Arquivo da Categoria ‘Mineiro 2014’

Os quatro desafios no Campesino e no Rural

quinta-feira, 3 de abril de 2014

Se o Mineiro é um campeonato rural, como definiu, ZZP, a Libertadores também o é. Só que nem escala continental.

Ou Anzoátegui, Zamora, Del Valle, Arsenal, Garcilaso, León, Laguna, Bolivar, Strongest, Nacional de Assunção e O’Higgins são grandes coisas?

Não são. Mas dão trabalho, como deram Tupi, Caldense e Caquético nas fases classificatórias do Rural.

Os treinadores não são cegos. Viram a sequência de uma dúzia de vitórias que deu ao Cruzeiro o título brasileiro em 2013. E tomaram sérias providências.

Marcação cerrada, muitas vezes individual sobre os melhores do time celeste, duas linhas defensivas acabando com os espaços para o toque de bola, e contrataques quando as oportunidades aparecem.

Como o torcedor cruzeirense demora 37 meses pra perceber as mudanças no cenário do futebol,  não se conforma com a perda de rendimento de seu time e aponta o dedo para os alvos errados, seus próprios ídolos.

Pois bem, a partir de hoje, o Cruzeiro enfrentará quatro desafios nos torneios campônios de que participa simultaneamente.

A Universidad de Chile precisa de 2 pontos pra se classificar e não tem necessidade de se mandar pro ataque facilitando a vida do Cruzeiro.

Mas como é um time ofensivo por opção dos últimos técnicos, pode ser que não dê conta de cozinhar a raposa em fogo brando.

Contra a Cocota não tem erro. Haverá bombardeio no jogo de domingo, no campo do América.

Resta saber se o time celeste terá a personalidade que lhe faltou no primeiro jogo da decisão do Mineiro 2013.

O segundo jogo contra o rival citadino vai depender do que ocorrer no primeiro.

Se a Cocota tomar pra si a vantagem do empate, será tão ensebada quanto o foi o Defensor.

Finalmente, um dos mais lídimos representantes do futebol campesino, o Real Garcilaso.

Contra este, o Pacote pode escalar o time alternativo. Haverá goleada, útil ou inútil, sabe-se-lá.

Três jogos que prometem fortes emoções e uma sopa de chuchu pela frente.

Recomendo ao torcedor, jeca ou esperto, tranquilidade. Nada de chiliques e ataques apopléticos.

Tudo o que ele fizer será inútil, quando não, grande frescura. Não custa lembrar que só os atletas têm poder de decidir.

Posto isto, evitem o vexame do descabelamento inútil.

Três títulos numa semana

quarta-feira, 2 de abril de 2014

Me perguntaram:

– Vc trocaria a classificação na Libertadores por duas vitórias seguidas sobre as frangas?

– Na hora!

– Por quê?

– Porque seriam três títulos certos por um incerto.

Luciana Bois: “Foi ruim, mas gostei”

terça-feira, 1 de abril de 2014

Pitacos de bloqueios e protagonistas acerca do CRUZEIRO 2×1 BOA, no Mineirão, Belo Horizonte, jogo de volta das semifinais do Mineiro 2014, às 16h de 30mar14.

MARCELO OLIVEIRA, técnico do Cruzeiro: A gente precisava passar por este jogo produzindo bem, marcando forte, competindo muito, porque são situações que você vai vivenciar nos próximos jogos, decisivos, importantíssimos. Este jogo contra o Boa era importante para classificação e preparação da etapa que virá. Já conversamos na oração, pedimos pra todo mundo se cuidar, se preparar bem, descansar, porque temos um jogo decisivo. Temos consciência de que podemos chegar lá, ganhar e modificar essa situação na Libertadores. Somos responsáveis pela situação, mas temos capacidade e potencial pra inverter. Vamo mentalmente fortalecidos depois das outras partidas. Temos condições de chegar lá, com uma estratégia bem montada, marcando muito e impondo nossa condição técnica pra buscar o resultado necessário. (mais…)

Willian construiu gols, Henrique ensaiou pra La U

segunda-feira, 31 de março de 2014

Atuações dos celestes e seus adversários no CRUZEIRO 2×1 BOA, no Mineirão, Belo Horizonte, jogo de volta das semifinais do Mineiro 2014, às 16h de 30mar14.

