Arquivo da Categoria ‘Mídia’

Atentado contra Beagá

quarta-feira, 25 de março de 2015

Mais uma cacetada contra BH.

GUARANI FM será substituída na frequência 96.5, a partir de 01mai15, pela FELIZ FM, rádio paulista, que opera em uma dúzia de cidades. Saem clássicos, pop e mpb de qualidade, entra música gospel programada por um pregador alucinado. Seja muito mal-vindo, pastor Juanribe Pagliarin. A essa draga ficar ouvindo, prefiro desligar meu radim.

E agora, o que nos resta? Inconfidência, Alvorada e…

Cruzeiro oferece alta exposição a seus patrocinadores

terça-feira, 24 de março de 2015

Matéria escrita por  FILIPE MAGALHÃES, no Site do Cruzeiro, em 18mar15:

Estudo do Ibope Repucom, especialista em pesquisa de marketing esportivo, informa que a exposição de patrocinadores do Cruzeiro nas mídias sociais do Clube, alcançaram mais de R$2,5 milhões em novembro de 2014.

O levantamento abrangeu Facebook, Twitter e Youtube. A ferramenta usada foi o SM ROE, que mensura o retorno monetário sobre os investimentos nas plataformas online.

  • “Com esta novidade, única no Brasil, identifica-se impacto, engajamento e retorno financeiro tanto das exposições das marcas dos patrocinadores quanto da menção em texto destes e os melhores formatos das ações, maximizando os retornos dos patrocinadores”, explica José Colagrossi, diretor do IBOPE Repucom.
  • “Apesar do poder e do alcance das mídias sociais, elas ainda são pouco exploradas pelos anunciantes, principalmente se compararmos com o que ocorre nos EUA, Inglaterra, Alemanha, Espanha, Japão e França, onde o meio digital é muito utilizado pelos clubes para o engajamento, interação, ativações e divulgações de marcas”, completa o executivo.

Segundo o levantamento, os 10 patrocinadores do Cruzeiro na época (AlpiMedic, AngáPrev, BMG, Brahma, Gatorade, GuaraMix, Olympikus, Sócio do Futebol, Supermercados BH e TIM) tiveram 1.386 exposições no Facebook, 3.733 no Twitter e 379 no YouTube em novembro. Quando se considera o custo cheio, esses números representam R$1,9 milhão, R$615 mil e R$ mil, respectivamente.

O SM ROE permite ainda calcular o valor com base nas variáveis de cada plataforma. A metodologia utiliza o Índice de Qualidade (QI), que avalia nas mídias sociais a exposição, o alcance e a qualidade dos posts.

Considerando todas essas variáveis, o retorno desses patrocinadores nas redes sociais seria de R$700 mil (Facebook), R$217 mil (Twitter) e R$2,4 mil (YouTube). Analisando o desempenho individual em cada uma das plataformas, o BMG se destaca. Olympikus, Guaramix e Sócio do Futebol também aparecem no topo do ranking das empresas cuja exposição nas mídias sociais do Cruzeiro trouxe mais retorno.

Apesar destes bons números, a CAIXA refuga. E, pelo visto, não aprecem outros patrocinadores.

Seria incompetência da equipe do Gilvan ou reflexo das barbaridades econômicas perpetradas por Dilma & Cia?

Love is in the air…

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Love is in the air...

Love is in the air… (Walmiro Muzzi)

Copa do Sobrenatural

sexta-feira, 13 de junho de 2014

FotoSON SALVADOR

Selfies com Sorín

terça-feira, 10 de junho de 2014

O comentarista da Iespien, Juan Pablo Sorín, ex lateral esquerdo do Cruzeiro, foi ao Independência, nesta terça, gravar reportagem sobre o treino da Seleção Argentina e acabou nos braços do povo.

Reconhecido pelos torcedores, posou pra selfies de dezenas deles. O fato gerou informações desencontradas da imprensa: de que ele fez fotos somente com cruzeirenses, nenhuma com atleticanos e, com atleticanos, mas só se eles tiravam suas camisas zebradas.

A julgar pelo que ele postou no Twitter -“O carinho dos mineiros é incrível. Agradeço a todos os torcedores do Cruzeiro, claro. E também aos do Atlético e América”- não houve discriminação alguma. Algo que, de  resto, não faria o menor sentido.

AFO deixa a gente sem graça

sábado, 26 de abril de 2014

Morreu AFO, chargista, que fez carreira desenhando para O Diário, Diário de Minas e Estado de Minas. Grande perda.

