Arquivo da Categoria ‘Conversa Fiada’

Nomes de estádios mineiros

quinta-feira, 2 de abril de 2015

Nomes, oficiais ou não, mais pitorescos e célebres dos estádios mineiros:

  • Minas Gerais (Belo Horizonte), Alçapão do Bonfim (Nova Lima), Parque do Sabiá (Uberlândia), Arena do Jacaré (Sete Lagoas), Independência (Belo Horizonte) Boulanger Pucci (Uberaba) Zama Maciel (Patos de Minas) Santa Luzia (Sete Lagoas) Mammoud Abbas (Governador Valadares) Granja Adélia (Contagem) Praia do O (Sabará) Enseada (Três Marias) Fonte do Povo (Campo Belo) Juca Pedro (Formiga) Toca do Lobo (Bambuí) Azulão da Baixada (Coromandel) Fazendinha (Ituiutaba), Juca Ribeiro (Uberlândia) Brasiliano Brás (São Francisco) Manoel Português (Caraí) Pau D’Alho (Ponte Nova) Santa Tereza (Barbacena) São Sebastião (Barbacena) Parque do Azulão (Andradas) Castelo Branco (Lavras) Elias Arbex (Três Corações)

Pergunto ao viajado leitor:

  1. Qual deles tem o nome (ou apelido) mais bem bolado?
  2. Quais vc conhece presencialmente?
  3. Faltou algum de nome interessante (os terminados em ão, pela falta de iamginação, estão banidos deste post)?

De que elite vc é?

segunda-feira, 16 de março de 2015

O PHD quer conhecer seus comentaristas. Para tanto, contratou o Instituto DataSan para revelar o perfil de seus comentaristas.

Uma avaliação preliminar, com buscas em fotos de encontros dos blogueiros e em páginas da internet, até o momento só detectou um membro da elite branca que oprime eztepaiz. Trata-se do Carpe Diem.

Mas e os demais leitores e comentaristas, a que casta pertencem? Este blogueiro se declara componente da elite mestiça. Agora é sua vez, colorido leitor. Qual é a sua elite?

  • 1. Branca 2. Negra 3. Índia 4. Mestiça (cruzamentos aleatórios) 5. Cabocla 6. Morena 7. Cafuza 8. Parda 9. Mulata 10. Oriental 11. Escandinava 12. Outras

Os resultados serão enviados ao PT pra sabermos, com certeza, que manifestação cada um de nós poderá frequentar.

OK? RSVP ao PHD

terça-feira, 20 de janeiro de 2015

Siglas malditas:

  • BBB, PT, IOF, IR, CAM, PCdoB, PSOL, IPTU, IPVA, FMF, URSS, SPFC, SCCP, CRF, ISS, PSTU, PCO, LULA, PCC, ISIS, KGB, IPI, MST, USP, AVC, DST, HIV, TOC, IURD, FARC, PAC, CID, BNDES, CPMF, CUT, STJD, SUV, BMG…

Que vão todas à PQP!

Batepapo com as universitárias

sexta-feira, 14 de março de 2014

Quem quiser continuar com esse papo furado de grupo rachado, premiação atrasada e cretinices afins, fique à vontade pra jogar conversa fora neste post.

Eu vou prosear com a Mariana, a Moema, a Celeste, a Beth e demais leitoras e comentaristas dezteblogue.

Senhoras e senhoritas, por gentileza, esclareçam estas dúvidas momentosas:

Quem tem…

  1. Sorriso mais bonito: WP ou Rei RC?
  2. Penteado mais caprichado: Tinga ou Rosaldinho?
  3. Mulher mais brava: Nilton ou Eu?
  4. Mais carisma: Crô ou Félix?
  5. Comentários mais inteligentes: Ernesto ou Urbano?
  6. Mais medo de vaia: Lulla ou Dilma?
  7. Discurso mais claro e objetivo: GPT ou Cleber Machado?
  8. Narração mais distraída: Galvão ou Albertinho?
  9. Mais raiva dos estaduais? Juca ou Jaeci?
  10. Mais dirigentes presos: PT ou todos os outros partidos juntos?

Com a palavra, minhas universitárias.

Folião de sofá

domingo, 2 de março de 2014

Que Oscar, que nada! Negócio é desfile de escola de samba.

  1. Mudança de paradigma: Cristiane Torloni, mesmo sem bunda, é a rainha de bateria da Grande Rio. Virou esculhambação.
  2. Grande Rio mistura Maysa, piratas, caranguejos, Darwin, tamoios, homem bala e o escambau pra falar de Maricá.
  3. Popuzudas abundam na laje da São Clemente.
  4. Alcione mostrando seu corpão na Mangueira. Um exagero!
  5. Pajé decapitado pela Mangueira. Brasileiro não faz nada direito. Vem mais trapalhada por aí.
  6. Salgueiro depenou todos os faisões do mundo. Quero ver ambientalista empombar com sambista. Briga boa.
  7. Beijaflor beijou a mão do Bonão. Ainda bem que dormi antes.

