Arquivo da Categoria ‘Olimpíadas’

Cruzeiro no Pan

terça-feira, 21 de julho de 2015

No Facebook, nesta terça, 21juul15:

Meus amigos(as), boa tarde!!! KLEIDIANE enviou fotos de Toronto, Canadá. Reforçando: a semifinal dos 1.500 metros será no dia 24, sexta-feira, e a final no dia seguinte. Vamos ficar ligados na TV torcendo pra ela trazer uma medalha pro Brasil, de preferência a de ouro. Com todo respeito às fortíssimas adversárias, confio no potencial da atleta do nosso clube. Abs, Alexandre Minardi, Coordenador da Equipe de Atletismo do Cruzeiro.

Vai, Kleidiane! Vc encarna o espírito daquele famoso Cruzeirão Exportação. 

Cruzeirenses no Pan de Toronto

sábado, 18 de julho de 2015

CRUZEIRO presente nos Jogos Panamericanos do Toronto, com Eurico (futebol), Kleidiane (atletismo) e Kadu (voleibol).:

  • KADU, Carlos Eduardo Barreto Silva, 21 anos, de Valinhos/SP (08ago94), ponteiro, 1m98, 84 Kg, revelado pelo Pinheiros (2009) desde 2013 no Sada Cruzeiro, campeão brasileiro infanto-juvenil (2010), paulista infanto-juvenil, paulista e brasileiro juvenil (2011), brasileiro juvenil (2012), mundial de clubes (2013), Superliga (2013/14), Torneio de Irvine, mineiro, (2014), brasileiro (2014/15), campeão com a Seleção Brasileira juvenil e do Campeonato Panamericano (2012), premiado como melhor atacante e melhor jogador do Brasileiro de Seleções (2013).
  • EURICO Nicolau de Lima Neto, 21 anos, de Santa Luzia/MG (16abr94), volante, destro, 1m82, 70 Kg, revelado pelo Cruzeiro, pelo qual joga desde 2008, 13 partidas no time profissional, estreou em 09fev14 num Cruzeiro 2×0 AméricaMG, no Mineirão, pelo Campeonato Mineiro, campeão brasileiro Sub20, em 2012, mineiro e brasileiro, como profissional em 2014.
  • KLEIDIANE Barbosa Jardim é mineira de Caraí, mora em Belo Horizonte, e corre desde 2011, convidada por um amigo. A profissionalização foi imediata e o patrocínio da Caixa veio em 2013, ano em que ela foi a 5ª colocada na Meia Maratona de São Paulo e na Meia Maratona de Brasília. Ela disputará os 1.500 metros nos Jogos Pan-Americanos de Toronto. A semifinal será na quarta-feira, 24jul15, às 11h. A final será na quinta-feira, 25jul15, às 18h30.

Enquanto os doidivanas sonham com Centurión, Cárdenas, Lucas Lima, Mancuello e Cleiton Xavier, eu torço pra quem defende as cores do meu clube.

Por isto, acompanho os três cruzeirenses do Pan e sentirei orgulho de vê-los fazendo continência pra bandeira nacional.

Kleidiane em Toronto

quarta-feira, 15 de julho de 2015

Belo Horizonte, 15jul15.

Meus amigos e minhas amigas:

Graças a Deus, o Cruzeiro, mais uma vez, terá uma atleta nos Jogos PanAmericanos.

Desta vez, em Toronto, no Canadá, com KLEIDIANE Barbosa Jardim, que vai correr os 1.500 metros.

Parabéns e boa sorte, minha cara amiga e grande atleta, Kleidiane!

Abs,

Alexandre Minardi,

Coordenador da Equipe de Atletismo do Cruzeiro

Brasil olímpico: ufanismo ou realidade?

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Carlos Eduardo Marques

O resultado dos jogos olímpicos de Londres pode ser analisado de duas maneiras. Pela ótica do ufanismo, mesmo que os fatos não nos permitam afirmar que estamos melhorando no ranking, as 17 medalhas são um recorde superando as 15 previstas pelo COB. Sendo realistas, veremos que o discurso sobre a precariedade e o voluntarismo do esporte no Brasil é desmentido pelo apoio da iniciativa privada com seus patrocínios e de governos, por meio de programas, bolsas, transferências, renúncias e incentivos fiscais. (mais…)

Miss Olimpíada

terça-feira, 14 de agosto de 2012

Antonija Mišura, 24, 1,81m, de Šibenik (24mai88), armadora do ŽKK Jolly e da Seleção da Croácia, que encantou na Olimpíada de Londres.