TORCIDA celeste compareceu em baixo número. Muitos fanáticos cansados preferiram o conforto do sofá, na companhia do trio de ouro da Globo Minas, Maref / Bob / Rogério, do que as cadeiras do Mineirão. (Síndico)

FÁBIO não teve culpa no gol de Mateus, que conseguiu um certeiro chutaço de canhota, apesar da tentativa de bloqueio feita por Júlio Baptista. Nas demais intervenções., foi correto. (Síndico) (mais…)

Cruzeiro 2×1 Boa: Com a cabeça no Chile

domingo, 30 de março de 2014

Cruzeiro contra Boa, no Mineirão, Belo Horizonte, partida de volta das semifinais do Mineiro 2014, às 16h, 30mar14.

AUSENTES no Cruzeiro: Vílson (B), Martinuccio (A), Tinga (V), Marcelo Moreno (A), lesionados; Rafael Monteiro (G), em recuperação física e técnica, Everton Ribeiro (M) e Ricardo Goulart (M), poupados.

BANCO do Cruzeiro: Ellison (G); Mayke, Egídio (L); Leo Simões (B); Henrique, Souza, Willian Farias (V); Alisson, Élber (M); Luan.

PENDURADO no Cruzeiro: Souza.

MARCELO OLIVEIRA, técnico do Cruzeiro: “.”

AUSENTES no Boa: Emerson (G), lesionado; Thiago Carvalho (B), vinculado ao Cruzeiro.

PENDURADOS no Boa: Bruno Aquino, Malaquias, Thiago Carvalho, Neylor e Filipinho.

BANCO do Boa: Jonatas, Hieger, Cassiano, Pedrinho, Marcelo, Guilherme, Hudson, Nílson, Filipinho, Alexandre, Bruno Aquino.

NEY DA MATTA, técnico do Boa: “.”

ADVERSÁRIO: O Boa é descendente direto do Boa Vontade Esporte Clube (verde, vermelho e branco), fundado em 30out47, em Ituiutaba, no Triângulo Mineiro. No mesmo ano, adotou o nome de Ituiutaba Esporte Clube, mas continuou sendo chamado de Boa por seus torcedores, os bovetas. Em 1998, o clube se profissionalizou começou a disputar as divisões inferiores do Campeonato Mineiro. A transferencia pra Varginha ocorreu em 2011, a fim de que o time tivesse um estádio -Dilzon Melo, 15 mil- à altura das competições nacionais -o antigo, Fazendinha, comportava 3 mil espectadores- e também devido ao generoso patrocínio da prefeitura da cidade do Sul de Minas. Nesta ocasião, o clube foi rebatizado, adotando o nome de Boa Esporte Clube. Em sua era profissional, o Boa foi 2 vezes campeão da 2ª divisão mineira (04 e 11) e 2 da Taça Minas Gerais (07 e 12). Em nível nacional, seu melhor desempenho ocorreu em 2010 , quando foi vice campeão da Série C.

O JOGO

15h52. Boa em campo, todo de branco. Cruzeiro em campo, todo de azul.

16h. COMEÇA o jogo. Cruzeiro, à esquerda das tribunas. Xxxx dá a saída.

01. Dedé lança Ceará, bola corre demais e sai pela linha de fundo.

02. Betinho cruza, Samudio afasta para escanteio.

03. PÚBLICO pequeno, devido à transmissão direta do jogo pela Globo para BH.

04. Ceará avança pela direita e cruza, bola sai pela linha de fundo.

05. Marlone faz boa jogada pela ala direita e chuta da entrada da área. Neylor corta.

06. Samudio chega pela esquerda e cruza. Mateus corta pra escanteio.

07. Boa pressiona saída de bola do Cruzeiro.

08. Willian cobra falta, Dedé cabeceia, dentro da área do Boa. Bola sai à direita do arco.

09. ORGANIZADAS presentes: Jovem, Nação Azul de Varginha, FanatiCruz, Geral Celeste, Sangue Azul, Cachazeiros, Motozeiros, Tricampeão Brasileiro (Máfia Azul).

10. Lucas Silva escorrega quando tenta cruzar da direita. Bequeira do Boa fica com a bola.

11. Boa tem duas linhas de quatro defensores.

12. Bola na área do Cruzeiro, Bruno Rodrigo afasta de cabeça.

13. QUASE. Malaquias chuta forte, rasteiro, Fábio espalma, Edmar chuta, bola passa por cima do travessão. 1

4. Francismar tenta driblar Dedé pela direita, mas sai com a bola pela linha de fundo.1

15. AMARELO. Betinho, por falta em Lucas Silva.

16 DEFESAÇA. Nilton bate falta com chute forte e rasteiro, Leandro faz a defesa em dois tempos.

17. Dedé vai ao ataque, mas comete falta.

18. Cruzeiro já controla o jogo.

19. QUASE. Samúdio cruza da esquerda, dentro da área, Dagoberto cabeceia, bola passa perto do poste esquerdo.

20. Marlone avança pela direita, mas perde o domínio da bola, que sai pela lateral.

21.

