison, 46). T: Tite. NIGÉRIA:  Ezenwa (Okoie, 64); Omeruo, Balogun, Aribo (Shehu, 93)-Ekong, Aina; Ndidi, Simon (Dennis, 73), Iwobi (Azeez, 83); Chukwueze (Olainka, 88), Osimhen (Onuachu, 73), Emmanuel. T: Gernot Rohr.

Brasil 1×1 Senegal: pra cumprir contrato

quinta-feira, 10 de outubro de 2019

Brasil jogou amistoso na Ásia e não lotou o estádio Nacional de Singapura.

BRASIL 1×1 SENEGAL, 10out19qui09h. TEMPO nublado, temperatura 25º, vento 5 Km/h, umidade 90%.  LOCAL: Nacional (55 mil), Kallang, Singapura.MOTIVO: amistoso. PÚBLICO:  20.000. ARBITRAGEM: Muhammad Taqi Aljaafari , Ronnie Koh Min Kiat , Lim Kok Heng (Singapura). AMARELOS: Marquinhos, AlexSandro, Kouyaté, Koulibaly . GOLS: Firmino, 9,  Diedhiou, 45. BRASIL: Ederson; Daniel Alves, Marquinhos, Thiago Silva, Alex Sandro (Lodi); Arthur (Matheus Henrique), Casemiro, Coutinho (Richarlison); Jesus, Firmino (Everton), Neymar. T: Tite. SENEGAL: Gomis; Gassama, Salif Sané, Koulibaly, Coly; Gueye (Badou Ndiaye), Kouyaté (Sarr), Sarr (Thioub), Diatta, Sadio Mané; Diedhiou (Diallo), T: Aliou Cisse.

Dedé fez a coisa certa

domingo, 29 de setembro de 2019

DEDÉ fez a coisa certa, na hora e no lugar certo, ao expor seu ponto vista sobre o aproveitamento de Neves e outros experientes no time celeste, dentro do vestiário, após o jogo contra o Ceará.

Falou com o técnico e o colega, perante todo o grupo, de forma clara, num papo reto, sem rodeios. E de forma educada. Rogério Ceni deu-lhe as costas de forma desrespeitosa e autoritária. Errou.

Mas o pior foi um X9 –quem?, ou a mando de quem?– vazar a conversa, que virou alimento para os abutres da mídia e da torcida. Daí em diante, tudo virou distorção e ataques covardes aos jogadores experientes.

Se a diretoria celeste fosse decente, o assunto seria resolvido sem traumas. Mas os cartolas do Cruzeiro não são inteligentes, nem confiáveis e um tema corriqueiro na vida de qualquer time virou esse festival de boçalidades que se lê e ouve nas redes e na mídia profissional. Com ataques, inclusive, à família do craque de tantas jornadas vitoriosas, com a camisa celeste.

Brasil 0x1 Peru: a vez do vice

quarta-feira, 11 de setembro de 2019

BRASIL perdeu sua 3ª partida na Era Tite, jogando mal contra seu vice da Copa América,

BRASIL 0x1 PERU, 11set19qua00h, TEMPO nublado, temperatura 19º, vento 5 Km/h, umidade 80%. LOCAL: Coliseum (90 mil), Los Angeles, MOTIVOL amistoso. TRANSMISSÃO: Globo e Sportv. PÚBLICO: 32.287. ARBITRAGEM: Jair Marrufo, Frank Anderson, Corey Rockwell (Estados Unidos), AMARELOS: Alex, Aquino. GOL: Abram, 84. BRASIL: Ederson, Fagner, Marquinhos, Militão, Alex Sandro; Casemiro (Fabinho, 46), Allan; Neres (Paquetá 62), Coutinho (Bruno Henrique, 83); Richarlison (Vinicius Jr 72); Firmino (Neymar 62). T: Tite. PERU: Gallese, Advíncula, Zambrano (Santamaría, 69), Abram, Trauco; Tapia, Aquino (Gonzálesm 68), Yotún (Ballónm 92), Costa (Cuevam 71), Flores (Carrillo, 71); Ruidíaz (Reyna, 46). T: Ricardo Gareca.

Brasil 2×2 Colômbia: Neymar volta com gol, assistência e pênalti não marcado

sexta-feira, 6 de setembro de 2019

AMISTOSO em Miami marca volta de Neymar –o melhor do jogo– à Seleção Brasileira:

BRASIL 2×2 COLÔMBIA, 06set19sex20h. TEMPO limpo, temperatura 29º, vento 14 Km/h, umidade 72%. TRANSMISSÃO: Sportv. PÚBLICO: 65.232 espectadores. LOCAL: Hard Rock Stadium (77 mil), Miami. MOTIVO: amistoso. ARBITRAGEM: Ismail Elfath (EUA)Corey Parker (EUA) e Adam Wienckowski (EUA). AMARELO: Casemiro. GOLS: Casemiro, 19, Muriel, 25 (p) e 34, Neymar, 58. BRASIL: Ederson; Daniel Alves, Marquinhos, Thiago Silva, Alex Sandro; Casemiro, Arthur; Richarlison (Neres, 83), Coutinho (Bruno Henrique, 79) Neymar; Firmino (Paquetá, 82). T: Tite. COLÔMBIA: Ospina; Medina (Orejuela, 77), Mina, Sánchez, Tesillo; Barrios, Uribe (Lerma, 60), Cuadrado (Moreno); Martínez (Díaz), Muriel (Berrío, 67); Zapata (Borré). T: Carlos Queiroz.

