Arquivo da Categoria ‘Comentários’

Heroísmo burro

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

Na derrota de 3×0 do Cruzeiro para o Corintiãs no Itaquera, Mayke correu alucinadamente pra evitar um lateral, mas escorregou e entregou a bola pro adversário, que aproveitou o presente pra fazer um gol.

Mayke só fez a burrada porque a torcida se encanta com esse tipo de heroismo idiota. Jogador que raspa a bunda no relvado é mais valorizado do que o cara que joga com a postura do extinto Homo Erectus ou até do atual Homo Sapiens.

Pois bem, assistindo a um jogo do Campeonato Paulista, agora há pouco, vi a cena se repetir várias vezes. E sempre com desvantagem para o herói da galera.

Quando é que torcedor e jogador vão entender que lateral não é pênalti? Deixa a bola sair e marca na cobrança, pô! Brasileiro tem uma dificuldade impressionante de assimilar ideias simples como esta.

Volantes hispanoparlantes

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Cruzeiro contratou mais dois volantes. Pra euforia da torcida, ambos falam espanhol.

Pra sossego do diretor financeiro, eles custaram uma bagatela.

  1. Federico GINO Acevedo Fagúndez, 22, nascido em Melo (26fev93), Uruguai, com nacionalidades uruguaia, brasileira e italiana, volante, 1m73, 74 kg, revelado pelo Defensor, pelo qual jogou entre 2013/15. Esteve também no Carpi, da Itália em 2015/16. Tem um gol anotado na carreira.
  2. Lucas ROMERO, 21, de Loma Hermosa, Grande Buenos Aires (18abr94), volante, 1m67, revelado pelo Vélez Sarsfield, pelo qual se profissionalizou em 2012. Ao todo, disputou 110 jogos e marcou 3 gols.

Para os etiquetistas, que exigiam Elias, Paulinho ou Jucilei, uma banana.

Enfim, as causas…

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Os debates mais recentes (e outros nem tanto) aqui no PHD me dão a certeza de que o Brasil poderia ter enfiado 7×1 na Alemanha se:

  • A Globo não tivesse o contrato do Brasileiro;
  • O BMG não tivesse patrocinado o Cruzeiro;
  • A Nike não tivesse contrato com a CBF;
  • O Clube dos 13 não tivesse implodido;
  • Não houvesse complô na CBF pra ajudar urubus e gambás.

Mas como tudo isto aconteceu ou acontece, os alemães, se aproveitaram pra meter aquela goleada no time de Jô e Bernard.

A Regra (e o horário) do Jogo

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Deu na VEJA:

Com ritmo mais acelerado e uma série de revelações nos últimos capítulos, A REGRA DO JOGO parece realmente ter caído no gosto do público. A cerca de dois meses do fim, a novela das nove da Globo cravou ontem novo recorde de audiência, com 35 pontos em São Paulo, equivalentes a 53% dos televisores ligados, e de 40 pontos no Rio (58% de participação). A trama das sete, TOTALMENTE DEMAIS também teve seu melhor dia entre os cariocas: marcou 33 pontos de audiência, com 53% de share.

Algum jogo de futebol dá isto? Não? Então, parem e reclamar de futebol às 22h.

Aprendam, de uma vez por todas: quem manda é o consumidor, não o fanático por futebol.

Duvidam?

Então, encontrem uma TV disposta a passar futebol diariamente às 21h pra ver que fim ela terá.

Tá valendo!

quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Podia. Deixou de poder. Voltou a poder. E o Kaiu, que decretou a falência da Primeira Liga, vai dizer o quê?

Curiosidade: terá sido o presidente interino, que se inteirou do assunto, a Globo, que pagou pra televisionar, ou o Ministro dos Esportes, George Hilton quem mandou a CBF enfiar a viola no saco?

Outra: o que vai fazer o patético presidente da Ferj, depois dessas? Rasgar com a unha, só pode.

Posto isto, continuo contra ligas organizando torneios. Melhor deixar com a CBF, que tem know how e representa todo mundo.

E agora, Gilvan?

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Dr. Eduardo Arreguy Campos informa e pede respostas:  

A CBF proíbiu a realização da SulMinasRio. Só dois jogos poderão ser realizados até 31Jan. E como amistosos.

E agora? Quais os próximos passos? Gilvan terá peito para trombar com a CBF? Esta decisão tem o dedo do Kaiu? A liga para ou continua?