22. Dedé recebe passe, não domina a bola que sai pela lateral.

23. Ednar ataca pela direita, mas é parado com falta por Samudio.

24. Malaquias cobra falta, com a bola fora do lugar certo, juiz manda repetir.

25. Marlone avança pela esquerda, Edmar corta, de carrinho, pra lateral.

26. Edmar está caído, sentindo dores na perna. Carromaca em campo.

27. Recuperado, Edmar volta a campo.

28. Dagoberto tenta avançar pela direita, mas é desarmado por Moisés Ribeiro.

29. PÊNALTI. Dedé lança Willian, que é derrubado pelo goleiro Leandro na pequena area.

30. GOL. Dagoberto ccobra com chute forte. Bola do lado direito, goleiro do esquerdo. Cruzeiro 1×0.

31. AMARELO. Leandro, pelo pênalti em William.

32. Bola levantada na área celeste, Fábio defede.

33. Lucas Silva cruza, Willian, dentro da area, não domina, bequeira boveta corta.

34. Cruzeiro cadencia o jogo, tocando bola na defesa.

35. Agora é o Boa que faz a bola girar em busca de espaços.

36. Nilton faz lançamento longo pra Ceará, que não chega a tempo. Tiro de meta pro time boveta.

37. AMARELO. , por falta em Edmar.

38. Francismar lança Marinho Donizete, bola fica com Ceará.

39. AMARELO. Marcel, por galta em Marlone, parando contrataque celeste.

40. Cruzeiro cadencia o jogo.

41. Moisés Ribeiro derruba Dagoberto. Falta.

42 Lucas Silva avança pela direita, cruza, mas a bola passa por trás do arco boveta.

43 Francismar levanta bola na área celeste, Ceará afasta de cabeça

44. NUVENS negras começam a tomar conta do céu, na Região da Pampulha.

45. Um minuto de acréscimo.

45+1. FIM DO 1º tempo. Cruzeiro levou o jogo na manha, sem jogadas de risco, pensando no compromisso pela Libertadores, quinta-feira, em Santigo, contra a Universidad de Chile. Boa é um time organizado e muito precavido com suas duas linhas de quarto.

INTERVALO

17h03. Times voltam a campo. Boa sem alterações. Cruzeiro modificado.

17h05. COMEÇA o 2º tempo. xxxx dá a saída.

00. TROCA. Nílton x Henrique.

46. Cruzeiro começa tocando bola no seu campo de defesa.

47. Marlone dentro da área disputa bola com Neylor, mas acaba perdendo o domínio e deixando a bola sair pela linha de fundo

48. Francismar tenta achar espaço para toque, Marlone chega por baixo e faz o corte

49. Julio Baptista tenta usar a força em dividida com a zaga do Boa, mas acaba perdendo para Neylor que sai jogando

50. Willian tenta passe de primeira em Samudio e Moisés chega para fazer a interceptação

51. Edmar avança pelo campo de ataque e Lucas Silva chega por trás e faz a falta na intermediária

52. GOL. Cobrança de falta ensaiada, na entrada da área celeste. Malaquias rola pra Mateus que, sem matação, solta uma bomba de anota. Bola entra no canto esquerdo. Fábio salta, mas não chega tempo. BOA 1×1.

53. Em dividida com Dagoberto no meio-campo, Francismar leva a pior e fica sentindo dores no chão

54. Francismar se levanta. Tudo bem com o camisa 10 do Boa

55. Betinho, na ponta direita tenta cruzamento rasteiro para dentro da área do Cruzeiro e zaga afasta perigo

56. Agora quem fica no chão é Ceará, recebendo atendimento dentro de campo. O camisa dois sai de carrinho maca

57. Boa tentava jogada pela ponta direita e Samudio faz o corte para lateral

58. Julio Baptista da esquerda, vira bola na direita para Dagoberto qu faz o arremate de primeira e a bola passa à direita do gol

59. TROCA. Ceará x Mayke.

60. Cruzeiro tenta esfriar o jogo tocando bola na meia cancha

61. Malaquias reebe bola na intermediária e do meio da rua chuta por cima do gol de Fábio

62. Samudio avança pela ponta esquerda e sofre dura falta de Edmar

63. Dagoberto levanta bola na área do Boa e Bruno Rodrigo desvia de cabeça e pega por último no marcador

64. GOL. Willian cobra escanteio pela direita, bola faz curva pra dentro, Bruno Rodrigo testa forte no canto esquerdo, sem chance pra Leandro. CRUZEIRO 2×1.

