Arquivo da Categoria ‘Comentários’

A semana em revista

sexta-feira, 23 de agosto de 2019

Passando a semana em revista:

  1. MACRON não deu conta de apagar o fogo na igreja, mas quer ensinar a apagar fogo no mato. Ele precisa é de alguém que lhe apague o fogo no rabo.
  2. SINDICATO DS CLÉRIGOS CATÓLICOS, vulgarmente conhecido como CNBB, tb está dando pitaco sobre queimadas. Deve achar que a Amazônia é o Jardim do Éden, portanto, está sob sua jurisdição. Bons tempos aqueles em que padres usavam vestido preto e rezavam, sem pontificar sobre assuntos terrenos.
  3. ANDRÉ ESTEVES, o “banqueiro do Pt”, e Graça Foster, presidente da Petrobras no Governo Dilma, são alvos de buscas na 64ª fase da Lavajato. Site da revista Veja, atualmente nas mãos do banqueiro, ainda não deu a notícia. Tá sabendo de nada, a inocente.
  4. EXPERT. Quem sabe faz, quem faz explica. Marina Silva, Ministra do Desmatamento no Governo Lula, deitou falação sobre a Amazônia. Nos tempos dela, o fumacê era maior do que hoje, daí tanta expertise no tema.
  5. CRISTIANO RONALDO criticou o desmatamento da Amazônia. Mas que moral tem um gajo que desmatou o próprio peito pra comentar a depilação das florestas brasileiras?
  6. ACHISMOS. Globo acha que foi o Bolso quem incendiou a Amazônia. Eu acho que foi o Soros, com as mãos sujas de seus ongueiros, aquela tchurma que perdeu boquinhas no governo, mas continua dona de corações e mentes na
  7. TIMES DOS PRESIDENTES: Bolso é Palmeiras em Sampa e Botafogo na Amazônia. Lula odeia a Croácia, por conta da camisa xadrez, mas ama o Corinthians e é obrigado a suportar o Curitiba (com u mesmo). Dilma torce pra um mediano de Beagá e pro Velo Clube, campeão de pedaladas.
  8. MACRON não dá conta de governar a França e quer se meter a dar instruções aos Estados Unidos, Reino Unido e Brasil. Soltem os Coletes Amarelos nesse rascunho de Napoleão!
  9. NASA: incêndios na Amazônia estão próximos da média dos últimos 15 anos. Quem vai mandar a conta pro Lula e pra Dilma? Ongueiros do Soros é que não…
  10. AÉCIO 7×1 DORIA: governador de São Paulo ainda aprendeu a jogar. Tem que treinar mais. Muito mais.
  11. BOLSO vai acabar no PT, se continuar fritando Moro e afagando Toffoli. Ele tem de ser lembrado que 57 milhões de brasileiros não o elegeram pra jogar sujeira debaixo do tapete.
  12. AS COISAS têm caráter, acreditem. Minha balança, companheira fiel e compreensiva por mais de dez anos, morreu. Comprei outra. Safada, mentirosa, maldosa, todo dia ela me conta uma mentira um pouco maior maior do que a do dia anterior.

Se estava faltando assunto pra resenha no boteco ou na casa do cunhado, já não está mais.

O torcedor meia-boca

sexta-feira, 23 de agosto de 2019

HOJE EM DIA informa: Cruzeiro tomou prejuízo em 5 dos 7 jogos, que disputou no Mineirão pelo Brasileiro.

Franga teve lucro no Independência, mas foi uma merreca comparado com os ganhos dos demais ponteiros do campeonato.

O torcedor de Beagá é um torcedor meia-boca. Pra ir ao estádio, tem uma lista de imposíções:

  1. Ingresso a dez merréis;
  2. Time na bica de campeonar;
  3. Adversário argentino;
  4. Tempo seco;
  5. Nem frio, nem quente;
  6. Escalação sem o jogador que odeia;
  7. Escalação com o jogador que ama;
  8. Sistema de jogo faceirinho;
  9. Convocação da “rádia”;
  10. Horário não coincidir com Faustão, nem com a novela.

Se tudo isto acontecer ao mesmo tempo, ele vai. Mas não vai mais do que uma vez por mês.