06copamerica19: Bra, Per, Arg, Chi…

segunda-feira, 8 de julho de 2019

FINAL e disputa do terceiro lugar da Copa América 2019:

Brasil 3×1 Peru 07jul19som17h Maracanã
Argentina 2×1 Chile 06jul19sab16h Itaquera

Brasil venceu, com autoridade, passando por cima de um pênalti mal marcado e de uma expulsão injusta. Peru fez excelente partida, mas esbarrou na inferioridade técnica em relação ao escrete canarinho.

Argentina venceu o Chile, aproveitando-se de um gol irregular, o primeiro, e superando a expulsão de Messi, que saiu junto com Medel ainda na primeira etapa.

O público lotou Itaquera e Maracanã, mesmo com preços astronômicos dos ingressos.

Brasil 3×1 Peru: 9x campeão da Copa América

domingo, 7 de julho de 2019

FINAL da Copa América 2019:

BRASIL 3×1 PERU, 07jul19dom17h, TEMPO nublado, temperatura 22º, vento 21 Km/h, umidade 50%. LOCAL: Maracanã (78 mil), Rio de Janeiro. MOTIVO: final da Copa América 2019. TRANSMISSÃO: Globo e Sportv. PÚBLICO: 58.584 pagantes, R$38.769.850, média R$661. ARBITRAGEM: Roberto Tobar, Christian Schiemann, Claudio Rios (Chile). VAR: Julio Bascuñan (Chile). AMARELOS: Jesus, Thiago, Richarlison, Advincula, Zambrano, Tapia. GOLS: Everton, 15, Guerrero, 45 (p), Jesus, 45+2, Richarlison, 89. BRASIL: Alisson, Daniel Alves, Marquinhos, Thiago Silva, Alex Sandro; Casemiro, Arthur; Jesus, Coutinho (Militão, 75), Everton (Allan, 90); Firmino (Richarlison, 74. T: Tite. PERU: Gallese, Advíncula, Zambrano, Abram, Trauco; Tapia (Gonzalez, 81), Yotún (Ruidiaz, 78); Carrillo (Pollo, 85), Cueva, Flores; Guerrero. T: Ricardo Gareca.

05copamérica19: Brasil e Peru na final

quarta-feira, 3 de julho de 2019

SEMIFINAIS da Copa América 2019:

Brasil 2×0 Argentina 02jul19ter21h30 Mineirão
Chile 0×3 Peru 03jul19qua21h30 Humaitá

Brasil despachou a Argentina, que está chorando sem parar acusando a Conmebol é controlada pelos brazucas.

Peru varreu o Chile, com uma atuação surpreendente, que juntou dedicação, velocidade e inteligência.

Brasil 2×0 Argentina: Mineirão pé-quente!

terça-feira, 2 de julho de 2019

SEMIFINAL da Copa América 2019, no Mineirão.

  • BRASIL 2×0 ARGENTINA, 02jul19ter21h30. TEMPO limpo, temperatura 19º, vento 5 Km/h, umidade 60%. LOCAL: Mineirão (62 mil), Belo Horizonte. MOTIVO: semifinal da Copa América 2019. TRANSMISSÃO: Globo e Sportv. PÚBLICO: 52.235 pagantes, 55.947 presentes, R$18.744.445, média R$359. ARBITRAGEM: Roddy Zambrano, Christian Lescano, Byron Romero (Equador). VAR: Leodán González (Uruguai). AMARELOS: Tagliafico, Acuña, Daniel, Foyth, Lautaro, Scaloni, Allan. GOLS: Jesus, 18, Firmino, 70. BRASIL: Alisson; Daniel Alves, Marquinhos (Miranda, 63), Thiago Silva, Alex Sandro; Casemiro, Arthur; Jesus (Allan, 79), Coutinho; Everton (Willian, 46); Firmino. T: Tite. ARGENTINA: Armani; Foyth, Pezzella, Otamendi, Tagliafico (Dybala, 85); Paredes, De Paul (Lo Celso, 66), Acuña (Di Maria, 58); Messi, Agüero, Lautaro Martínez. T: Lionel Scaloni.

BRASIL venceu o maior clássico do mundo. Mineirão limpou sua barra. Messi esteve bem, mas Jesus foi o cara!

04copamérica19: Brasil nas semifinais

sexta-feira, 28 de junho de 2019

QUARTAS DE FINAL da Copa América 2019:

  • Brasil 0(4)x(3)0 Paraguai 27jun19qui21h30 Humaitá
  • Argentina 2×0 Venezuela 28jun19sex16h Maracanã
  • Chile 0(5)x(4) Colômbia 28jun19sex20h Itaquera
  • Uruguai 0(4)x(5) Peru 29jun19sab16h Fonte Nova

Brasil dominou, martelou, criou, mas não marcou. Nos pênaltis foi mais competente. Argentina passou alguns apertos, mas contornou os problemas criados pela valente Venezuela. Colômbia fez campanha quase perfeita, mas cobrou mal um pênalti e volta pra casa invicta, mas antes da hora. Uruguai teve três gols anulados, perdeu um pênalti na disputa após o tempo regulamentar e volta invicto pra casa.