65. Mayke no flanco direito faz levantamento na área do Boa, mas a bola passa por todo mundo e ganha a linha de fundo

66. AMARELO. Moisés Ribeiro, por falta em Dagoberto.

67. DEFESAÇA. Willian recebe bola dentro da área, bate de perna esquerda no canto e Leandro faz a intervenção

68. Boa Esporte toca bola no meio-campo buscando espaço na defesa celeste

69. TROCA. Malaquias x Filipinho.

70. TROCA. Julio Baptista x Borges.

71. Por reclamação, Francismar é advertido com o cartão amarelo

73. Filipinho toca para Edmar na ponta direita, mas o bandeirinha já assinalava posição irregular

73. Lucas Silva, de longe, solta um petardo que passa por cima da meta

74. Boa tem pressa e tenta avançar para o campo de ataque, pelo lado esquerdo

75. Mudança no Boa. Sai Mateus e entra Wendel

76. Wendel tenta lançamento longo, mas a bola fica com a zaga do time da casa

77. Dedé lança Borges, Neylor chega primeiro e corta.

78. Mayke da intermediária faz o arremate mas a bola para na zaga do Boa

79. DEFESAÇA. Marlone recebe passe dentro da área, domina e chuta forte para a defesa de Leandro

80. Boa troca passes no seu campo de defesa

81. Cruzeiro em vantagem no placar, não tem pressa e roda a bola

82. Betinho recebe passe em elevação no meio da zaga, tenta o domínio de peito, mas a bola escapa e a zaga afasta

83. TROCA. Edmar x Bruno Aquino.

84. Cruzeiro volta a cadenciar o jogo tocando bola no seu campo de defesa

85. AMARELO> Dagoberto, por falta no ataque.

86. Lucas Silva invade a área, Vinicius Hess, de carrinho, corta pra escanteio.

87. Vinícius Hess divide com Lucas Silva, cai e é transportado pelo carromaca pra fora de campo.

88. Willian levanta bola na área, Bruno Rodrigo desvia cabeceia pra fora

89. Vinicius Hess volta a campo.

90. Juiz acrescenta três minutos

91. Mayke faz boa jogada pela direita, cruza na área, mas a bola passa por todo mundo e sai pela linha lateral na ponta esquerda

92. MVP. Ouvintes da Globo/CBN escolheram Dagoberto o melhor do jogo, com 50% ds votos. Lucas Silva e Marlone foram os outros mais votados.

93. FIM de jogo. Cruzeiro jogou o suficiente pra vencer um Boa taticamente bem organizado, mas sem jogadores capazes de decidir.

CRUZEIRO 2×1 BOA, domingo, 30mar14,16h. TEMPO bom, temperatura 25º, vento 6 Km/h, umidade 50 %, LOCAL: Mineirão (62 mil), Belo Horizonte, gramado perfeito, de 105x68m. MOTIVO: jogo de volta das semifinais do Campeonato Mineiro 2014. TRANSMISSÃO: Globo. PÚBLICO: 12.587 pagantes. R$404.705. ARBITRAGEM:Wanderson Alves de Souza, mineiro da CBF. AMARELOS: Betinho, Leandro, Moisés, Marcel, Francismar (B); Willian, Dagoberto (C.). GOLS: Dagoberto, pênalti, 30, Mateus, 52, Bruno Rodrigo, 64. CRUZEIRO: Fábio; Ceará (Mayke), Dedé, Bruno Rodrigo e Samudio; Nilton (Henrique) e Lucas Silva; Marlone, Willian e Dagoberto; Júlio Baptista (Borges). Tec: Marcelo Oliveira. BOA: Leandro, Edmar, Neylor, Mateus (Wendel) e Marinho Donizete; Vinícius Hess, Betinho, Moisés Ribeiro e Marcel; Malaquias (Filipinho) e Francismar. Tec: Ney da Matta. HISTÓRICO: Foi o 15º Cruzeiro x Boa (antigo Ituiutaba). O Cruzeiro venceu 12, empatou 2 e perdeu 1, marcou 38 gols e levou 15. Os dois clubes nunca decidiram um campeonato entre si.