Os Intocáveis II

quinta-feira, 22 de agosto de 2019

Estes presidentes fizeram mais do que torcer e dirigir o clube. Eles construíram o Cruzeiro:

Aurélio Noce, Alberto Noce, Américo Gasparini, Antonio Falci, Mario Grosso, Manuel de Carvalho, Antonino Pontes, Felicio Brandi, Carmine Furletti, Benito Masci, Cesar Masci, Zezé Perrella, Alvimar Oliveira Costa. 

Falar mal deles, aqui no PHD, é comprar briga com o blogueiro que os tem em alta conta.

Os Intocáveis I

quinta-feira, 22 de agosto de 2019

Estes caras encheram as parteiras do Cruzeiro de canecos. São intocáveis:

Matturi Fabbi, Bengala, Niginho, Ayrton Moreira, Orlando Fantoni, Zezé Moreira, João Francisco, Ênio Andrade, Paulo Autuori, Vanderlei Luxemburgo, Adílson Batista, Marcelo Oliveira, Mano Menezes.

Se V. Sa. pretende falar mal deles, aqui no PHD, trate de arranjar argumentos irrefutáveis –se é que isto é possível– ou vai pagar caro pela insolência.

Um novo estilo de jogo

sexta-feira, 16 de agosto de 2019

ROGÉRIO CENI já começou a implantar um novo estilo de jogo. Com ele, o time celeste vai sair jogando mais rapidamente e com menos ligações diretas. Vai pressionar a saída de bola e tentar chegar mais rapidamente à área adversária. 

Ficam algumas questões: 1. Quanto tempo o time precisará para se adaptar à nova forma de jogar? 2. Haverá necessidade de se trocar peças? 3. Quais? 4. A defesa celeste vai suportar a onda de contra-ataques quando a marcação alta falhar? 

E o mais importante: o torcedor será parceiro ou vai jogar contra, se o time demorar a engrenar?

O cartola, o comentarista e o avaliador

sexta-feira, 16 de agosto de 2019

DIRETORIA DO CRUZEIRO consultou o elenco sobre quem deveria ser o novo técnico do time, antes de fechar contrato com Rogério Ceni. Os atletas aprovaram o nome do ex-goleiro.

Muricy Ramalho achou estranha a consulta. Avalia que a diretoria revelou falta de convicção. E os jogadores, que não estão isentos de culpa pelo mau momento do time, não tinham o direito de dar palpite na escolha. 

Quem está com a razão? Se o time se recuperar, os cartolas. Se afundar ainda mais, o comentarista. No futebol, só o resultado interessa. O torcedor, que é avaliador, tem raciocínio binário. 

Alô, Ceni!

quinta-feira, 15 de agosto de 2019

ALÔ, CENI!, aqui vão algumas dicas:

  1. Ederson pode ser o Peledenílson que o Tostão tanto pede. Teste-o. 
  2. Não escute o torcedor. Edílson é o únvio lateral0direito do elenco que sabe marcar, cruzar e chutar. Só precisa levar uma enquadrada pra perder a mania de ser desleal. “Carque os ferro” nele, mas o ponha pra jogar. 
  3. Mande o torcedor pastar pela perseguição ao Egídio, o melhor da posição no elenco. Ele é um dos poucos que conseguem correr 100 minutos. E o único que apoia, sem medo, o ataque e que sabe cruzar. 
  4. Maurício deve ser aproveitado pelo lado direito do ataque, com incumbência de atacar e recompor.  Pra armar pelo meio, prefira o Robinho. 
  5. Qualquer um dos centroavantes serve. Mas se a bola não chegar, nenhum escapará da ira dos termocéfalos. 
  6. Fábio é o melhor goleiro do Brasil. Melhor até do que vc foi. Mas o Rafael precisa e merece jogar mais vezes. 
  7. David precisa de apoio. Rocha, de autorização pra embucetar defesa adentro. Amime-os.
  8. Cabral é lento, mas a bola passada por ele é veloz. Não se deixe guiar pra falta de percepção do torcedor cegueta. 
  9. Neves só deve ser escalado, se estiver voando de perfeita saúde. 
  10. Fábio, Dedé, Leo e Henrique são os pilares do time. Chova o faça sol, são eles que seguram a onda. 