Matéria de GABRIELLA PACHECO, do Estado de Minas, e ALESSANDRA ALVES, do Superesportes:

Afonso Celso Duarte, o Afo, conhecido por suas tirinhas para o caderno de Esportes do Estado de Minas, morreu na tarde deste sábado. Ele tinha 73 anos e lutava há mais de 10 contra a Hepatite C. O velório ocorre desde as 18h no Parque da Colina e o enterro será às 11h de domingo. A causa da morte foi uma síndrome hepático renal, doença que o acompanhava há uma década e se agravou nos últimos meses, quando sua tirinha deixou de ser publicada diariamente. (mais…)

Mudança na “rádia” sinaliza o quê?

domingo, 6 de abril de 2014

Alguns dias após demitir seu principal comentarista de futebol, Lélio Gustavo, a Rádio Itatiaia, contratou Leo Figueiredo, da TV Globo.

Jovem, gordodescendente, 33 anos, Leonardo Figueiredo foi revelado pela própria emissora do Bonfim e vinha brilhando nas transmissões do SporTV e do PFC, com estilo enxuto, técnico e sem os rompantes de apresentador de programa mundo-cão do demitido Lélio.

Será que a troca sinaliza um aggiornamento da Itatiaia, adequando-a aos tempos do politicamente correto em que é preciso cuidar do delicado ouvido do consumidor com palavras ternas mais do que com gritaria, como se fazia no rádio mineiro desde os tempos de Osvaldo Faria?

Ou seria um gesto de boa vontade com a torcida do Cruzeiro a troca de um atleticano apaixonado por outro racional, da linha Mário Marra?

Emanuel contra Baptista

quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Tomo conhecimento, pela internet, de que Emanuel Carneiro, dono da Rádio Itatiaia, criticou Júlio Baptista por não justificar, em campo, o salário de R$1 milhão.

Como está vivendo um período de euforia, a torcida celeste repudiou o comentário. Ao qual faria coro se o time estivesse mal.

O jornalista tem direito de criticar o jogador, pelo seu desempenho. Ponto pacífico. Tem também o direito de criticar a direção do clube pelo salário que paga ao atleta.

Posto isto, exponho minhas críticas às críticas de Seu Mané:

  • Não creio que JB receba o maior salário do futebol brasileiro. Se recebe, é caso de impeachment do presidente GPT.
  • JB não tem como mostrar seu futebol, pelo simples motivo de que não tem lugar no time.
  • Só neste ano, JB poderá se ajustar ao padrão físico, tático e técnico do time, por ter feito a pré-temporada com os colegas.

Como Seu Mané é o jornalista mais bem informado de Minas, acredito que seria oportuno ele voltar o tema.

Ele banca mesmo a informação sobre o salário? Será que ele acha mesmo que JB pode mostrar futebol sem jogar?

Finalmente, ele deve nos contar:

  • JB não está jogando por treinar mal?
  • Ou porque o time encaixou de tal forma, que é impossível encontrar nele uma vaga disponível?

Com a palavra, Seu Mané. E também os doutos comentaristas do PHD.

Canelada mal sucedida

domingo, 29 de dezembro de 2013

Terminou mal, muito mal, a revanche concedida por Chris Weidman a Anderson Silva, no UFC.

No 1º assalto, o americano levou a luta pro solo e obteve nítida vantagem.

No início do 2º, Anderson desferiu uma canelada, que acertou um pouco abaixo do joelho de Chris.

O impacto resultou em fratura exposta de tíbia e perônio do brasileiro, que saiu do octógono diretamente pro hospital.

Aos 38 anos, dificilmente, ele poderá voltar a competir, o que significa o fim a uma carreira brilhante.

Leitura obrigatória pra adoradores do Boitatá

quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

GUSTAVO POLI, em seu blog, no G1, 23dez13

Os fatos, esses chatos

Nós adoramos um boitatá. Mesmo diante de evidências evidentes, da afeição tupiniquim pela lambança como método, e de todas as disposições em contrário… o brasileiro prefere acreditar em forças obscuras. Não há como negar: nutrimos especial apreço pela Mula-sem-cabeça, pela Cuca, pelo Saci-pererê. Queremos discos voadores, duendes travessos e personagens afins.  Vejam a semana do futebol. O caso Héverton cuspiu um Arquivo X por dia. A cada instante, numa rede social ou celular perto de você, surgia uma conspiração diferente. (mais…)