Uma decisão de cada vez

quinta-feira, 27 de março de 2014

Everton Ribeiro, o melhor jogador de linha do Cruzeiro:

  • Temos de saber separar as competições pra não deixar a vaga na final do Mineiro escapar. Temos de nos concentrar, tirar o foco da Libertadores, pra fazer bom jogo contra o Boa. A gente está dando a atenção que o Boa merece, pois é uma equipe que tem virtudes. Não vamos menosprezar nunca uma equipe, ainda mais o Boa numa semifinal importantíssima. Acabando o jogo, é atenção total na Libertadores. Ganhando, a gente chega com mais moral, com o jogo mais encaixado, pra enfrentar a LaU na quinta-feira.

Profissional é outro departamento. Nada do salto alto de torcedor bocudo.

Marcelo Oliveira: “Quem está no futebol sabe que não tem mais jogo fácil”

segunda-feira, 24 de março de 2014

Pitacos de blogueiros e protagonistas acerca do BOA 0×1 CRUZEIRO, no Dilzon Melo, Varginha, jogo de ida das semifinais do Mineiro 2014, às 18h30 de 23ma14.

MARCELO OLIVEIRA, técnico do Cruzeiro: A vitória teve dois aspectos importantes: primeiro foi o de vencer fora e ampliar a vantagem, segundo, é que precisávamos vencer, após o empate amargo contra o Defensor. Tivemos bom volume de jogo, principalmente, no 1º tempo. O time foi lutador, competitivo, criou oportunidades, mandou bolas na trave, foi competente e os jogadores que entraram estiveram bem. Fábio pouco pegou na bola. Quem está no futebol sabe que não tem mais jogo fácil. O jogo tem um peso físico muito grande e todas as equipes têm boa armação tática, isso foi globalizado, e correm muito. Talvez o mesmo trabalho que a gente faz eles também fazem. Esse tipo de jogo fica menos complicado quando se faz gol no início. E nós tivemos pelo menos 4 oportunidades, com 2 bolas na trave no 1º e outra no 2º tempo. Não estamos abatidos pelo resultado na Libertadores. Não há como se abater no futebol. É preciso absorver as adversidades, como a do último jogo, em que vencíamos por 2×0 e, em dois ataques, o adversário mudou tudo. Agora, temos de voltar as atenções pro Mineiro, que pede estratégia própria nesta fase de mata mata. É vencer pra nos fortalecer na busca de uma vitória no Chile. (mais…)

JB marcou, ER entortou, Henrique consertou

segunda-feira, 24 de março de 2014

Atuações dos celestes e seus adversários no BOA 0x1 CRUZEIRO, no Dilzon Melo, Varginha, jogo de ida das semifinais do Mineiro 2014, às 18h30 de 23ma14.

TORCIDA celeste compareceu em bom número, travou tremendo duelo com a boveta, que estava enchendo o saco dos jogadores celestes por conta do empate com o Defensor. No fim, riu por último e gritou, com gosto, o “Eliminado!”, que os bovetas cantaram durante uma hora e meia. (Síndico)

FÁBIO fez uma defesaça e catou as demais bolas obedecendo ao protocolo. (Síndico) (mais…)

Boa 0x1 Cruzeiro: Desta vez, um final feliz

domingo, 23 de março de 2014

Cruzeiro contra Boa, no Dilzon Melo, Varginha, partida de ida das semifinais do Mineiro 2014, às 18h30 de 23mar14.

AUSENTES no Cruzeiro: Vílson (B), Martinuccio (A), Tinga (V), Dagoberto (A), lesionados; Borges (A), Rafael Monteiro (G), em recuperação física e técnica, Ceará (L), poupado.

BANCO do Cruzeiro: Ellison (G); Egídio (L); Leo Simões (B); Henrique, Souza, Willian Farias (V); Alisson, Elber, Marlone (M); Luan, Marcelo Moreno (A).

PENDURADO no Cruzeiro: Souza.

MARCELO OLIVEIRA, técnico do Cruzeiro: “O Boa se defende bem, sai com velocidade, tem movimentação de meias e atacantes. É preciso ter cuidado com ele. Mas temos um bom elenco e a tendência é que qualquer um que jogue se saia bem. Vamos estudar o jogo, criar estratégia, mas sempre impondo a condição que nos levou à liderança invicta.” (mais…)

11ª MG, semi: Raposa x Coruja; Cocota x Coelho

domingo, 23 de março de 2014

11ª rodada do Mineiro 2014:

  • TOMBENSE 0×3 CRUZEIRO, 16mar14dom16h, Mineiro, Antônio Guimarães Almeida (3 mil), Tombos, 1.031 pagantes, R$25.100, gols de Júlio Baptista, 33, Mayke, 36, Alisson. (mais…)