A volta do folião de sofá

sábado, 1 de março de 2014

Desfile da escola de samba Portela pelo grupo especial, na Marquês de Sapucaí no Rio de Janeiro (RJ), na madrugada desta terça-feira (04)

Última noite de desfiles no rio.

  1. Mocidade passou.
  2. Lá vem a Ilha, com uma rainha de bateria carnuda.
  3. Destaque da Ilha balançou, mas não caiu.
  4. Ilha não depenou pavões nem faisões, foi desfile só pra foliões.
  5. Sem dinheiro do ditador que virou passarinho, a Vila Isabel não se salva nem com Martinho.
  6. De mulher gostosa, a Vila não esteve faltosa.
  7. Imperatriz com Zico, desfile que foi um mico.
  8. Portela vem de Oswaldo Cruz, bem perto de Madureira.
  9. Portela, sob nova direção, adere ao luxo.
  10. Tijuca enreda Airton Senna. Nada menos carnavalesco.
  11. Grande Rio, Salgueiro, Beija-Flor, União da Ilha e Imperatriz Leopoldinense fizeram desfiles impactantes e se revezaram no posto de favoritas. Mas, no apagar das luzes, Portela e Unidos da Tijuca ultrapassaram as concorrentes na corrida pelo título do Grupo Especial. As duas agremiações foram as últimas a cruzar a Avenida e presentearam quem se manteve nas arquibancadas ou, em casa, aceso em frente à TV. (Site da Veja).

Universo paralelo

quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

Está no Fb. E vai sem edição pro Evandro apreciar o estilo:

Bomba no galo, pra alegria da massa. Messi no galo. Ano que vem vamos voltar a Marrocos pra ganhar o Mundial. Reparem que Kalil está quieto, algo tem aí. esse ano tem copa do mundo. O galo é o time do momento das Américas, R10 pode ajudar a articular contração. Provavelmente a Adidas vai fechar com o galo para o segundo semestre que contribuirá nas negociações. A Argentina vai ficar na cidade do galo para copa, seria importante a vinda de Messi para ambientar com o país. A torcida do galo ganhou tanto respeito pelo Mundo a fora, que seria muito importante os argentinos conquistar a massa. A torcida do galo é a mais Argentina. Creio que algo muito forte está sendo orquestrado no galo para a alegria da massa. Isso não me surpreenderia, Messi no galo para disputar libertadores e Mundial junto com R10, Tardelli, Jô, rever, são Victor e etc. Eu acredito, se kaliu conseguir fechar com Messi levará o meu respeito.

Conspiradões do PHD tomaram goleada.

Propenso a ficar tenso?

quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

Preocupações distintas com o que vem por aí:

  • TEIXEIRA, no PHD: Todo jogador cruzeirense só fala em Libertadores. Acontece que temos outras competições para este ano. Nem quero pensar no que passamos em 2011.
  • Resposta do SÍNDICO: Relaxe. 2011 já aconteceu em 1985, 1994 e 1997. E vai acontecer muitas outras vezes ainda. Como ninguém pode controlar todas as variáveis, curta o momento e deixe pra se preocupar na hora certa.

E o seu parecer, douto leitor, qual é?

Quem foi que disse?

sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

João Chiabi Duarte

Estas foram algumas das frases marcantes de 2013.

Caro leitor, vc sabe quem foi o autor de cada uma delas?

  1. Meu objetivo é destruir o Cruzeiro.
  2. Só neste comecinho de 2013, Dr. Gilvan aplicou três chapéus no Kaiu. Será que ele vai pedir música no Fantástico?
  3. Ganho muito mais dinheiro com o Independência do que o Cruzeiro com o Mineirão.
  4. Partiu Marrocos… Este negócio de ganhar Brasileirismo não me comove não… Nós vamos ali conquistar o mundo, ganhar do Bayer (sic) e vingar o Cruzeiro.
  5. O Cruzeiro não vai ganhar nada pelos próximos 10 anos!
  6. O gigante acordou!
  7. O Mineirão vai quebrar o Cruzeiro.
  8. É uma minoria de vândalos infiltrada no meio da maioria que quer protestar pacificamente. Oportunistas!
  9. Marcelo Oliveira não é técnico pro Cruzeiro. Enquanto isso, Luxemburgo tá dando sopa!
  10. Não são só vinte centavos!
  11. O AtléticoMG é uma instituição necessitada.
  12. Tive que engolir cada coisa…
  13. Esta taça Libertadores é muito melhor que qualquer mulher, viu!

João Chiabi Duarte, 63, cruzeirense, engenheiro metalúrgico, nasceu em Conceição do Mato Dentro, mora em Vila Velha.

Renegados, segundo um cérebro de galinha

quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

Post de um adversário do Cruzeiro, que recolhi numa rede social, dia desses:

  • “A torcida do Cruzeiro é composta de foragidos italianos, que saíram da sua pátria para tentar algo no Brasil. São insuportáveis acham que abafam, mas não passam de uns renegados”. (M. Antônio)

Interessante é que este foi um argumento utilizado por dirigentes e torcedores do Athletico, que tentaram cassar o título do Palestra Italia, em 1928.

O mundo gira, a Lusitana roda, mas a boçalidade se mantém inamovível.