Começou a Era Ceni

terça-feira, 13 de agosto de 2019

ROGÉRIO CENI tomou posse, deu entrevista, foi fotografado, desentocou Pires de Sá e já começou a treinar o elenco celeste.

Ele quer um time rápido, não vê problemas em ter jogadores com mais de 30 anos e nem com menos de 20. Importante, pra ele, é a entrega de cada um e a capacidade de assimilar sua proposta de jogo.

Fez também sua média dizendo que é um presente estar no clube e que já sofreu muito jogando contra o Cruzeiro. Declarações de praxe. Agora é trabalhar e, principalmente somar pontos. De preferência, de 3 em 3.

Os dezoito jogos malditos

sábado, 10 de agosto de 2019

“UMA VITÓRIA EM 18 JOGOS!” bradam os apopléticos termocéfalos. É uma sequência ruim, mesmo. Mas não foi construída somente com péssimas apresentações, nem com o mesmo time.

Teve de tudo: prejuízo causado por más arbitragens, grandes exibições dos adversários, time recheado de estagiários etc. Como teve também jogos de péssima qualidade do time celeste. Enfim, a terra jamais foi plana nesses dezoito jogos.

  • 1×2 Emelec. Cruzeiro foi muito prejudicado pela arbitragem.
  • 1×3 Inter. Cruzeiro jogou um tempo bom, outro péssimo.
  • 1×1 Fluminense. Cruzeiro abriu vantagem, segurou o resultado, mas levou um gol irregular aos 95.
  • 1×4 Fluminense. Cruzeiro jogou mal e voltou a levar gol aos 95.
  • 1×2 Chapecoense. Cruzeiro jogou melhor que o adversário, mas perdeu.
  • 1×1 São Paulo. Cruzeiro jogou bem, mas o goleiro Volpi fehou o gol tricolor.
  • 2×2 Fluminense. Cruzeiro jogou bem, levou outro gol aos 95, mas venceu nos pênaltis.
  • 0x0 Corinthians. Cruzeiro jogou bem, mas o goleiro Walter fez milagres e salvou seu time.
  • 1×2 Fortaleza. Cruzeiro disputou uma péssima partida.
  • 3×0 Mineiro. Show de bola contra as frangas.
  • 0x0 Botafogo. Cruzeiro dominou, mas falhou nas conclusões.
  • 0x2 Mineiro. Cruzeiro fez uma partida conservadora, pra manter a vantagem e foi garfado.
  • 0x0 Bahia. Time de garotos disputou bela partida e criou mais chances do que o tricolor. 
  • 0x0 River. Cruzeiro fez um jogo estratégico e, por pouco não arranca uma vitória.
  • 0x2 Paranaense. Cruzeiro voltou a jogar com os garotos, mas desta vez muito mal.
  • 0/2×0/4 River. Cruzeiro criou mais chances de gol, foi pros pênaltis e perdeu.
  • 0x2 Mineiro. Cruzeiro teve mais posse, mas foi pouco criativo e tomou dois gols, um em cada acréscimo de tempo.
  • 0x1 Internacional. Cruzeiro dominou, mas não soube furar o bloqueio defensivo e acabou tomando um gol.

Os terraplanistas do futebol viram apenas péssimas exibições do time celeste. Alguns por burrice, outros por má fé. Há também o caso dos que nem viram todos os jogos, mas destamparam falatório cheio de lugares comuns e frases feitas.

That’s football.

Concurso: O Gol dos Sonhos

segunda-feira, 5 de agosto de 2019

PHD vai premiar com um livro o comentarista que acertar mais detalhes sobre o gol que está por vir.

Eis as questões (cada acerto vale um ponto): 

  1. Quem  marcará o próximo gol do Cruzeiro?
  2. Que time sofrerá esse gol?
  3. O gol sairá no primeiro ou no segundo tempo?
  4. O autor do gol vai tirar a camisa na comemoração? 
  5. O Cruzeiro vencerá, perderá ou empatará o jogo do sonhado gol?

Só valem respostas na área de comentários. Não serão computadas apostas feitas por e-mail ou redes sociais.