Ela, não a seleção, obviamente.

Ninguém sabe em que lugar ficou a Croácia, Antonjia, nós sabemos muito bem: foi a Miss Olimpíada.

Quem disse? O americano Bleacher Report, o argentino La Nacion e o brasileiro PHD.

Alguém contesta?

Yane Marques, bronze que vale ouro

domingo, 12 de agosto de 2012

A pernambucana de Afogados da Ingazeira, Yane Marques, conquistou a 17ª medalha brasileira em Londres, no pentatlo moderno.

Pódio: 1. Laura Azaudaskaite (Lituânia). 2. Samantha Murray (Inglaterra). 3. Yane Marques (Brasil).

  • A competição, criada pelo barão de Coubertin, combina esgrima, natação, hipismo, corrida e tiro. A medalha de ouro ficou com a lituana Laura Asadauskaite e a prata com a britânica Samantha Murray. Yane começou a competição com dois sextos lugares, no esgrima e na natação. A combinação dos dois resultados levou a brasileira à segunda colocação na classificação geral. A nona posição no hipismo a colocou na liderança da competição, ao lado da lituana. No início do evento combinado, que une a precisão do tiro e a resistência da corrida em três séries de cinco disparos e mil metros, a brasileira começou na frente. Embora tenha sido a primeira a acertar os alvos, Yane perdeu espaço para a lituana durante a segunda volta da corrida. Visivelmente cansada, Yane também foi ultrapassada pela britânica Samantha Murray, apoiada pela torcida local. (Site da revista Veja)

Vôlei masculino: o ouro que virou prata

domingo, 12 de agosto de 2012

O time brasileiro masculino de vôlei conquistou a 16ª medalha brasileira em Londres, uma prata sem brilho.

O time de Bernardinho fez dois sets a zero, teve dois match points e, mesmo assim, tomou uma virada monumental.

Como pano de fundo, uma bandeira do Caquético Mineiro. De novo.

Alguém tem de tomar a providência pra impedir esse trapo zicado de ir ao Rio em 2016.

Reportagem do site oficial da CBV:

Brasil é medalha de prata em Londres

O Brasil é vice-campeão dos Jogos Olímpicos de Londres. Sem poder contar com o oposto Leandro Vissotto, lesionado durante a competição, e após enfrentar problemas também com o ponteiro Dante, que ficou de fora no quarto set, a seleção brasileira acabou superada, neste domingo, pela Rússia por 3 sets a 2 (25/19, 25/20, 27/29, 22/25 e 9/15), em 2h09, no Earls Court. (mais…)

Esquiva Falcão (ou Faltão?), prata por um ponto

sábado, 11 de agosto de 2012

O capixaba Esquiva Falcão conquistou a 15ª medalha brasileira em Londres.

Ele perdeu para o japonês Murata por 14×13. devido a uma falta que lhe tomou 2 pontos.

Reportagem do site Band Esportes:

Esquiva Falcão perde e fica com a prata (mais…)

Vôlei feminino: garotas de ouro

sábado, 11 de agosto de 2012
.

Brasil vence os Estados Unidos e conquista o bicampeonato olímpico

Site Oficial da Confederação Brasileira de Vôlei

A seleção brasileira feminina de vôlei é bicampeã olímpica. Neste sábado, o Brasil venceu, de virada, os Estados Unidos na final dos Jogos Olímpicos de Londres por 3 sets a 1 (11/25, 25/17, 25/20 e 25/17), em 1h40 de jogo, no Earls Court, em Londres. Com a vitória, o treinador José Roberto Guimarães conquistou a terceira medalha de ouro olímpica como técnico.  (mais…)

Recebam esta fatura sem estrilar

sábado, 11 de agosto de 2012

Os sabichões que estão se regozijando com a derrota brasileira e pedindo a cabeça do Mano no post abaixo, são os mesmos que cairam de pau em cima do Dunga, dois anos atrás, na Copa da África do Sul.

Criticavam o Anão -teleguiados por comentaristas de televisão, rádio e jornais- porque Neymar e Ganso não haviam sido convocados. E a ausência dos dois teria sido, enfim, a maior causa da derrota.

Duas competições depois, com a presença de ambos nos fracassos da Copa América e da Olimpíada, a tese dos fanfarrões se mostrou furada. E agora? Quem será o primeirão a admitir o erro? Quem vai pedir desculpas ao Dunga?