Tcham, tcham, tcham, tchaaam…

Absorto em minhas preocupações com o jogo contra a URT, não consigo responder às perguntas do nosso causídico.

Mas vc, estrategista leitor, saberá nos dizer quais os passos mais adequados que a Liga deve trilhar.

GPT, finalmente, falou

domingo, 17 de janeiro de 2016

Gilvan de Pinho Tavares, finalmente, falou sobre o episódio Benecy.

Benecy foi afastado por prazo indefinido. Ele está com problema de saúde. Não foi uma decisão tomada somente pelo presidente do Cruzeiro. Nos reunimos com a diretoria e a melhor solução foi essa. Foi demorado porque apuramos a vida toda dele e dos jogos. A realidade é aquela que ele contou pra imprensa: inventou um caso e misturou épocas. Criou um caso sem pé nem cabeça. Eu só tomei conhecimento de que isso existe com o caso do ex-árbitro Edílson Pereira de Carvalho, que foi eliminado do futebol. Nunca soube de outro fato assim. A questão de saúde é primordial, ele está precisando se tratar. Não temos queixa dele, o fato foi lamentável. Pode ser que alguma coisa o tenha afetado. Mas nem de brincadeira se pode fazer isso com o Cruzeiro. Fizemos um levantamento de anos passados. Levantamos todas as participações em todas as competições e nunca houve esse episódio. Agora estão inventando coisas em torno de fatos que podem denegrir a imagem do clube. A gente sabe que erros existiram. Vocês lembram que marcaram pênalti do Gil no Ronaldo, que não existiu como mostram os vídeos. Já fomos prejudicados, como aconteceu na final do Brasileiro de 1974, pelo Armando Marques. Mas a gente não pode dizer que alguém comprou ou se vendeu. Quanto ao Benecy, estamos aguardando. Não vamos tomar decisão precipitada, vamos aguardar. Ele pediu desculpas, está arrasado. O filho dele acha que o pai pode sofrer algo pior se for afastado da vida do Cruzeiro. A decisão definitiva será tomada em conjunto com o Conselho Deliberativo.  

Satisfeito, caro leitor?

Carnaval das frangas

quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

Será que vou ter de encarar sozinho as hordas de frangas da internet?

Vcs vão ficar aí pelos cantos se lamuriando por conta do Caso BeneXis 9, sem reagir às sacanagens que estão fazendo contra o Cruzeiro?

O debate na página do Orlando Augusto, no Facebook, está animado. Apareçam por lá e entrem na batalha.

Luiz Carlos Alves, Chicumaia, Ruy Guimarães e frangas de menor expressão estão tirando lascas do Cruzeiro. Sentados em cima do rabo sujo da Franga, vão fazendo seu carnaval em serem incomodados.

Reajam, pô! Material pra desmascarar essas hipócritas é o que não falta.

Por que Jean ama Sampa

quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

Por módicos R$450 mil mensais, o Palmeiras contratou Jean. O contrato é de quatro anos, para um jogador de 29 anos. Nesse período, o clube vai desembolsar nada menos que R$21,6 milhões com o volante. (Chaves)

Imagine se entre 2009 e 2012, o Celso Barros da Unimed carioca contrata-se o Mattos para trabalhar no Flu? (7LRJ)

Matos livrou o Cruzeiro de Cleiton Xavier, que vai embolsar R$23 milhões e agora do Jean que vai custar R$21,6 milhões. (Sérgio)

Está claro que o Jean estava usando o Cruzeiro pra negociar com o Palmeiras, que assim como AtléticoMG e Flu vivem às custas de torcedores milionários. Não fosse isto, já estariam extintos. (Zoolubas)

Benecy se explicou

quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Constrangido, o ex-supervisor de futebol do Cruzeiro, BENECY QUEIROZ, leu nota na Toca II se justificando e pedindo desculpas pelo causo que contou ao repórter Orlando Augusto da Rede Minas.

O presidente GPT continua calado. O desfecho foi determinado por conselheiros, que se reuniram, ontem, no Barro Preto. Benecy está fora do Cruzeiro.

A história contada por Bené foi uma sandice, mas o silêncio do presidente é injustificável. Preocupante. Colocar uma amizade, ainda que antiga, à frente dos interesses do clube é inadmissível.

Está na hora de modernizar a gestão do Cruzeiro. Chega de gerontocracia!